Página 19 dos resultados de 34243 itens digitais encontrados em 0.012 segundos

‣ Proposta de modelo para avaliação da aprendizagem a partir das operações cognitivas do projetista

Futami, André Hideto
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 182 p.| il., tab.
Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção; A aprendizagem possui uma função estratégica para as organizações na medida em que seus processos determinam a capacidade de adaptação e de sobrevivência no ambiente competitivo. Nesse contexto, o processo de desenvolvimento de produtos é um processo-chave que executa a estratégia da organização. No entanto, o termo "aprendizagem" não tem sido muito bem compreendido. Ele é utilizado como sinônimo de conhecimento pessoal e, muitas vezes, é confundido como um processo de aquisição de conhecimentos. Uma das consequências da falta de uma definição mais precisa quanto à aprendizagem é a constatação de que ainda permanece obscuro o que é aprendido durante o processo de desenvolvimento de novos produtos. O objetivo principal deste trabalho é propor um modelo para avaliar a aprendizagem que ocorre no ambiente de projetos. Para isso, este trabalho adota um viés cognitivo, na medida em que a aprendizagem é um fenômeno que ocorre em nível pessoal envolvendo componentes como a percepção, a experiência, o conhecimento e o sistema de memória. Dessa forma, a partir de um constructo que sintetiza as operações cognitivas do projetista...

‣ Um sistema para o ensino e aprendizagem de algoritmos utilizando um companheiro de aprendizagem colaborativo

Petry, Patrícia Gerent
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xii, 82 f.| il., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro Tecnológico. Programa de Pós-graduação em Ciência da Computação; Esta dissertação apresenta um modelo computacional de um sistema de suporte ao ensino e aprendizagem no domínio de algoritmos. O sistema inclui um companheiro de aprendizagem virtual, que utiliza a Modelagem Baseada em Restrições (Constraint-Based Modelling) como forma de representação do conhecimento e raciocínio. Os Sistemas Companheiro de Aprendizagem (Sistemas Learning Companion) são considerados uma evolução dos Sistemas Tutores Inteligentes e têm na sua arquitetura, além dos módulos tradicionais deste tipo de sistema, um companheiro virtual que interage com o estudante na resolução de problemas, auxiliando e colaborando no aprendizado de um determinado domínio. A abordagem da modelagem baseada em restrições tem como fundamento uma teoria de aprendizagem que traz uma concepção do processo de ensino e aprendizagem em que o aluno aprende através dos seus erros. O sistema modelado e prototipado - o AlgoLC - proporciona ao estudante um auxílio individualizado de um companheiro de aprendizagem que tem um papel colaborativo, interagindo com o aluno com o objetivo de estimulá-lo a verificar seus erros e corrigilos...

‣ Crenças em estratégias de aprendizagem de línguas (inglês) de alunos de cursos de letras

Lopes, Glenda Rúbia
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução, 2007.; Este estudo visa investigar as estratégias de aprendizagem de línguas e as crenças de dez alunos de Letras de duas instituições, uma particular e uma pública. O objetivo é identificar as crenças dos participantes de pesquisa sobre estratégias de aprendizagem de língua estrangeira (inglês) e verificar como estas crenças em EALs podem influenciar a aprendizagem de Língua Inglesa, através do seu dizer e do seu fazer. A pesquisa é de natureza qualitativainterpretativista em que foram usados os seguintes procedimentos de coleta de dados: questionários, entrevistas, observação das aulas seguidas de gravações em áudio e vídeo e anotações de campo e diários dialogados. Os resultados revelam que os alunos utilizam de várias EALs diretas cognitivas e de memorização e poucas EALs indiretas. Na Instituição A, a crença dos participantes da pesquisa na importância de obter notas suficientes para passar de ano afetam a maneira como usam as EALs e os resultados da sua aprendizagem. Na Instituição B, a ausência de estratégias de aprendizagem afetivas afeta a produção oral. As crenças dos participantes desta pesquisa em aprendizagem de Língua Inglesa refletem as abordagens do ensino-aprendizagem dos professores e os contextos escolares que estudaram no decorrer de suas vidas. Observamos também que as ações dos aprendizes nem sempre coincidem com suas crenças. ________________________________________________________________________________________ ABSTRACT; This study aims at investigating the Language Learning Strategies and the beliefs of ten students from the courses of Letters at two colleges...

‣ O uso de apresentações em slides e de um ambiente virtual de aprendizagem na perspectiva de promoção da aprendizagem significativa de conteúdos de colisões em nível de ensino médio

Lara, Anna Elisa de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Decanato de Pesquisa e Pós-Graduação, Instituto de Física, Instituto de Química, 2008.; Este trabalho trata da construção e da aplicação de um material instrucional, que aborda o tópico de Colisões, elaborado com o objetivo de promover o processo de aprendizagem significativa, utilizando as novas tecnologias da informação e da comunicação. Este material foi aplicado em uma turma da primeira série do ensino médio, no início do segundo semestre de 2006, no Centro Educacional Dimensão, na cidade satélite do Guará, em Brasília, DF. Para a construção deste material nos fundamentamos nos resultados de pesquisas já realizadas na área e especialmente na teoria da aprendizagem significativa de David Ausubel. Utilizamos ainda, de forma complementar, o referencial teórico dos campos conceituais de Gèrard Vergnaud. Fazem parte do material produzido uma série de aulas em slides e um conjunto de atividades que podem ser utilizadas em um ambiente virtual Moodle. Juntamente com a construção deste material produzimos algumas animações também visando facilitar o processo de aprendizagem significativa. Estas animações fazem parte de alguns slides e de atividades do ambiente virtual. O objetivo deste trabalho foi o de investigar a hipótese de que as novas tecnologias da informação e da comunicação...

‣ Aprendizagem, competência e desempenho no trabalho

Oliveira, Hervecia Fernanda Fidelis de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, 2010.; O advento das tecnologias e as correntes mudanças no mundo do trabalho têm levado os trabalhadores a uma contínua busca pelo desenvolvimento profissional. Os modelos econômicos estão mais voltados à incorporação do conhecimento, que se configura como essencial ao processo de produção e geração de riqueza. A aquisição desse conhecimento e as estratégias de aprendizagem no trabalho tornam-se de suma importância para que as organizações se mantenham competitivas e os trabalhadores garantam sua empregabilidade. Com o foco em manterem-se competitivas, as organizações buscam meios de apoiar a aprendizagem de seus empregados, supondo que isto melhorará o seu desempenho. Entre o apoio e o desempenho há processos psicossociais que precisam ser investigados e que são objeto desta pesquisa. Este estudo teve como objetivo principal testar empiricamente a existência de relações entre as variáveis aprendizagem, competência e desempenho. O desempenho no trabalho de 225 empregados de uma empresa pública brasileira de pesquisa agropecuária foi a variável critério. Foram testadas as evidências empíricas de três escalas: suporte à aprendizagem ao trabalho...

‣ Neuroproteômica : proteínas relacionadas à aprendizagem em abelhas e ratos

Souza, Jaques Miranda Ferreira de
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Biologia Celular, 2012.; Aprendizagem associativa pode ocorrer por condicionamento operante, através do qual o animal consegue antecipar eventos futuros baseado em suas experiências como consequências de seus próprios comportamentos. Trata-se de uma forma de aprendizagem que o homem compartilha com outros animais, incluindo invertebrados. O uso de ratos e abelhas como modelos biológicos em estudos comportamentais tem ajudado na compreensão dos mecanismos moleculares envolvidos na aprendizagem por condicionamento operante. O objetivo desse trabalho foi identificar proteínas envolvidas no processo de aprendizagem por meio de análises proteômicas cerebrais de abelha mandaçaia (Melipona quadrifasciata) e rato (Rattus norvegicus). Neste trabalho, foram padronizadas condições para separação de extratos cerebrais de abelhas por meio de eletroforese bidimensional (2DE). Os perfis que apresentaram melhor resolução de spots proteicos foram obtidos com as seguintes condições: concentração de anfólitos a 1,5 %, CHAPS a 1 % e reposição de DTT no cátodo durante a isoeletrofocalização. Proteomas cerebrais de abelhas treinadas por condicionamento operante e controles foram comparados através de DIGE...

‣ Estratégias de aprendizagem e domínio de competências em grupos de pesquisa

Fernandez, Fábio Ferraz
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Programa de Pós-Graduação em Administração, 2012.; Este estudo objetivou verificar a percepção de estudantes e de pesquisadores quanto as estratégias de aprendizagem utilizadas e competências desenvolvidas com a atuação em grupos de pesquisa. Este estudo também teve como objetivo desenvolver e validar uma escala de domínio de competências em grupos de pesquisa, uma escala de estratégias de aprendizagem em grupos de pesquisa e analisar a correlação entre competências e estratégias de aprendizagem destas escalas. O instrumento de domínio de competências foi desenvolvido com base em revisão de literatura e dados empíricos obtidos em estudo piloto e foi submetido a validação semântica e teórica junto a juízes, enquanto o instrumento de estratégia de aprendizagem foi adaptado de escala validada. Os instrumentos foram enviados eletronicamente e respondidos por uma amostra de 1.885 integrantes de grupos de pesquisa, cadastrados na plataforma Lattes do CNPq, e, tiveram os dados submetidos a análises descritiva e fatorial. As 54 competências relativas a atividades de pesquisa do instrumento de domínio de competência foram agrupadas em 4 fatores: análise e revisão da literatura; planejamento de pesquisa; coleta e análise de dados; redação e comunicação de textos científicos. Para o instrumento de estratégias de aprendizagem identificou-se 2 fatores: Reflexão ativa...

‣ Comportamento informacional de busca em um ambiente virtual de aprendizagem de apoio ao ensino presencial

Moraes, Thiago Guimarães
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciência da Informação, Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação, 2013.; Essa pesquisa estuda o problema: Qual é o comportamento informacional de busca dos alunos no processo de ensino e aprendizagem em ambientes virtuais? Para isso explora as seguintes questões: Qual o comportamento informacional de busca de informação de alunos do ensino superior, enquanto usuários de um Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) de apoio ao ensino presencial? Como um AVA usado no suporte ao ensino presencial possibilita a satisfação de necessidades informacionais de seus usuários? O comportamento informacional de busca de informação do aluno em um AVA, durante seu engajamento na aprovação de uma disciplina, pode ser associado a quais estilos de aprendizagem? Para responder às questões formuladas foi analisado o comportamento informacional de uma turma de alunos de uma disciplina de graduação que utiliza o suporte de um ambiente virtual de aprendizagem, especialmente o comportamento de busca por informação. A pesquisa foi realizada junto a uma turma cujo docente utiliza o ambiente virtual de aprendizagem Aprender-UnB, Ambiente de Aprendizagem dos Alunos da Universidade de Brasília. As bases teóricas da pesquisa são os modelos de estudos de usuário de Taylor...

‣ A relação entre inteligência fluida, desempenho acadêmico e aprendizagem : uma abordagem multinível

Valentini, Felipe
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Instituto de Psicologia, Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social, do Trabalho e das Organizações, 2013.; A inteligência fluida refere-se à capacidade de solucionar problemas novos, para os quais a pessoa não tem conhecimento prévio. Esse construto psicológico está relacionado à capacidade de aprendizagem e prediz outras variáveis importantes, como desempenho acadêmico e desempenho no trabalho. Contudo, pouco se conhece sobre a influência de variáveis do nível contextual sobre a relação entre a inteligência e os diversos tipos de desempenho. Nesse sentido, esta tese investigou, principalmente, a moderação de variáveis da escola na relação entre a inteligência fluida, o desempenho acadêmico e a aprendizagem. Para tanto, foram conduzidos quatro estudos. O primeiro estudo teve como objetivo revisar criticamente a literatura sobre o tema. No que diz respeito às variáveis do estudante, a revisão apontou, principalmente, para as características de responsabilidade e de autodisciplina na predição do desempenho acadêmico. No que se refere às variáveis contextuais, os recursos da escola e o nível socioeconômico agregado também foram apontados como importantes para a predição do desempenho acadêmico. Entretanto...

‣ Construindo um caminho para o PEC-G : experiências, crenças e identidades na aprendizagem de PL2

Yamanaka, Juliana Harumi Chinatti
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Letras, Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução, Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada, 2013.; Para ingressar no Programa de Estudante Convênio de Graduação oferecido pelo Brasil, os estudantes estrangeiros falantes de outras línguas devem primeiramente comprovar o nível intermediário de proficiência em língua portuguesa por meio do exame chamado Celpe-Bras. Para a obtenção dessa certificação, os intercambistas se submetem a um breve e complexo período de aprendizagem da língua no país, foco de análise desta investigação. Diante disso, o estudo tem como objetivo investigar a construção da relação entre os intercambistas e o português como segunda língua (doravante PL2), a partir das possíveis relações entre experiências, crenças e identidades. Para isso, foram propostas as seguintes perguntas de pesquisa: 1) Como se caracterizam as experiências dos estudantes em PL2? 2) Quais são as crenças dos estudantes sobre o processo de ensino e aprendizagem do PL2? 3) Como ocorre o processo de (re)construção das identidades ao longo do período de aprendizagem observado?, e, por último, 4) Quais são as possíveis relações entre experiências...

‣ Estudo sobre a utilização e interoperabilidade entre conteúdos de aprendizagem com diferentes granularidades

Relvão, Rafael Rodrigues
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 27/09/2006 Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
Dissertação mestrado em Sistemas de Informação; Das novas correntes da aprendizagem centradas na autonomia e ritmo dos alunos, ressalta a importância e a consequente atenção que deve ser dada à qualidade dos conteúdos de aprendizagem. Eles deverão ser estruturados de forma a considerar o perfil de cada aluno, para que este possa promover a construção eficaz do seu conhecimento. Conteúdos de qualidade com estas características são recursos muito dispendiosos. A reutilização e partilha desses recursos torna-se, por isso, numa necessidade premente. Questões como a granularidade e a interoperabilidade dos conteúdos, bem como a compatibilidade das tecnologias e plataformas de suporte, podem pôr em causa tanto a reutilização como a partilha. Daí a atenção que deve ser dada à organização dos conteúdos de aprendizagem em Bibliotecas Digitais e à sua implementação. Este trabalho aborda a problemática da organização de conteúdos de aprendizagem, de forma a promover a sua interoperabilidade, considerando a sua granularidade. São apresentadas características e vários Sistemas de Classificação e de Organização de Conteúdos. Recomendações, Especificações e Normas de compatibilidade são aqui descritas e aprofundadas...

‣ Ambientes virtuais de aprendizagem no contexto do ensino presencial : uma abordagem reflexiva

Lopes, António Marcelino; Gomes, Maria João
Fonte: Centro de Competência da Universidade do Minho Publicador: Centro de Competência da Universidade do Minho
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2007 Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
Com esta comunicação pretendemos partilhar algumas reflexões em torno da utilização de ambientes virtuais de aprendizagem no contexto do ensino presencial. Esta reflexão, para além de alicerçada em algumas fontes consultadas, terá por base a experiência vivenciada na Escola Secundária Póvoa de Lanhoso (E.S.P.L.) desde o final do ano lectivo de 2005/06. Na sequência da provação do projecto “Criação e dinamização de um ambiente virtual de aprendizagem” no âmbito do “1º Concurso de produção de conteúdos educativos”, dinamizado pela Equipa de Missão do CRIE, a Escola dispõe de uma plataforma virtual de aprendizagem que tem sido utilizada no contexto de diversas áreas disciplinares e curriculares, projectos de colaboração e apoio a actividades de gestão. Ao longo do processo de implementação e dinamização da plataforma de aprendizagem fomos registando dados sobre contextos de utilização, implicações pedagógicas na sala de aula, dificuldades de professores e alunos, modelos pedagógicos preconizados, tipos de actividades dinamizadas, papel assumido pelo professor, papel atribuído aos alunos, factores condicionantes, aspectos que mudaram nas aulas, práticas inovadoras, etc. Neste momento...

‣ Abordar a complexidade através da reflexão e da desconstrução : implicações na estruturação de objectos de aprendizagem

Carvalho, Ana Amélia Amorim
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em //2007 Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
A aprendizagem nos níveis avançados é, geralmente, caracterizada pela complexidade dos assuntos. Vários autores (e.g., Morin, Barthes, Spiro, Battram) partilham da opinião de que para se conseguir alcançar uma compreensão adequada de uma situação complexa é necessário a utilização de múltiplas abordagens ou perspectivas. A abordagem que vamos apresentar baseia-se na Teoria da Flexibilidade Cognitiva e nos estudos que temos realizado, que nos permitiram avaliar a importância dos seus princípios na aprendizagem e na transferência do conhecimento para novas situações. Pudemos também constatar que a teoria supra mencionada, proporciona uma análise em profundidade, mas não desafia o aluno a ter um papel activo na construção do conhecimento. Nesse sentido, sentimos necessidade de facultar ao aluno um papel mais envolvente na aprendizagem, conduzindo-o à reflexão através de questões, às quais tinha que responder. Os resultados obtidos vieram confirmar a importância do processo de desconstrução e da reflexão. A nossa investigação mais recente tem incidido sobre a estruturação de objectos de aprendizagem, tendo-se proposto o modelo Múltiplas Perspectivas que só pode ser aplicado em níveis de aprendizagem intermédios (ou avançados). O aluno explora independentemente os objectos de aprendizagem e quer em debates na aula quer através de debates no fórum é convidado a reflectir sobre os objectos de aprendizagem desconstruídos.

‣ Abordagem dos alunos à aprendizagem : análise do construto

Rosário, Pedro; Almeida, Leandro S.; Núñez Perez, José Carlos; González-Pienda, Júlio A.
Fonte: Universidade de São Francisco. Núcleo de Publicação e Divulgação Cientifica Publicador: Universidade de São Francisco. Núcleo de Publicação e Divulgação Cientifica
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /12/2004 Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
A partir dos anos 70, emergiram dois referenciais para se investigar as abordagens dos alunos à aprendizagem. O primeiro, qualitativo, baseado nos estudos de Marton e colaboradores; o outro, desenvolvido por Biggs e colaboradores, e por Entwistle. O QPA (Questionário de Processos de Aprendizagem), uma adaptação para a língua portuguesa do Learning Processes Questionnaire, foi usado para avaliar as abordagens à aprendizagem. A dimensionalidade desse instrumento tem sido discutida na literatura, perguntando-se se três fatores (superficial, profundo e de alto rendimento) mostraram a descrição mais apropriada do construto. Os dados obtidos reforçam a convicção de que existem duas orientações fundamentais à aprendizagem, distinguindo-se pela presença ou ausência da intenção para compreender o material a aprender, tal como foi sugerido nos estudos iniciais por Marton e Säljö. Ressalta-se a necessidade de uma discussão complementar sobre a natureza substantiva da abordagem de alto rendimento em futuras investigações.; Starting from the seventies, two frameworks investigating the approaches to learning emerged. The first one, qualitative, from Marton and collaborators’ studies, and the other one developed by Biggs and collaborators...

‣ Diferenças processuais na aprendizagem : avaliação alternativa das estratégias de auto–regulação da aprendizagem

Rosário, Pedro
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /03/2001 Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
Este artigo reflecte uma investigação sobre as estratégias de estudo de 558 alunos do 10 e 12º ano dos quatro agrupamentos do ensino secundário. As estratégias de auto-regulação da aprendizagem foram avaliadas segundo uma metodologia qualitativa com base nos estudos de Barry Zimmerman e colegas (1986, 1988, 1996) que identifica as 14 estratégias de auto-regulação da aprendizagem mais comuns na abordagem dos alunos às tarefas de aprendizagem. Esta investigação visa identificar as estratégias de auto-regulação da aprendizagem que os alunos do Secundário utilizam quando enfrentam as suas tarefas académicas. São analisadas neste artigo as relações entre as estratégias utilizadas pelos alunos, o ano escolar, as suas classificações escolares, e discutidas as implicações destes dados para a prática docente, a fim de contribuir para a compreensão do processo de aprendizagem dos alunos do Secundário e promover aprendizagens mais significativas.

‣ Módulo on-line para a aprendizagem de continuidade visual : concepção, desenvolvimento e validação

Silva, José Miguel Gago da
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
A necessidade de reforçar o processo de aprendizagem do conceito e da prática da continuidade visual foi a base e serviu de motivação para esta dissertação. As novas tecnologias de Informação e Comunicação na organização e implementação do processo de aprendizagem, com recurso ao e-Learning como suporte mais eficaz e motivador foi a nossa escolha. A investigação realizada no ano lectivo 2005/2006 sobre a problemática acima mencionada foi a base deste estudo. O nosso principal objectivo centrou-se na concepção e validação de um módulo de suporte à aprendizagem da continuidade visual (conteúdo da disciplina de Ferramentas de Multimédia e Hipermédia da Licenciatura de Artes da Imagem – Vertente de Multimédia) e teste de e-Learning para apoio à aprendizagem do mesmo de forma a explorar estratégias de implementação on-line. Desenvolvemos este trabalho através da comparação de uma estratégia de ensino aprendizagem tradicional com uma solução baseada na Internet. Este estudo envolveu quatro turmas, duas no primeiro momento e as restantes no segundo. Na recolha de dados, nas duas experiências utilizámos as técnicas de observação directa e participante, apoiadas pelo diário de experiência, dados de inquérito e dados da plataforma. Na natureza do trabalho desenvolvido...

‣ Ensino da física num curso superior de engenharia : na procura de estratégias promotoras de uma aprendizagem activa

Oliveira, Paulo José Coelho de
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
A presente investigação insere-se no domínio científico da Didáctica da Física, mais especificamente no estudo de estratégias de ensino e aprendizagem da Física de um Curso Superior de Engenharia passíveis de aumentar o interesse, a motivação e a aprendizagem activa dos estudantes. O ponto de partida principal da investigação reside no sentir profissional do seu autor enquanto docente desse tipo de estudantes. Certamente porém, que foi crescendo ao longo do percurso investigativo a relevância dos ensinamentos proveniente da literatura da especialidade. Os contributos do estudo situam-se a dois níveis: ao nível pessoal e profissional do investigador, nomeadamente no que se refere às suas práticas de ensino e ao seu desenvolvimento enquanto profissional e investigador; ao nível do desenvolvimento de conhecimento na área referida, na medida em que se julga que, apesar da especificidade do contexto onde o estudo principal foi realizado - na disciplina de Física I do primeiro ano, primeiro semestre, do Curso de Engenharia Civil do Instituto Superior de Engenharia do Porto/ISEP, no ano lectivo de 2006/2007 leccionada por sete docentes - ele trouxe ensinamentos que, se re-contextualizados, podem influenciar outros estudos e práticas. Para além das contribuições para o ensino e sua fundamentação conceptual...

‣ A matemática, a leitura e o ensino-aprendizagem da matemática

Borralho, António; Barbosa, Elsa
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Aula
Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
Esta comunicação pretende abordar para a leitura como ferramenta fundamental para o processo de ensino-aprendizagem dando importância à reflexão sobre a formação de leitores, mormente entre as crianças e jovens; e de igual forma falar de sensibilização para a leitura e incentivo dos docentes pelo prazer de ler, na sua vida profissional e pessoal. Assim, a comunicação assentou na metodologia do ensino da matemática tendo em conta 4 dimensões (relacionadas com a leitra) que enquadraram vários conteúdos do ensino e aprendizagem desta disciplina. Dimensões de análise a explorar: 1.Conhecer, compreender e utilizar a linguagem e o vocabulário próprios da Álgebra. 2.Usar e valorizar o uso das TIC no processo de ensino-aprendizagem da Matemática. 3.Tipologias de texto específicas da Matemática: caraterísticas e ferramentas que possam facilitar a leitura e compreensão dos conteúdos. 4.Comunicar o conteúdo aprendido: estratégias de ensino e avaliação da Matemática; a expressão oral e escrita no processo de aprendizagem da disciplina. Conteúdos a abordar: 1.Álgebra •Apresentação de possíveis abordagens à temática da Álgebra •Apresentação e discussão de algumas tarefas realizadas por alunos. 1.1.Pensamento algébrico 1.2.Abordagens 2.TIC na Educação Matemática •Apresentação e discussão sobre os desafios que a utilização das TIC trazem aos professores e aos alunos. •Discussão de possíveis estratégias a implementar para que o professor se sinta confortável com a integração das TIC na sua prática letiva. 2.1.A tecnologia na sala de aula: desafios 2.2.Ambientes de Geometria Dinâmica (AGD) 2.2.1.O GeoGebra: abordagem comparativa com outros software) 2.3.Applets: potencialidades 2.4.Calculadoras: do histórico às perspetivas 3. Linguagem matemática •Apresentação e discussão de diferentes tipos de tarefas 3.1.Tarefas no ensino-aprendizagem da Matemática 3.1.1.Os exercícios 3.1.2.Os problemas 3.1.3.As explorações 3.1.4.As investigações 3.2.Relação com capacidades/temas transversais 4.Comunicação matemática •Apresentação e discussão de tarefas potenciadoras de ensino-avaliação-aprendizagem 4.1As tarefas no centro do processo de ensino-aprendizagem-avaliação 4.1.1Nível cognitivo de uma tarefa 4.1.2O apel de feedback 4.1.3 A verdadeira avaliação formativa e a comunicação

‣ O impacto do uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) face ao processo de ensino aprendizagem em Angola: o caso Colégio Júlio Verne- Luanda

Favinha, Marília; Víctor, Eufrásia
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Parte de Livro
Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
Resumo O presente artigo propõe-se estudar o Impacto das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) face ao processo de ensino aprendizagem em Angola, tendo como base um estudo elaborado no colégio “ Júlio Verne” em Luanda. Os recentes desenvolvimentos das tecnologias de informação e comunicação (TIC) clamam por um processo de inovação, através do qual é possível estabelecer novas práticas pedagógicas visando o aperfeiçoamento do processo de ensino aprendizagem. O paradigma tradicional parece dominar as salas de aula em Angola, facto consubstanciado no excesso de verbalismo que nela se pode verificar com frequência. Recursos como o computador, a Internet e o quadro interactivo podem ser utilizados para dar resposta às necessidades de aprendizagem dos alunos na construção do conhecimento. Este estudo investigou a possibilidade de as (TIC), nomeadamente, o computador, a Internet e o quadro interactivo não tiveram de alcançar o devido impacto no processo de ensino aprendizagem em Angola. Nele participaram alunos, professores e a directora do Colégio “Júlio Verne” em Luanda. Foram distribuídos questionários aos participantes com questões relacionadas com o tema em estudo e foi utilizada uma ficha de observação de aulas...

‣ Emoções e sentimentos nas experiências de aprendizagem no Ensino Superior – IESEA

Chaleta, E.
Fonte: Pedago Publicador: Pedago
Tipo: Parte de Livro
Português
Relevância na Pesquisa
36.517354%
O estudo das emoções e dos sentimentos académicos tem vindo a ganhar expressão na última década devido ao reconhecimento do seu impacto na formação do pensamento e na qualidade da aprendizagem dos estudantes. Em associação com as componentes cognitivas emergem emoções e sentimentos que influenciam a motivação, a auto-regulação e o envolvimento dos estudantes na aprendizagem e, consequentemente, a sua realização académica (Chaleta, 2003; Pekrun et al., 2011). A investigação evidenciou a existência de emoções positivas e negativas susceptíveis de activarem ou desactivarem o processo de aprendizagem (Pekrun et al., 2002; Efklides, 2011). Os resultados destes estudos permitem uma maior compreensão tanto dos processos de aprendizagem de excelência como de determinadas dificuldades de aprendizagem em alunos que não revelam qualquer comprometimento cognitivo (Meyer & Turner, 2002; 2006; Goetz et al, 2007; Linnenbrink-Garcia & Pekrun, 2011). No sentido de identificarmos as emoções/sentimentos académicos dos estudantes numa escala mais abrangente, desenhámos um instrumento IESEA (Inventário de Emoções e Sentimentos nas Experiências de Aprendizagem), a partir de estudos qualitativos realizados anteriormente. Apresentamos neste trabalho a primeira versão deste instrumento validada numa amostra de 410 estudantes de cursos de licenciatura da Universidade de Évora das áreas científicas de Ciências Sociais e Ciências e de Tecnologia.