Página 15 dos resultados de 741 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

‣ Risco de crédito ao consumidor : uma realidade do mercado brasileiro

Dayan, Carlos Moche
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
37.831729%
Trata da apresentção e crítica do sistema de crédito direto ao consumidor e crédito pessoal no Brasil e suas mudanças a partir do Plano Real. Apresentação de teorias complementares ao sistema, tendências, sugestões e observações

‣ A taxa de recuperação de créditos ruins em bancos comerciais privados brasileiros

Araújo, Evaristo Donato
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
37.831729%
A tese apresenta a taxa de recuperação de créditos inadimplidos como um fator importante constituinte da perda com créditos inadimplidos. Propõe um conceito de taxa de recuperação a ser aplicado a carteiras de empréstimos bancários. Apresenta os pressupostos de uma teoria para explicar como o nível de inadimplência, indicadores do nível de atividade econômica, juros, indicadores do mercado de capitais e o montante e a qualidade das carteiras de crédito podem influenciar os níveis da taxa de recuperação no conceito contábil. Apresenta modelos de estimação da taxa de recuperação no conceito contábil para os segmentos de bancos estudados.

‣ Um arcabouço computacional para estudo do setor bancário através de modelos baseados em agentes

Lima, Joaquim Ignacio Alves de Vasconcellos e
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
37.805752%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Economia, 2014.; Este trabalho descreve a concepção e a construção de um arcabouço computacional para estudo do setor bancário através de modelos baseados em agentes. A estrutura do arcabouço baseia-se em uma versão iterada do modelo Diamond-Dybvig, com um número arbitrário de agentes de diferentes tipos, como instituições financeiras, firmas, depositantes e bancos centrais. Inspirado pelo paradigma de sistemas complexos adaptativos, o estudo focaliza a auto-organização e as propriedades emergentes decorrentes das interações entre agentes heterogêneos, dotados de racionalidade limitada, implementada usando a abordagem Experienced-Weighted Attraction. Por fim, apresentam-se exemplos demonstrando as capacidades do arcabouço, com aplicações envolvendo seguro de depósitos, emprestador de última instância, mercado interbancário com câmara de pagamentos, bancos grandes demais para quebrar, risco de crédito e requerimento de capital. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT; This paper design and construct a computational framework for the study of the banking sector through agent-based models. The structure of the framework is based on an iterated version of the Diamond-Dybvig model with an arbitrary number of agents of different types...

‣ Determinantes da rentabilidade no sistema bancário português, 2005-2011

Freitas, Isabel Margarida Filipe Boalhosa de
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
37.805752%
Dissertação de mestrado em Economia Monetária, Bancária e Financeira; Um sistema financeiro sólido e eficiente é essencial para um crescimento sustentado da economia e um setor bancário sólido e rentável tem melhores condições de suportar choques negativos e contribuir para a estabilidade do setor financeiro. Através de uma amostra de 30 bancos domésticos e não domésticos e utilizando como medida principal de rentabilidade o ROE, foi possível chegar à conclusão de que, no período compreendido entre 2005 e 2011, o risco de crédito e o crescimento económico exercem um efeito positivo sobre a rentabilidade bancária enquanto que o capital e a inflação exercem um efeito negativo. Quanto ao capital humano, existe alguma evidência limitada quanto ao efeito na rentabilidade dos bancos.; An efficient and solid financial system is essential for sustained growth of the economy, and a solid and profitable banking sector is better able to support negative shocks and contribute to the stability of the financial sector. Through a sample of 30 domestic and no domestic banks and using as the main measure of profitability ROE, was possible to conclude that, in the period between 2005 and 2011, credit risk and economic growth exert a positive effect on the bank profitability while capital and inflation exert a negative effect. As regards human capital...

‣ Impacto do Acordo Basileia II no financiamento bancário das PME

Martins, Aníbal José da Silva
Fonte: Instituto Politécnico de Viseu. Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu Publicador: Instituto Politécnico de Viseu. Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Viseu
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /10/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.831729%
Mestrado em Finanças Empresariais; O objectivo é analisar como é feita a gestão de risco de crédito das PME nas instituições financeiras com a entrada em vigor das regras do Acordo Basileia II, enquanto atravessamos um dos cenários de uma das mais graves crises financeiras da nossa história. Tendo em conta estes factores e a importância deste tipo de empresas para a economia nacional, a principal questão, é como os bancos irão financiar a sua actividade. Através de um estudo realizado nas PME do sector metalúrgico, verificou-se que o preço e concessão de crédito dependem essencialmente de uma estimativa pequena da probabilidade de insolvência das PME, calculada implementando modelos de insolvência prescritos por Basileia II, que por sua vez, será integrada no modelo que determinará o preço final da operação. De acordo com o nosso estudo, conclui-se que o Acordo Basileia II, têm implicações no acesso ao financiamento e no seu custo efectivo para as PME, mostrando-se ainda, que o efeito sobre o preço de uma operação gera prociclicidade de crédito e, portanto, sobre a economia onde as PME são particularmente vulneráveis.; ABSTRACT: The aim is to analyze how is the management of credit risk of SMEs in financial institutions with the entry into force of the rules of Basel II...

‣ O Contrato de mútuo bancário para aquisição de habitação negócio, risco e incumprimento

Tomás, Diogo Manuel Cabeça
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
37.805752%
Mestrado em Direito das Empresas; Com o presente trabalho pretendeu-se, em geral, criar uma base sobre a figura do contrato de Mútuo Bancário Para Aquisição de Habitação, fazendo, essencialmente, uma abordagem de direito, mas tendo uma preocupação de teor correlacional, nomeadamente no âmbito da ciência económica, mas também da sociologia e ciência política. Assim, o que se fez foi demonstrar os riscos inerentes a este tipo contratual e explicando a sua influência e impacto na economia e na vida social. Para chegar aqui, traçou-se o quadro legal desta figura, distinguindo-a de figuras próximas. Ao mesmo tempo, e com os olhos postos nos objetivos definidos, explicou-se em que se traduz atividade bancária e desenhou-se uma perspetiva geral sobre os riscos associados, quer a este negócio, quer, em particular, à prática do contratual do mútuo. Deste modo, pudemos concluir que a prática bancária, eclipsada pelos tempos de aparente prosperidade e de grandes fluxos financeiros, descurou a sua tarefa de diligência na filtragem do risco, tendo concedido um grande número de empréstimos esperando (e obtendo) daí obter grandes rendimentos. Com a queda do mercado e a chegada da crise, os mutuários começaram a faltar ao cumprimento...

‣ O pilar 3 de Basileia II e o tratamento do risco de crédito dos bancos portugueses

Lopes, Raquel Silva
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.831729%
O Acordo de Basileia II, celebrado em 2004, marca um ponto de viragem quer no que se refere à gestão dos riscos inerentes às instituições financeiras, bem como no que concerne à relação a manter entre estas e os respectivos supervisores. O Acordo configura-se através de três Pilares: Pilar I, requisitos mínimos de capital, Pilar II, Processo de Supervisão e Pilar III, Disciplina de Mercado. Este trabalho tem um duplo objectivo: aprofundar a análise teórica do 3º Pilar (especialmente no que se refere ao tratamento do risco de crédito) e investigar o grau de preparação e implementação das instituições financeiras face o desafio imposto pelo 2º Acordo de Capital no que diz respeito ao Pilar III. Para tal, utilizámos uma amostra de entidades financeiras portuguesas e procedemos ao estudo da informação divulgada nos seus Relatórios e Contas entre o período de 2005 a 2010. Como conclusão, verifica-se uma evolução exponencial das informações divulgadas com base no Pilar III a partir de 2008, um ano após a publicação do Aviso do Banco de Portugal. Apesar das divergências entre supervisores e entidades financeiras, constatamos que os bancos portugueses em 2010 estão a realizar as divulgações gerais de risco de crédito exigidas pelo Acordo de Basileia II.

‣ Mark-up bancário, conflito distributivo e utilização da capacidade produtiva: uma macrodinâmica pós-keynesiana

Lima,Gilberto Tadeu; Meirelles,Antonio J. A.
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2003 Português
Relevância na Pesquisa
37.805752%
Elabora-se um modelo macrodinâmico pós-keynesiano de utilização da capacidade, distribuição e inflação por conflito, no qual a oferta de moeda de crédito é endógena. A taxa nominal de juros é determinada pela aplicação de um mark-up sobre a taxa básica fixada pela autoridade monetária. Ao longo do tempo, o mark-up bancário varia com a taxa de lucro sobre o capital físico, enquanto a taxa básica varia com excessos de demanda que não são acomodáveis pela utilização da capacidade. São analisados os casos em que a demanda é suficiente ou não para gerar a plena utilização da capacidade.

‣ A legalidade do protesto de boleto bancário

Mesquita, Vinícius Paulo
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 399253 bytes; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.805752%
Discute a natureza jurídica do boleto bancário, aborda sua criação e evolução histórica e, ao final, responde a indagação que aflige a doutrina e a jurisprudência: se os boletos bancários podem ser levados a protesto.

‣ Contratos Bancários

Waisberg, Ivo; Fontes, Marcos Rolim Fernandes
Fonte: Quartier Latin Publicador: Quartier Latin
Tipo: Livro Formato: 43285 bytes; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.805752%
Divulgação dos SUMÁRIOS das obras recentemente incorporadas ao acervo da Biblioteca Ministro Oscar Saraiva do STJ. Em respeito à lei de Direitos Autorais, não disponibilizamos a obra na íntegra. Localização: 347.734(81) C764b Código de barras: STJ00065830; Procurou-se reunir na presente obra coletiva trabalhos que versassem sobre contratos bancários e temas correlatos da lavra de autores altamente qualificados, mas que, na medida do possível, tivessem formações e atuações distintas. O objetivo foi privilegiar uma certa dialética interna da obra, permitindo que a visão externada sobre os diversos temas fosse a mais plural possível. Com efeito, foram convidados advogados, juízes e professores, que, valendo-se de suas experiências profissionais e acadêmicas, puderam trazer luz a inúmeras discussões altamente relevantes do dia a dia do direito contratual bancário e temas afins.

‣ O acesso direto aos dados bancários por parte do fisco : a transferência do sigilo bancário para o sigilo fiscal

Saraiva Filho, Oswaldo Othon de Pontes
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.805752%
Aborda como o Poder Executivo deixou para segundo plano sua condição de aplicador das normas tributárias para assumir com mais proeminência a condição de fiscalizador e de controlador das atividades de liquidação de tributos efetuadas pelos sujeitos passivos das obrigações tributárias. Analisa a Lei Complementar n° 105, de 10 de janeiro de 2001, que dispõe sobre o sigilo das operações de instituições financeiras e aborda a permissão da transferência direta do sigilo bancário para a administração tributária.

‣ Entropia orçamentária: o papel das instituições financeiras na viabilização do crédito familiar sustentável = Budget entropy: the role of financial institutions in enabling sustainable family credit

Porto, Antonio Augusto Cruz; Torres, Cibele Merlin
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.831729%

‣ Política de crédito do programa nacional de fortalecimento da agricultura familiar (Pronaf): resultados e limites da experiência brasileira nos anos 90.

ABRAMOVAY, R.; PIKETTY, M.-G.
Fonte: Cadernos de Ciência & Tecnologia, Brasília, v.22, n. 1, p.53-66, jan./abr. 2005. Publicador: Cadernos de Ciência & Tecnologia, Brasília, v.22, n. 1, p.53-66, jan./abr. 2005.
Tipo: Artigo em periódico indexado (ALICE)
Português
Relevância na Pesquisa
37.831729%
O Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), criado em 1994, é um exemplo de política pública voltada à promoção das capacidades de produção de populações pobres. Ele é constituído de três tipos de intervenção: melhoramento das infra-estruturas rurais, apoio ao crédito para a agricultura familiar e formação dos agricultores. Este artigo procura analisar os resultados e os limites da política de crédito do Pronaf. Essa política permitiu que milhares de agricultores familiares tivessem acesso ao crédito bancário pela primeira vez. Entretanto, a ampliação da base social do Programa às populações mais pobres leva os bancos a afrouxar os critérios de atribuição dos créditos, induzindo os agricultores a ficar dependentes inteiramente da sustentação do Estado.; 2005

‣ Mecanismo de transmissão da política monetária: uma análise do canal de crédito para a economia brasileira pós real

Silva, Tatiele Lacerda da
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
37.831729%
O presente estudo teve como objetivo examinar a existência e a relevância do canal de crédito, sendo dividido entre o canal dos empréstimos bancários e o canal do balanço patrimonial, na transmissão da política monetária no Brasil no período de janeiro de 2001 a julho de 2011, para isso foi usado o IGP-DI e o IPCA. A metodologia utilizada foi as análises de Vetores Auto-Regressivo (VAR), como os testes de causalidade de Granger, função impulso e resposta, decomposição da variância e análise das velocidades, sendo este, oriundo do teste de Vetor de Correção de Erros (VECM). Os resultados encontrados mostram o canal de crédito, no segmento empréstimos bancário, importante e relevante para elevar o crescimento econômico, mas com maior significância com o uso do IGP-DI, sendo sustentável ao longo prazo e um canal auxiliar ao canal da moeda. Já o canal do balanço patrimonial, apesar de mostrar que eleva a produção da economia, é um canal pouco significativo, mas relevante, mesmo sendo um canal ainda pouco desenvolvimento, sendo mais influente a moeda, os títulos e o câmbio. Não podendo dizer que correspondem a um canal auxiliar ao da moeda. E que o uso do IPCA colabora com os resultados do IGP-DI elevando a produção da economia brasileira ao seu nível potencial. A pesquisa conclui que existem na economia brasileira...

‣ Análise dos procedimentos de rating de um banco privado

Duarte, Nádia Filipa Cunha
Fonte: FEUC Publicador: FEUC
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
37.831729%
sistema financeiro tem sido fundamental para o desenvolvimento da atividade económica. Com a crise de 2008 verificou-se que quando um choque negativo atinge o sistema financeiro poderá por a economia em risco. Tornou-se então imprescindível uma revisão das normas de supervisão das instituições financeiras de forma a tornar o sistema financeiro mais robusto e capaz de sobreviver a choques externos. De todas as normas de supervisão, dar-se-á destaque à importância da classificação do risco de crédito por cliente. Posto isto, o presente relatório centra-se nos modelos de classificação de rating / scoring efetuado internamente pelas instituições bancarias. O relatório começa por uma breve descrição da entidade de acolhimento e das tarefas desenvolvidas ao longo das 16 semanas do estágio. É feita uma revisão de literatura, onde são analisados estes modelos de classificação, e posteriormente analisa-se o sistema de classificação de risco de crédito do Santander Totta.; Relatório de estágio do mestrado em Economia (Economia Financeira), apresentado à Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, sob a orientação de Helder Sebastião.

‣ O impacto do novo acordo de Capital de Basileia na concessão de crédito e pequenas e médias empresas

Rocha, Catarina Delgado de Aguilar Botelho
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
37.912861%
Este estudo tem como objetivo investigar qual o impacto da introdução do Novo Acordo de Basileia II (BII) no montante de crédito concedido às Pequenas e Médias Empresas (PME), em Portugal. Para tal, foi recolhida uma amostra de 56 empréstimos concedidos por uma Instituição financeira (IF), representando o mercado bancário português, entre 1 de janeiro de 2006 e 31 de dezembro de 2012, adotando-se como metodologia um modelo de regressão linear múltipla. Os resultados obtidos evidenciam que a introdução do BII não degradou as condições de acesso ao crédito das PME consideradas no estudo e que o possível “Efeito Basileia II” apenas se verifica nas empresas não classificadas de acordo com o QIS3. Todavia este efeito acentuasse após 1 de janeiro de 2008, dada a forte redução do montante de crédito que é concedido a estas PME.

‣ O pilar 3 de Basileia II e o tratamento do risco de crédito dos bancos portugueses

Lopes, Raquel Silva
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.831729%
O Acordo de Basileia II, celebrado em 2004, marca um ponto de viragem quer no que se refere à gestão dos riscos inerentes às instituições financeiras, bem como no que concerne à relação a manter entre estas e os respectivos supervisores. O Acordo configura-se através de três Pilares: Pilar I, requisitos mínimos de capital, Pilar II, Processo de Supervisão e Pilar III, Disciplina de Mercado. Este trabalho tem um duplo objectivo: aprofundar a análise teórica do 3º Pilar (especialmente no que se refere ao tratamento do risco de crédito) e investigar o grau de preparação e implementação das instituições financeiras face o desafio imposto pelo 2º Acordo de Capital no que diz respeito ao Pilar III. Para tal, utilizámos uma amostra de entidades financeiras portuguesas e procedemos ao estudo da informação divulgada nos seus Relatórios e Contas entre o período de 2005 a 2010. Como conclusão, verifica-se uma evolução exponencial das informações divulgadas com base no Pilar III a partir de 2008, um ano após a publicação do Aviso do Banco de Portugal. Apesar das divergências entre supervisores e entidades financeiras, constatamos que os bancos portugueses em 2010 estão a realizar as divulgações gerais de risco de crédito exigidas pelo Acordo de Basileia II.

‣ Caso empresarial Banco Agrario de Colombia. Solicitudes de crédito zonal Soatá; Entrepreneurial Case Agrario Bank of Colombia Credit Aplication Zonal Soatá.

Guevara Olivares, Amanda Lucía; García Carvajal, Santiago
Fonte: Universidad Militar Nueva Granada; Facultad de Estudios a Distancia; Especialización en Alta Gerencia Publicador: Universidad Militar Nueva Granada; Facultad de Estudios a Distancia; Especialización en Alta Gerencia
Tipo: bachelorThesis; Trabajo de grado Formato: pdf; pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.831729%
En este artículo se investigó las razones por las cuales se han disminuido las solicitudes y acceso a los créditos que ofrece el Banco Agrario de Colombia en la Zonal Soatá – Boyacá integradas con el proceso de servicio al cliente. Las preguntas formuladas en la encuesta y en la entrevista se tomaron con base en la dinámica de la oferta de productos financieros líneas de crédito para pequeños productores que se desarrollan en la zonal Soatá realizadas durante el año 2013 y que son presentadas y ofertadas por los asesores comerciales del banco, algunas apreciaciones que los clientes manifiestan en forma escrita en el buzón de sugerencias, quejas y reclamos en cada una de las oficinas de la zonal estudio. En los resultados se muestran las razones por las cuales los habitantes y clientes actuales de los municipios de la zonal no han accedido al servicio y líneas de crédito para pequeños productores aun cuando cuentan con un fondo de garantías que les ofrece el estado.; In this article was investigated it the reasons which the requests and outburst to the credits have diminished for that the Agrario Bank of Colombia in the Zonal Soatá makes an offer – Boyacá integrated with the process on duty to the customer. The questions formulated in the opinion poll and in the interview took on the basis of the dynamics of the offer of finance charges earned credit lines for little producers that develop in her zonal Soatá once 2013 were accomplished during the year and that they are presented and offered by the commercial advisers of the bank...

‣ Cartas de crédito como medio de pago dentro del comercio internacional

Gallegos Zúñiga, Jaime Ramiro
Fonte: Universidad de Chile Publicador: Universidad de Chile
Tipo: Tesis
Português
Relevância na Pesquisa
37.831729%
Memoria (licenciado en ciencias jurídicas y sociales); No autorizada por el autor para ser publicada a texto completo; Este trabajo colectivo pretende proveer las nociones básicas respecto a las cartas de crédito, no sólo respecto desde el punto de vista del Derecho chileno, sino que recogiendo las experiencias y comentarios surgidos por los autores de diferentes naciones, para así poner a vuestra disposición un análisis amplio y completo de la temática en estudio

‣ Microcrédito : notas sobre as características da demanda

Santos, Carlos A.
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Políticas Sociais: acompanhamento e análise - Artigos
Português
Relevância na Pesquisa
37.912861%
Analisa as características bastante peculiares do público-alvo do microcrédito a partir de diferentes perspectivas. Para tanto, é realizada primeiramente uma breve discussão sobre os motivos da segmentação do mercado de crédito bancário. Em seguida, discute-se um dos aspectos mais polêmicos, mais politizados e mais sujeito a equívocos no debate sobre as microfinanças: o papel das taxas de juros do microcrédito. Na seqüência, é sugerido que as imprecisões e dificuldades metodológicas inerentes ao conceito “setor informal” sejam superadas com a utilização da categoria “economia familiar” na caracterização do cliente típico do microcrédito. Complementarmente, propõe-se uma tipologia que reflita as diferentes características e motivações intrínsecas presentes no heterogêneo público-alvo do microcrédito.; p. 119-124