Página 4 dos resultados de 398547 itens digitais encontrados em 0.083 segundos

‣ Vitamin or mineral supplement intake and the risk of head and neck cancer: pooled analysis in the INHANCE consortium

Li, Qian; Chuang, Shu-Chun; Eluf-Neto, Jose; Menezes, Ana; Matos, Elena; Koifman, Sergio; Wuensch-Filho, Victor; Fernandez, Leticia; Daudt, Alexander W.; Curado, Maria Paula; Winn, Deborah M.; Franceschi, Silvia; Herrero, Rolando; Castellsague, Xavier; Mo
Fonte: WILEY-BLACKWELL; HOBOKEN Publicador: WILEY-BLACKWELL; HOBOKEN
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
35.903413%
To investigate the potential role of vitamin or mineral supplementation on the risk of head and neck cancer (HNC), we analyzed individual-level pooled data from 12 casecontrol studies (7,002 HNC cases and 8,383 controls) participating in the International Head and Neck Cancer Epidemiology consortium. There were a total of 2,028 oral cavity cancer, 2,465 pharyngeal cancer, 874 unspecified oral/pharynx cancer, 1,329 laryngeal cancer and 306 overlapping HNC cases. Odds ratios (OR) and 95% confidence intervals (CIs) for self reported ever use of any vitamins, multivitamins, vitamin A, vitamin C, vitamin E, and calcium, beta-carotene, iron, selenium and zinc supplements were assessed. We further examined frequency, duration and cumulative exposure of each vitamin or mineral when possible and stratified by smoking and drinking status. All ORs were adjusted for age, sex, race/ethnicity, study center, education level, pack-years of smoking, frequency of alcohol drinking and fruit/vegetable intake. A decreased risk of HNC was observed with ever use of vitamin C (OR = 0.76, 95% CI = 0.590.96) and with ever use of calcium supplement (OR = 0.64, 95% CI = 0.420.97). The inverse association with HNC risk was also observed for 10 or more years of vitamin C use (OR = 0.72...

‣ "A influência da cultura no comportamento de prevenção do câncer" ; The influence of the culture on the cancer prevention behavior.

Cestari, Maria Elisa Wotzasek
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/02/2005 Português
Relevância na Pesquisa
35.906733%
O objetivo deste estudo foi apreender as idéias de prevenção do câncer, de um grupo específico de pessoas cadastradas no programa nacional de prevenção, sob o seu ponto de vista, tendo como referencial a cultura, baseada na antropologia médica e interpretativa. Nessa perspectiva, este estudo foi desenvolvido segundo a abordagem metodológica qualitativa, especificamente a do método etnográfico, usando-se a técnica do estudo de caso. Os sujeitos do estudo foram nove mulheres que realizaram o exame de prevenção do câncer do colo do útero, no período de janeiro a dezembro de 2003, em uma Unidade Básica de Saúde do Norte do Paraná. Os dados foram coletados por entrevistas semi-estruturadas e observação. Na análise dos dados encontramos quatro unidades de significação: o câncer e sua etiologia; a importância da prevenção, as formas de prevenção e os fatores que motivam e desmotivam esta prática; o impacto dos profissionais de saúde nos comportamentos de prevenção do câncer e o que realmente previne o câncer. Percebemos uma aproximação do conhecimento leigo com o conhecimento do modelo biomédico em algumas unidades. Encontramos a crença de que o câncer é uma doença fatal, cercada de estigmas. As formas de prevenção apreendidas foram: realização de exames periódicos; alimentação saudável; comportamento sexual e reprodutivo seguro; abstinência do tabaco; cuidados com o sol; terapias alternativas e não fazer nada. Os fatores considerados motivadores do comportamento de prevenção foram: os meios de comunicação; os profissionais de saúde; o contato com pessoas com câncer; o autocuidado; a facilidade de acesso aos exames; o medo; o dever de consciência e a habituação. Entre os fatores desmotivadores...

‣ Freqüência de câncer de próstata em pacientes transplantados renais: estudo caso-controle; Frequency of prostate cancer in patients submitted to renal transplantation: a case-control study

Alvarez, Gilberto Antunes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/09/2007 Português
Relevância na Pesquisa
35.9096%
INTRODUÇÃO: Os pacientes submetidos a transplante renal estão sujeitos a um risco muito aumentado para câncer, porém inexistem dados concretos quanto a maior chance de tumor de próstata nesses pacientes. Neste estudo, avaliou-se a freqüência de câncer de próstata em transplantados renais comparada à de pacientes-controle, bem como a sua relação com etnia, antecedentes familiares, toque prostático, níveis de PSA e aos esquemas de imunossupressão nos pacientes transplantados renais. MÉTODOS: Neste estudo caso-controle realizado entre agosto de 2004 e junho de 2006 comparou-se a freqüência de câncer de próstata entre pacientes transplantados renais (n=119) há mais de um ano e pacientes do grupo-controle (n=184), bem como as variáveis: etnia, idade, presença de antecedentes familiares, escore internacional de sintomas prostáticos, toque retal, níveis de PSA e índice de massa corpórea (IMC). Os pacientes com PSA e/ou toque retal alterado foram submetidos à biópsias prostáticas guiadas por ultra-som transretal. As comparações das freqüências entre os dois grupos deram-se através das variáveis: idade, etnia, presença de antecedentes familiares, toque suspeito e valores de PSA>2,5ng/mL e >4,0ng/mL. Avaliou-se também a relação entre os tipos e doses de imunossupressor e presença de câncer. RESULTADOS: Não houve maior freqüência de tumor de próstata em transplantados (6...

‣ Análise do aparelho mucociliar e das propriedades reológicas do muco respiratório em portadores de câncer pulmonar e extra-pulmonar; Analysis of the respiratory mucus properties in cancer patients concerning the primary site of the disease: pulmonary or extra pulmonary tumors

Souza, Areta Agostinho Rodrigues de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 27/11/2009 Português
Relevância na Pesquisa
35.906733%
Estudos anteriores (Zayas, 1990) tem sugerido a existência de uma melhor transportabilidade por cílio do muco respiratório de pacientes fumantes que não apresentam câncer de pulmão em comparação com pacientes fumantes com câncer de pulmão e semelhante carga tabágica. Nosso principal objetivo foi verificar esta hipótese. Nós estudamos 16 tabagistas com câncer de pulmão (média carga tabágica = 58,78), 16 tabagistas com câncer extra-pulmonar (média carga tabágica = 53,87) e 11 não Tabagistas com Metástase Pulmonar com indicação de broncoscopia diagnóstica. O muco respiratório foi coletado durante a broncoscopia, usando um pequeno cateter através do canal de aspiração do broncoscopio. A transportabilidade por cílio no palato de rã, ângulo de contato (wetabilidade), transportabilidade pela tosse e viscosidade (cone-plate) e análise morfológica do epitélio respiratório foi realizado. Não foi encontrada diferença estatística entre os pacientes Tabagistas (Câncer de pulmão e Câncer extra-Pulmonar) para os parâmetros de muco estudos. Da mesma forma não foi encontrada diferença estatística nas análises do muco coletado de um lado do tumor comparado com o lado contralateral. Entretanto, encontramos diferença estatística entre os grupos não tabagistas com Metástase Pulmonar e Tabagistas com câncer Pulmonar e Extra-Pulmonar para os parâmetros de Transportabilidade pela Tosse (p = 0...

‣ A busca de evidências para os fatores de risco alimentares do câncer colorretal: revisão integrativa da literatura; The search for evidence for the dietary risk factors for colorectal cancer: an integrative literature review

Zandonai, Alexandra Paola
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/08/2010 Português
Relevância na Pesquisa
35.9096%
Trata-se de uma revisão integrativa da literatura, que teve como objetivos buscar e sintetizar as evidências disponíveis na literatura científica relacionado aos fatores de risco alimentares para o câncer colorretal; categorizar os aspectos relacionados aos fatores de risco alimentares levantados e; selecionar as recomendações em educação em saúde especifica para promoção e prevenção para o câncer colorretal, aliada a uma alimentação saudável. Para a seleção dos estudos, foram consultadas as bases de dados LILACS, PUBMED, CINAHL e COCHRANE Library e a amostra constituiu-se de 26 estudos. Foram identificados 21 estudos (80,8%) indexados na base de dados PUBMED e 5 estudos (19,2%) na COCHRANE Library. Houve uma prevalência de 16 estudos (61,5%) com nível de evidência 2 e 10 estudos (38,5%) com nível de evidência 1. Após a análise dos aspectos abordados nestes artigos, reuniu-se em 4 categorias temáticas com a abordagem dos seguintes aspectos: 1- o consumo de carnes e os fatores de risco para câncer colorretal, composta por 6 estudos (23,1%); 2- ácido fólico, fibras, ?-tocoferol e ?-caroteno e os fatores de risco para câncer colorretal, com 6 estudos (23,1%); 3- os fatores de risco associados a suplementação pelo cálcio e vitamina D...

‣ Alterações Genéticas e Epigenéticas dos Genes do Complexo de Destruição de β-Catenina e Perfil Transcricional dos Componentes da Via de Sinalização Wnt no Câncer de Mama; Genetics and Epigenetics Disturbances of β-Catenin Destruction Complex and Transcriptional Profile of Wnt Signaling Components in Breast Cancer

Aristizábal Pachón, Andrés Felipe
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/05/2015 Português
Relevância na Pesquisa
35.9121%
O câncer de mama é a neoplasia responsável pelo maior número de mortes em mulheres no Brasil, portanto, é importante encontrar novos marcadores específicos e de diagnóstico precoce, utilizando procedimentos simples e rápidos. A via de sinalização Wnt regula importantes funções celulares como proliferação, sobrevida e adesão. Esta via está associada com os processos de iniciação e progressão em muitos tipos tumorais, como câncer de cólon familiar, melanoma e pulmão; sendo que mutações em β-Catenina (CTNNb1) explicam só 30% dos casos de sinalização aberrante encontrada no câncer de mama, indicando que existem outros componentes e/ou reguladores da via que possam estar envolvidos. O objetivo deste trabalho foi avaliar as variantes genéticas e epigenéticas nos genes do complexo de degradação de β-Catenina num grupo de pacientes com câncer de mama e num grupo controle; e determinar os perfis de transcrição dos componentes da via de sinalização Wnt e da molécula de expressão exclusiva do epitélio mamário, a Mamaglobina Humana (MGA), assim como associar estes resultados com as características clínicas, histológicas e patológicas do tumor. Para atingir este objetivo foram coletadas amostras de sangue periférico de 102 mulheres com câncer de mama e 102 mulheres sadias como grupo controle. A avaliação das variantes rs465899 do gene APC...

‣ Validação do FACT-F no Brasil e avaliação da fadiga e qualidade de vida em mulheres com cancer de mama; Validation of FACT-F in Brazil and evaluation of fadigue and quality of life in women with breast cancer

Neli Muraki Ishikawa
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/01/2009 Português
Relevância na Pesquisa
35.908218%
Objetivos: Validar a versão em português do questionário Functional Assessment of Cancer Therapy-Fatigue (FACT-F) em pacientes com câncer e avaliar a fadiga e a qualidade de vida em mulheres com câncer de mama em quimioterapia. Sujeitos e métodos: Para este estudo de validação do questionário FACT-F foram incluídos 270 pacientes, sendo 85 para avaliar a reprodutibilidade do questionário com diferentes tipos de câncer. Para avaliar a fadiga e qualidade de vida em mulheres com câncer de mama em quimioterapia foi realizado um estudo longitudinal e incluídas 188 mulheres. O período de realização dos estudos foi de setembro de 2005 a março de 2007. Inicialmente foi avaliada a reprodutibilidade do FACT-F através do teste-reteste para a língua portuguesa em pacientes com câncer; em seguida a versão para língua portuguesa foi submetida à validação, a fim de estabelecer propriedades incluindo a validade e confiabilidade em uma amostra de pacientes brasileiros com câncer; finalmente foi avaliada a relação entre fadiga e qualidade de vida relacionada à saúde em pacientes com câncer de mama antes do início da quimioterapia, e após 3º e 6º ciclo de quimioterapia. Resultados: O FACT-F apresentou uma boa correlação intraclasse para os domínios que foram de 0...

‣ Efeitos da meditação prânica sobre o bem-estar físico e emocional e os níveis de melatonina de sobreviventes de câncer de mama

Castellar, Juarez Iório
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
Português
Relevância na Pesquisa
35.908218%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Medicina, 2014.; Introdução. O câncer, caracteristicamente, afeta todas as dimensões da saúde humana. O crescimento tumoral compromete a saúde física pela dor e pelas diversas disfunções celulares e orgânicas associadas à condição da sobrevivente do câncer de mama, inclusive a alteração do sistema imunitário. Também afeta a saúde mental-emocional, o que se expressa pela ansiedade, depressão e pelas manifestações de tristeza, cansaço, raiva, desesperança, medo, ressentimento, amargura e culpa, que podem também comprometer a saúde interpessoal dos pacientes de câncer, assim como a saúde espiritual de todos envolvidos. Esse comprometimento multidimensional da saúde justifica a adoção de terapias complementares multidimensionais. A meditação desempenha esse papel com excelência. Objetivos. O propósito do presente estudo foi avaliar o efeito da meditação prânica, uma nova modalidade de meditação secular baseada nos antigos ensinamentos védicos sobre a qualidade de vida, a saúde mental e as concentrações de melatonina de sobreviventes de câncer de mama. Metodologia. O delineamento experimental foi o de um estudo prospectivo observacional do tipo antes e depois...

‣ Câncer de boca e orofaringe: tendências e análise de sobrevida em Natal (RN)

Azevedo, Paulo Roberto Medeiros de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde; Ciências da Saúde
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
35.906733%
Introduction: Mouth cancer is classified as having one of the ten highest cancer incidences in the world. In Brazil, the incidence and mortality rates of oral cancer are among the highest in the world. Intraoral cancer (tongue, gum, floor of the mouth, and other non-specified parts of the mouth), the accumulated survival rate after five years is less than 50%. Objectives: Estimate the accumulated survival probability after five years and adjust the Cox regression model for mouth and oropharyngeal cancers, according to age range, sex, morphology, and location, for the city of Natal. Describe the mortality and incidence coefficients of oral and oropharyngeal cancer and their tendencies in the city of Natal, between 1980 and 2001 and between 1997 and 2001, respectively. Methods: Survival data of patients registered between 1997 and 2001 was obtained from the Population-based Cancer Record of Natal. Differences between the survival curves were tested using the log-rank test. The Cox proportional risk model was used to estimate risk ratios. The simple linear regression model was used for tendency analyses of the mortality and incidence coefficients. Results: The probability after five years was 22.9%. The patients with undifferentiated malignant neoplasia were 4.7 times more at risk of dying than those with epidermoid carcinoma...

‣ Identificação e caracterização de biomarcadores teciduais e sorológicos no câncer de mama por Phage Display

Sousa, Cristina Soares de
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
35.906733%
CAPITULO II: O câncer de mama é uma das principais causas de morte em mulheres e ainda não existem medidas específicas de prevenção primária. A detecção precoce é o objetivo principal, visando à diminuição da mortalidade e aumento da sobrevida. Nesse trabalho foi utilizada a técnica de Phage Display para isolar peptídeos ligantes às proteínas do tecido câncer de mama para obtenção de biomarcadores que possam ser utilizados no diagnóstico e tratamento dessa patologia. Para seleção desses peptídeos foi realizado um Bioppaning subtrativo, no qual duas bibliotecas de peptídeos Ph.D.-7 e Ph.D.-12 expressas na superfície de fago filamentoso M13 foram colocadas primeiramente em contato com proteínas de tecido de mama normal, para que os fagos ligantes a proteínas do tecido normal fossem eliminados nessa etapa, e depois foram submetidas a três ciclos de seleção. O DNA dos fagos selecionados foi seqüenciado e traduzido. As seqüências peptídicas selecionadas foram analisadas por bioinformática e pelas técnicas ELISA, dot-blotting, wertern-blotting e imunohistoquímica para confirmar o sucesso da estratégia de seleção e para fornecer novos subsídios quanto aos prováveis alvos biológicos. A análise imunohistoquímica foi realizada com seis dos fagos selecionados (BC04...

‣ Bilateral breast cancer incidence and survival

McCaul, Kieran Anthony
Fonte: Universidade de Adelaide Publicador: Universidade de Adelaide
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 2208415 bytes; 37168 bytes; application/pdf; application/pdf
Publicado em //2006 Português
Relevância na Pesquisa
35.91089%
Introduction - This study re - examined the epidemiology of bilateral breast cancer with regard to the age at diagnosis and histology of the first breast cancer, and examined the effect of bilateral breast cancer on breast cancer survival. Methods - A cohort of US women with breast cancer was identified using cancer registry data for the period 1973 to 2000 obtained from the Surveillance, Epidemiology, and End Results ( SEER ) Program. In this cohort, incidence cases of bilateral breast cancer were identified and rates calculated per 1,000 person - years and the effect on survival of a diagnosis of a bilateral breast cancer was determined using time - dependent proportional hazard regression. Results - The overall incidence of bilateral breast cancer was 5.5 per 1,000 person - years and, apart from an elevation in incidence in the first year, was constant over time. In age - cohorts of young women, age - specific rates of bilateral breast cancer were found to decline as these women aged, approaching the incidence observed in older age cohorts. In older age - cohorts, age - specific rates were comparatively constant until age 75 - 79 years, after which age - specific rates began to decline regardless of age at first diagnosis.Differences in the crude incidence of bilateral breast cancer in sub - cohorts of women with lobular carcinoma ( 6.56 per 1...

‣ Steroid receptor crosstalk in breast cancer cells.

Swinstead, Erin Elizabeth
Fonte: Universidade de Adelaide Publicador: Universidade de Adelaide
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
35.91089%
Breast cancer is the leading cause of cancer related death in women, and approximately 1 in 11 women will develop breast cancer before the age of 75. In 2003, breast cancer was responsible for 16% of cancer related deaths in Australian women. This demonstrates that throughout the life span of the female, this organ has a high risk of developing cancer. The growth and survival of normal breast epithelial cells and breast cancer cells is promoted by estrogens and progesterone and both estrogen receptor (ER) and progesterone receptor (PR) have been shown to play prominent roles in breast cancer progression. It has also been demonstrated that co-treatment of breast cancer cells with corticosteroids and 17β-estadiol (E2) can have opposing effects on the proliferation of breast cancer cells compared with the single treatment. In addition, glucocorticoid receptor (GR) levels have been shown to have clinical implications for breast cancer cell survival. This suggests a possible role for activated GR in breast cancer development. Forkhead box protein 1 (FoxA1), a member of the forkhead class of DNA-binding proteins, has also been shown to be an important factor in breast cancer development. FoxA1 has been shown to dictate ER binding in breast cancer cells and has been deemed responsible for the rapid reprogramming of ER signalling seen in breast cancers with poor outcomes and treatment resistance. However...

‣ Antecedentes familiares y cánceres colorrectal y de mama; Family history and the risk of colorectal and breast cancer

Llorente Pelayo, Sandra
Fonte: Universidade de Cantabria Publicador: Universidade de Cantabria
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Português
Relevância na Pesquisa
35.906733%
INTRODUCCIÓN: Los antecedentes familiares (AF) de cáncer de colon (CCR) y de mama (CM) están asociados con un riesgo incrementado de cáncer en estas localizaciones. El objetivo de este estudio es analizar esta asociación y los factores que la modifican, así como la influencia de AF de otras localizaciones tumorales. METODOS: Se ha realizado un estudio de casos y controles, seleccionando casos incidentes de CCR o CM del área de influencia del hospital Valdecilla y controles elegidos al azar a partir de las listas de población asignada a dos centros de salud, emparejados por sexo y edad a los casos. Como medida de asociación se calcularon Odds Ratio (OR) ajustadas por potenciales confusores mediante regresión logística. RESULTADOS: Globalmente los AF de cáncer duplicaron el riesgo de CCR (OR=2.08), presentando la mayor asociación los AF de CCR (OR=4.31) y digestivo (OR=2.59). No hubo asociación con otras localizaciones tumorales. Respecto al CM: el AF más fuertemente asociado fue el de CM (OR=5.28), aumentando dicha asociación en premenopáusicas y menores de 65 años. Globalmente, los AF de cáncer triplicaron el riesgo (OR=2.87). No encontramos asociación con AF en otras localizaciones. CONCLUSIONES: Los AF de cáncer son un claro factor de riesgo para el desarrollo de CCR y CM...

‣ Panorama do câncer em crianças e adolescentes sob a perspectiva da Saúde Coletiva = : Overview of cancer among children and adolescents in the perspective of Collective Health; Overview of cancer among children and adolescents in the perspective of Collective Health

Jane Kelly Oliveira Silva
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/05/2015 Português
Relevância na Pesquisa
35.9096%
A assistência à saúde da criança e adolescente necessita contemplar as particularidades e características intrínsecas a essa fase da vida. Os cânceres que acometem crianças e adolescentes têm fatores de riscos e características que diferem daqueles que acometem a população adulta. No Brasil, pouco se conhece a respeito da magnitude das neoplasias no universo infanto-juvenil, bem como as características da população acometida. Objetivou-se estudar o panorama do câncer em crianças e adolescentes sob a perspectiva da Saúde Coletiva, e neste âmbito, apontar ferramentas de monitoramento; conhecer as dificuldades e percepções dos profissionais de saúde que atuam na atenção básica, em relação a suspeita e diagnóstico de câncer em crianças; e, analisar os padrões de distribuição espacial das incidências e sobrevivências de crianças diagnosticadas com neoplasias. Para atender aos objetivos, foram utilizados métodos qualitativos e quantitativos com dados obtidos em Registros de Câncer de Base Populacional e também em Grupos Focais realizados com trabalhadores da Atenção Primária à Saúde. Os resultados foram apresentados em capítulos correspondentes a três artigos. No primeiro artigo, "Câncer Infantil: monitoramento da informação através dos Registros de Câncer de Base Populacional RCBP"...

‣ Mode de vie, habitudes alimentaires et cancer du sein: Étude cas-témoins chez les Canadiennes-françaises non porteuses de mutations des gènes BRCA

Bissonauth, Vishnee
Fonte: Université de Montréal Publicador: Université de Montréal
Tipo: Thèse ou Mémoire numérique / Electronic Thesis or Dissertation
Português
Relevância na Pesquisa
35.908218%
Le cancer du sein (CS) est la deuxième cause de décès liés au cancer parmi les femmes dans la plupart des pays industrialisés. Les personnes qui ont le CS peuvent ne pas hériter des mutations causant le cancer de leurs parents. Ainsi, certaines cellules subissent des mutations qui mènent au cancer. Dans le cas de cancer héréditaire, les cellules tumorales contiennent généralement des mutations qui ne sont pas trouvées ailleurs dans l'organisme, mais peuvent maintenir des mutations qui vont répartir dans toutes les cellules. La genèse du CS est le résultat des mutations de gènes qui assurent la régulation de la prolifération cellulaire et la réparation de l’ADN. Deux gènes semblent particulièrement concernés par les mutations. Les gènes ‘Breast Cancer 1’ (BRCA1) et ‘Breast Cancer 2’ (BRCA2), sont impliqués dans la prédisposition génétique de CS. On estime que 5-10% des cas de cancer du sein sont attribuables à une prédisposition génétique. La plupart de ces cancers sont liés à une anomalie du gène BRCA1 ou BRCA2. Plusieurs études ont été menées chez les femmes atteintes de CS sporadique et quelques études se sont concentrées sur celles qui sont porteuses de mutations de BRCA. Alors, notre recherche a été entreprise afin de vérifier l’hypothèse d’une association entre le CS...

‣ Prevalência de papilomavírus humano no câncer de mama e apoio ao diagnóstico de câncer de mama pelas redes bayesianas: revisão sistemática e metanálise

Simões, Priscyla Waleska Targino de Azevedo
Fonte: Universidade do Extremo Sul Catarinense Publicador: Universidade do Extremo Sul Catarinense
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
35.908218%
Tese de Doutorado apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde da Universidade do Extremo Sul Catarinense – UNESC, para obtenção do título de Doutor em Ciências da Saúde.; Introdução: O Câncer de Mama é o mais comum entre as mulheres. Estudos epidemiológicos com enfoque em fatores de risco e diagnóstico são importantes na prevenção e detecção precoce podendo aumentar a probabilidade de sucesso no tratamento e recuperação. Durante as últimas duas décadas alguns estudos têm investigado a possibilidade de associação do Papilomavírus Humano (HPV) ao Câncer de Mama, assim como o uso de inteligência artificial tornou-se amplamente aceito em aplicações médicas, e entre suas atuações, as Redes Bayesianas têm sido utilizadas como método preciso e não invasivo no apoio ao diagnóstico de diversas neoplasias incluindo o Câncer de Mama. Objetivo: Determinar a acurácia das Redes Bayesianas no apoio ao diagnóstico de Câncer de Mama (Artigo 1); e determinar a prevalência do HPV no Câncer de Mama (Artigo 2). Metodologia: Revisão Sistemática e Metanálise. A estratégia de busca foi realizada fazendo-se uma pesquisa exaustiva nas bases de dados Medline, Cancerlit, Lilacs, Embase, Scopus...

‣ Cáncer de mama y embarazo

Córdoba i Cardona, Octavi
Fonte: Bellaterra : Universitat Autònoma de Barcelona, Publicador: Bellaterra : Universitat Autònoma de Barcelona,
Tipo: Tesis i dissertacions electròniques; info:eu-repo/semantics/doctoralThesis Formato: application/pdf
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
35.908218%
El cáncer de mama es la neoplasia más frecuente en mujeres de países desarrollados. En estos mismos países la edad media de las mujeres embarazadas ha aumentado progresivamente. Esto ha provocado que a muchas mujeres se les diagnostiquen un cáncer de mama antes de ver cumplido su deseo genésico. También se ha comportado que la incidencia de cáncer de mama diagnosticado durante la gestación aumente. Octavi Córdoba, Elisa Llurba, Cristina Saura, Isabel Rubio, Queralt Ferrer, Javier Cortés, Jordi Xercavins. Multidisciplinary approach to breast cancer diagnosed during pregnancy: Maternal and neonatal outcomes. Breast 2013; 22: 515-9. En este artículo estudiamos los resultados maternos y neonatales en mujeres diagnosticadas de cáncer de mama durante el embarazo. Pacientes y Métodos: Estudio retrospectivo en el Hospital Vall d’Hebron de una cohorte consecutiva de 25 gestantes (media de edad 36 años) diagnosticadas y tratadas de cáncer de mama entre los años 200 y 2011. El manejo terapéutico se individualizó de acuerdo al tipo de tumor y la edad gestacional en el momento del diagnóstico. Resultados: La mamografía presentaba una lesión con categoría <3 en 7 pacientes. Se detectó una lesión sospechosa por ecografía en 20 de las 21 pacientes a las que se les practicó. Diecinueve pacientes presentaban tumores con receptores hormonales positivos y siete sobre-expresaban HER2. Se diagnosticó a una paciente en estadio 0...

‣ L'Epidemiologia descriptiva del càncer a Tarragona de 1980 a 2001

Galceran, Jaume
Fonte: Bellaterra : Universitat Autònoma de Barcelona, Publicador: Bellaterra : Universitat Autònoma de Barcelona,
Tipo: Tesis i dissertacions electròniques; info:eu-repo/semantics/doctoralThesis Formato: application/pdf
Publicado em //2009 Português
Relevância na Pesquisa
35.9096%
Descripció del recurs: 26 gener 2010; Durant la dècada dels 80 la incidència de i la mortalitat per càncer a Tarragona eren inferiors a la de la majoria d'altres àrees europees i presentaven una tendència ascendent en ambdós casos. La supervivència dels malalts amb càncer era desconeguda. La implantació del Registre de Càncer de Tarragona va permetre conèixer aquestes dades inicials i plantejar com a objectiu de recerca el verificar si la incidència i la mortalitat per càncer als voltants de l'any 2000 seria superior a la de finals dels anys 80, si el paper dels factors de risc en l'increment dels casos incidents seria més important que el dels factors demogràfics i si la supervivència seria similar a la de la mitjana europea. La metodologia emprada consisteix en analitzar l'estudi de la cohort de residents de la província de Tarragona respecte a la incidència, la mortalitat i la seva evolució temporal. També s'analitza, per la cohort de persones amb càncer, la supervivència i la seva evolució temporal. Finalment es realitza un estudi de la prevalença a 31 de desembre de 2001. En el període 1998-2001 la taxa d'incidència ajustada a la població mundial estàndard fou de 310 en els homes i 203 en les dones. La probabilitat de desenvolupar un càncer fins als 85 anys d'edat és aproximadament d'un de cada dos en els homes i d'una de cada tres en les dones. Els tipus tumorals més freqüents són els de pròstata...

‣ Annexin A1 expression in breast cancer: tumor subtypes and prognosis

Sobral-Leite, Marcelo; Wesseling, Jelle; Smit, Vincent T. H. B. M.; Nevanlinna, Heli; van Miltenburg, Martine H.; Sanders, Joyce; Hofland, Ingrid; Blows, Fiona M.; Coulson, Penny; Patrycja, Gazinska; Schellens, Jan H. M.; Fagerholm, Rainer; Heikkil?, P?iv
Fonte: BioMed Central Publicador: BioMed Central
Tipo: Article; published version
Português
Relevância na Pesquisa
35.905137%
This is the final published version. It first appeared at http://www.biomedcentral.com/1741-7015/13/156.; Background Annexin A1 (ANXA1) is a protein related with the carcinogenesis process and metastasis formation in many tumors. However, little is known about the prognostic value of ANXA1 in breast cancer. The purpose of this study is to evaluate the association between ANXA1 expression, BRCA1/2 germline carriership, specific tumor subtypes, and survival in breast cancer patients. Methods Clinical-pathological information and follow-up data were collected from nine breast cancer studies from the Breast Cancer Association Consortium (BCAC) (n = 5,752) and from one study of familial breast cancer patients with BRCA1/2 mutations (n = 107). ANXA1 expression was scored based on the percentage of immunohistochemical staining in tumor cells. Survival analyses were performed using a Cox-multivariable model. Results The frequency of ANXA1 positive tumors was higher in familial breast cancer patients with BRCA1/2 mutations than in the BCAC patients, 48.6% versus 12.4% respectively; p < 0.0001. ANXA1 was also highly expressed in BCAC tumors that were poorly differentiated, triple negative, EGFR-CK5/6 positive, or had developed in patients at young age. In the first 5 years of follow-up...

‣ Mortalidade por cânceres gástrico e colorretal em uma área urbana-industrial do Brasil; Gastric and colorectal cancer mortality in an urban and industrialized area of Brazil

Medrado-Faria, Marcilia de Araujo; Almeida, José Wilson Rodrigues de; Zanetta, Dirce Maria Trevisan
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2001 Português
Relevância na Pesquisa
35.905137%
PURPOSE: To study the gastric and colorectal cancer mortalities and their relation to the urban-industrialization in Baixada Santista, located in the southeastern region of Brazil. METHODS: Selected from the registries of the State System of Data Analysis Foundation (SEADE) were 1105 deaths due to gastric cancer (ICD 153--154) and 690 due to colorectal cancer (ICD 151) that occurred from 1980 to 1993 in males, above 10 years of age, residing in Baixada Santista. For each of these types of cancer, the standardized mortality rates, age-adjusted by world population in the 1960s, for 4 industrialized and 4 non-industrialized urban communities in that region were calculated. The ratios among those rates were calculated in order to compare the mortality in the periods 1980--93, 1980--1986, and 1987--1993. RESULTS: Standardized mortality rates for colorectal cancer were significantly higher in industrialized area, with ratios of 1.6 [95% CI 1.22 -- 2.29], 1.6 [95% CI 1.2 -- 2.0], and 1.6 [95% CI 1.3 -- 2.0] in the periods 1980--86, 1987--1993 and 1980--93, respectively. Gastric cancer did not show any statistical difference between the industrialized and non-industrialized areas, but there was a significant decrease in BS from the period 1980--1986 to 1987--1993. CONCLUSIONS: The significant elevation of colorectal cancer mortality in the industrialized area could be related to exposure to numerous carcinogens such as aromatic hydrocarbon...