Página 13 dos resultados de 398547 itens digitais encontrados em 0.079 segundos

‣ Análise da expressão de moléculas de adesão no tumor primário e em metástases ósseas e linfonodais de pacientes com câncer de próstata; Adhesion molecules in localized prostate cancer and in bone and lymph node metastases

Pontes Junior, José
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/02/2010 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Objetivo: As moléculas de adesão celular (MAC) são essenciais para a manutenção do fenótipo epitelial. Alguns estudos têm relatado associação entre as alterações de sua expressão e a carcinogênese, mas o seu papel no câncer de próstata não é claro. Nosso objetivo foi estudar o perfil de expressão de E-caderina, cateninas e integrinas em espécimes cirúrgicos de câncer de próstata e associar as suas expressões com a evolução do tumor. Avaliamos também o perfil de expressão em metástases ósseas e linfonodais, a fim de compreender a influência destes marcadores na progressão do câncer de próstata. Materiais e Métodos: Foram selecionados 111 pacientes com câncer de próstata localizado tratados com prostatectomia radical pelo mesmo cirurgião. Sessenta pacientes não apresentaram recidiva tumoral após acompanhamento médio de 123 meses. A expressão das MAC foi avaliada por imuno-histoquímica (IH) em microarranjo tecidual (TMA), contendo duas amostras de cada tumor. Empregamos análise semiquantitativa para avaliação da expressão e determinamos a associação entre a expressão de cada MAC com a recorrência do tumor após a cirurgia. Avaliamos também a expressão das MAC por IH em TMA contendo espécimes de 28 metástases ósseas e em outro TMA contendo 19 metástases linfonodais com seus 19 tumores primários correspondentes. Resultados: Nos tumores primários a análise multivariada mostrou que a expressão das integrinas 3 e 3 1 relaciona-se com recidiva da doença. Quando a expressão de 3 foi forte e a expressão de 3 1 foi positiva...

‣ Coping religioso-espiritual e suporte social em pacientes com câncer de mama e ginecológico; Religious coping and social support in patients with breast and gynecologic cancer

Marucci, Flávia Andressa Farnocchi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/12/2012 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Câncer de mama e ginecológico tem alta incidência entre as mulheres brasileiras e seu diagnóstico produz diversas reações emocionais, como ansiedade, depressão e redução da qualidade de vida. Coping é definido como o conjunto de estratégias, cognitivas e comportamentais, utilizadas para lidar com situações estressoras. Quando são utilizadas estratégias relacionadas à religião para lidar com o estresse, ocorre o chamado coping religioso-espiritual. O objetivo deste trabalho foi avaliar o coping religioso-espiritual de mulheres com câncer e verificar a relação deste fator com a presença de sintomas psicológicos, com a percepção de suporte social e com a qualidade de vida. Após a aprovação pelo comitê de ética, 120 mulheres diagnosticadas com câncer de mama ou ginecológico, em atendimento em um hospital universitário, foram avaliadas quanto ao uso do coping religioso-espiritual (Escala CRE), à percepção de suporte social (Escala de Suporte Social - MOS), à presença de sintomas de ansiedade e depressão (HAD) e à qualidade de vida (WHOQol-Bref). Uma entrevista semi-estruturada foi aplicada para levantar informações sociodemográficas, aspectos clínicos e prática religiosa. Os resultados foram submetidos a testes estatísticos para verificar a existência de relações entre as variáveis. A média de idade da amostra foi de 52...

‣ Investigação das quinases Aurora A e Aurora B como potenciais alvos terapêuticos no câncer de pulmão induzido pelo oncogene KRAS; Investigation of Aurora A and Aurora B kinases as potential targets in KRAS-induced lung cancer

Santos, Edmilson Ozorio dos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/11/2013 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
As alterações genéticas mais frequentes em tumores de pulmão são mutações pontuais que ativam o oncogene KRAS. Apesar destas mutações estarem ligadas à oncogênese de forma causal, diferentes abordagens para inibir as proteínas RAS diretamente fracassaram na clínica. Portanto, para que melhores alvos terapêuticos para o câncer de pulmão se tornem disponíveis, será necessário identificar as vias sinalizadoras ativadas pela proteína KRAS, que são críticas para a oncogênese. O objetivo deste projeto foi identificar novos alvos terapêuticos na oncogênese pulmonar induzida pela KRAS. Este projeto se baseou na seguinte hipótese: (1) a KRAS oncogênica leva à ativação das quinases mitóticas Aurora A e/ou B e (2) que as quinases Aurora A e/ou B são alvos terapêuticos relevantes no câncer de pulmão induzido pelo oncogene KRAS. Esta hipótese foi formulada com base em estudos anteriores mostrando que a quinase Aurora A fosforila diretamente componentes das vias efetoras de RAS, e que a Aurora A e Aurora B cooperam com a RAS oncogênica na transformação maligna. Para testar esta hipótese, nós inicialmente determinamos se a forma oncogênica da KRAS induz a expressão das quinases Aurora A e B. Para tanto, nós usamos 3 modelos celulares: (1) uma linhagem primária epitelial pulmonar imortalizada e seu par isogênico transformado pela KRAS oncogênica; (2) células tumorais pulmonares H1703 manipuladas geneticamente para expressar a forma oncogênica da KRAS de forma induzível; e (3) células de adenocarcinoma pulmonar portadoras de mutações oncogênicas em KRAS H358 e A549 manipuladas geneticamente para expressar short hairpin RNAs (shRNAs) para KRAS de forma induzível. Em todos os casos...

‣ Aspectos vocais e de qualidade de vida relacionados ao tratamento de câncer de cabeça e pescoço; Vocal and life quality aspects related to the treatment of head and neck cancer

Ribeiro, Daniene Tesoni Cassavara
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/02/2015 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Introdução: pacientes em tratamento de câncer de cabeça e pescoço podem apresentar alterações vocais decorrentes do tratamento oncológico de radioterapia, quimioterapia e/ou cirurgia. Essas alterações, que podem causar impacto na qualidade de vida, podem estar presentes mesmo que a laringe não seja acometida pelo tumor nem esteja no campo de radiação. Objetivo: avaliar os aspectos vocais e de qualidade de vida relacionados ao tratamento de câncer de cabeça e pescoço não glótico. Método: nos momentos pré e pós-tratamento oncológico, foram avaliados os aspectos vocais de 17 pacientes em tratamento de câncer com localização em cavidade oral, orofaringe, hipofaringe e supraglote por meio de análise perceptivo-auditiva, análise acústica e autoavaliação com questionários de qualidade de vida (UW-QOL e QVV) e de sintomas vocais e sensações na garganta (CPV). Os pacientes foram divididos em dois grupos para análise: submetidos à radioterapia associada à quimioterapia e submetidos à cirurgia e/ou quimioterapia. Resultados: na comparação pré e pós-tratamento, observou-se: pior impacto de qualidade de vida para os domínios de recreação, paladar, saliva e cálculo total após radioterapia; pior impacto de qualidade de vida para o domínio de mastigação após cirurgia e para o domínio dor antes deste tratamento; diminuição da média da frequência fundamental na emissão grave após a radioterapia; aumento dos valores de porcentagem dos parâmetros de perturbação de frequência após a cirurgia. Na comparação entre os grupos foi observado piora para o grupo que realizou radioterapia quanto ao impacto de qualidade de vida nos domínios de atividade...

‣ Qualidade de vida relacionada à saúde e tempo de sobrevida ajustado para a qualidade de vida em pacientes com câncer internados em unidades de terapia intensiva; Quality of life related to health and quality-adjusted life years in patients with cancer admitted to intensive care units

Silva, Karina Normilio da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/04/2015 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Introdução: Há poucos estudos avaliando qualidade de vida relacionada à saúde (QVRS) e anos de vida ajustados para qualidade de vida (QALY) em pacientes com câncer que necessitam internação em unidades de terapia intensiva. O objetivo deste estudo foi avaliar sobrevida, QVRS e QALY durante o seguimento a longo prazo de pacientes com câncer internados em UTI. Métodos: Realizamos uma coorte prospectiva de pacientes com câncer admitidos em duas UTIs do estado de São Paulo. Coletamos dados na admissão da UTI, incluindo QVRS antes da doença aguda que motivou internação em UTI e no seguimento em 15 dias, 3 meses, 6 meses, 12 meses e 18 meses para avaliar a QVRS e status vital. Adicionalmente, o status vital foi avaliado em 24 meses. QVRS foi determinada com o questionário EQ-5D-3L. A sobrevida foi calculada com o estimador de Kaplan-Meier e o QALY com uma adaptação do estimador Zhao e Tsiatis. Resultados: Foram incluídos 792 pacientes. A média de idade foi 61,6±14,3 anos, 42,5% dos pacientes eram do sexo feminino e metade foi admitida após cirurgia eletiva. A média do escore SAPS3 foi 47,4±15.6. A probabilidade de sobreviver 12 e 18 meses foi 42.4% e 38.1%, respectivamente. A média do índice de utilidade da QVRS antes da internação na UTI foi 0...

‣ As praticas preventivas para o cancer de mama e do colo do utero pelas mulheres de 40 anos ou mais de idade no municipio de Campinas, SP; Preventive practices for cervical and breast cancer for women 40 years old and over in the city of Campinas, SP

Vivian Mae Schmidt Lima Amorim
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em //2005 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Justificativa: O câncer de mama e do colo de útero são neoplasias com altas taxas de incidência e mortalidade no Brasil e que dispõem de métodos eficazes de rastreamento para detecção precoce, oferecidos pelo Sistema Único de Saúde. Existe a necessidade de se identificar os subgrupos de mulheres que não realizam as práticas preventivas para esses agravos, como forma de se desenvolver estratégias, nas três esferas de governo, que venham minimizar as desigualdades ainda existentes em relação ao acesso aos serviços de saúde, a oferta de cuidados básicos, ao diagnóstico, tratamento e reabilitação nas questões relativas à saúde da mulher. Objetivos: Analisar as práticas de detecção precoce para o câncer de mama e do colo uterino, segundo características sociodemográficas, morbidade e comportamentos relacionados à saúde. Material e Métodos: Estudo do tipo transversal, de base populacional, tendo como população de estudo todos os indivíduos do sexo feminino com idade igual ou superior a 40 anos, não institucionalizados, residentes na área urbana de Campinas. Para a obtenção da amostra, os setores censitários do município de Campinas, foram agrupados em três estratos, segundo o percentual de chefes de família com nível universitário. Foram sorteados 10 setores censitários de cada estrato...

‣ Isolamento, identificação e testes anti-cancer de vitanolideos das folhas de Acnistus arborescens

Sandro Minguzzi
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 01/05/2002 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Este trabalho permitiu o isolamento e identificação de cinco vitanolídeos das folhas de Acnistus arborescens (L.) Schlecht, o vitanolídeo 1 (conhecido) e os inéditos 2, 3, 4 e 5. As substâncias isoladas apresentaram atividade citotóxica em câncer, e foram identificadas através de estudos de IV, RMN 1D e 2D, e Espectrometria de Massas. Estudos de de-replicação permitiram avaliar a atividade anti-câncer. O extrato etéreo das folhas de A. arborescens e vitanolídeos purificados (1, 2, 3, 4 e 5) foram avaliados em: câncer de mama, câncer de pulmão, câncer de cólon, câncer de próstata e carcinoma oral epidermóide (Tabela 14). Outra parte do trabalho foi a obtenção de seis derivados sintéticos dos vitanolídeos 1 e 2 (Quadro 1), permitindo testar os mesmos nos sistemas de células cancerosas já referidos. Estes estudos mostraram. que a substância natural com maior atividade é 1, em câncer de cólon (ED50= 0,03 mg/mL). A alteração mais significativa na atividade biológica, com a mudança estrutural, ocorreu em 1b, onde houve um decréscimo na atividade biológica. Esta transformação mostrou que o sistema conjugado 2-en-1-ona é fundamental na atividade dos vitanolideos. O derivado 1d representou uma melhora de 2 vezes na atividade contra câncer de pulmão...

‣ Impacto do perfil alimentar e genotipico do sistema glutationa S-transferase na susceptibilidade ao cancer; Impact of diet and glutathione s-transferase system genotype in the susceptibility to cancer

Aline Castaldi Sampaio
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/01/2007 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Idade, sexo, perfil alimentar e perfil de genes relacionados à interação com o meio ambiente são reconhecidos fatores de predisposição ao câncer. Assim, a dieta é considerada um fator importante em 20 a 50% de todos os casos de câncer, atuando ao lado de outros fatores como idade, predisposição genética, hábitos de vida, tabagismo, sedentarismo e agressores ambientais. Os genes da família da Glutationa S- Transferase constituem um dos mais primitivos mecanismos de defesa de todos os seres vivos contra as agressões ambientais, mas pouco se sabe acerca de sua interação com outros fatores de risco. O objetivo deste estudo foi correlacionar os polimorfismos dos genes GSTM1, GSTT1 e GSTP1, em pacientes com câncer de tireóide, ovário e próstata, com os hábitos alimentares da população de Campinas. A elevada miscigenação da população brasileira provê um modelo único para este tipo de estudo já que diminui o viés da etnicidade na distribuição de polimorfismos populacionais. Foram genotipados 883 indivíduos - controle e 395 pacientes com câncer de tireóide, próstata e ovário para GSTM1, GSTT1 e GSTP1. Os pacientes foram submetidos a um questionário de avaliação de seus hábitos alimentares, exercício físico...

‣ Analise do perfil genotipico do sistema glutationa S-transferase e citocromo P450 na avaliação de susceptibilidade ao cancer de prostata e de prognostico; Polymorphic inheritance of glutathione-S-transferase (GST) and the cytochrome P450 (CYP) genes, susceptibility to prostate cancer and prognostic

Mario Maciel de Lima Junior
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/01/2006 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
O câncer de próstata (CaP) é atualmente a neoplasia maligna mais prevalente no mundo, após os tumores de pele. A incidência dessa enfermidade tem crescido nas últimas décadas devido, principalmente; ao aumento da longevidade da população. Atualmente o CaP tem sido detectado em estágios menos avançados do que no passado. As melhorias dos métodos de diagnóstico contribuem para a detecção precoce dessa neoplasia. Os polimorfismos de genes que codificam enzimas envolvidas na metabolização de drogas e de xenobióticos, como as do sistema Glutationa S-transferase (GST) e Citocromo P450 (CYP), podem estar implicados no risco e prognóstico para neoplasias. Foram avaliados os genótipos de GSTT1, GSTM1, GSTP1, GSTO1 e CYP1A1 em 125 pacientes portadores de câncer de próstata e em 100 indivíduos com hiperplasia prostática benigna. Tempo e atividade ocupacional, tabagismo e outros dados relevantes da história natural da doença foram obtidas por meio de entrevistas. Não foram encontrados quaisquer associações entre os genótipos estudados e o risco de câncer de próstata, tanto avaliando os diferentes genótipos em separado como em combinações, através de análise de regressão logística uni ou multivariada. Não houve associação entre os genótipos estudados e fatores clínicos de risco para câncer de próstata ou quaisquer parâmetros de agressividade do tumor ao diagnóstico ou durante o seguimento. Nossos dados permitem concluir que os genótipos de GST e CYP1A1 não estão associados à susceptibilidade ao câncer de próstata ou à sua evolução na população brasileira estudada; Prostate cancer is currently the most common malignancy worldwide...

‣ Utilização de ferramentas nanotecnologicas para a indução de morte em celulas de cancer de prostata; Development of nanotechnology tools designed to induce death in prostate cancer cells

Marcelo Bispo de Jesus
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/02/2009 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Mesmo após mais de meio século de pesquisas e desenvolvimento em quimioterapia, o câncer ainda é uma das doenças mais difíceis de serem tratadas. Dentre os tipos de câncer, o de próstata aparece em destaque por ser a forma mais incidente entre os homens. O pequeno progresso alcançado até os dias de hoje no tratamento desta doença nos levou a pesquisar duas estratégias para intervir na multiplicação de células de câncer de próstata. Na primeira, um sistema de liberação de fármacos (drug delivery) baseado em ciclodextrinas e destinado a melhorar a biodisponibilidade da riboflavina (vitamina capaz de induz apoptose em células tumorais) foi preparado, caracterizado e testado. A segunda estratégia consistiu no desenvolvimento de um sistema de transferência de genes (gene delivery) baseado em nanopartículas lipídicas sólidas, para futura transferência de genes supressores de tumor e, portanto, indutores da morte das células de câncer prostático. Na primeira parte foi realizada a caracterização físico-química de complexos de riboflavina com beta (b-CD) e hidroxipropil beta (HP-b-CD) ciclodextrinas, seguida de avaliação da toxicidade em células de câncer de próstata. A associação da riboflavina com as ciclodextrinas aumenta a solubilidade desta vitamina e melhora sua eficiência contra células de câncer de próstata. Entretanto...

‣ Detecção molecular do DNA e RNAm do HPV e sua aplicabilidade na triagem do câncer cervical

Martins, Toni Ricardo
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 130 p.| il., grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Farmácia, Florianópolis, 2011; O câncer de colo uterino representa o segundo tipo de câncer mais comum entre as mulheres. As estimativas mundiais sobre incidência e mortalidade por este câncer são de 493.000 casos/ano e 288.000 óbitos/ano, sendo a incidência maior em países em desenvolvimento. No Brasil, para o ano de 2010, segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA) estimou-se 18.430 novos casos. O rastreamento do câncer cervical é baseado na citologia oncótica, entretanto este é um método subjetivo, com um grau variável de resultados falso-negativos e falso-positivos. Estudos epidemiológicos e experimentais demonstram importante associação entre o Papiloma Vírus Humano (HPV) e o câncer de colo uterino, observando que este agente está presente em 99,7% dos casos. Este estudo detectou o DNA do HPV pela PCR (PCRHPV) utilizando os iniciadores consenso MY09/MY11 e nested PCR com os iniciadores GP5+/GP6+, a expressão de E6/E7 RNAm dos tipos de HPVs de alto risco 16, 18, 31, 33 e 45 pela metodologia NASBA (NucliSens ® HPV EasyQ 1.0-BioMérieux, France) e identificou os principais tipos virais: 6...

‣ O câncer de boca e de faringe no Brasil

Boing, Antonio Fernando
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 109 f.| grafs., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública.; Os cânceres de boca e de faringe configuram-se como importante problema de saúde pública no Brasil e no mundo. Além de apresentarem significativas taxas de incidência e de mortalidade, os custos de seus tratamentos oneram substancialmente o serviço público de saúde e as conseqüências destes agravos podem ser devastadoras para o paciente. O presente estudo investigou a tendência temporal da mortalidade por câncer de boca e de faringe no Brasil entre 1979 e 2002. Os dados sobre mortalidade foram obtidos junto ao Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM/MS) e discriminados por sexo, faixa etária, sítio anatômico e região de residência. Os dados populacionais são oriundos dos censos de 1980, 1991 e 2000, da contagem populacional de 1996 e de estimativas intercensitárias para os demais anos. As taxas de mortalidade foram padronizadas por sexo e faixa etária e as tendências de câncer de boca (CID9, 140.0-145.9; CID10, C00.0-C8.9) e câncer de faringe (CID9, 146.0-149.9; CID10 C09-C14.8) foram analisadas para cada sexo e região do Brasil. Procedeu-se também a análise segundo os sítios anatômicos específicos para o país como um todo. Durante o período analisado os óbitos por câncer de boca e faringe corresponderam...

‣ Efeitos metabólicos da suplementação dietética com Agaricus sylvaticus em pacientes com câncer colorretal em fase pós-operatória; Metabolic effects of dietary supplementation with Agaricus sylvaticus in patients with colorectal cancer in the post-surgery phase

Fortes, Renata Costa
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciências da Saúde, 2011.; O câncer colorretal é um dos mais comuns tipos de neoplasias malignas. Pacientes com câncer apresentam diversas anormalidades metabólicas e nos parâmetros bioquímicos e enzimáticos, com repercussões significativas sobre a qualidade de vida. Os fungos Agaricus sylvaticus têm sido utilizados como suplementos dietéticos devido às suas propriedades nutricionais, farmacológicas e organolépticas. O objetivo deste estudo foi avaliar os efeitos metabólicos da suplementação dietética com fungos Agaricus sylvaticus em pacientes com câncer colorretal em fase pós-operatória. Trata-se de um ensaio clínico randomizado, duplo-cego e placebo-controlado realizado em um hospital público do Distrito Federal - Brasil. A amostra foi constituída de 56 pacientes com câncer colorretal, de ambos os sexos, separados em dois grupos: suplementado com Agaricus sylvaticus (30mg/kg/dia) e placebo (amido). Foram realizadas três avaliações séricas de glicose; colesterol total; lipoproteína de alta densidade; lipoproteína de baixa densidade; lipoproteína de muito baixa densidade; triglicérides; ácido úrico; uréia; creatinina; fosfatase alcalina; bilirrubinas total...

‣ Nossa vida após o câncer de mama : percepções e repercussões sob o olhar do casal; Our life after breast cancer : perceptions and repercussions from the perspective of the couple; Nuestra vida después del cáncer de mama : percepciones y repercusiones desde la perspectiva de la pareja

Ferreira, Dayane de Barros; Farago, Priscila Moreira; Reis, Paula Elaine Diniz dos; Funghetto, Silvana Schwerz
Fonte: Associação Brasileira de Enfermagem Publicador: Associação Brasileira de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Trata-se de estudo qualitativo, realizado no Ambulatório de Mastologia de um hospital público do Distrito Federal, com o qual se objetivou conhecer as repercussões do câncer de mama na vida de casais, mulheres mastectomizadas e seus companheiros. A amostra foi constituída por três casais, três companheiros e cinco mulheres mastectomizadas. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas, das quais emergiram duas grandes categorias: Percepções acerca do câncer de mama e Repercussões na vida cotidiana. O diagnóstico de câncer é recebido de forma traumática, trazendo sentimentos de mutilação, dependência, preconceito e perda da feminilidade. Conclui-se que ocorrem mudanças significativas na vida do casal e que o apoio mútuo é necessário para um melhor enfrentamento da patologia, seguido pelo amparo familiar. ________________________________________________________________________________________ ABSTRACT; This is a qualitative study, conducted at a Clinic of Mastology of a public hospital of the Federal District, which aimed to know the impact of breast cancer in the lives of couples, women submitted to mastectomy and their partners. The sample consisted of three couples, five women submitted to mastectomy and three partners. Semi-structured interviews were conducted...

‣ Cancer trends and risk factors in Cyprus

Farazi, Paraskevi A.
Fonte: Cancer Intelligence Publicador: Cancer Intelligence
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 24/01/2014 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Cyprus, a European Union member state, is a small island in the Mediterranean with a population approaching 900,000 people. Cancer is the second leading cause of death; more therapeutic options for any patient with the disease are available in a central oncology centre in the capital of the island (Nicosia) and fewer therapeutic options (e.g. chemotherapy and hormone therapy only) in a few other public hospitals. Palliative care is offered in several hospices and hospitals, although the field needs improvement. With regards to screening, a national breast cancer screening programme has been in place countrywide since 2007 and is offered free of charge to women between the ages of 50 and 69 years, while colorectal and prostate cancer screening is performed on an individual basis (a pilot programme for colorectal cancer screening was recently initiated). Genetic testing is available for breast and colon cancer. To improve understanding of the causes of cancer in the country, a cancer research centre was established in 2010 (Mediterranean Centre for Cancer Research). Recent epidemiologic work has revealed increasing cancer trends in Cyprus; prostate cancer is the most common in men and breast cancer is the most common in women. Interestingly...

‣ Incidence and mortality of liver cancer in China, 2010

Wei, Kuang-Rong; Yu, Xia; Zheng, Rong-Shou; Peng, Xia-Biao; Zhang, Si-Wei; Ji, Ming-Fang; Liang, Zhi-Heng; Ou, Zhi-Xiong; Chen, Wan-Qing
Fonte: Sun Yat-sen University Cancer Center Publicador: Sun Yat-sen University Cancer Center
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /08/2014 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Liver cancer is a common malignant tumor in China and a major health concern. We aimed to estimate the liver cancer incidence and mortality in China in 2010 using liver cancer data from some Chinese cancer registries and provide reference for liver cancer prevention and treatment. We collected and evaluated the incidence and mortality data of liver cancer in 2010 from 145 cancer registries, which were included in the 2013 Chinese Cancer Registry Annual Report, calculated crude, standardized, and truncated incidences and mortalities, and estimated new liver cancer cases and deaths from liver cancer throughout China and in different regions in 2010 from Chinese practical population. The estimates of new liver cancer cases and deaths were 358,840 and 312,432, respectively, in China in 2010. The crude incidence, age-standardized rate by Chinese standard population (ASR China), and age-standardized rate by world standard population (ASR world) were 27.29/100,000, 21.35/100,000, and 20.87/100,000, respectively; the crude, ASR China, and ASR world mortalities were 23.76/100,000, 18.43/100,000, and 18.04/100,000, respectively. The incidence and mortality were the highest in western regions, higher in rural areas than in urban areas, and higher in males than in females. The age-specific incidence and mortality of liver cancer showed a rapid increase from age 30 and peaked at age 80-84 or 85+. Our results indicated that the 2010 incidence and mortality of liver cancer in China...

‣ Current state of prostate cancer treatment in Jamaica

Morrison, Belinda F; Aiken, William D; Mayhew, Richard
Fonte: Cancer Intelligence Publicador: Cancer Intelligence
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 28/08/2014 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Prostate cancer is the commonest cancer in Jamaica as well as the leading cause of cancer-related deaths. One report suggested that Jamaica has the highest incidence rate of prostate cancer in the world, with an age-standardised rate of 304/100,000 per year. The Caribbean region is reported to have the highest mortality rate of prostate cancer worldwide. Prostate cancer accounts for a large portion of the clinical practice for health-care practitioners in Jamaica. The Jamaica Urological Society is a professional body comprising 19 urologists in Jamaica who provide most of the care for men with prostate cancer in collaboration with medical oncologists, radiation oncologists, and a palliative care physician. The health-care system is structured in two tiers in Jamaica: public and private. The urologist-to-patient ratio is high, and this limits adequate urological care. Screening for prostate cancer is not a national policy in Jamaica. However, the Jamaica Urological Society and the Jamaica Cancer Society work synergistically to promote screening as well as to provide patient education for prostate cancer. Adequate treatment for localised prostate cancer is available in Jamaica in the forms of active surveillance, nerve-sparing radical retropubic prostatectomy...

‣ High frequency of lobular breast cancer in distant metastases to the orbit

Raap, Mieke; Antonopoulos, Wiebke; Dämmrich, Maximilian; Christgen, Henriette; Steinmann, Diana; Länger, Florian; Lehmann, Ulrich; Kreipe, Hans; Christgen, Matthias
Fonte: BlackWell Publishing Ltd Publicador: BlackWell Publishing Ltd
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Metastasis to the periocular soft tissue of the orbit is a rare manifestation of metastatic cancer. Infiltrating lobular breast cancer (ILBC) is a special breast cancer subtype, which accounts for 10–15% of all mammary carcinomas and for ∼1% of all malignancies. Here, we report on a high frequency of lobular breast cancer in patients with orbital metastases identified in an original series of metastatic tumor specimens and by a systematic literature review. A series of 14 orbital metastases was compiled from formalin-fixed paraffin-embedded archival tissues. All cases were subjected to histological re-review and detailed immunophenotypical characterization. In addition, we performed a meta-analysis of 68 previously published case reports describing orbital metastases, with special reference to breast cancer subtypes. Based on clinical history, histomorphology, immunophenotype, and/or comparison with matched primary tumors, orbital metastases were derived from breast cancer in 8/14 cases, seven of which were classified as metastatic lobular breast cancer. Other entities included non-small cell lung cancer (4/14), infiltrating ductal breast cancer (1/14), prostate cancer (1/14) and adenocarcinoma of the esophagus (1/14). In line with this original series of orbital metastases...

‣ Genetic Variability of the mTOR Pathway and Prostate Cancer Risk in the European Prospective Investigation on Cancer (EPIC)

Campa, Daniele; Stein, Angelika; Dostal, Lucie; Boeing, Heiner; Pischon, Tobias; Roswall, Nina; Overvad, Kim; Barricarte, Aurelio; Khaw, Kay-Tee; Wareham, Nicholas; Travis, Ruth C.; Allen, Naomi E.; Trichopoulou, Antonia; Palli, Domenico; Sieri, Sabina; T
Fonte: Public Library of Science Publicador: Public Library of Science
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
The mTOR (mammalian target of rapamycin) signal transduction pathway integrates various signals, regulating ribosome biogenesis and protein synthesis as a function of available energy and amino acids, and assuring an appropriate coupling of cellular proliferation with increases in cell size. In addition, recent evidence has pointed to an interplay between the mTOR and p53 pathways. We investigated the genetic variability of 67 key genes in the mTOR pathway and in genes of the p53 pathway which interact with mTOR. We tested the association of 1,084 tagging SNPs with prostate cancer risk in a study of 815 prostate cancer cases and 1,266 controls nested within the European Prospective Investigation into Cancer and Nutrition (EPIC). We chose the SNPs (n = 11) with the strongest association with risk (p<0.01) and sought to replicate their association in an additional series of 838 prostate cancer cases and 943 controls from EPIC. In the joint analysis of first and second phase two SNPs of the PRKCI gene showed an association with risk of prostate cancer ((OR_{allele}) = 0.85, 95% CI 0.78–0.94, p = 1.3×(10^{−3}) for rs546950 and ((OR_{allele}) = 0.84, 95% CI 0.76–0.93, p = 5.6×(10^{−4}) for rs4955720). We confirmed this in a meta-analysis using as replication set the data from the second phase of our study jointly with the first phase of the Cancer Genetic Markers of Susceptibility (CGEMS) project. In conclusion...

‣ The Crisis in the U.S. and International Cancer Policy

Epstein, Samuel; Ashford, Nicholas
Fonte: MIT - Massachusetts Institute of Technology Publicador: MIT - Massachusetts Institute of Technology
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
The incidence of cancer in the United States and other major industrialized nations has escalated to epidemic proportions over recent decades, and greater increases are expected. While smoking is the single largest cause of cancer, the incidence of childhood cancers and a wide range of predominantly nonsmoking- related cancers in men and women has increased greatly. This modern epidemic does not reflect lack of resources of the U.S. cancer establishment, the National Cancer Institute and American Cancer Society; the NCI budget has increased 20-fold since passage of the 1971 National Cancer Act, while funding for research and public information on primary prevention remains minimal. The cancer establishment bears major responsibility for the cancer epidemic, due to its overwhelming fixation on damage control—screening, diagnosis, treatment, and related molecular research— and indifference to preventing a wide range of avoidable causes of cancer, other than faulty lifestyle, particularly smoking. This mindset is based on a discredited 1981 report by a prominent pro-industry epidemiologist, guesstimating that environmental and occupational exposures were responsible for only 5 percent of cancer mortality, even though a prior chemical industry report admitted that 20 percent was occupational in origin. This report still dominates public policy...