Página 12 dos resultados de 2933 itens digitais encontrados em 0.074 segundos
Resultados filtrados por Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina

‣ Estresse em mulheres com diabetes mellitus tipo 2

Lessmann, Juliana Cristina
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 109 f.| il., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
37.42604%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, Florianópolis, 2009; O Diabetes mellitus Tipo 2 (DM2), caracterizado pela resistência a insulina, possui evolução lenta, sendo que muitas mulheres vivenciam o processo de envelhecer concomitante a descoberta desta doença crônica, implicando na mudança de hábitos de vida, saúde e manejo de situações geradoras de estresse e sofrimento. Objetivos: Identificar a relação entre o estresse e o DM2 em mulheres e conhecer o perfil das mulheres com DM2 residentes em Florianópolis/SC com ênfase em fatores sócio-demográficos, biométricos e de saúde. Método: Estudo transversal prospectivo, desenvolvido na cidade de Florianópolis/SC, em quatro Centros de Saúde, com amostra estratificada aleatória simples (IC 95%), no qual participaram 147 mulheres com DM2. Para a coleta de dados buscamos informações sócio-demográficas, biométricas, de hábitos de vida e saúde, e utilizamos a escala de estresse percebido desenvolvida por Cohen, Kamark e Mermelstein (1983), traduzida e validada por Luft et al (2007). Utilizado o sistema computacional on-line SEstatNet®, realizamos análise estatística descritiva...

‣ Representações sociais do diabetes e do cuido de mulheres na gestação

Dias, Heloisa Helena Zimmer Ribas
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 259 p.| il.
Português
Relevância na Pesquisa
37.446885%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, Florianópolis, 2015.; Estudo exploratório-descritivo, com abordagem qualitativa, com o objetivo de conhecer as representações sociais do diabetes para mulheres que o vivenciam na gestação e suas contribuições para o cuidado em Enfermagem e Saúde. A fundamentação teórica baseia-se na Teoria das Representações Sociais na perspectiva de Moscovici. Foi desenvolvido com 30 gestantes, sendo 18 diagnosticadas com diabetes gestacional e 12 com diabetes pré-existente à gestação. Os dados foram coletados em uma maternidade pública de referência terciária para atenção obstétrica no Sul do Brasil, no período de março a setembro de 2014, com utilização de técnica de entrevista semiestruturada em profundidade, gravadas em mídia digital e transcritas. Como procedimento analítico, adotou-se a análise de conteúdo de Bardin, compreendendo as seguintes etapas: pré-análise, exploração do material ou codificação, tratamento dos resultados obtidos e interpretação. O projeto de pesquisa foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa com Seres Humanos da Universidade Federal de Santa Catarina (Parecer nº 550.604) e da instituição onde o estudo foi realizado (Parecer nº 605.218-0). A tese resultou em três manuscritos. O primeiro constituiu-se numa revisão integrativa de literatura que objetivou identificar contribuição de pesquisas em âmbito nacional e internacional sobre representações sociais do diabetes de mulheres que o vivenciam a gestação...