Página 9 dos resultados de 741 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

‣ Financeirização do território e circuitos da economia urbana: agentes de crédito, técnicas e normas bancárias. Um exemplo em Alagoas; Financialization of the territory and circuits of the urban economy: loan officers, techniques and banking standards. An example in Alagoas

Medeiros, Dhiego Antonio de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/12/2013 Português
Relevância na Pesquisa
38.807024%
O processo de diversificação da topologia bancária brasileira iniciado na década de 1990 com o Plano Real foi ancorado numa política de privatização e desnacionalização dos entes financeiros e chegou ao ápice no ano de 2003, mediante a Resolução n. 3.156, emitida pelo Banco Central do Brasil, propiciando o uso dos serviços de correspondentes no País a qualquer instituição financeira. Se por um lado, tal medida estava estreitamente ligada à política de bancarização levada a efeito pelo Governo Federal (que passaria a fazer uso da rede de correspondentes para distribuição de recursos a segmentos da população que historicamente viviam à margem do sistema bancário tradicional), por outro, serviu de alavanca a diversas instituições financeiras, especialmente os bancos de pequeno e médio portes que, desprovidos de uma rede de agências, encontraram no correspondente uma forma de ampliação de sua capilaridade. Nesse sentido, a prestação do serviço bancário com distintos níveis de capital, tecnologia, organização e trabalho expressa novas relações de complementaridade entre os circuitos (superior, superior marginal e inferior) da economia urbana, ao mesmo tempo em que altera o papel exercido pelo banco...

‣ Determinantes do spread bancário e da concessão de crédito no Brasil

Souza, Francine Santos Mendes
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 55 f.
Português
Relevância na Pesquisa
38.725889%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Sócio-Econômico. Economia.; A abertura comercial e a integração dos mercados financeiros internacionais, no final de década de 90, criaram a expectativa de que a conjuntura econômica brasileira passaria a apresentar menores patamares de spread bancário. No entanto, como resultado a economia brasileira apresentou níveis menores do mark-up bancário, porém em patamares ainda exorbitantes se comparados às outras economias mundiais. Neste contexto, este trabalho tem por objetivo analisar os fatores que explicam a manutenação dos elevados spreads no Brasil, no período de 1994 até 2004, sejam eles os fatores macroeconômicos, os fatores microeconômicos e os fatores institucionais. O estudo da lógica entre causa e efeito destes três determinantes tem reflexos diretos no histórico da concessão de crédito no Brasil, que por sua vez, configura-se a grande problemática deste trabalho. Para tanto, a pesquisa exige um método descritivo das oscilações nas taxas de concessão creditícia para o período de análise, bem como a explicação detalhada na lógica de interação entre os fatores determinates do spread bancário e seus reflexos na concessão de crédito e na conjuntura macroeconômica do Brasil.

‣ Divulgação do risco de crédito antes e após a crise financeira de 2008: o caso das empresas do setor bancário do PSI-20

Dias, Osvaldo Amândio
Fonte: Instituto Politécnico de Setúbal. Escola Superior de Ciências e Empresariais Publicador: Instituto Politécnico de Setúbal. Escola Superior de Ciências e Empresariais
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
38.631316%
Dissertação apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Mestre em Contabilidade e Finanças; A crise financeira de 2008 evidenciou a necessidade da qualidade da informação divulgada sobre os riscos, assim como a falta de transparência nos relatórios das empresas. Para colmatar este deficit de transparência, as empresas do setor bancário estão sujeitas ao cumprimento das normas emitidas pela Comissão de Mercado e Valores Mobiliários (CMVM), pelo International Accounting Standards Board (IASB), bem como da legislação que resulta dos Acordos de Basileia. O presente estudo procura analisar as práticas de divulgação de informação sobre o risco de crédito antes e “após” a mais recente crise financeira em quatro empresas do setor bancário português cotadas na Euronext Lisboa e incluídas no Portuguese Stock Index (PSI) 20. Para o efeito foi utilizado o método qualitativo e o método da análise de conteúdo. Os dados foram extraídos dos relatórios e contas de 2006 e 2012 das empresas da amostra. Verifica-se que, em geral, as empresas cumpriam os requisitos previstos no normativo contabilístico, regras, regulamentos e outra legislação aplicável.); e que a informação mais divulgada referia-se aos objetivos e políticas de gestão do risco de crédito. Verifica-se...

‣ Determinantes do Atraso no Cumprimento Bancário em Crédito à Habitação

Alves, Rui Miguel Deus
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
38.53432%
Dissertação de Mestrado em Economia das Organizações; O forte estado concorrencial no crédito à habitação em Portugal, com enfoque para a importância deste produto na banca portuguesa e estrutura de mercado existente nos últimos dez anos (1997-2007), conduziu a um rápido acesso dos consumidores ao mercado do crédito à habitação do lado da procura. O fenómeno do endividamento rapidamente se tornou numa questão pertinente no tempo actual. Este problema actual na sociedade portuguesa tem levado a uma preocupação cada vez mais maior na determinação da probabilidade de incumprimento estimada pelos bancos para o crédito à habitação. A existência de uma fronteira de aceitação/rejeição das contrapartes em função do rating da entidade bancária ou dos diferentes scorings, indicando as respectivas probabilidades de incumprimento, consubstancia o propósito de uma ligação directa entre a análise de risco e o processo de decisão. A questão da incorporação da escolha intertemporal no processo de tomada de decisão pelos agentes económicos torna-se fundamental num ambiente de crescente aumento das taxas de endividamento e incumprimento no crédito à habitação. Este estudo procura concretizar os determinantes no atraso no crédito à habitação...

‣ Ajuda da/à Troika: causas e impactos no sector bancário português

Pontes, Filipe António Osório de Almeida
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
38.511545%
Mestrado em Gestão Empresarial; O objectivo deste documento é explicar o impacto no sector bancário Português das medidas acordadas no âmbito do Plano de Ajustamento económico e Financeiro (PAEF) que afectam o sector financeiro Português, evidenciando não só os efeitos provindos do risco sistémico inerente, mas procurando também descortinar as particularidades de cada uma das 5 maiores instituições bancárias nacionais, tentando apontar para os caminhos a percorrer no futuro por cada instituição. Procura-se sinteticamente procurar as origens da crise financeira, desde a chamada crise do subprime, a sua magnitude até aos dias de hoje, à crise de liquidez e a elevada exposição ao risco de crédito das 5 principais entidades bancárias. Procedeu-se a uma análise ao sector bancário português, começando-se por apresentar o actual enquadramento económico mundial, europeu e nacional, e analisando as particularidades de cada instituições, verificando-se as opções tomadas e os impactos futuros das perspectivas de cada num contexto nacional de profunda recessão. A retracção do PIB, o crescimento do no desemprego e as restrições no acesso ao crédito, deverão ter como efeitos o aumento no incumprimento e degradação das carteiras de crédito e o eventual corte no financiamento ao investimento de bons projectos promovidos por empresas economicamente saudáveis. Intersectando todas as questões de políticas económicas encontram-se as medidas acordadas no âmbito do acordo do Programa de ajustamento económico e financeiro para a ajuda aprovada para Portugal cuja análise é também efectuada.; The purpose of this paper is to explain the impact on the Portuguese banking sector of the measures agreed under the Plan Economic and Financial Adjustment (PAEF) affecting the Portuguese financial sector...

‣ Crise económico-financeira e o financiamento bancário às pequenas e médias empresas: o caso do sector da construção

Fernandes, Tiago José Francisco
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
38.511545%
Mestrado em Finanças; A presente investigação tem como intuito analisar o impacto das recentes crises económicofinanceiras no financiamento bancário às pequenas e médias empresas (PME), focando-se maioritariamente no sector da construção. Procede-se à explicação da génese da crise financeira mundial, também denominada de crise do subprime, bem como da crise da dívida soberana dos países da Zona Euro. É efectuado, de forma sintética, um enquadramento macro-económico e incluem-se projecções para o futuro, perspectivando-se novos desafios. Depois de analisada a importância das PME para a economia portuguesa, apresentam-se as suas principais fragilidades, destacando-se a respectiva estrutura de capital e as dificuldades evidenciadas no recurso ao financiamento bancário. São também dissecadas as respostas obtidas a um questionário remetido ao conjunto de bancos e instituições financeiras de crédito que concedem crédito ao universo de empresas em estudo. Por último, procura-se aferir em que medida um conjunto de rácios e indicadores financeiros poderão explicar o peso do crédito bancário no financiamento da actividade das PME do sector da construção. Para o efeito, apresenta-se um modelo de regressão linear múltipla...

‣ Proposta de sistema de reconhecimento da qualidade do atendimento no crédito à habitação

Vieira, Ana Carolina Lourenço
Fonte: Universidade Nova de Lisboa Publicador: Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 27/01/2010 Português
Relevância na Pesquisa
38.67574%
Trabalho de Projeto apresentado como requisito parcial para obtenção do grau de Mestre em Estatística e Gestão de Informação; A banca, face à grande competitividade entre instituições que se reflecte na semelhança na oferta dos produtos, procura diferenciar-se e encontrar novos meios de criação de valor no serviço ao cliente. O crédito à habitação, sendo um dos produtos que mais reforça a ligação do cliente ao banco, exige elevada qualidade no atendimento, de forma a garantir uma relação duradoura do cliente com a instituição. Apesar do crescente desenvolvimento das novas tecnologias, as agências continuam a ser o canal mais directo de relacionamento com os clientes, em particular na aquisição deste produto. Estudar os determinantes que influenciam a relação de serviço entre o colaborador da agência e o cliente, de forma a poder melhorá-la, é uma mais-valia para a empresa e constituiu a principal motivação para o desenvolvimento deste trabalho de projecto. Este estudo centrou-se na pesquisa conceptual acerca da qualidade nos serviços e na investigação relativa dos vários modelos de satisfação do cliente, ao nível do sector bancário e ao nível dos serviços em geral. Analisaram-se...

‣ A importância do Spread e das garantias na concessão de crédito às pequenas e médias empresas

Fortunato, Carlos Jorge Chasqueira
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
38.572837%
A grande maioria das pequenas e médias empresas (PME) depende dos bancos comerciais para obterem financiamento bancário. Como os custos de transacção, o custo de funding e as garantias exigidas pelos bancos limitam o fornecimento de crédito às PME, este estudo analisa os determinantes do custo do financiamento, isto é, do spread aplicado aos empréstimos e das garantias particulares solicitadas aos mutuários no processo de concessão de crédito. Para tal recolheu-se informação relativamente a 18.687 empréstimos concedidos a PME, por um dos maiores bancos portugueses. Os resultados obtidos com base no modelo OLS e com referência aos determinantes do spread indicam que: i) o valor do spread cobrado aumenta sempre que sejam exigidas garantias aos sócios e/ou gerentes; ii) com referência às garantias prestadas pela empresa e pelas SGM obtém-se um efeito contrário, isto é, um decréscimo do valor do spread; iii) para empréstimos de longo prazo e de montantes mais elevados o valor do spread diminui, efeito explicado pela redução dos custos de monitorização dos contratos de crédito; iv) quanto às características do mutuário, as empresas que tenham decréscimos no seu volume de negócios ou que apresentem incumprimentos após a concessão do empréstimo provocam aumentos no spread...

‣ Preferência pela liquidez, racionamento de crédito e concentração bancária uma nova teoria pós-keynesiana da firma bancária

Oreiro,José Luís
Fonte: Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE Publicador: Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2005 Português
Relevância na Pesquisa
38.60612%
O presente artigo tem por objetivo apresentar um modelo geral de firma bancária que incorpore a teoria pós-keynesiana da preferência pela liquidez dos bancos, a hipótese Stiglitz-Weiss de que a taxa de inadimplência dos devedores é uma função crescente da taxa de juros e a hipótese tobiniana de que a proporção dos depósitos que o banco consegue reter é uma função crescente do grau de concentração do setor bancário. Esse modelo geral nos permite obter três conclusões importantes. Em primeiro lugar, demonstra-se que o spread bancário ótimo é uma função crescente do grau de concentração do setor bancário. Em se-gundo lugar, demonstra-se que um aumento da taxa básica de juros irá resultar (i) numa redução do spread bancário ótimo e (ii) numa redução do volume de crédito ofertado pelo banco. Por fim, demonstra-se que um aumento do grau de concentração tem um efeito ambíguo sobre a oferta de crédito bancário.

‣ Determinantes do spread bancário ex post no mercado brasileiro

Dantas,José Alves; Medeiros,Otavio Ribeiro de; Capelleito,Lucio Rodrigues
Fonte: Universidade Presbiteriana Mackenzie Publicador: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2012 Português
Relevância na Pesquisa
38.725889%
A rentabilidade dos bancos é geralmente considerada um fator relevante para garantir a solidez do sistema financeiro, reduzindo os riscos associados aos eventos de insolvência nesse setor. No Brasil, porém, tem havido discussões quanto aos lucros das instituições financeiras que atuam no país, centradas no argumento de que tais lucros seriam supostamente muito elevados, onerando demasiadamente o setor produtivo. Por isso, diversos estudos têm avaliado a estrutura, a evolução e os determinantes do spread bancário, que é considerada a principal variável responsável pelos lucros supostamente anormais. Do ponto de vista metodológico, essas pesquisas têm se concentrado em investigar o spread ex ante das operações com recursos livres e têm utilizado fatores macroeconômicos como variáveis independentes. Este estudo busca identificar variáveis determinantes do spread bancário ex post, privilegiando variáveis explanatórias específicas das instituições, vale dizer, microeconômicas. Na literatura sobre determinantes do spread bancário ex post no Brasil, foi identificado apenas um trabalho anterior, o qual apresentou resultados pouco representativos, devido a um problema de micronumerosidade. Para evitar tal problema...

‣ Regime jurídico dos contratos de crédito aos consumidores: algumas notas

Santos, Susana Ferreira dos
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
38.53432%

‣ Defesa judicial do consumidor bancário

Oliveira, Andressa Jarletti Gonçalves de
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
38.631436%
Resumo: Na sociedade de massas capitalista, influenciada pela cultura de consumo, o consumo não se restringe mais à satisfação das necessidades básicas da vida, alcançando as dimensões de diferenciação social e autodeterminação. A eclosão da nova classe média, na última década, alterou o perfil do consumidor brasileiro, com participação acentuada dos idosos no consumo e explosão do crédito consignado. O crédito bancário exerce dupla função social: meio para consumo pelas pessoas físicas, inclusive de bens e serviços essenciais, e fomento da atividade empresarial. O uso do crédito contempla o risco inerente de conduzir ao superendividamento do consumidor. No Brasil, pesquisas constataram que a maioria dos superendividados são passivos, sofreram algum acidente da vida. Importante compreender as dificuldades enfrentadas no consumo de crédito, tais como a assimetria de informação e a vulnerabilidade, que pode ser agravada, pelas condições pessoais dos consumidores, ou ante a maior dependência do crédito. A dependência das pequenas empresas dos serviços bancários e do crédito permite reconhecer sua vulnerabilidade, que justifica a aplicação do CDC. Devem ser observadas as condutas adotadas pelos bancos...

‣ Características da oferta de microcrédito a partir de estudos de casos de Minas Gerais: evolução em direção à atuação segundo a lógica do sistema bancário

Ribeiro, Rodrigo Gurgel Cherubino
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
38.572837%
Existe uma divergência entre o objetivo das instituições bancárias de racionar crédito por conta de seu comportamento racional diante de problemas informacionais existentes no mercado de crédito e a intenção dos formuladores de política econômica de disponibilizar crédito a todos os agentes da economia como meio de se alavancar o crescimento econômico. Diante disso, a expansão do crédito pode ser observada a partir de um serviço financeiro alternativo ao disponibilizado pelo setor bancário tradicional: o microcrédito. Todavia, a metodologia de concessão do microcrédito no Brasil tem se assemelhado à própria metodologia empregada pelo setor bancário tradicional, limitando, dessa forma, a disponibilização de serviços financeiros aos agentes de mais baixa renda e aos empreendimentos do setor informal da economia. Informações obtidas em sete instituições de microfinanças do estado de Minas Gerais indicaram a cobrança de taxas de juros relativamente altas, a existência de solicitações burocráticas que elevam custos de transações dos clientes, a diminuta utilização do aval solidário como garantia substitutiva, bem como a forte influência das taxas básicas de juros da economia sobre a composição da estrutura patrimonial das instituições de microfinanças. ______________________________________________________________________________ ABSTRACT; There is a divergence between the objective of the banking institutions to ration credit – because its rational behavior to face difficulties of get informations about the market –...

‣ Preferência pela liquidez, racionamento de crédito e concentração bancária uma nova teoria pós-keynesiana da firma bancária

Oreiro, José Luís da Costa
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
38.60612%
O presente artigo tem por objetivo apresentar um modelo geral de firma bancária que incorpore a teoria pós-keynesiana da preferência pela liquidez dos bancos, a hipótese Stiglitz-Weiss de que a taxa de inadimplência dos devedores é uma função crescente da taxa de juros e a hipótese tobiniana de que a proporção dos depósitos que o banco consegue reter é uma função crescente do grau de concentração do setor bancário. Esse modelo geral nos permite obter três conclusões importantes. Em primeiro lugar, demonstra-se que o spread bancário ótimo é uma função crescente do grau de concentração do setor bancário. Em segundo lugar, demonstra-se que um aumento da taxa básica de juros irá resultar (i) numa redução do spread bancário ótimo e (ii) numa redução do volume de crédito ofertado pelo banco. Por fim, demonstra-se que um aumento do grau de concentração tem um efeito ambíguo sobre a oferta de crédito bancário. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT; The objective of the present article is to present a general model of the banking firm beha-vior which encompasses the post Keynesian theory of bank's liquidity preference, the Stiglitz-Weiss´s hypothesis that expected default rate is an increasing function of loan interest rate and the Tobinisque hypothesis that the deposit retention coefficient is an increasing function of the concentration ratio in banking industry. This general model allows us to arrive at some interesting conclusions. First of all...

‣ O Sistema bancário na sustentabilidade do processo de crescimento: Cabo Verde 1998-2008

Tavares, Deyze Cristina Baptista
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /08/2011 Português
Relevância na Pesquisa
38.57186%
Mestrado em Finanças; A relação existente entre sistema financeiro e crescimento económico é tema de estudo por parte de diversos autores, desde os trabalhos seminais de Gerschenkron, 1962 e Cameron, 1967. O presente trabalho insere-se nessa temática e tem como objectivo analisar a importância do sector bancário no crescimento económico de Cabo Verde, entre 1998 e 2008. Terá sido este crescimento acompanhado pelo desenvolvimento do sector bancário ou já existia um sistema sustentado, em finais da década de 1990? Como evoluiu a estrutura do sistema bancário? Tem o sector bancário financiado os sectores chave da economia ou os seus créditos têm sido canalizados para outras actividades? Conclui-se, em primeiro lugar, ter sido na primeira década do século XXI que o sector bancário teve um crescimento elevado, aferindo este crescimento através de diversos indicadores, designadamente, activos e passivos bancários em relação ao PIB. Em segundo lugar, revelou uma situação de liquidez, solvabilidade e eficiência que conferiu estabilidade financeira à economia e destacou Cabo Verde no conjunto da África Subsariana. Em terceiro lugar, a actividade creditícia evidencia a canalização de créditos para as instituições não financeiras...

‣ Avaliação dos efeitos da crise financeira nas actividades das caixas de crédito agrícola

Coelho, Maria Leonor Soares
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /06/2011 Português
Relevância na Pesquisa
38.738289%
Mestrado em Contabilidade, Fiscalidade e Finanças Empresariais; A crise Subprime tem afectado variados sectores económicos e financeiros, sendo o seu impacto particularmente significativo no sector das instituições de crédito, quer nacionais quer estrangeiras. Este trabalho tem como objectivo avaliar em termos gerais qual o impacto da crise Subprime na actividade do sector bancário português e determinar o real comportamento das Caixas de Crédito Agrícola em contraponto com as restantes instituições financeiras do País, uma vez que, ao contrário das suas congéneres espanholas, Caixa de Aforro, estas não apresentavam sinais de terem sido fortemente afectadas pela crise Subprime. Para tal, procede-se a um estudo do sector bancário português, começando-se por apresentar uma breve caracterização deste sector durante o século XX, seguida de uma aferição ao enquadramento macroeconómico adverso, das medidas tomadas pelo Governo Português para conter e resolver a crise financeira e às principais propostas de Basileia III. Foi igualmente analisado o aumento da procura por produtos financeiros de estrutura complexa, a ausência de liquidez nas Caixas de Aforro espanholas e as reestruturações feitas ao sistema financeiro espanhol...

‣ A importância do Spread e das garantias na concessão de crédito às pequenas e médias empresas

Fortunato, Carlos Jorge Chasqueira
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
38.572837%
A grande maioria das pequenas e médias empresas (PME) depende dos bancos comerciais para obterem financiamento bancário. Como os custos de transacção, o custo de funding e as garantias exigidas pelos bancos limitam o fornecimento de crédito às PME, este estudo analisa os determinantes do custo do financiamento, isto é, do spread aplicado aos empréstimos e das garantias particulares solicitadas aos mutuários no processo de concessão de crédito. Para tal recolheu-se informação relativamente a 18.687 empréstimos concedidos a PME, por um dos maiores bancos portugueses. Os resultados obtidos com base no modelo OLS e com referência aos determinantes do spread indicam que: i) o valor do spread cobrado aumenta sempre que sejam exigidas garantias aos sócios e/ou gerentes; ii) com referência às garantias prestadas pela empresa e pelas SGM obtém-se um efeito contrário, isto é, um decréscimo do valor do spread; iii) para empréstimos de longo prazo e de montantes mais elevados o valor do spread diminui, efeito explicado pela redução dos custos de monitorização dos contratos de crédito; iv) quanto às características do mutuário, as empresas que tenham decréscimos no seu volume de negócios ou que apresentem incumprimentos após a concessão do empréstimo provocam aumentos no spread...

‣ Análise das implicações do financiamento bancário regional sobre o PRONAF

Bastos, Patrícia Rejane Martins; Vieira Filho, José Eustáquio Ribeiro
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Boletim Regional, Urbano e Ambiental - Artigos
Português
Relevância na Pesquisa
38.807024%
Este estudo visa analisar a política de crédito rural destinada à agricultura familiar no Brasil, à luz do contexto regional de financiamento bancário. O objetivo é observar, por intermédio da análise de dispersão de variáveis, se é possível associar a distribuição regional do crédito PRONAF (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar) aos resultados do financiamento bancário regional. A hipótese a ser testada é que o dinamismo no financiamento bancário regional tende a reproduzir-se sobre os resultados de acesso ao PRONAF.; p. 35-44

‣ Preferência pela liquidez, racionamento de crédito e concentração bancária uma nova teoria pós-keynesiana da firma bancária

Oreiro, José Luís
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/03/2005 Português
Relevância na Pesquisa
38.60612%
The objective of the present article is to present a general model of the banking firm beha-vior which encompasses the post Keynesian theory of bank's liquidity preference, the Stiglitz-Weiss´s hypothesis that expected default rate is an increasing function of loan interest rate and the Tobinisque hypothesis that the deposit retention coefficient is an increasing function of the concentration ratio in banking industry. This general model allows us to arrive at some interesting conclusions. First of all, we show that the optimal banking spread is an increasing function of the concentration ratio in banking industry. Second, we show that an increase in the level of the interest rate controlled by the Central Bank will (i) reduce the optimal level of the banking spread, and (ii) will reduce de supply of banking credit. Last, but not least, we show that an increase in the concentration ratio in banking industry has an ambiguous effect over the supply of banking credit.; O presente artigo tem por objetivo apresentar um modelo geral de firma bancária que incorpore a teoria pós-keynesiana da preferência pela liquidez dos bancos, a hipótese Stiglitz-Weiss de que a taxa de inadimplência dos devedores é uma função crescente da taxa de juros e a hipótese tobiniana de que a proporção dos depósitos que o banco consegue reter é uma função crescente do grau de concentração do setor bancário. Esse modelo geral nos permite obter três conclusões importantes. Em primeiro lugar...

‣ Adoption of the International Accounting Standard by Small and Medium-Sized Entities and its Effects on Credit Granting; Adoção do Padrão Contábil Internacional nas Pequenas e Médias Empresas e seus Efeitos na Concessão de Crédito

Riva, Enrico Dalla; Salotti, Bruno Meirelles
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/12/2015 Português
Relevância na Pesquisa
38.771045%
This research examines the relationship between the adoption of the international accounting standard by small and medium-sized entities in Brazil and the cost of credit granted by financial institutions. The literature about this subject discusses accounting regulation as a response to the existence of environments having information asymmetry and the Disclosure Theory studies the phenomenon of accounting disclosure, from the viewpoint of its causes and effects. The International Accounting Standards Board (IASB) suggests that an accounting standard with higher information quality tends to reduce the funding cost for small enterprises and, thus, this paper has as its main aim investigating whether the adoption of the international accounting standard has caused some effect on the cost of banking credit. The investigation was conducted through a theoretical and empirical approach, where the statistical analyses involved a sample of 179 enterprises subject to the Brazilian Technical Pronouncement - Accounting for Small and Medium-Sized Entities (CPC-SMEs), which underwent descriptive analysis, sample means testing, panel data analysis, and quantile regressions, with data from financial statements for three years (2009 to 2011). Evidence suggests a weak association between measures of the accounting information quality (disclosure and exposure of the adoption of the accounting standard based on the CPC) and the cost of banking credit for these enterprises. However...