Página 7 dos resultados de 2933 itens digitais encontrados em 0.060 segundos

‣ Relação entre a rejeição materna percepcionada e a generatividade de mulheres grávidas e parceiros

Santos, Cecília Alves
Fonte: Universidade de Coimbra Publicador: Universidade de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
37.682305%
Atendendo à Teoria da Aceitação-Rejeição Parental e suas implicações no desenvolvimento pessoal, e considerando o constructo de generatividade, que decorreria do processo de desenvolvimento psicossocial prévio, a presente investigação constitui um estudo exploratório sobre a relação entre a rejeição materna percepcionada, o índice de generatividade e o envolvimento na gravidez por parte das mulheres grávidas e dos parceiros. Para atingir os objectivos supracitados, foram utilizados os seguintes instrumentos: Adult PARQ – Parental Acceptance-Rejection Questionnaire – short form: Mother’s de Rohner (2004) – adaptação portuguesa de Franco-Borges & Vaz-Rebelo, 2010), a Loyola Generativity Scale –LGS de McAdams & de St. Aubin (1992) - adaptação portuguesa de Franco – Borges & Vaz – Rebelo (2007). Atendendo à população em estudo e ao objectivo de avaliar o envolvimento dos sujeitos na gravidez, foi ainda elaborado um Questionário sobre a Gravidez (versão mulher e homem). A amostra é constituída por 79 sujeitos do sexo feminino e 21 do sexo masculino, com idades compreendidas entre os 18.6 e os 43.6 anos, tendo sido recolhida num centro de saúde de Coimbra e num hospital da Póvoa de Varzim. Os resultados revelaram uma associação negativa entre a rejeição materna percepcionada e o índice de generatividade...

‣ Estudo de caso comparativo entre Programas de Microcrédito na América Latina: o impacto socioeconômico nas mulheres das cidades de Bogotá e Recife; Estudio de caso comparativo entre los Programas de Microcrédito en la América Latina: el impacto socioeconómico en las ciudads de Bogotá y Recife.

Forte, Claudia Marcia de Jesus
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 14/11/2006 Português
Relevância na Pesquisa
37.690356%
Esta tese tem por objetivo apontar os impactos gerados na vida socioeconômica das mulheres das cidades de Bogotá e Recife, que são atendidas pelos programas de microcrédito do Banco Caja Social (Colômbia) e Banco do Nordeste Brasileiro (Brasil). O referencial teórico está embasado nas obras do economista Amartya Sen e,sobretudo, na obra Desenvolvimento como Liberdade, que aponta no acesso ao crédito uma das liberdades mais dificieis de serem alcançadas, pois sempre se fará necessária a conjugação de políticas publicas, logo e consequentemente a mudança de paradigmas em algumas sociedades. Tem como pano de fundo a discussão sobre cultura e formação do capital social: a conjugação do capital econômico com o capital social outorga liberdade de acesso e possibilidade de inclusão social. A autonomia gerada pela criação e desenvolvimento de negócios, que tem por objetivo o sustento da família, são alguns dos impactos mais importantes observados na pesquisa. Utilizou-se de metodologia qualitativa de pesquisa, realizando um estudo comparativo entre as duas amostras, que compreendeu a entrevista com 100 mulheres em cada cidade. O instrumento utlizado foi questionário híbrido,contendo perguntas fechadas e abertas...

‣ Freqüencia de papilomavírus humanos oncogênicos tipos 16 e 18 e sua associação com fatores de risco e lesões do colo uterino em uma população de mulheres de Porto Alegre

Rosa, Marilda Tereza Mar da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.711265%
O Câncer de colo uterino é um dos tumores mais freqüentes em mulheres brasileiras, assim como o câncer de mama. O desenvolvimento do câncer cervical e sua associação aos tipos oncogênicos de Papilomavírus Humanos (HPV) está bem documentada, sendo esta infecção um fator necessário para o desenvolvimento do câncer cervical. Os tipos de HPV 16 e 18 são os mais freqüentemente relacionados a tumores invasivos, denominados, portanto de alto risco. Entretanto, outros fatores como atividade sexual precoce, número de parceiros sexuais, números elevados de gestações e partos, uso prolongado de contraceptivos orais, deficiência nutricional, tabagismo, baixo nível sócio econômico, baixa imunidade e outras doenças sexualmente transmissíveis (DST) são fatores contribuintes para o desenvolvimento dessa patologia. Este estudo tem como objetivo conhecer a freqüência dos HPVs oncogênicos 16 e 18 na população de mulheres de uma área geográfica localizada na zona norte de Porto Alegre, bem como verificar as características associadas à presença deste vírus e sua relação com lesões do colo uterino. Trata-se de um estudo transversal cujo desfecho é a positividade ao HPV, em especial HPV 16 e 18, em mulheres de uma área geográfica localizada na zona norte de Porto Alegre. Um total de 1004 amostras de material do colo do útero foi coletado para realização do exame citopatológico convencional e para a identificação do HPV-DNA através da técnica da Reação em Cadeia da Polimerase (PCR). Colposcopia e biópsia foram realizadas sempre que a citologia estivesse alterada e/ou a PCR para o HPV-DNA fosse positiva. A freqüência de HPV e sua distribuição por faixa etária são descritas...

‣ Abuso e dependência de açúcares extrínsecos não lácticos : desenvolvimento de um instrumento diagnóstico e verificação de dependência de uma amostra de obesos e não obesos da cidade de Porto Alegre

Rosa, Marco Aurélio Camargo da
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.6759%
Este estudo parte da hipótese – ainda que não empiricamente confirmada - que o alto consumo de açúcares extrínsecos não lácticos (AENL) pode estar relacionado ou ser similar em suas manifestações clínicas ao mecanismo de desenvolvimento da dependência química. Segundo recentes achados da literatura, as substâncias doces podem levar a liberação de endorfinas cerebrais em regiões relacionadas com o sistema de recompensa cerebral. Até o momento não existem critérios específicos para abuso e dependência de AENL, muito menos um instrumento que pudesse diagnosticá-las. Portanto, este estudo tratou de desenvolver e testar um instrumento para tal finalidade, baseado em critérios para abuso e dependência de substâncias estabelecidos pelo DSM-IV e CID-10. Num primeiro momento foi realizado um estudo qualitativo a fim de criar o instrumento, adaptando-o do módulo de dependência de substâncias químicas do questionário MINI-PLUS. Foram realizados quatro grupos focais com um total de vinte e sete participantes, sendo quatro especialistas em dependência química, onze especialistas em reeducação alimentar, seis pacientes de grupos reeducação alimentar e seis cirurgiões dentistas. Esses grupos fizeram modificações que permitiram o desenvolvimento de um questionário específico para AENL com as alterações necessárias...

‣ Saliência de papel, valores de trabalho e tarefas de desenvolvimento de carreira

Lassance, Maria Celia Pacheco
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.69374%
Saliência de papel é a importância que uma pessoa atribui a um papel em relação aos demais papéis que desempenha no seu contexto social e alguma saliência no papel de trabalhador é requerida para se realizar escolhas adequadas de carreira. A presente tese objetivou identificar e compreender padrões de saliência para uma amostra de adultos brasileiros e verificar algumas associações entre saliência no papel de trabalhador e outras dimensões do desenvolvimento de carreira em adultos. Foram realizados três estudos. O primeiro adaptou e validou para uma amostra brasileira de adultos o Inventário de Saliência, que avalia saliência a partir das dimensões participação (envolvimento ativo com atividades no papel), comprometimento (ligação afetiva ao papel) e expectativa de valor (expectativa de realização de valores no papel), para cinco papéis principais: estudo, trabalho, serviço comunitário, casa e família e tempo livre. O segundo verificou padrões de saliência nos papéis de trabalhador e familiares e especialmente no papel conjugal e parental, e seu impacto na satisfação no trabalho entre homens e mulheres casados e com filhos e homens e mulheres solteiros e sem filhos. O terceiro verificou associações entre saliência no papel de trabalhador...

‣ A participação da mulher na agroindústria familiar na perspectiva do desenvolvimento rural sustentável

Tonial, Magda Aparecida Limberger
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.668728%
O objetivo desse estudo é examinar a participação das mulheres nas dinâmicas de agroindustrialização da produção familiar, desde a gestão até a comercialização. A pesquisa foi feita no município de Rolante, localizado na Encosta da Serra, no Vale dos Sinos - Paranhana, próximo à região Metropolitana de Porto Alegre, no Estado do Rio Grande do Sul, que vem desenvolvendo uma política pública de produção e agroindustrialização e comercialização de alimentos, com a finalidade do abastecimento local e regional. Para tanto, se utilizou a análise qualitativa e a coleta de dados para verificar a realidade social, econômica e cultural em que estão inseridas as mulheres rurais, na política de agroindustrialização da produção de alimentos pela agricultura familiar. Constatou-se que as mulheres que têm acessado essa política estão em uma faixa etária social produtiva e possuem um nível de educação superior ao que se identificava, acenando uma nova realidade da escolarização no rural. Verificou-se ainda que mulheres rurais e os mediadores do desenvolvimento rural têm somado conhecimentos e uma força coesa na implantação e condução das agroindústrias familiares. A participação da mulher no espaço da agroindústria está relacionada à tomada de decisão pautada na garantia de sua autonomia e as interfaces de conhecimento...

‣ Efeito de um programa de treinamento funcional de curta duração sobre a composição corporal de mulheres na pós-menopausa

Neves, Lucas Melo; Fortaleza, Ana Claudia De Souza; Rossi, Fabrício Eduardo; Diniz, Tiego Aparecido; Castro, Marcela Rodrigues De; Aro, Bruna Lopes De; Freitas Júnior, Ismael Forte
Fonte: Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia Publicador: Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 404-409
Português
Relevância na Pesquisa
37.699824%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); PURPOSE: To evaluate the effect of 8 weeks of functional training on body composition in postmenopausal women. METHODS: The study was conducted on 38 postmenopausal women, divided into two groups: Training Group (TG) and Control Group (CG). TG women (n=21) performed a program of physical exercise for a period of 8 weeks, 3 times a week on nonconsecutive days, with 90 minutes per session. For the same period, CG women (n=17) did not perform any systematic physical activity. All participants were assessed at baseline and after 8 weeks. The evaluations were performed by the same trained raters. Analysis of body composition was performed using dual-energy X-ray absorptiometry (DEXA), which allows estimation of body composition in the whole body and by segment. TG participants performed a functional exercise program 3 days a week (non-consecutive), with 11 stations consisting of exercises developed in circuit format sessions. The objectives of the exercises were the development of strength, agility, coordination and proprioception...

‣ Malformações fetais, defeitos de desenvolvimento e sinais dismorficos em filhos de mães com epilepsia; Fetal malformations, development defects and dysmorphic signs in outcomes of women with epilepsy

Alberto Luiz Cunha da Costa
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 31/08/2007 Português
Relevância na Pesquisa
37.71122%
A maioria das gestações em mulheres com epilepsia não apresenta complicações, porém a persistência de crises e efeitos das drogas antiepilépticas (DAE) podem afetar o feto causando retardo do crescimento intra-uterino, dismorfismos, atraso do desenvolvimento neuro-psicomotor e malformações fetais, com aumento no risco estimado em 2 a 3 vezes em fetos expostos intrautero. Os objetivos foram identificar a ocorrência de malformações fetais em filhos de mães com epilepsia; determinar a ocorrência de atraso de desenvolvimento intra-uterino; investigar o crescimento e desenvolvimento de filhos de mães com epilepsia e descrever os achados e complicações materno-fetais nos grupos de gestantes com epilepsia. Entre maio de 2003 a maio de 2007, foram avaliadas 67 gestantes com epilepsia (GE) com um total de 69 gestações, com idades entre 17 e 37 anos, média 26,9 anos, e 66 gestantes não epilépticas (grupo controle - GC) com um total de 68 gestações, com idades entre 15 e 44 anos, média 26,9 anos, nos ambulatórios de Epilepsia e Genética Clínica do HC ? Unicamp. Duas pacientes do GE abandonaram o estudo, sendo recuperados os dados de uma paciente. Quarenta gestantes do GC abandonaram o seguimento. De 42 gestações...

‣ Polimorfismo no gene da Ciclina D1 em neoplasias associadas a vírus

Catarino, Raquel Jorge Ferreira
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2005 Português
Relevância na Pesquisa
37.789688%
Dissertação de mestrado em Genética Molecular.; A carcinogénese é um processo que envolve várias etapas e reflecte as alterações genéticas que promovem a transformação progressiva de células humanas normais em células altamente malignas. Nos últimos anos tem vindo a tornar-se clara a importância do estudo de genes de baixa penetrância, como os genes envolvidos na reparação de DNA e manutenção da integridade genómica, no controlo da proliferação e diferenciação celular ou no metabolismo de carcinogénios. A variação genética inter-individual pode constituir um factor importante na caracterização da susceptibilidade para o desenvolvimento de cancro. Pensa-se que algumas destas variantes genéticas podem ser definidas como alelos de susceptibilidade de baixa penetrância, conferindo um risco alterado para desenvolver cancro. Têm sido descritos muitos estudos relativamente à epidemiologia do cancro e aos efeitos carcinogénicos de microrganismos, nomeadamente os vírus. No caso de vírus que possuem a capacidade de persistir nas células que infectam, pensa-se que o mecanismo mais frequente resulta da alteração do controlo do ciclo celular e predisposição para modificações mais alargadas na expressão genética das células. A proteína ciclina Dl (CCND1) parece ser muito importante na regulação do ciclo celular...

‣ Determinantes psicossociais da dor sexual na mulher portuguesa

Oliveira, Cátia Margarida dos Santos Pereira de
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
37.66749%
A dor é uma experiência perceptualmente complexa, influenciada por um conjunto variado de fatores biológicos e também psicossociais. A sua vivência varia de pessoa para pessoa, havendo diferentes níveis de impacto no funcionamento emocional, interpessoal, motivacional e físico. A dor sexual, mais conhecida por dispareunia e vaginismo, é uma problemática de natureza habitualmente crónica que afeta muitas mulheres. Apesar de ser um importante alvo de estudo nas últimas décadas, e apesar do impacto que tem nas vidas de muitas mulheres, é ainda uma temática pouco abordada junto dos profissionais de saúde, sendo igualmente difícil a determinação da sua causa e respetivo tratamento. A sua concetualização tem sido um dos principais alvos de discussão entre investigadores e clínicos, havendo quem defenda que a mesma deve ser considerada, ou como uma perturbação de dor, ou como uma disfunção sexual. Contudo, mesmo com um crescimento significativo da literatura, não existem ainda dados que clarifiquem o papel que determinadas variáveis psicossociais exercem no desenvolvimento e manutenção da dor sexual e que forma estas aproximam, ou distanciam, este quadro clínico da dor crónica e de outras disfunções sexuais. Neste contexto...

‣ Empreendedorismo em Territórios de Baixa Densidade Populacional - o caso particular do Projeto WINNET8

Baltazar, Maria da Saudade; Santos, Marcos Olimpio
Fonte: Associação Portuguesa de Desenvolvimento Regional Publicador: Associação Portuguesa de Desenvolvimento Regional
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.682686%
A Política de Coesão, no quadro das políticas de desenvolvimento regional, parece assumir ainda maior relevância no atual contexto de crise financeira e económica, como ancoragem para o fortalecimento territorial no difícil jogo da competitividade e sustentabilidade num mundo globalizado. Na nova Agenda Territorial, adotada da Estratégia Europa 2020, a importância da coesão territorial - a par da económica e social - surge definida em 6 prioridades, das quais se destaca a “integração territorial das regiões funcionais transfronteiriças e transnacionais”. Na esteira do que se tem vindo a adotar, nomeadamente na Agenda Territorial de 2007, enfatiza-se o local e a adaptação à sua diversidade e preconiza-se o estímulo a abordagens experimentais na implementação e desenvolvimento de políticas regionais. A cooperação territorial europeia, como parte integrante do QREN, é tida como componente decisiva da política regional, cuja vertente interregional visa promover sinergias entre os principais atores regionais, nacionais e comunitários da política de coesão, de forma a capitalizar as boas práticas na gestão das intervenções estruturais na Europa. Na 4ª convocatória para os projetos no âmbito do Programa INTERREG IVC...

‣ Empreendedorismo em Territórios de Baixa Densidade Populacional - o caso particular do Projeto WINNET8

Baltazar, Maria da Saudade; Santos, Marcos Olimpio
Fonte: Associação Portuguesa de Desenvolvimento Regional Publicador: Associação Portuguesa de Desenvolvimento Regional
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.682686%
A Política de Coesão, no quadro das políticas de desenvolvimento regional, parece assumir ainda maior relevância no atual contexto de crise financeira e económica, como ancoragem para o fortalecimento territorial no difícil jogo da competitividade e sustentabilidade num mundo globalizado. Na nova Agenda Territorial, adotada da Estratégia Europa 2020, a importância da coesão territorial - a par da económica e social - surge definida em 6 prioridades, das quais se destaca a “integração territorial das regiões funcionais transfronteiriças e transnacionais”. Na esteira do que se tem vindo a adotar, nomeadamente na Agenda Territorial de 2007, enfatiza-se o local e a adaptação à sua diversidade e preconiza-se o estímulo a abordagens experimentais na implementação e desenvolvimento de políticas regionais. A cooperação territorial europeia, como parte integrante do QREN, é tida como componente decisiva da política regional, cuja vertente interregional visa promover sinergias entre os principais atores regionais, nacionais e comunitários da política de coesão, de forma a capitalizar as boas práticas na gestão das intervenções estruturais na Europa. Na 4ª convocatória para os projetos no âmbito do Programa INTERREG IVC...

‣ Mulheres Licenciadas e a Promoção do Desenvolvimento em Países de Língua Oficial Portuguesa: Que diferença faz o Ensino Superior?

Joaquina Ramos, Isabel; Lucas, Maria Raquel; Rego, Maria da Conceição; Silva Carvalho, Maria Leonor
Fonte: Fórum da Gestão do Ensino Superior nos Países e Regiões de Língua Portuguesa Publicador: Fórum da Gestão do Ensino Superior nos Países e Regiões de Língua Portuguesa
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.690356%
A relação entre o ensino superior e o desenvolvimento está em geral bem estabelecida. Os países e as regiões com elevados níveis de qualidade de vida também mostram níveis elevados de literacia. Inversamente, nos países em desenvolvimento, e noutros com grandes proporções de cidadãos com baixos níveis de qualidade de vida, coexistem habitualmente baixas taxas de qualificação da população associadas com as mais altas taxas de pobreza e exclusão social, desemprego, analfabetismo, mortalidade infantil, incidência de HIV, malária e tuberculose, entre outras. Acresce que, neste países, a desigualdade de género nas esferas sociais, políticas e económicas é relevante e evidente. Níveis mais elevados de educação promovem maior bem-estar e qualidade de vida, por via dos rendimentos auferidos. No caso particular das mulheres, as mais qualificadas terão tendência a melhorar o seu estatuto na sociedade e a modificar positivamente o seu estilo de vida. Por outro lado é expectável que motivem, de forma natural, à sua descendência a importância da aprendizagem e da aquisição de conhecimentos. Esta questão é particularmente pertinente em sociedades de tipo matriarcal onde as mulheres desempenham um papel determinante na economia. Do ponto de vista da sustentabilidade dos territórios...

‣ Infecção pelo HIV em mulheres com 50 anos ou mais de idade, em Goiás

Silva, Letícia Dogakiuchi
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Enfermagem (FEN); Faculdade de Enfermagem - FEN (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Enfermagem (FEN); Faculdade de Enfermagem - FEN (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.643867%
INTRODUCTION : The HIV epidemic worldwide reveals the increase of new cases in individuals aged 50 years or older ( UNAIDS , 2010) . In Western Europe 12.9 % of new cases of HIV infection in 2007 were in this population . In Central Europe it is estimated that one in every ten new HIV infections contemplate the same age group , while the proportion of cases in Eastern Europe was 3.7% in the same year ( Lazzarus , Nielsen , 2010). In the U.S. 15 % of new infections are in people aged 50 years or more , these represent about 30 % of the population living with HIV in the country ( NGUYEN , HOLODNIY , 2008) . HIV infection in the elderly include issues related to gender bias , especially among women . This situation , coupled with the lack of perception of vulnerability can lead a greater number of older women to the HIV epidemic . OBJECTIVE : To describe older women infected with HIV analyze the epidemiology of women aged 50 or older with HIV attending the Reference Unit . METHODOLOGY : The study investigated the profile of HIV infection in women aged 50 years or more in the State of Goiás , with the analysis of a retrospective cohort of patients seen at the Hospital Reference . Information not found in the records were completed from the linkage with the database SINAN State. RESULTS : Older women infected with HIV have less education compared to younger ( p = 0.001 ) . The proportion of unmarried elderly women infected with HIV was statistically superior to the younger ( p = 0.003 ) . Late diagnosis ...

‣ Trabalhadoras e economia solid?ria na associa??o de mulheres do munic?pio de Igarap?-Miri/Asmim-Par?: da resist?ncia ? estrat?gia de desenvolvimento local

GON?ALVES, Lissany Braga
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
37.690356%
O presente estudo retrata a constitui??o da Associa??o de Mulheres do Munic?pio de Igarap?-Miri ?ASMIM/Par?, como um espa?o de lutas, resist?ncias e associativismo de mulheres trabalhadoras. Visa contribuir com o debate acerca das conquistas de uma experi?ncia pr?tica coletiva, na constru??o do desenvolvimento local, em Igarap?-Miri. Para isso, procurou-se nesta pesquisa entender o cen?rio da economia solid?ria, bem como, as diferentes concep??es que giram em torno dessa tem?tica em interface com o desenvolvimento local, ? medida que, se entende ambas, como estrat?gias importantes para a constitui??o da mulher enquanto um sujeito coletivo capaz de romper com a invisibilidade e empoderar-se, no sentido de se tornar protagonista de sua pr?pria hist?ria. Ressaltou-se importantes momentos de lutas e resist?ncias femininas em torno de igualdade de direitos, gera??o de renda e participa??o na vida p?blica. Nesse sentido, a ?nfase das organiza??es e movimentos sociais aos quais essas mulheres estiveram/est?o articuladas foi importante para compreender de que forma elas foram galgando seu espa?o de representa??o pol?tica em n?vel local, regional e nacional, ou seja, demonstrando novas pr?ticas s?cio-econ?micas e pol?tico-culturais em que se tornaram refer?ncias e alteram a realidade do seu papel na sociedade contempor?nea. Por fim...

‣ A contribuição das mulheres para a igualdade na América Latina e no Caribe

Montaño, Sonia; Rico, María Nieves
Fonte: CEPAL Publicador: CEPAL
Português
Relevância na Pesquisa
37.725918%
Incluye Bibliografía; El aporte de las mujeres a la igualdad en América Latina y el Caribe Women's contribution to equality in Latin America and the CaribbeanLa contribution des femmes à l'égalité en Amérique latine et dans les CaraïbesA Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe vem, há mais de uma década, acompanhando o progresso das políticas públicas com enfoque de gênero. Fiel ao seu mandato, a CEPAL propôs um marco de desenvolvimento baseado nos direitos humanos, a fim de produzir sinergias positivas entre o crescimento econômico e a eqüidade social no contexto da modernização produtiva. Nos últimos tempos, a CEPAL tem considerado a universalização e a melhoria da proteção social; trata-se, fundamentalmente, de estabelecer um pacto fiscal e social que permita o aceso aos sistemas de proteção social e seu financiamento em um marco de solidariedade. Nesse contexto, A contribuição das mulheres para a igualdade na América Latina e no Caribe torna mais visíveis dois temas-chave na estruturação da desigualdade entre mulheres e homens: de um lado, a participação política e a paridade de gênero nos processos de tomada de decisões em todos os níveis e, de outro, a contribuição das mulheres para a economia e a proteção social...

‣ Autocuidado de mulheres residentes no munic?pio de Benevides/PA na preven??o e controle de HPV: participa??o da(o) enfermeira(o)

MIRANDA, Shirley Aviz de
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
37.65288%
INTRODU??O: A infec??o pelo Papiloma V?rus Humano (HPV) ? uma das ISTs mais comuns no mundo e possui alto potencial carcinog?nico para a c?rvice uterina. OBJETIVOS: Identificar poss?veis d?fices de compet?ncia para o autocuidado relativo ao comportamento de sa?de sexual de mulheres atendidas nas Unidades Sa?de da Fam?lia Para?so do Murinin com resultados alterados para HPV e desenvolver estrat?gias de educa??o para a sa?de que contribuam para comportamentos sexuais saud?veis na preven??o e controle do HPV e suas consequ?ncias. METODOLOGIA: Pesquisa desenvolvida no munic?pio de Benevides, Estado do Par?. Estudo configurado como pesquisa convergente-assistencial (PCA), que teve como referencial te?rico o Autocuidado de Orem. A estrat?gia educacional foi aplicada em 11 mulheres na faixa et?ria entre 25 e 64 anos, que realizaram o exame de PCCU entre os anos 2011 e 2012 e que tiveram resultado com altera??es relacionadas ? contamina??o pelo HPV. No desenvolvimento da estrat?gia educacional foi utilizada a t?cnica do grupo focal, o qual perdurou por dois meses (19/03/13-14/05/2013), com sete encontros grupais. A an?lise das informa??es colhidas durante as atividades grupais foi baseada na PCA e no referencial de autocuidado de Orem, com foco nos objetivos definidos...

‣ SNPS da região controladora de Locus (LCR) na região reguladora 5' do gene Hla-g em mulheres com neoplasia intraepitelial cervical.

Cordeiro, Juliana Cochenski
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.712163%
Resumo: A infecção pelo Papilomavírus humano (HPV), que tem tropismo por mucosas e que se aloja no epitélio escamoso pluriestratificado que reveste o colo do útero, pode induzir o desenvolvimento de lesões intra-epiteliais de alto grau (NIC II e NIC III). Quando não tratadas, essas lesões podem progredir ao Câncer Cervical (CC). O câncer do colo do útero é o segundo tipo de câncer mais comum, e a maior causa de mortalidade em mulheres no mundo. Genes HLA não clássicos, em especial o gene HLA-G, por seu papel na imunotolerância, tem sido investigados quanto à proteção e/ou susceptibilidade a uma série de doenças causadas por vírus, câncer, entre outras. De acordo com evidências recentes, a expressão de HLA-G, na superfície da célula tumoral, teria efeito imunomodulador sobre as células Natural Killer, linfócitos T, além de inibir a resposta imune. O objetivo desse estudo de associação caso-controle, foi investigar a influência dos SNPs localizados na região promotora do gene HLA-G em mulheres com lesões intraepitelias cervicais de Grau II e Grau III e mulheres controle. As configurações haplotíplicas para os 8 SNPs (-1306, -1179, -1155, -1140, -1138, -1121, -990, -964) investigados na região promotora de HLA-G foram comparadas entre os grupos "pacientes” e "controles”. O estudo foi conduzido numa amostra constituída por 194 mulheres...

‣ Mulheres na agricultura familiar do semiárido norte-mineiro : divisão social do trabalho e gênero no Projeto Jaíba

Neta Barbosa, Ana Alves
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.683018%
Este estudo aborda a situação de vida e trabalho das mulheres na agricultura familiar no semiárido norte-mineiro, com foco na divisão social do trabalho e gênero no Projeto Jaíba. Nesse contexto elegeu-se a Etapa I, na área A: NS1 e NS2 como locus desta tese desenvolvendo os seguintes objetivos: analisar dinâmicas de vida e de trabalho feminino e gênero na agricultura familiar no Projeto Jaíba; caracterizar e analisar a sociodemografia e o trabalho das mulheres do Perímetro do Projeto Jaíba; analisar trabalho e renda das mulheres na agricultura familiar do PJ, considerando os fatores de inclusão/exclusão vinculados ao gênero; analisar dinâmicas de gênero, divisão social e sexual do trabalho na família, na atividade agrícola e a situação de vida e trabalho das mulheres do PJ e, por fim; discutir políticas públicas e gênero na agricultura familiar do PJ, na perspectiva do empoderamento feminino e do desenvolvimento rural. O estudo, de cunho qualitativo, contou com a participação de mulheres agricultoras, agentes de mediação, membros da família e presidentes de associações. Foram totalizadas entrevistas com vinte e duas (22) mulheres da Área A, seis (6) agentes de mediação e seis (6) membros da família...

‣ Políticas sociais e relações de gênero : as políticas de renda mínima e o desenvolvimento da cidadania das mulheres em Samambaia, Distrito Federal

Seidel, Carlos Daniel Dell'Santo
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
37.682917%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Instituto de Ciência Política, Programa de Pós-Graduação, 2006.; Esta dissertação analisa se a participação das mulheres como beneficiárias de programas de garantia de renda mínima, principalmente o Programa Renda Minha, do Governo do Distrito Federal, contribui para o desenvolvimento da cidadania plena das mulheres na cidade de Samambaia (DF). Após extensa pesquisa de campo, realizada com 602 mulheres, por meio de questionário individual e realização de grupos focais utilizando metodologia sociodramática com 215 das mulheres entrevistadas, conclui que as fragilidades institucionais, agregadas à falta de informação sobre os critérios de elegibilidade e de controle social por parte das beneficiárias, impedem o desenvolvimento da cidadania das mulheres. A insegurança e o medo da exclusão inibem os processos de mútuo reconhecimento, que fomentam a criação da consciência de direitos e o passo para autonomização política. Os programas têm grande significação social para as beneficiárias, porém não criam mecanismos para interação com políticas públicas dirigidas às mulheres, nem possibilitam sua auto−organização em grupos de interesse ou de geração de trabalho e renda no marco da economia solidária. Este trabalho propõe como alternativas: a) articulação do programa com políticas para mulheres; b) divulgação dos critérios de elegibilidade do programa; c) estabelecimento de parcerias com as organizações sociais; d) criação de mecanismos de controle social e gestão...