Página 18 dos resultados de 67836 itens digitais encontrados em 0.081 segundos

‣ Potencial efeito terapêutico da piridoxamina na disfunção endotelial macrovascular na diabetes tipo 2

Carvalho, Daniela Alexandra Ferreira
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
36.360469%
A diabetes tipo 2 é uma patologia complexa que apresentou uma crescente prevalência nas últimas décadas e está associada a doenças vasculares. As doenças macrovasculares representam actualmente a principal causa de mortalidade na diabetes tipo 2. A disfunção endotelial, caracterizada genericamente pela reduzida disponibilidade de óxido nítrico (NO), é uma condição que precede o desenvolvimento de lesões sintomáticas e como tal, um marcador precoce de doença macrovascular. A hiperglicemia, dislipidemia, stress oxidativo, insulino- -resistência estão na génese do desenvolvimento de doenças macrovasculares. Assim como a acumulação e a formação de produtos finais de glicação avançada (AGEs) devido à hiperglicemia prolongada. Com o aumento da compreensão patológica subjacente à disfunção endotelial, novas abordagens terapêuticas estão a ser alvo de estudo, como é o caso da piridoxamina. A descoberta de que a piridoxamina pode inibir reacções de glicação e consequentemente a formação de AGEs, estimulou o interesse por este composto, numa perspectiva de potencial agente farmacológico no tratamento de doenças vasculares associadas à diabetes. No entanto, a sua potencial acção farmacológica ao nível macrovascular permanece ainda por esclarecer. Assim...

‣ Diabetes mellitus: fatores associados à prevalência em idosos, medidas e práticas de controle e uso dos serviços de saúde em São Paulo, Brasil; Diabetes mellitus: factors associated with prevalence in the elderly, control measures and practices, and health services utilization in São Paulo, Brazil

MENDES, Telma de Almeida Busch; GOLDBAUM, Moisés; SEGRI, Neuber José; BARROS, Marilisa Berti de Azevedo; CESAR, Chester Luiz Galvão; CARANDINA, Luana; ALVES, Maria Cecília Goi Porto
Fonte: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz Publicador: Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
36.360469%
Este estudo analisa os fatores associados à prevalência de diabetes segundo as variáveis demográficas socioeconômicas, condição de saúde e estilo de vida, o uso dos serviços de saúde e medidas e práticas de controle entre 872 idosos residentes na cidade de São Paulo, Brasil. A prevalência de diabetes referida foi de 17,9%, valor acima do encontrado na população adulta. A maior prevalência de diabetes foi verificada entre idosos que relataram sua saúde como ruim/muito ruim, os que nunca beberam ou não bebem mais, os viúvos e entre os que se hospitalizaram pelo menos uma vez no último ano. Dentre os idosos, 69,9% procuraram o serviço rotineiramente por causa do diabetes e 96,1% foram atendidos no serviço que procuraram. Há falta de informação, conhecimento e a utilização de medidas de controle ainda é insuficiente entre os idosos. Fazem-se necessárias políticas de saúde com foco na capacitação de profissionais e na orientação familiar, e que incentivem mudanças no estilo de vida dos idosos.; This study analyzes factors associated with diabetes prevalence according to demographic and socioeconomic variables, health status, and lifestyle among 872 elderly living in the city of São Paulo, Brazil, in addition to health services utilization and control measures and practices. Reported diabetes prevalence among the elderly was 17.9%...

‣ Identifying common and specific microRNAs expressed in peripheral blood mononuclear cell of type 1, type 2, and gestational diabetes mellitus patients

Collares, Cristhianna Viesti Advincula; Evangelista, Adriane Feijó; Xavier, Danilo Jordão; Rassi, Diane Meyre; Arns, Thais Cristine; Freitas, Maria Cristina Foss de; Foss, Milton Cesar; Puthier, Denis ; Hojo, Elza Tiemi Sakamoto; Passos Junior, Gerald
Fonte: London Publicador: London
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
36.360469%
Abstract Background Regardless the regulatory function of microRNAs (miRNA), their differential expression pattern has been used to define miRNA signatures and to disclose disease biomarkers. To address the question of whether patients presenting the different types of diabetes mellitus could be distinguished on the basis of their miRNA and mRNA expression profiling, we obtained peripheral blood mononuclear cell (PBMC) RNAs from 7 type 1 (T1D), 7 type 2 (T2D), and 6 gestational diabetes (GDM) patients, which were hybridized to Agilent miRNA and mRNA microarrays. Data quantification and quality control were obtained using the Feature Extraction software, and data distribution was normalized using quantile function implemented in the Aroma light package. Differentially expressed miRNAs/mRNAs were identified using Rank products, comparing T1DxGDM, T2DxGDM and T1DxT2D. Hierarchical clustering was performed using the average linkage criterion with Pearson uncentered distance as metrics. Results The use of the same microarrays platform permitted the identification of sets of shared or specific miRNAs/mRNA interaction for each type of diabetes. Nine miRNAs (hsa-miR-126, hsa-miR-1307...

‣ Avaliação das preferencias dos pacientes por atributos de risco/benefício do tratamento insulínico no diabetes: um modelo de escolha discreta; Patients preferences for risk/benefit attributes of insulin therapy in diabetes: a discrete choice experiment.

Guimarães, Camila
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/05/2009 Português
Relevância na Pesquisa
36.360469%
Utilizou-se um modelo de escolha discreta (MED) para avaliar as preferências e disposição-a-pagar (DAP) dos pacientes por diferentes atributos de risco-benefício do tratamento insulínico, entre eles a via de administração da insulina. Através de uma revisão da literatura, consulta com especialistas, e do desenvolvimento de um estudo qualitativo utilizando as técnicas de entrevistas individuais e grupos focais, os atributos (e níveis) mais importantes do tratamento insulínico foram identificados, sob o ponto de vista dos pacientes. Os atributos incluídos no MED foram: controle da glicemia de jejum, número de episódios de hipoglicemia, ganho de peso, via de administração para as insulinas de ação longa e rápida, e custo do tratamento. Pares de opções de tratamentos insulínicos hipotéticos contendo diferentes níveis dos atributos foram apresentados aos pacientes com DM1 ou DM2, e lhes foi solicitado que, para cada cenário, eles escolhessem a alternativa de sua preferência. Dados demográficos, nível sócio-econômico (NSE) e informações relacionadas ao diabetes também foram coletados. Para a análise dos dados utilizou-se um modelo logit condicional de regressão e modelos segmentados foram posteriormente utilizados para a análise das sub-populações. Um total de 274 questionários foram incluídos na análise final dos dados. A idade média (± DP) dos participantes foi de 56.7 ± 12.98 anos...

‣ O manejo do Diabetes Mellitus tipo 1 na perspectiva de crianças; Type 1 Diabetes Mellitus management from children's perspective

Sparapani, Valéria de Cássia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/03/2010 Português
Relevância na Pesquisa
36.360469%
O adequado manejo do DM Tipo 1 tem se tornado um desafio, principalmente para as próprias crianças, em virtude da presença de comportamentos, habilidades e conhecimentos inadequados que colaboram para a não adesão ao tratamento e para aumento de complicações em longo prazo. Estudos têm demonstrado que compreender as experiências de vida das crianças nos seus diversos espaços, valorizando-as e buscando maior aproximação com as mesmas, pode contribuir para a partilha do conhecimento sobre o manejo do diabetes e para o maior envolvimento da criança no cuidado. O objetivo deste trabalho foi compreender, na perspectiva de crianças com DM Tipo 1, os fatores que interferem no manejo da doença. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, de natureza exploratória. Participaram do estudo 19 crianças. Utilizamos a entrevista semiestruturada e, como recurso facilitador da comunicação com a criança, os fantoches. Esses brinquedos foram confeccionados pelas próprias crianças e criou-se, também, um cenário que ilustrou e complementou a utilização dos fantoches no dia da entrevista. A análise dos dados empíricos foi feita por meio da análise de conteúdo. Os resultados evidenciaram a compreensão do que é ser criança com diabetes e dos fatores relacionados à sua existência...

‣ Grupo de apoio: espaço para novas conversas acerca do diabetes mellitus; Support group: space for new conversations about Diabetes Mellitus

Oliveira, Nunila Ferreira de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/09/2010 Português
Relevância na Pesquisa
36.360469%
Diante da crescente prevalência do Diabetes Mellitus (DM) na população mundial, a educação em saúde tem sido foco de estudos que buscam estratégias para a efetivação do autocuidado por parte de pessoas que possuem essa doença. O presente estudo foi realizado no contexto das atividades de um Centro de Pesquisa e Extensão Universitário, onde são realizadas atividades educativas em grupo para pessoas com DM, por meio de equipe multiprofissional, composta por enfermeiros, psicólogos, nutricionistas e educadores físicos. O objetivo foi investigar as contribuições de um grupo de apoio na aprendizagem voltada para o autocuidado em Diabetes, segundo os participantes. A coleta de dados foi realizada durante seis meses, com audiogravação de quatro reuniões coordenadas por três psicólogos e uma enfermeira, em que participaram 16 pessoas. Os dados foram transcritos e submetidos à análise temática, dos quais emergiram as seguintes categorias: Faço parte de um serviço de apoio em Diabetes; Tenho diabetes, sentimentos e desafios relacionados à doença; Desmistificando a singularidade: o poder das trocas de experiências no grupo e Avaliações realizadas pelos participantes durante as sessões grupais. As três primeiras foram divididas em subcategorias que possibilitaram uma maior exploração dos temas abordados. Nos encontros emergiram demandas emocionais dos participantes frente ao DM e seu tratamento...

‣ Organizações Patológicas e Equilíbrio Psíquico em Pacientes Diabéticos Tipo 2; Pathological Organizations and Psychological Balance in Patients with Type II Diabetes

Heleno, Maria Geralda Viana
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/12/2000 Português
Relevância na Pesquisa
36.360469%
Através da prática clínica, notamos em alguns pacientes diabéticos uma resistência paralisadora crônica que impede o tratamento. Eles parecem não se darem conta do que se passa com eles e vivem como se o não tratamento fosse algo bom. Sentem-se protegidos e têm a convicção de que nada irá acontecer-lhes. Eles garantem que não sentem nada, nenhum sinal de complicação aguda ou crônica. Pensamos que esta proteção perversa pode ser compreendida a partir do estudo das organizações patológicas. Elas oferecem grande resistência a mudanças e a experiências de dependência de objeto. Os objetivos desta pesquisa foram: (1) avaliar o grau de eficácia adaptativa e os episódios de crise; (2) avaliar a dinâmica emocional e o equilíbrio adaptativo do ego, visando a compreensão do sistema tensional inconsciente principal, que pode identificar, ou não, a presença das organizações patológicas; (3) correlacionar o grau de eficácia adaptativa com a presença ou não das organizações patológicas; (4) correlacionar o grau de equilíbrio adaptativo do ego com a intensidade da ação das organizações patológicas e (5) correlacionar a qualidade do controle glicêmico com a presença ou não das organizações patológicas. Os instrumentos utilizados foram a Escala Diagnóstica Adaptativa Operacionalizada - EDAO e O Teste das Relações Objetais de Phillipson - TRO. O controle da glicemia foi determinado através de exames de laboratório. Foram sujeitos desta pesquisa 30 pacientes diabéticos do tipo 2...

‣ Stellenwert und Ergebnisse einer Patientenbefragung im Rahmen der wissenschaftlichen Begleitung eines Diabetes-Modellvorhabens in Südwürttemberg; Significance and results of a patient survey within the scientific assistance of a Diabetes-DMP in Südwürttemberg

Matziou, Polixeni
Fonte: Universität Tübingen Publicador: Universität Tübingen
Tipo: Dissertation; info:eu-repo/semantics/doctoralThesis
Português
Relevância na Pesquisa
36.37005%
Die AOK Südwürttemberg hat 1998 mit der KV Südwürttemberg ein Diabetes-Modellvorhaben vereinbart. Ergänzend zur ärztlichen Verlaufsdokumentation wurde eine Patientenbefragung sowohl in der Vertragsregion des Diabetes-Modellvorhabens Südwürttemberg als auch in der Vergleichsregion Südbaden durchgeführt, wo kein entsprechendes Programm vereinbart war. Die vorliegende Arbeit befasst sich zum einen mit den Ergebnissen der Patientenbefragung 2000/01 in der Vertragsregion und zum anderen mit deren Stellenwert in der Evaluation strukturierter Behandlungsprogramme. Damit soll der Patient, der als Betroffener meist aus einer anderen Perspektive die Versorgungssituation betrachtet und einschätzt, stärker in den Evaluationsprozess eingebunden werden. Leider konnte kein befriedigender Erfassungsertrag erreicht werden. Zudem ergab sich ein Problem der unbekannten Selbstselektion. Die Befragung sprach offensichtlich besonders die bereits motivierten und informierten Patienten an. Aus der vorliegenden Befragung ergaben sich deutliche Optimierungspotentiale in den Bereichen Besitz und Führung des Gesundheitspasses Diabetes, Schulungsteilnahmen, Augenuntersuchung, Fußuntersuchung, Kenntnis des HbA1c- Wertes sowie der Blutdruckwerte. Patienten- wie auch Ärztebefragungen sind kundenorientiert und erlauben auch Aussagen zur Patientenzufriedenheit...

‣ Reminder systems for women with previous gestational diabetes mellitus to increase uptake of testing for type 2 diabetes or impaired glucose tolerance

Middleton, P.; Crowther, C.A.
Fonte: John Wiley & Sons Publicador: John Wiley & Sons
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
36.37005%
BACKGROUND: The early postpartum period is an important time in which to identify the risk of diabetes in women with a history of gestational diabetes mellitus (GDM). Oral glucose tolerance and other tests can help guide lifestyle management and monitoring to reduce the future risk of type 2 diabetes mellitus. OBJECTIVES: To assess whether reminder systems increase the uptake of testing for type 2 diabetes or impaired glucose tolerance in women with a history of GDM. SEARCH METHODS: We searched MEDLINE and EMBASE (last searched 1 June 2013) and The Cochrane Library (last searched April 2013). SELECTION CRITERIA: We included randomised trials of women who had experienced GDM in the index pregnancy and who were then sent any modality of reminder (or control) to complete a test for type 2 diabetes after giving birth. DATA COLLECTION AND ANALYSIS: Two authors independently screened titles and abstracts for relevance. One author extracted the data, carried out 'Risk of bias' assessments and evaluated the overall study quality according to GRADE (Grading of Recommendations Assessment, Development and Evaluation) criteria; the other author double-checked these procedures. Meta-analysis was not possible as only one study was eligible for inclusion. MAIN RESULTS: Only one trial with an unclear risk of bias in the majority of domains was included in the study; the overall study quality was judged to be low. This factorial trial of 256 women compared three types of postal reminder strategies (in a total of 213 women) with usual care (no postal reminder...

‣ Conhecimento dos professores sobre o manejo da criança com diabetes mellitus; Knowledge of the teachers about the management of the diabetic children; El conocimiento de los profesores sobre el manejo de los niños diabéticos

SIMÕES, Ana Lúcia de Assis; STACCIARIN, Thaís Santos Guerra; POGGETTO, Márcia Tasso Dal; MARUXO, Harriet Bárbara; SOARES, Helga Marízia; SIMÕES, Ana Carolina de Assis
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós Graduação em Enfermagem Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós Graduação em Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
36.37005%
Trata-se de um estudo seccional e descritivo que objetivou verificar o conhecimento dos professores sobre o diabetes mellitus e as dificuldades encontradas no manejo da criança com diabetes. Participaram 184 professores da educação infantil de escolas municipais do município de Uberaba-MG, entre os meses de abril e julho de 2009. Os dados foram coletados por meio de questionário e analisados por estatística descritiva. Os resultados evidenciaram que os professores investigados denotaram conhecimento sobre o que é diabetes (58,15%); no entanto, demonstraram desconhecer as manifestações clínicas (27,72%), as abordagens terapêuticas (33,70%) e as principais condutas adotadas diante de situações adversas (42,40%). Este estudo contribuiu para enfatizar a necessidade de capacitar os professores da educação infantil na temática diabetes mellitus, a fim de possibilitar a abordagem à criança com conhecimento e segurança.; This is a descriptive and sectional study that aimed to verify the teachers' knowledge about the diabetes mellitus and the difficulties found in the management of children with diabetes. Participated 184 teachers of infant education in municipal schools of the city of Uberaba, Minas Gerais, between the months of April to July 2009. Data were collected through questionnaire and analyzed using descriptive statistics. The results showed that investigates teachers had denoted knowledge about what is diabetes (58.15%)...

‣ Assessment of guanylin peptides system in type 2 diabetes

Silva, Liliana
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.37005%
Os doentes com diabetes mellitus tipo 2 apresentam predisposição para a retenção de sódio e são frequentemente hipertensos. No entanto, os mecanismos implicados na dificuldade do rim diabético em mobilizar o sódio são, ainda, pouco compreendidos. Os peptídeos da família das guanilinas estão envolvidos na regulação do transporte de electrólitos e água nos epitélios intestinal e renal, através da activação do receptor guanilato ciclase-C (GC-C) e subsequente libertação intracelular de GMPc. O objectivo do presente estudo foi a avaliação da actividade do sistema dos peptídeos das guanilinas (SPG) e do seu papel na regulação do balanço de sódio num modelo animal de diabetes tipo 2. Ratinhos machos C57BL/6 foram submetidos a uma dieta com alto teor de gordura e rica em hidratos de carbono simples (ratinhos diabéticos) ou a uma dieta normal (ratinhos controlo). A expressão renal e intestinal da guanilina (GN), uroguanilina (UGN) e do receptor GC-C assim como os níveis de GMPc na urina e plasma foram avaliados nos ratinhos controlo e diabéticos, durante a ingestão de dietas normo (NS) e hiper-salina (HS). Nos ratinhos diabéticos, durante a dieta NS verificou-se um aumento significativo da pressão arterial que foi acompanhado de redução da expressão do ARNm da GN...

‣ A diabetes mellitus causa deterioro cognitivo em idosos? Um estudo de revisão; ¿La diabetes mellitus causa deterioro cognitivo en la vejez? Un estudio de revisión; Is diabetes mellitus associated with poor cognitive performance in the elderly? A revision study

Lopez, Regina Maria Fernandes; Nascimento, Roberta Fernandes Lopes do; Wendt, Guilherme Welter; Argimon, Irani I. de Lima
Fonte: Universidade do Rosário Publicador: Universidade do Rosário
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 04/02/2013 Português
Relevância na Pesquisa
36.37005%
A Diabetes Mellitus (DM) refere-se a uma síndrome metabólica, com prejuízos físicos, sociais e psicológicos naqueles que a possuem. A doença tem um forte componente genético, e é subdividida em Diabetes Mellitus Tipo 1 (DM1), e Diabetes Mellitus Tipo 2 (DM2). A DM2 está associada a déficits funcionais e também cognitivos. Pesquisas revelam que as funções executivas dos idosos com DM encontram-se mais prejudicadas do que naqueles sem DM. Com o objetivo de aprofundar esta temática, esse estudo realiza uma revisão sistemática da literatura, através de publicações indexadas nos últimos oito anos, que abordam a relação entre DM2 e aspectos do deterioro cognitivo em idosos (flexibilidade cognitiva, flexibilidade mental e do pensamento e funções executivas). Nos estudos revisados, a maioria mostrou um grau de comprometimento relacionado com as funções cognitivas: flexibilidade do pensamento, atenção, memória de trabalho, sugerindo, inclusive, que a DM2 acelera o processo de deterioro, aumentando a possibilidade de desenvolvimento de demência. A prevalência de depressão é mais elevada em idosos com DM2, com comprometimento em muitas funções, além de outras complicações físicas identificadas. Os achados apontam para funcionamento cognitivo prejudicado em idosos com DM2...

‣ Diabetes: eventos agudos na atenção básica

Paese, Fernanda; Vidor, Ana Cristina; Botelho, Lúcio José
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Tipo: Texto Formato: Módulo de Diabetes em Eventos Agudos na Atenção Básica. Arquivo em pdf com 23 páginas.
Português
Relevância na Pesquisa
36.37005%
Este objeto começa explicando que o diabetes é uma das doenças mais frequentes em pessoas que buscam os serviços de saúde, principalmente na Atenção Básica. Destaca que a grande prevalência de diabetes na população faz com que suas complicações sejam também frequentes, gerando grande demanda aos serviços de saúde. Conceitua os diferentes tipos de diabetes, dentre os quais o diabetes mellitus tipo 1, diabetes mellitus tipo 2, diabetes mellitus gestacional e outros tipos específicos de diabetes. Indica os principais fatores de risco para o desenvolvimento de diabetes tipo 2, pois, além de ser a forma predominante, é também a que apresenta a grande maioria das complicações. Orienta que as principais complicações agudas do diabetes são as hipoglicemias e as hiperglicemias, explicando características da cetoacidose diabética (CAD) e do estado hiperosmolar hiperglicêmico (EHH), mostrando como diagnosticar tais complicações. Detalha que a doença periodontal também é uma complicação aguda muito comum em diabéticos. Afirma que o acesso dos usuários aos recursos médicos adequados deve ser assegurado e explana orientações dietéticas para pessoas com diabetes, além de repassar orientações para a verificação da glicemia capilar e para o monitoramento da terapêutica farmacológica...

‣ Manejo do diabetes: eventos agudos na atenção básica

Paese, Fernanda; Vidor, Ana Cristina; Botelho, Lúcio José
Fonte: Universidade Aberta do SUS Publicador: Universidade Aberta do SUS
Formato: Conteúdo Online do módulo de Diabetes. Arquivo .zip contendo página html com recursos de texto, imagens e animações em flash.
Português
Relevância na Pesquisa
36.37005%
Este objeto começa explicando que o diabetes é uma das doenças mais frequentes em pessoas que buscam os serviços de saúde, principalmente na Atenção Básica. Destaca que a grande prevalência de diabetes na população faz com que suas complicações sejam também frequentes, gerando grande demanda aos serviços de saúde. Conceitua os diferentes tipos de diabetes, dentre os quais o diabetes mellitus tipo 1, diabetes mellitus tipo 2, diabetes mellitus gestacional e outros tipos específicos de diabetes. Indica os principais fatores de risco para o desenvolvimento de diabetes tipo 2, pois, além de ser a forma predominante, é também a que apresenta a grande maioria das complicações. Orienta que as principais complicações agudas do diabetes são as hipoglicemias e as hiperglicemias, explicando características da cetoacidose diabética (CAD) e do estado hiperosmolar hiperglicêmico (EHH), mostrando como diagnosticar tais complicações. Detalha que a doença periodontal também é uma complicação aguda muito comum em diabéticos. Afirma que o acesso dos usuários aos recursos médicos adequados deve ser assegurado e explana orientações dietéticas para pessoas com diabetes, além de repassar orientações para a verificação da glicemia capilar e para o monitoramento da terapêutica farmacológica...

‣ Whole Grain, Bran, and Germ Intake and Risk of Type 2 Diabetes: A Prospective Cohort Study and Systematic Review

de Munter, Jeroen S. L; Groop, Leif C; Hu, Frank B.; Spiegelman, Donna Lynn; Franz, Mary; van Dam, Rob M.
Fonte: Public Library of Science Publicador: Public Library of Science
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
36.37005%
Background: Control of body weight by balancing energy intake and energy expenditure is of major importance for the prevention of type 2 diabetes, but the role of specific dietary factors in the etiology of type 2 diabetes is less well established. We evaluated intakes of whole grain, bran, and germ in relation to risk of type 2 diabetes in prospective cohort studies. Methods and Findings: We followed 161,737 US women of the Nurses' Health Studies (NHSs) I and II, without history of diabetes, cardiovascular disease, or cancer at baseline. The age at baseline was 37–65 y for NHSI and 26–46 y for NHSII. Dietary intakes and potential confounders were assessed with regularly administered questionnaires. We documented 6,486 cases of type 2 diabetes during 12–18 y of follow-up. Other prospective cohort studies on whole grain intake and risk of type 2 diabetes were identified in searches of MEDLINE and EMBASE up to January 2007, and data were independently extracted by two reviewers. The median whole grain intake in the lowest and highest quintile of intake was, respectively, 3.7 and 31.2 g/d for NHSI and 6.2 and 39.9 g/d for NHSII. After adjustment for potential confounders, the relative risks (RRs) for the highest as compared with the lowest quintile of whole grain intake was 0.63 (95% confidence interval [CI] 0.57–0.69) for NHSI and 0.68 (95% CI 0.57–0.81) for NHSII (both: p-value...

‣ RELATION BETWEEN MIGRAINE, DIABETES MELLITUS AND PHYSICAL EXERCISE; RELAÇÃO ENTRE ENXAQUECA, DIABETES MELLITUS E EXERCÍCIO FÍSICO

Petroianu, Andy; Soares, Ana Rita Glória; Rocha, Cibele Grossi; Souza, Cristiane Mattos; Cardoso, Florença Aguiar; Silva, Marilene Lucinda
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 30/12/2000 Português
Relevância na Pesquisa
36.37005%
A enxaqueca pode ocorrer em pessoas susceptíveis a vários fatores, incluindo o jejum e o exercício físico. De acordo com a literatura, esses fenômenos poderiam relacionar-se com os níveis de glicemia. Objetivo: Pesquisar a relação entre o diabetes mellitus, a enxaqueca e o exercício físico. Casuística e Método: Foram entrevistados 100 diabéticos (50 do tipo 1 e 50 do tipo 2) e 100 pessoas normais (grupo-controle) sem associação com enxaqueca e exercício físico. Resultados: A enxaqueca ocorreu em 28% no grupo-controle. Ela esteve presente em 32% dos diabéticos tipo 1, sendo que um doente relatou melhora da cefaléia após o início do diabetes; outros 20% passaram a ter enxaqueca após o estabelecimento do diabetes; dois pacientes referiram piora após o início do diabetes. A enxaqueca esteve presente também em 18% dos diabéticos tipo 2. Quanto à relação entre enxaqueca e exercício físico, observou-se que dos 38 pacientes diabéticos que praticavam esportes rotineiramente, apenas 20,5% apresentaram enxaqueca, enquanto que, dos 60 diabéticos que não faziam exercício físico, 30% relataram esse quadro. No grupo-controle, os achados foram proporcionalmente os mesmos: das 71 pessoas normais com vida sedentária...

‣ Periodontal disease and diabetes mellitus

NEGRATO, Carlos Antonio; TARZIA, Olinda; JOVANOVIČ, Lois; CHINELLATO, Luiz Eduardo Montenegro
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia de Bauru Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Odontologia de Bauru
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2013 Português
Relevância na Pesquisa
36.37005%
Periodontal disease (PD) is one of the most commonly known human chronic disorders. The relationship between PD and several systemic diseases such as diabetes mellitus (DM) has been increasingly recognized over the past decades. Objective The purpose of this review is to provide the reader with knowledge concerning the relationship between PD and DM. Many articles have been published in the English and Portuguese literature over the last 50 years examining the relationship between these two chronic diseases. Data interpretation is often confounded by varying definitions of DM, PD and different clinical criteria were applied to determine the prevalence, extent and severity of PD, levels of glycemic control and diabetes-related complications. Methods This paper provides a broad overview of the predominant findings from research conducted using the BBO (Bibliografia Brasileira de Odontologia), MEDLINE, LILACS and PubMed for Controlled Trials databases, in English and Portuguese languages published from 1960 to October 2012. Primary research reports on investigations of relationships between DM/DM control, PD/periodontal treatment and PD/DM/diabetes-related complications identified relevant papers and meta-analyses published in this period. Results 7This paper describes the relationship between PD and DM and answers the following questions: 1- The effect of DM on PD...

‣ Metabolic Pathways of Type 2 Diabetes: Intersection of Genetics, Transcriptomics, and Metabolite Profiling

Ferrara, Christine Therese
Fonte: Universidade Duke Publicador: Universidade Duke
Tipo: Dissertação Formato: 3189628 bytes; application/pdf
Publicado em 25/07/2008 Português
Relevância na Pesquisa
36.37005%

Type 2 diabetes is characterized by insufficient insulin secretion to maintain euglycemia in the setting of peripheral insulin resistance. The majority of insulin-resistant diabetics are obese, yet not all insulin-resistant obese individuals develop diabetes. This obesity/diabetes dichotomy suggests that genetic factors play a pivotal role in disease pathogenesis.

Gene mapping has identified genetic quantitative trait loci (QTL) influencing disease-related phenotypes. To uncover molecular pathways leading from genotype to clinical trait, we classify phenotypes in greater depth and identify QTL that influence combinations of physiological traits, mRNA levels, and metabolite abundance. A major challenge then becomes deciphering the causal interrelationships among correlated phenotypes.

In this dissertation, we develop methods for building causal direction into an undirected network by including QTLs for each phenotype. We then apply and validate these methods in an F2 intercross between the diabetes-resistant C57BL/6 leptinob/ob (B6ob/ob) and the diabetes-susceptible BTBR leptinob/ob (BTBRob/ob) mouse strains. We show that genomic analysis can be integrated with liver transcriptional and metabolite profiling data to construct causal networks for specific metabolic processes in liver. This causal network construction led to the discovery of a pathway by which glutamine induces Phosphoenolpyruvate carboxykinase (Pck1) expression.

To investigate glutamine induction of Pck1 in the context of diabetes...

‣ The knowledge of women with diabetes mellitus regarding preconception care and maternal-fetal risks; Conocimiento de mujeres con diabetes mellitus sobre cuidados preconcepcionales y riesgos materno-fetales; Conhecimento de mulheres com diabetes mellitus sobre cuidados pré-concepcionais e riscos materno-fetais

Moura, Escolástica Rejane Ferreira; Evangelista, Danielle Rosa; Damasceno, Ana Kelve de Castro
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/02/2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.37005%
The objective of this study was to describe the reproductive profile of women with diabetes mellitus (DM) and to identify their knowledge regarding maternal and fetal risks and preconception care. This exploratory study was performed at the Integrated Center for Hypertension and Diabetes, from March to July 2009, on a sample consisting of 106 women. The variables were: number of pregnancies, births and abortions, and planning the pregnancy. The data were collected through interviews that followed a preconceived form. The reproductive profile of women with DM proved to be permeated with risks and showed negative repercussions to maternal and fetal health. Of the 106 (100%) women studied, 44 (41.5%) demonstrated adequate knowledge regarding preconception care, while 58 (54.7%) had limited knowledge regarding maternal and fetal risks. It is necessary to provide information to women with diabetes to promote knowledge of maternal and fetal risks and preconceptional care.; Se objetivó describir el perfil reproductivo de mujeres con diabetes mellitus (DM) y verificar su nivel de conocimiento en cuanto a riesgos maternales y fetales, y cuidados preconcepcionales. Estudio exploratorio realizado con 106 mujeres, en el Centro Integrado de Hipertensión y Diabetes...

‣ Diabetes-related mortality among Mexican Americans, Puerto Ricans, and Cuban Americans in the United States

Smith,Chrystal A. S.; Barnett,Elizabeth
Fonte: Organización Panamericana de la Salud Publicador: Organización Panamericana de la Salud
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2005 Português
Relevância na Pesquisa
36.37005%
OBJECTIVES: Hispanics are the most rapidly growing minority group in the United States, and Mexican Americans, Puerto Ricans and Cuban Americans are the three largest Hispanic subgroups. Among Hispanics, type 2 diabetes is the fifth leading cause of death. This paper examines diabetes-related mortality in Mexican Americans, Puerto Ricans, and Cuban Americans over 35 years of age in the United States during 1996 and 1997. METHODS: Using data from the National Vital Statistics System and the 1990 and 2000 censuses, we calculated age-adjusted and age-specific diabetes-related death rates for Mexican Americans, Puerto Ricans, and Cuban Americans over 35 years of age. Diabetes-related deaths were determined to be any death for which diabetes was coded as either the underlying or contributing cause of death. RESULTS: The diabetes-related mortality rate for Mexican Americans (251 per 100 000) and Puerto Ricans (204 deaths per 100 000) was twice as high as the diabetes-related mortality rate for Cuban Americans (101 deaths per 100 000). Cuban American decedents had the highest proportion of deaths with diabetes coded as the underlying cause of death (44%). After diabetes, heart disease (31%) followed by cancer (8%) and stroke (6%) were the most frequent primary underlying causes of diabetes-related deaths in all three ethnic groups. CONCLUSION: Our analyses of these data demonstrate that diabetes-related mortality differed among Mexican Americans...