Página 7 dos resultados de 67836 itens digitais encontrados em 0.079 segundos

‣ Recomendações dietéticas na diabetes: rigor da informação e qualidade dos sites portugueses

Fernandes, António; Menezes, Jandira; Sá, Sara de; Vidal, Vanessa; Silva, Véronique da; Ferro-Lebres, Vera
Fonte: Instituto Politécnico da Guarda Publicador: Instituto Politécnico da Guarda
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
36.407612%
O acesso à internet tem vindo a aumentar exponencialmente, tendo-se tornado num meio muito procurado para obter informações relacionadas com a saúde. Contudo, a falta de supervisão dos websites depreende-se numa preocupação, dado que poderão fornecer informações incorretas. Assim, este estudo teve como objetivo avaliar o rigor da informação nutricional para diabéticos presente em websites portugueses e a qualidade destes. Foram realizadas quatro pesquisas independentes no Google recorrendo à ferramenta “pesquisa avançada”, selecionando-se websites de Portugal e escritos em português, juntamente com os seguintes pares de palavras-chaves: diabetes e nutrição; diabetes e alimentação; diabetes e dietética; diabetes e dieta. Após a aplicação dos critérios de exclusão, resultaram 167 websites, que foram avaliados através de uma check-list contendo critérios relacionados com a informação nutricional para diabéticos com base nas guidelines da Associação Americana de Diabetes, bem como critérios de qualidade dos websites. A partir da análise dos resultados, considerando o rigor da informação nutricional, verificou-se que os websites portugueses atingiram um score médio de 24,770 pontos num total de 57. Quanto à qualidade dos websites...

‣ Diabetes mellitus entre os idosos no município de São Paulo: uma visão longitudinal; Diabetes Mellitus among elderly population in the city of São Paulo: prospective view

Sakata, Silvia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/05/2007 Português
Relevância na Pesquisa
36.402983%
O envelhecimento populacional vem ocorrendo de forma extremamente rápida nos países em desenvolvimento, implicando em maior prevalência de doenças crônico-degenerativas. Dentre estas, destaca-se o diabetes mellitus, síndrome caracterizada por estado crônico de hiperglicemia e distúrbios no metabolismo de carboidratos, lipídios e proteínas, associada à deficiência absoluta ou relativa de insulina e/ou à sua ação no organismo. A prevalência de diabetes vem aumentando em proporções epidêmicas, principalmente entre os idosos, e suas complicações são altamente incapacitantes e onerosas para o Sistema de Saúde. Assim, os objetivos do presente estudo foram: traçar o perfil das condições de vida e saúde da população idosa (60 anos e mais), residente no município de São Paulo, portadora de diabetes mellitus e verificar a associação da doença à ocorrência de óbito nesta população em um período de seis anos. Para isso foram utilizados dados do Estudo SABE– Saúde, Bem-Estar e Envelhecimento, inquérito multicêntrico desenvolvido em países da América Latina e Caribe. Este estudo caracteriza-se, no primeiro momento, como uma pesquisa exploratória, descritiva, retrospectiva e com abordagem quantitativa...

‣ Efeitos da lercanidipina sobre alterações cardiovasculares presentes em modelos de Hipertensão Arterial e Diabetes Mellitus em ratos; Effects of lercanidipine on the cardiovascular alterations in animal models of arterial hypertension and diabetes mellitus in mice

Martinez, Márcio Luís Lombardi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 05/08/2008 Português
Relevância na Pesquisa
36.402983%
Hipertensão e Diabetes são dois dos principais fatores de risco para o desenvolvimento de aterosclerose e doença da artéria coronária. Tais enfermidades aumentam o risco cardiovascular a índices muito elevados, e são acompanhadas por uma alteração fisiopatológica comum, que é o remodelamento vascular acelerado, caracterizado pelo desarranjo na regulação da atividade das metaloproteinases (MMPs) associado ao aumento do "stress" oxidativo. Um dos modelos mais semelhantes ao quadro de hipertensão renovascular em humanos é o modelo de hipertensão renovascular unilateral (2R-1C), que é produzido pelo clampeamento de uma das artérias renais, e manutenção do rim contra lateral intacto. Por outro lado, a Aloxana tem sido extensivamente utilizada como modelo de indução química dos tipos de diabetes não-insulino dependentes. Este remodelamento vascular acelerado presente na hipertensão bem como na diabetes está associado a ativação de um grupo de endopeptidases zinco-dependentes denominadas metaloproteinases, que têm sido implicadas no remodelamento vascular subjacente à aterosclerose. MMPs têm sido reconhecidas como um grupo de enzimas envolvidas na degradação de componentes da matriz extracelular em processo fisiológicos...

‣ Estudo da utilização de medicamentos em usuarios portadores de diabetes mellitus atendidos pelo Sistema Único de Saúde; Drug utilization study in diabetic patients attends by public health system

Guidoni, Camilo Molino
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 02/03/2009 Português
Relevância na Pesquisa
36.402983%
O Diabetes mellitus é uma das doenças crônicas não-transmissíveis mais prevalentes do mundo, com prevalência estimada para 2025 de 7,1% e 14,0% da população mundial e brasileira, respectivamente. Atualmente existe a necessidade de desenvolvimento de programas com ênfase na prevenção primária, controle da incidência e complicações do diabetes devido ao elevado índice de morbi-mortalidade, associação com comorbidades e custo social-econômico. Para isso, uma das possíveis estratégias seria avaliar a utilização de medicamentos antidiabéticos orais e insulina prescritos aos portadores de DM atendidos pelo Sistema Único de Saúde. No presente trabalho, os usuários diabéticos pertencentes à rede municipal de saúde do Distrito Sanitário Oeste de Ribeirão Preto-SP foram identificados pela retirada de medicamentos antidiabéticos orais ou insulina nas farmácias das Unidades de Saúde do Distrito através da base de dados da prefeitura, denominado sistema Hygia de informação. Dessa forma, foi possível avaliar a terapia farmacológica para o tratamento do diabetes, a freqüência de retirada dos antidiabéticos orais e insulina, análise da outras classes medicamentosas prescritas para o controle das outras enfermidades e acesso aos diversos níveis de atenção à saúde. Por meio do banco de dados Hygia foram identificados 3927 usuários portadores de diabetes pertencentes ao Distrito Oeste de Ribeirão Preto-SP no período de mar/2006 a fev/2007...

‣ Conhecimento e atitute de usuários com diabetes mellitus tipo 2 e hipertensão arterial em uma unidade básica de saúde de Ribeirão Preto, SP; Knowledge and attitude of patients suffering from type-2 diabetes mellitus and hypertension in a basic heathcare unit in Ribeirão Preto, SP.

Oliveira, Kelli Cristina Silva de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/09/2009 Português
Relevância na Pesquisa
36.402983%
Este é um estudo transversal realizado em uma unidade básica de saúde no município de Ribeirão Preto, SP, em 2009. Os objetivos foram caracterizar os usuários com diabetes mellitus tipo 2 e hipertensão arterial, segundo as variáveis sociodemográficas, clínicas e laboratoriais, analisar os escores de conhecimento e de atitude e relacionar os escores de conhecimento e atitude, segundo algumas variáveis. A amostra foi constituída por 79 sujeitos com diabetes mellitus tipo 2 e hipertensão arterial, que atenderam os critérios de seleção. Para a coleta de dados foi utilizado o questionário para obtenção das variáveis sociodemográficas e clínicas, o Questionário de Conhecimento - DKN A, e o Questionário de Atitudes Psicológicas do Diabetes - O ATT 19. Dentre os 79 (100%) sujeitos a idade variou de 30 a 80 anos, média de 64,46±11,15. A maioria encontrava-se na faixa etária de 60 a 80 anos; houve predomínio do sexo feminino (63,3%), a maioria era casada (63,3%) e alfabetizada (96,3%). Em relação às variáveis clínicas, o índice de massa corporal, 33 (41,8%) estavam em sobrepeso, 23 (29,1%) em obesidade classe I, e 13 (16,5%) em obesidade classe II. Os valores da pressão arterial sistólica variaram de 100 a 180mmHg...

‣ Avaliação da interferência do diabetes na biodistribuição e na atividade antitumoral da cisplatina em camundongos; Evaluation of the interference of diabetes in the biodistribution and antitumor activity

Faria, Márcia Cristina da Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/09/2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.402983%
A cisplatina (Cis-diamino-dicloro-platina II) é um dos mais efetivos quimioterápicos, porém seu uso clínico é altamente limitado devido à sua nefrotoxicidade. Estudos sugerem que o diabetes atua como fator protetor contra a nefrotoxicidade da cisplatina, entretanto, os mecanismos envolvidos ainda não foram elucidados. Esta nefroproteção tem sido associada ao menor acúmulo de cisplatina nos rins, o que poderia ser atribuído a problemas no transporte ativo das células do túbulo proximal ou ainda a alterações farmacocinéticas provocadas pelo diabetes. Entretanto, não se sabe ainda se os mecanismos envolvidos na nefroproteção do diabetes interferem na atividade antitumoral da cisplatina. No presente estudo foram avaliados os efeitos do diabetes na nefrotoxicidade e na atividade antitumoral da cisplatina em camundongos portadores de sarcoma 180, divididos em 4 grupos (n=8): (i) C, grupo controle (sem tratamento); (ii) CIS, grupo tratado com cisplatina; (iii) DB, grupo diabético (estreptozotocina) e (iv) DB+CIS grupo diabético tratado com cisplatina. Os parâmetros avaliados foram: marcadores de função renal e de estresse oxidativo, histopatologia do tecido renal, desenvolvimento do tumor, sobrevida dos animais, genotoxicidade da cisplatina...

‣ Utilização de medicamentos no controle do diabetes mellitus: um estudo de base populacional; Use of medicines in diabetes mellitus control: populationbased study

Monteiro, Camila Nascimento
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 04/05/2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.407612%
A utilização do serviço de saúde, que inclui a cobertura do gasto com medicamentos e a vacinação, são fatores importantes no controle do diabetes mellitus. O estudo teve como objetivos estimar a prevalência de diabetes mellitus no município de São Paulo e descrever a utilização de serviços de saúde, incluindo a vacinação, utilização, gasto e cobertura do gasto com medicamentos na população adulta do município de São Paulo em 2003 que refere ser portadora da doença. Os dados foram coletados pelo Inquérito Multicêntrico de Saúde de São Paulo (ISA-Capital), estudo transversal realizado por meio de entrevistas domiciliares de base populacional. Foram estudadas as características sociodemográficas e de condições de vida e saúde, a presença de outras doenças, o controle do diabetes, a utilização dos serviços de saúde, a vacinação pelo serviço público, a utilização, cobertura e gastos com medicamentos na população de ambos os sexos, maior de 20 anos e que refere ser portadora de diabetes. Foram realizadas análises descritivas e também estimativas de prevalências e calculadas as razões de prevalência para diabetes autorreferida por meio da regressão de Poisson. A prevalência de diabetes autorreferida na população foi 5...

‣ Associação do polimorfismo INS-VNTR com a susceptibilidade ao diabetes mellitus tipo 1, tipo 2 e gestacional na população urbana brasileira; Association of the INS-VNTR polymorphism with susceptibility to type 1, type 2 and gestational diabetes mellitus in the urban brazilian population

Pelá, Flávia Porto
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/10/2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.402983%
O diabetes mellitus (DM) é definido como doença metabólica, caracterizado pela hiperglicemia, causada pela disfunção da secreção de insulina, atividade da insulina ou ambas. É classificado em quatro classes clínicas i) diabetes mellitus tipo 1 (DM1), ii) diabetes mellitus tipo 2 (DM2), iii) diabetes mellitus gestacional (DMG), iv) outros tipos específicos. Dentre os genes conhecidos por influenciarem o mecanismo de produção e liberação de insulina no organismo humano, o gene da insulina (INS) é o mais bem caracterizado nas classes clínicas do DM. A região promotora do gene INS tem sido alvo de estudo em diversas amostras populacionais do mundo, devido a sua capacidade de modular os níveis de expressão de insulina no timo e no pâncreas, de acordo, com a classe alélica que compõe o genótipo do indivíduo. Localizada a 596pb acima do sítio de transcrição do gene da insulina, é estruturada em alelos minissatélites distribuídos in tandem (ACAGGGGTGTGGGG). O alelo classe I (30 - 60 repetições) tem sido associado com predisposição ao DM1, enquanto o alelo classe III (120 - 170 repetições) tem efeito de proteção ao DM1, no entanto, esse alelo tem apresentado correlação ao DM2, à obesidade em crianças e jovens e...

‣ Contribuição do receptor GPER para as alterações de reatividade vascular em artérias mesentéricas de resistência produzidas pela aldosterona: influência do diabetes mellitus; Contribution of GPER for vascular reactivity changes in mesenteric resistance arteries produced by aldosterone: influence of diabetes mellitus

Ferreira, Nathanne dos Santos
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 05/06/2014 Português
Relevância na Pesquisa
36.407612%
O diabetes é uma doença crônica que afeta mais de 8% da população mundial. As alterações vasculares estão relacionadas às principais complicações do diabetes. A aldosterona contribui para a disfunção endotelial após a ativação do receptor mineralocorticóide (MR). Recentemente, foi demonstrado que a aldosterona ativa o receptor de estrógeno acoplado à proteína G (GPER). A ativação de GPER está relacionada a efeitos benéficos na vasculatura. Entretanto, ainda não existem estudos em artérias de resistência relacionando aldosterona e GPER e essa interação no diabetes. Dessa forma, o presente estudo testou a hipótese de que a aldosterona ativando receptores GPER promove efeitos benéficos na vasculatura, mas esses efeitos estão diminuídos no diabetes. Os objetivos foram investigar os níveis de expressão de GPER nos animais controle e db/db [camundongos com mutação no receptor de leptina que desenvolvem obesidade e diabetes tipo 2], quais efeitos da aldosterona são mediados por ativação de GPER e quais mecanismos envolvidos nessa ativação e verificar se estão alterados no diabetes. O grupo diabético apresentou maior expressão de GPER, mas não de MR. A aldosterona promoveu aumento da resposta máxima contrátil à fenilefrina (PE) somente no grupo controle...

‣ Baixas doses de melatonina exógena no diabetes experimental : implicações para a estrutura, função e defesa antioxidante do testículo e epidídimo de ratos = Low doses of exogen melatonin under experimental diabetes: implications for rat testicular and epididimal structure, function and antioxidant defense; Low doses of exogen melatonin under experimental diabetes : implications for rat testicular and epididimal structure, function and antioxidant defense

Carolina Frandsen Pereira da Costa
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 31/07/2014 Português
Relevância na Pesquisa
36.407612%
Existem inúmeras evidências de que o diabetes afeta a função reprodutiva masculina, provocando danos aos parâmetros espermáticos, e portanto, influenciando a fertilidade dos indivíduos afetados. A melatonina é um hormônio secretado pela glândula pineal que apresenta uma extensa gama de atuações, dentre elas um papel fundamental no controle da esteroidogênese e na proteção contra radicais livres. O objetivo deste estudo foi avaliar se a melatonina oferecida oralmente, em baixas doses, concomitante à maturação sexual, afeta os parâmetros reprodutivos de ratos saudáveis na idade adulta, e se interfere nos danos reprodutivos induzidos pelo diabetes experimental. Ratos Wistar machos com 4 semanas de idade foram divididos em oito grupos (n=15/grupo): os quatro primeiros foram eutanaziados com 14 semanas de idade, sendo respectivamente - controle (CS), tratados com melatonina (MS), diabéticos (DS) e tratados com melatonina submetidos ao diabetes (MDS); por sua vez, os quatro últimos foram eutanasiados na 21ª semana de vida- controle (CL), tratados com melatonina (ML), diabéticos não tratados (DL) e diabéticos tratados com melatonina (MDL). A melatonina foi disponibilizada na água de beber (10 µg/Kg p.c. em 0,001% etanol/dia) diariamente à partir da 5ª semana de idade...

‣ Epidemiology of Diabetes and Diabetes-Related Complications

Deshpande, Anjali D; Harris-Hayes, Marcie; Schootman, Mario
Fonte: American Physical Therapy Association Publicador: American Physical Therapy Association
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /11/2008 Português
Relevância na Pesquisa
36.407612%
In 2005, it was estimated that more than 20 million people in the United States had diabetes. Approximately 30% of these people had undiagnosed cases. Increased risk for diabetes is primarily associated with age, ethnicity, family history of diabetes, smoking, obesity, and physical inactivity. Diabetes-related complications—including cardiovascular disease, kidney disease, neuropathy, blindness, and lower-extremity amputation—are a significant cause of increased morbidity and mortality among people with diabetes, and result in a heavy economic burden on the US health care system. With advances in treatment for diabetes and its associated complications, people with diabetes are living longer with their condition. This longer life span will contribute to further increases in the morbidity associated with diabetes, primarily in elderly people and in minority racial or ethnic groups. In 2050, the number of people in the United States with diagnosed diabetes is estimated to grow to 48.3 million. Results from randomized controlled trials provide evidence that intensive lifestyle interventions can prevent or delay the onset of diabetes in high-risk individuals. In addition, adequate and sustained control of blood sugar levels, blood pressure...

‣ Gastric motor function in health and diabetes: implications for incretin hormone release and postprandial blood glucose regulation.

Chang, Jessica Lee Sing
Fonte: Universidade de Adelaide Publicador: Universidade de Adelaide
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.407612%
This thesis focuses on gastric motor function in patients with longstanding diabetes, and the role of gastric emptying and gastrointestinal hormones in the regulation of glycaemia in health and patients with type 2 diabetes mellitus. Diabetes is a common chronic disorder worldwide, with the prevalence of type 2 diabetes escalating due to an increasingly sedentary lifestyle and rising rates of obesity. Diabetes is associated with micro- and macrovascular complications, particularly in the context of poor glycaemic control (1993, 1998). Another complication of type 1 and 2 diabetes is gastroparesis (Horowitz et al., 2001, Horowitz M, 1986, Horowitz et al., 1989, Horowitz et al., 1991) (delayed gastric emptying in diabetes) and there is limited information about the natural history and prognosis of this condition. While the prognosis of diabetic gastroparesis has been assumed to be poor, limited data in a small cohort followed for a mean period of 12 years suggest otherwise, with neither deterioration in the rate of gastric emptying (Jones et al., 2002) nor increased mortality due to the condition itself (Kong et al., 1999). The study reported in Chapter 3 evaluated the longitudinal progression of gastric emptying in patients with longstanding diabetes over a 25 year period to determine if there is a progressive slowing of gastric emptying or whether gastric emptying is relatively stable with a good prognosis from the outset...

‣ Farmacocinética-farmacodinâmica dos enantiômeros do carvedilol em voluntários sadios e em pacientes portadores de diabetes mellitus tipo II; Pharmacokinetics-pharmacodynamics of carvedilol enantiomers in healthy volunteers and type II diabetes mellitus patients.

Nardotto, Glauco Henrique Balthazar
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 19/08/2015 Português
Relevância na Pesquisa
36.407612%
O carvedilol é um anti-hipertensivo disponível na clínica como mistura racêmica, sendo o (S)-(-)-carvedilol um bloqueador ? e ?1-adrenérgico e o (R)-(+)-carvedilol apenas ?1-adrenérgico. O carvedilol é metabolizado principalmente por glicuronidação e pelo CYP2D6 a hidroxifenilcarvedilol e pelo CYP2C9 a Odesmetilcarvedilol. O presente estudo avalia a disposição cinética e o metabolismo dos enantiômeros do carvedilol, hidroxifenilcarvedilol e O-desmetilcarvedilol em voluntários sadios não comedicados (n=13) ou comedicados com dose única oral de glibenclamida (5 mg) e metformina (500 mg) (n=13) e em pacientes portadores de diabetes mellitus tipo 2 (com bom controle glicêmico e em tratamento com glibenclamida 5 mg/8h e metformina 500 mg/8h; n=14), fenotipados como metabolizadores rápidos (n=26) ou lentos (n=1). Os voluntários e pacientes receberam dose única oral de 25 mg de carvedilol racêmico e amostras seriadas de sangue foram coletadas até 24h após a administração. A frequência cardíaca foi avaliada na situação de exercício isométrico com o handgrip durante 2 min a 30% da contratilidade voluntária máxima e durante o repouso. Os enantiômeros do carvedilol e metabólitos foram analisados em plasma por LC-MS/MS empregando coluna Chirobiotic® V. O método foi linear no intervalo de 0...

‣ Function of the immunoregulatory CD4-CD8- T cells in the context of autoimmune diabetes

Hillhouse, Erin
Fonte: Université de Montréal Publicador: Université de Montréal
Tipo: Thèse ou Mémoire numérique / Electronic Thesis or Dissertation
Português
Relevância na Pesquisa
36.407612%
La tolérance immunitaire dépend de la distinction entre le soi et le non soi par le système immunitaire. Un bris dans la tolérance immunitaire mène à l'auto-immunité, qui peut provoquer la destruction des organes, des glandes, des articulations ou du système nerveux central. Le diabète auto-immun, également connu sous le nom diabète juvénile et diabète de type 1, résulte d'une attaque auto-immune sur les cellules β pancréatiques sécrétrices d’insuline, localisées au niveau des îlots de Langerhans du pancréas. Bien que le diabète auto-immun soit traitable par une combinaison d’injections quotidiennes d’insuline d’origine exogène, de régime et d'exercices, beaucoup de complications chroniques peuvent se manifester chez les patients, y compris, mais non limitées à, la cécité, les maladies cardiovasculaires, l’insuffisance rénale et l'amputation. En raison des nombreuses complications liées au diabète auto-immun à long terme, la recherche continue afin de mieux comprendre tous les facteurs impliqués dans la progression de la maladie dans le but de développer de nouvelles thérapies qui empêcheront, renverseront et/ou traiteront cette maladie. Un rôle primordial dans la génération et l'entretien de la tolérance immunitaire a été attribué au nombre et à la fonction des sous-populations de cellules régulatrices. Une de ces populations est constituée de cellules T CD4-CD8- (double négatives...

‣ Envelhecimento bem-sucedido : uma metodologia de cuidado a pessoas com diabetes mellitus

Waldman, Beatriz Ferreira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.411807%
O estudo inseriu a interlocução da área de Educação em Saúde com a de Gerontologia como alvo de nosso olhar e focalizou a questão da experiência de vida de idosos com Diabetes Mellitus tipo 2 e seus cuidadores. Teve como objetivo elencar pontos de referência da Educação em Saúde para uma metodologia de cuidado ao idoso com diabetes em nível ambulatorial. Partiu-se da premissa que o idoso com diabetes pode ter um envelhecimento bem-sucedido. Isso não significa necessariamente viver por mais anos. Significa, sim, viver o processo de envelhecimento com qualidade e dignidade mesmo diante das limitações impostas pela doença. Nesse sentido, foi fundamental planejar estratégias educativas com a participação de idosos e seus cuidadores com a finalidade de melhorar o controle da doença, a fim de possibilitar à pessoa idosa realmente viver melhor e, não necessariamente, viver mais. Atualmente, a assistência ambulatorial nos serviços de saúde ainda se pauta em abordagens individualizadas e prescritivas no tratamento dos idosos, desconsiderando a participação potencial de cuidadores familiares. As complicações tardias do diabetes tipo 2 podem comprometer o processo natural de envelhecimento, repercutindo de forma negativa na qualidade de vida do idoso. Essas podem ser evitadas se o cuidador familiar estiver capacitado para gerenciar no domicílio as dificuldades inerentes à situação de cronicidade do idoso. A perspectiva de longevidade da população torna esse fato relevante. Na realização da pesquisa tomou-se como referencial teórico o processo de Educação em Saúde com base na ação educativa dialógica...

‣ Seven-year mortality in heart failure patients with undiagnosed diabetes : an observational study

Flores Le Roux, Juana Antonia; Comín Colet, Josep; Pedro-Botet Montoya, Ma Luisa; Benaiges, David; Puig de Dou, Jaume; Chillarón Jordán, Juan José; Goday Arnó, Albert; Bruguera Cortada, Jordi; Cano Pérez, J. F.
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.411807%
Background: Patients with type 2 diabetes mellitus and heart failure have adverse clinical outcomes, but the characteristics and prognosis of those with undiagnosed diabetes in this setting has not been established. Methods: In total, 400 patients admitted consecutively with acute heart failure were grouped in three glycaemic categories: no diabetes, clinical diabetes (previously reported or with hypoglycaemic treatment) and undiagnosed diabetes. The latter was defined by the presence of at least two measurements of fasting plasma glycaemia ≥ 7 mmol/L before or after the acute episode.Group differences were tested by proportional hazards models in all-cause and cardiovascular mortality during a 7-year follow-up. Results: There were 188 (47%) patients without diabetes, 149 (37%) with clinical diabetes and 63 (16%) with undiagnosed diabetes. Patients with undiagnosed diabetes had a lower prevalence of hypertension, dyslipidaemia, peripheral vascular disease and previous myocardial infarction than those with clinical diabetes and similar to that of those without diabetes. The adjusted hazards ratios for 7-year total and cardiovascular mortality compared with the group of subjects without diabetes were 1.69 (95% CI: 1.17-2.46) and 2.45 (95% CI: 1.58-3.81) for those with undiagnosed diabetes...

‣ Healthy Behaviour Change and Cardiovascular Outcomes in Newly Diagnosed Type 2 Diabetes Patients - ADDITION-Cambridge Cohort Study

Long, Gr?inne H.; Cooper, Andrew J. M.; Wareham, Nicholas J.; Griffin, Simon J.; Simmons, Rebecca K.
Fonte: American Diabetes Association Publicador: American Diabetes Association
Tipo: Article; accepted version
Português
Relevância na Pesquisa
36.407612%
This version is the author accepted manuscript. The final published version can be found on the publisher's website here: http://care.diabetesjournals.org/content/37/6/1712.long; OBJECTIVE - To examine whether improvements in health behaviours are associated with reduced risk of cardiovascular disease (CVD) in individuals with newly-diagnosed type 2 diabetes. RESEARCH DESIGN AND METHODS - Population-based prospective cohort study of 867 newly diagnosed diabetes patients aged between 40 and 69 years from the treatment phase of the ADDITION-Cambridge study. As the results for all analyses were similar by trial arm, data were pooled and results presented for the whole cohort. Participants were identified via population-based stepwise screening between 2002 and 2006 and underwent assessment of physical activity (EPAQ questionnaire), diet (plasma vitamin C and self-report), and alcohol consumption (self-report) at baseline and one year. A composite primary CVD outcome was examined, comprised of cardiovascular mortality, non-fatal myocardial infarction, nonfatal stroke and revascularisation. RESULTS - After a mean (SD) follow-up of 5.1 (1.1) years, 6% of the cohort experienced a CVD event (12.2/1000-person years; 95% CI 9.3 to 15.9). CVD risk was inversely related to the number of positive health behaviours changed in the year following diabetes diagnosis. The relative risk (95% CI) for primary CVD event in individuals who did not change any health behavior compared to those who adopted three/four healthy behaviors was 4.17 (1.02 to 17.09)...

‣ Representações sociais de pessoas com diabetes acerca do apoio familiar percebido em relação ao tratamento; Social representations of people with diabetes regarding their perception of family support for the treatment; Representaciones sociales de personas con diabetes respecto del apoyo familiar percibido en relación al tratamiento

Santos, Manoel Antônio dos; Alves, Roberta Cancella Pinheiro; Oliveira, Valmir Aparecido de; Ribas, Camila Rezende Pimentel; Teixeira, Carla Regina de Souza; Zanetti, Maria Lúcia
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/06/2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.407612%
The objective of this qualitative study was to identify the social representations that people with diabetes have on their perception of family support for the treatment. The Theory of Social Representations was used as the theoretical and methodological framework. Participants were 41 people with diabetes assisted at a university in the state of São Paulo in 2007. The focal group strategy was used for data collection, and thematic content analysis was performed. Results revealed three categories: family support is present in the everyday life of people with diabetes; the family does not always support the person with diabetes in his or her needs; the person with diabetes assumes the responsibility to trigger family support. Participants see family support as a relevant factor for the treatment, but they also point out that excessive control from relatives limits their autonomy and originates ambiguous feelings. The multiprofessional team must take into consideration that knowing social representations helps improve the health care delivered to people with diabetes.; Estudio cualitativo que objetivó identificar las representaciones sociales de personas con diabetes respecto del apoyo familiar percibido en relación al tratamiento. Se utilizó como referencial teórico-metodológico la Teoría de las Representaciones Sociales. Participaron 41 diabéticos atendidos en centro universitario del interior paulista en 2007. Para recolección de datos se usó el grupo focal. Los datos fueron sometidos a análisis de contenido temático. Los resultados identificaron tres categorías: el apoyo familiar está presente en el cotidiano del diabético; la familia no siempre apoya al diabético en sus necesidades; la propia persona diabética toma la responsabilidad de despertar el apoyo familiar. Los participantes destacan al apoyo familiar como factor relevante para el tratamiento...

‣ Validade do diabetes auto-referido e seus determinantes: evidências do projeto Bambuí; Validity of self-reported diabetes and its determinants: evidences from the Bambuí study

Lima-Costa, Maria Fernanda; Peixoto, Sérgio Viana; Firmo, Josélia Oliveira Araújo; Uchoa, Elizabeth
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2007 Português
Relevância na Pesquisa
36.407612%
OBJETIVO: Avaliar a validade do diabetes auto-referido e seus determinantes entre idosos. MÉTODOS: Participaram do estudo transversal 1.492 indivíduos >; 60 anos de idade, que correspondiam a 86% de todos os moradores, na faixa etária considerada, da cidade de Bambuí, Minas Gerais, em 1997. A validade do diabetes auto-referido foi determinada em relação ao diabetes mellitus definido por critérios médicos (glicemia de jejum >; 126 mg/dl ou tratamento). RESULTADOS: As prevalências do diabetes mellitus e do diabetes auto-referido foram de 14,5% e 11,7%, respectivamente. A sensibilidade e a especificidade do último em relação ao primeiro foram 57,1% (IC 95%: 50,3;63,8) e 96,0% (IC 95%: 94,7;97,0). Visitas ao médico há menos de dois anos (RP=3,78), escolaridade de um a três anos (RP= 1,90) e >; 4 anos (RP=1,55) apresentaram associações positivas e independentes com a sensibilidade. Visitas ao médico há menos de dois anos (RP=0,96) e sexo feminino (RP=0,97) apresentaram associações negativas e independentes com a especificidade. CONCLUSÕES: Os resultados mostraram que o diabetes auto-referido não deve ser usado como indicador da prevalência do diabetes mellitus na população estudada, nem para a identificação de indivíduos com a doença. A escolaridade e o uso de serviços de saúde foram determinantes da capacidade do idoso informar corretamente a sua condição de diabético...

‣ Clinical and laboratory features of youth onset Type 2 diabetes in Jamaica

Tulloch-Reid,MK; Boyne,MS; Smikle,MF; Choo-Kang,EG; Parkes,RH; Wright-Pascoe,RA; Barton,EN; Wilks,RJ; Williams,DE
Fonte: West Indian Medical Journal Publicador: West Indian Medical Journal
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2010 Português
Relevância na Pesquisa
36.411807%
OBJECTIVES: To assess the frequency of youth onset Type 2 diabetes mellitus (T2D) in Jamaica and the characteristics of youth with this form of diabetes. METHODS: Patients from two major referral hospitals, diagnosed with diabetes before age 25 years and < 6 years prior to the study, were evaluated. Classification was based on the presence of GAD-65 and IA-2 diabetes autoantibodies (AB), fasting (FCP) and stimulated C-peptide (SCP) measurements, serum leptin and clinical phenotype as follows: (i) Type 1A diabetes - AB+, (ii) Type 1B diabetes - AB- and FCP < 230 pmol/l and/or SCP < 660pmol/l, (iii) Type 2 diabetes - AB- and FCP > 500pmol/L and or SCP > 1160 pmol/l (iv) Untypeable diabetes - AB- and FCP 230-500 pmol/l and or SCP 660-1160 pmol/l and (v) Lipoatrophic diabetes - clinical phenotype and serum leptin. RESULTS: Fifty-eight participants (21M, 37F, age 20 ± 8 years, duration of diabetes 2.6 ± 2 years) were enrolled in the study. Using the classification criteria, Type 1 diabetes was the most common form of diabetes: 18(31%) Type 1A, 18(31%) Type 1B. Overall 22% (13 patients) had T2D. Patients with T2D were more likely to be female, older at diagnosis, obese and have a higher blood pressure when compared to those with Type 1 diabetes. In logistic regression analysis...