Página 1 dos resultados de 1563 itens digitais encontrados em 0.013 segundos

‣ Dinâmica da Mistura Étnica em Comunidades Remanescentes de Quilombo Brasileiras; Inter-Ethnic Admixture Dynamics in Brazilian Quilombo Remnant Communities

Luizon, Marcelo Rizzatti
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 24/10/2007 Português
Relevância na Pesquisa
37.068826%
Apesar da intensa mistura étnica na formação da população Brasileira, pequenos grupos isolados ainda podem ser encontrados, principalmente representados pelas tribos indígenas e comunidades remanescentes de quilombo. As comunidades de Barra (BA), São Gonçalo (BA) e Valongo (SC) apresentam diferentes histórias demográficas de formação. Os AIMs (Marcadores Informativos de Ancestralidade) são capazes de revelar essas diferenças pois apresentam grandes diferenciais de freqüência () entre os principais grupos populacionais parentais (africanos, ameríndios, europeus) e, por esta razão, constituem polimorfismos com maior poder discriminante em estimativas de mistura étnica. No presente trabalho, foram testados oito AIMs na análise de três remanescentes de quilombo, comparados a duas amostras de população urbana brasileira. Um destes marcadores, o alelo CYP1A1*2C, foi testado em sete aldeias de quatro tribos da Amazônia Central Brasileira, completando a análise dos outros sete marcadores previamente realizados nestas populações ameríndias. Os objetivos, além da descrição formal de tais populações, incluíam comparar eventuais diferenças entre as comunidades quilombolas e verificar a eficiência relativa destes marcadores em estudos deste tipo. A comparação das freqüências do alelo CYP1A1*2C entre os ameríndios e populações mundiais confirma este alelo como um excelente AIM para diferenciar ameríndios de europeus e africanos...

‣ Palestinos no extremo sul do Brasil : identidade étnica e os mecanismos de produção da etnicidade. Chuí/RS; Palestinians in the extreme south of Brazil : Ethnic identity and the Social Mecanisms of Ethnicity Production - Chuí/RS

Jardim, Denise Fagundes
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf; application/pdf; application/zip; application/zip
Português
Relevância na Pesquisa
37.16893%
Este trabalho trata da identidade palestina e dos processos sociais de construção de identidade étnica observados no extremo sul do Brasil. Focaliza os processos de recriação de tradições e as negociações sociais que agiram no sentido de configurar um grupo étnico. Este estudo é uma etnografia desenvolvida a partir da observação participante e da análise de documentos produzidos pelos entrevistados que vivem na Chuí (Rio Grande do Sul) na fronteira entre Brasil e Uruguai. Através da investigação de uma das falas recorrentes - “aqui é tudo palestino” -, revela-se o universo de situações sociais e negociações que configuram uma identidade social e os conflitos envolvidos na produção de uma “comunidade árabe” como um grupo minoritário. Analisa-se as expressões da identidade social relativas a um reconhecimento como palestinos, focalizando as diversas ações empreendidas do início da década de 80 até o fim dos anos 90. O estudo aborda os mecanismos e processos sociais que deram vitalidade à identidade social e à proeminência de uma identidade étnica, entre eles: as viagens à Palestina e o modo como estas viagens incidem sobre a descoberta da identidade palestina; as festas de casamentos que estreitam laços entre famílias e que reverberam na produção de uma “família árabe”; e o interesse pela política partidária local como um palco específico em que uma identidade social se configura como identidade étnica...

‣ A promoção da identidade étnica em Caxias do Sul através da produção literária e a institucionalização do programa de pós-graduação em cultura regional

Lima Júnior, Gerson Afonso de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.068826%
O presente trabalho objetivou apontar elementos que possibilitaram um novo reforço da identidade étnica em Caxias do Sul. Este reforço, ao que tudo indica, teve início com as comemorações do Centenário da Imigração Italiana na cidade, ocorrido em 1975. Utilizou como fontes de pesquisa os prefácios da produção literária da região e a documentação referente à institucionalização do Programa de Pós-Graduação em Cultura Regional da Universidade de Caxias do Sul. Concluiu que a identidade étnica italiana passou a ser celebrada a partir da produção literária sobre a imigração. Além disso, constatou a influência dos literatos na institucionalização do referido programa de pós-graduação.

‣ Identidade étnica e território chiquitano na fronteira (Brasil-Bolívia); Chiquitano territory and ethnic identity in the frontiers (Bolivia-Brazil); Identidad étnica y territorio chiquitano en la frontera (Brasil-Bolivia)

Pacini, Aloir
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.16893%
Este trabalho, dividido em três partes que se interpenetram, toma o território chiquitano na fronteira em tensão com os territórios transnacionais como elemento fundamental para elaborar uma compreensão da identidade étnica resiliente dos Chiquitanos. Primeiro observa as construções geográficas, políticas, culturais e os diferentes sujeitos que atuam nesta fronteira. Assim mostra a agência própria dos Chiquitanos dita indigenismo que perpassa e articula suas identidades, o cuidado com suas igrejas, com suas fontes de água e os córregos, seus rituais e suas músicas. O tempo da Missão de Chiquitos (1691-1767) é percebido como um tempo idealizado de grande fecundidade, uma espécie de mito de origem dos Chiquitanos em diversas etnias que passaram a viver juntas com artes e estéticas próprias na música, na escultura, na pintura, na devoção aos Santos. Estes aspectos que foram incorporados pelos Chiquitanos já fazem parte intrínseca das manifestações étnicas acionadas como sinais diacríticos na construção de suas identidades e territórios. As fronteiras de identidades nas redes de parentesco e de intercâmbio de bens entre os Chiquitanos são mais um elemento para pensar a importância dos caminhos que cruzam as fronteiras...

‣ O tema transversal pluralidade cultural: a possibilidade da igualdade étnica e cultural no ambiente escolar ou atualidade do mito da democracia racial?

Motta, Fernanda Paula de Carvalho
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 210 f. : anexos
Português
Relevância na Pesquisa
37.068826%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Serviço Social - FCHS; Conhecer para entender, respeitar e integrar, aceitando as contribuições das diversas culturas presentes na sociedade brasileira, deve ser o objetivo específico da introdução do tema transversal Pluralidade Cultural nas práticas pedagógicas. A adequada inclusão deste tema nos currículos e nos projetos pedagógicos configura-se na possibilidade da igualdade étnica/cultural no ambiente escolar. A proposta de que essa temática ilumine as práticas escolares na promoção da igualdade étnica/cultural no ambiente escolar é muito louvável, mas insuficiente, pois não é combinada a outros esforços de informação, sensibilização, formação continuada dos professores, acesso a pesquisas e propostas concretas para o tratamento adequado deste tema em sala de aula. Neste sentido este trabalho científico tem por objetivo investigar sobre a aplicação e efetivação do tema transversal Pluralidade Cultural nos currículos, nos projetos e nas práticas pedagógicas das escolas da rede pública municipal da cidade de Franca. Para atingi-lo será necessário concentrar informações sobre o apoio institucional que as escolas recebem da Secretaria de Educação; conhecer os projetos e trabalhos desenvolvidos por estas em referência ao tema; conhecer a forma como os professores têm trabalhado o tema Pluralidade Cultural em sala de aula...

‣ A Construção da identidade étnica teuto-brasileira em São Lourenço do Sul (década de 1980 até os dias atuais)

Maltzahn, Paulo César
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Tese de Doutorado Formato: 335 p.| il.
Português
Relevância na Pesquisa
37.295894%
Tese (doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Programa de Pós-Graduação em História, Florianópolis, 2011; Esta tese analisa o processo de construção da identidade étnica teutobrasileira na cidade de São Lourenço do Sul (RS) entre a década de 1980 e os dias atuais através de histórias de vida. Para essa compreensão, a pesquisa investiga as representações e os sentidos atribuídos pelos depoentes a "ser teuto-brasileiro" em São Lourenço do Sul no que diz respeito a aspectos culturais e sociais objetivos e a elementos subjetivos. A análise da pesquisa utiliza o apoio teórico no eixo etnicidade relacional estudos sobre identidade étnico-cultural e a metodologia de História Oral. Os sujeitos entrevistados demonstram identificações na igualdade e na diferença, isto é, marcadores de pertença étnica, de um lado, vivenciados individualmente e, de outro lado, compartilhados no coletivo étnico. A definição atual da etnicidade teuto-brasileira em São Lourenço do Sul está relacionada a apropriações simbólicas convencionais e à produção de sentidos que cada depoente vivenciou na família e na comunidade étnica, o que caracteriza permanência e transformação da identidade étnica teuto-brasileira e uma negociação de sentidos individuais e coletivos. A redefinição do conjunto de identificadores étnicos teuto-brasileiros em São Lourenço do Sul está associada ainda...

‣ Identidade étnica e estratégias de aculturação em contextos multiculturais: estudos com crianças e agentes socializadores

Carvalho, Luísa Manuela da Costa Ramos de
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2009 Português
Relevância na Pesquisa
37.490254%
Doutoramento em Psicologia Social e Organizacional. Especialidade em Psicologia Social / PsyInfo: 180 – Idade Escolar, 3020 – Processos Grupais e Interpessoais; Esta dissertação visou a compreensão da identidade étnica das crianças de minorias étnicas e de factores determinantes da sua socialização. Relativamente à identidade étnica, verificámos que as crianças de origem africana, comparativamente com as lusas, se descreviam utilizando mais atributos sociais que pessoais. No Estudo 2 observámos que as crianças tendiam a comportar-se de acordo com o desejo dos pais de que elas fossem cabo-verdianas ou portuguesas, associação mediada pela sua identidade étnica. No Estudo 3 constatámos que o insucesso escolar das crianças de origem africana variava em função da sua identidade étnica e com a composição étnica da escola que frequentavam. Observámos uma interacção entre a identidade étnica e a composição étnica da escola sobre o sucesso escolar. Ao analisar a socialização étnica, através do pensamento dos professores e dos pais sobre a etnicidade e a educação das crianças identificámos, no Estudo 4, quatro conjuntos distintos de ideias. Observámos que as mães brancas se distinguiam das negras na defesa de ideias menos tradicionais...

‣ Identidade étnica, modelos relacionais e bem-estar na adolescência

Afonso, Filipa Maria de Sousa
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 14/03/2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.068826%
Mestrado em Psicologia Social e das Organizações; Propomos com este trabalho contribuir para a compreensão da influência da identificação étnica e dos modelos relacionais no bem-estar de adolescentes residentes em Portugal. Os dados foram recolhidos através de questionários de auto-preenchimento por setenta adolescentes com idades compreendidas entre os 15 e os 25 anos em contexto recreativo. No questionário, para avaliar as origens étnicas usou-se a escala Multigroup Ethnic Identity Measures (versão reduzida; MEIM) e medidas comportamentais (música e constituição do grupo de amigos); para analisar os modelos relacionais nos grupos (com família, amigos e professores) foi usada uma escala de Lickel et al (2006); e para avaliar o bem-estar utilizamos a escala de bem-estar psicológico inserida no KIDSCREN-27 (instrumento que avalia a qualidade de vida em crianças e adolescentes) traduzido e adaptado para Portugal (Gaspar & Matos, 2008). Em relação ao bem-estar, os resultados indicam um elevado nível de bem-estar psicológico nos adolescentes, independentemente do seu grupo étnico. Verificaram-se diferenças significativas ao nível das preferências musicais, embora se destaque uma preferência pelo género “ritmos africanos” quer pelos grupos étnicos minoritários...

‣ Adopção inter-étnica: motivações, percursos de vida e inserção no meio

Carvajal, Isabel Cristina Váron de
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.068826%
Mestrado em Intervenção Comunitária e Protecção de Menores; O presente trabalho procurou estudar a adopção inter-étnica em Portugal, pouco estudada no nosso contexto. Para atingir o objectivo principal, foram realizados dois estudos: No primeiro, pretendia-se explorar, quais as motivações e experiências de um grupo de pais que adoptaram crianças de uma etnia/cultura diferente da sua. O segundo, pretendia identificar e analisar as representações de um grupo de técnicos de equipas de adopção, sobre a etnia e cultura da criança em situação de adoptabilidade e das famílias adoptivas. Deste modo, foi utilizada a metodologia qualitativa, com entrevistas semi-estruturadas de profundidade a treze famílias e um grupo de discussão focalizada, com nove técnicos de equipas de adopção. Os resultados do primeiro estudo, salientam que o ciclo vital nas famílias adoptivas é mais complexo. Ainda, estas famílias inter-étnicas por adopção, apresentam dificuldades acrescidas relacionadas com as características étnicas das crianças que tornam visível a adopção, por um lado, e todos os elementos da família são expostos a situações de discriminação e racismo, por outro. Devido a estes factos, as famílias entendem que são necessários serviços específicos...

‣ Identidade étnica, orientação para os out-groups, discriminação percepcionada e auto-estima em adolescentes

Costa, Inês Isabel Cunha Perdigão Marques da
Fonte: ISPA - Instituto Universitário das Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida Publicador: ISPA - Instituto Universitário das Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.477148%
Dissertação de Mestrado em Psicologia Educacional; Esta investigação de carácter quantitativo-correlacional pretende analisar a relação entre os domínios da identidade étnica e a auto-estima, e entre esta última variável e a discriminação étnica percepcionada; analisam-se também as associações entre a exploração e a discriminação étnica percepcionada perpetrada pelos pares; e averiguam-se ainda as relações entre os domínios da identidade étnica e a orientação para os out-groups no grupo das etnias minoritárias. Estas relações são analisadas em 387 adolescentes de diferentes grupos étnicos, com uma média de idades de 13.75. Os dados foram recolhidos utilizando a Escala de Autoconceito e Auto-estima de Peixoto e Almeida (1999; Peixoto, 2003), a Escala de Identidade Étnica (Umaña-Taylor, Yazedjian, Bámaca-Gomez, 2004), e a Escala de Discriminação Étnica Percepcionada, construída para avaliar as percepções de discriminação étnica. Os resultados mostram diferenças significativas nos níveis de identidade étnica global e na exploração, entre o grupo da etnia Portuguesa e o grupo das etnias minoritárias. Observaram-se correlações significativas e positivas entre a auto-estima e a exploração...

‣ Identidade étnica, auto-estima e autoconceito em adolescentes

Almeida, Andreia
Fonte: Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida Publicador: Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2008 Português
Relevância na Pesquisa
37.16893%
Dissertação de Mestrado apresentada ao ISPA - Instituto Universitário; O objectivo deste estudo é analisar as relações existentes entre a identidade étnica e seus domínios, e dois indicadores de bem-estar psicológico: a auto-estima e o autoconceito, em adolescentes do 7º, 8º e 9º anos de escolaridade, de diferentes grupos étnicos, portugueses ou a viver em Portugal. Participaram nesta investigação 473 adolescentes, com idades compreendidas entre os 12 e os 19 anos. Os dados foram recolhidos utilizando a Escala de Autoconceito e Auto-estima (Peixoto & Almeida, 1999), e a Escala de Identidade Étnica (Umaña-Taylor et al., 2004). Os resultados revelam diferenças significativas entre o grupo de etnias africanas e o grupo de etnia portuguesa, nos seus níveis de exploração, resolução e afirmação. Os resultados também demonstram que os participantes de etnia portuguesa revelam relações significativas entre a exploração, a resolução, a auto-estima e o autoconceito. Entre os participantes de etnias africanas, também existe uma relação significativa entre o autoconceito e a resolução, e os participantes de etnias luso-africanas não apresentam relações significativas entre as variáveis do estudo. Os resultados são discutidos à luz da teoria da identidade social...

‣ Escola, família e comunidade quilombola na afirmação da identidade étnica da criança negra.; School, family and Quilombola Community in the affirmation of ethnic identity of the black children.

Santos, Ana Cristina Conceição
Fonte: Universidade Federal de Alagoas; BR; Educação brasileira; Programa de Pós-Graduação em Educação; UFAL Publicador: Universidade Federal de Alagoas; BR; Educação brasileira; Programa de Pós-Graduação em Educação; UFAL
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.068826%
This dissertation entitled School, Family and the Quilombola Community in the Affirmation of the Ethic Identity of Black Children, carried out in the Quilombo community of Muquém, in the State of Alagoas, had as a general objective to identify how the ethnic identity of Black children is constructed and asserted in the interrelationship of school, family and of the Quilombola community. The approach of the study was qualitative, having as a methodology participant observation and informal interviews with eight children, their mothers, their teacher, and Quilombolas of Muquém. We conducted an analysis of the discipline of Palmarina Culture and of four activities administered in the classroom. In the analysis and systematization of the data we were able to perceive how the facets of racism and its reproduction in every social filed (family, school, community) challenges the positive identity construction of Quilombo Black children in the researched community.; Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de Alagoas; Esta dissertação intitulada Escola, família e comunidade quilombola na afirmação da identidade étnica da criança negra , realizado na comunidade quilombola de Muquém, no Estado de Alagoas, teve como objetivo geral identificar como se constrói e se afirma a identidade étnica da criança negra na inter-relação escola...

‣ Memória e cultura: os Fulni-ô afirmando identidade étnica

Quirino, Eliana Gomes
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.16893%
Ce travail s agit du processus d´affirmation de l´identité Fulni-ô et de la mobilisation ethnique du groupe qui sont organisées et maintenues en bénéfice de leurs droits; ceux-ci consistent en la reconnaissance comme indiens devant la société et leurs droits sur le territoire. Le groupe est situé dans la municipalité d´Águas Belas, localisé entre l´ agreste et le sertão de l´état du Pernambuco. Ce sont, en moyenne, 3.676 indiens qui présentent comme signes d´identification ethnique: le Yathê, langue spécifique du groupe qui continue à être utilisée au quotidien; l´Ouricuri, terme qui désigne le rituel qui a lieu pendant le printemps et pendant des périodes spécifiques de l´année; le Toré, danse commune aux indiens du Nordeste. La mémoire et la matière culturelle sont les signes de mobilisation ethnique sélectionnés par les Fulni-ô pour favoriser l´affirmation de leur identité et la protection de leurs droits. Cet aspect sera traité tout au long de ce travail. La mobilisation ethnique est permanente, les Fulni-ô ne cessent d´utiliser des moyens qui peuvent les aider à vivifier leur identité et à protéger l´intégrité de leur territoire. Au travers de la mémoire ou grâce à l´utilisation de signes et de symboles ethniques (comme la langue...

‣ Construindo interpretações para entrelinhas : cosmologia e identidade etnica nos textos escritos em portugues, como segunda lingua, por alunos indigenas Tapirape

Maria Gorete Neto
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/02/2005 Português
Relevância na Pesquisa
37.16893%
O objetivo desta dissertação é compreender, no sentido de construir uma de muitas possíveis interpretações para a produção escolar escrita, em português como segunda língua, de alguns alunos indígenas Tapirapé que vivem no Mato Grosso. O corpus da pesquisa está constituído de dois tipos de registros. O primeiro é resultado do trabalho desenvolvido pela professora (e autora da dissertação) na escola indígena e da convivência de três anos (1999-2001) com o povo Tapirapé. Do primeiro tipo de registros constam textos escritos em português pelos alunos de 5ª a 8ª séries, planos de aula e diários de campo. O segundo tipo de registros foi gerado posteriormente à vida na aldeia para complementar os registros do primeiro tipo e consiste de um diário retrospectivo acompanhado de memos e de vinhetas narrativas. A análise, com inspiração nos procedimentos da pesquisa etnográfica (Erickson, 1986), tem como foco principal os textos dos alunos nos quais busco marcas da cosmologia Tapirapé e da construção de identidade étnica. Entendo cosmologia, a partir de Lallemand (1978) e Lopes da Silva (1994), como a visão de mundo de um povo. Tal visão configura-se num conjunto de crenças e conhecimentos, que abarcam elementos dos mundos ordinário e sobrenatural...

‣ La construcción de la identidad étnica urbana: etnificación y etnogénesis del movimiento mapuche urbano organizado en la ciudad de Santiago 1990-2000.

Varas Insunza, José Manuel
Fonte: Universidad de Chile; Universidad de Chile. Programa Cybertesis Publicador: Universidad de Chile; Universidad de Chile. Programa Cybertesis
Tipo: Tesis
Português
Relevância na Pesquisa
37.241228%
El presente estudio tiene como objetivo el dilucidar qué subyace tras la génesis y construcción de una identidad mapuche urbana en la ciudad de Santiago, y qué características tiene dicha construcción identitaria. El análisis de ambos ejes (génesis y sus características) conlleva conocer, o al menos dar luces, sobre las perspectivas que tiene la construcción de una identidad étnica, su desarrollo y permanencia, en la ciudad. En este sentido, el marco de la investigación está dada por dos procesos de construcción identitaria: etnogénesis y etnificación. La entrada analítica del estudio lo constituyen las relaciones subyacentes, o redes sociales, que establece el movimiento mapuche formal con el Estado y la sociedad civil, como de los contenidos que tras dichos lazos o tejidos sociales, circula la demanda étnica, autonomía cultural y la cuestión del reconocimiento. La tesis es que se está cimentando una identidad étnica propiamente urbana, con sus distinciones y particularidades, incluso con un memoria histórica propia e inventada en la ciudad, y que el Estado y su política indigenista ha tenido un rol protagónico para la configuración étnica en la ciudad de Santiago. En fin, se busca “repensar” el vínculo del estado con el movimiento indígena (la tensión entre etnificación y etnogénesis)...

‣ Deriva étnica y nacionalismo a distancia en la construcción de las identidades diaspóricas

Dell’Agnese, Elena
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Article; info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em //2005 Português
Relevância na Pesquisa
37.295894%
En el marco de la diáspora, la «zona de contacto» que es producida por la dispersión a nivel internacional de una población que se autodefine sobre la base de un origen espacial común, tiene unos mecanismos de construcción identitaria que reclaman la conciencia de una elección cultural. El deseo de mantener y preservar algunos rasgos que se consideran típicos de la cultura de origen para evidenciar la propia pertenencia étnica, no lleva a la simple cristalización de aquellos rasgos (que, mientras tanto, pueden haber variado profundamente, en el marco del contexto de origen), sino a un proceso de diferenciación cultural todavía más profundo que, por analogía a procesos similares de deriva genética o lingüística, puede ser definido como de «deriva étnica».; Des del marc de la diàspora, la «zona de contacte» que esdevé de la dispersió a nivell internacional d’una població que s’autodefineix sobre la base d’un origen espacial comú, presenta uns mecanismes de construcció identitària que reclamen la consciència d’una elecció cultural. El desig de mantenir i preservar alguns trets que es consideren típics de la cultura d’origen per tal d’evidenciar la pròpia pertinença ètnica, no porta a la simple cristal•lització d’aquells trets (els quals...

‣ Identidad étnica y género entre adolescentes de origen marroquí

Veredas Muñoz, Sonia; Universidad Carlos III de Madrid
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.16893%
En este artículo, sistematizamos algunos de los factores que condicionan el proceso de construcción de la identidad étnica entre los jóvenes inmigrantes marroquíes en España, especialmente las condiciones en que la identidad étnica puede activarse como recurso individual en la sociedad receptora para afirmar y mantener la autoestima y la aceptación del endogrupo y luchar contra el racismo y la discriminación. Estos factores incluyen los «otros» grupos de referencia para el individuo, el efecto del islam y la voluntad de preservación cultural entre los padres, factores cuya influencia en nuestro tema objeto de estudio ha de considerarse conjuntamente.; In this article we systematize some factors conditioning the ethnic identity construction of young Moroccans immigrants in Spain, specifically the conditions under which ethnicity can be activated as an individual resource in the receptor society for affirming and maintaining self-esteem, fighting against racism and discrimination, or gaining acceptance as an ethnic group. The mentioned factors are grouped in various headlines —the «others» groups of reference, the effect of Islamic religion and the parental efforts to preserve the cultural heritance on their children—...

‣ ESTUDO SOBRE REELABORAÇÃO E SEGMENTAÇÃO DA IDENTIDADE ÉTNICA; ESTUDO SOBRE REELABORAÇÃO E SEGMENTAÇÃO DA IDENTIDADE ÉTNICA

Seyferth, Giralda
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2002 Português
Relevância na Pesquisa
37.16893%
This article analyzes the recreation of ethnic identity among descendents of German immigrants in the South of Brazil. It emphasizes the symbolic elements of identification, which is based on a primordial sense of belonging, habitus and cultural practice. This has being used to distinguish different groups to reinvent "folklore tradition" within a special national past. Ethnic identity is reconstructed based on elements from the past, using a language that appeals to the legitimacy of cultural diversity, despite uncertainty of double nationality. However, the apparent uniqueness of this ethnic recreation has not prevented the fragmentation of identity.; Este trabalho tem como objetivo analisar processos de reconstrução da iden-tidade étnica entre descendentes de imigrantes alemães no sul do Brasil. enfatizando a reelaboração dos elementos simbólicos que compõem classificações compreensivas de identificação, tendo por base uma ideologia de penencimento de natureza primordialista. habitar e práticas culturais tomadas como elementos de diferenciação grupai, bem como uma -tradição folclórica" reinventada para marcar um passado nacional distinto. A identidade étnica é recriada a partir de elementos buscados no passado...

‣ La cuestión étnica: aproximación a los conceptos de grupo étnico, identidad étnica, etnicidad y relaciones interétnicas

Bari,Maria Cristina
Fonte: Cuadernos de antropología social Publicador: Cuadernos de antropología social
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2002 Português
Relevância na Pesquisa
37.16893%
Nos interesa un acercamiento a la "cuestión étnica" que, desde una perspectiva histórica y antropológica, permita visualizar los dispositivos de estatalidad que regulan tanto las relaciones de producción, como los imaginarios construidos sobre las poblaciones originaras para producir un modelo hegemónico de nación. Se intentará un análisis que rescate de la producción antropológica aquellas definiciones que descencializan el contenido y alcance de esta problemática. Con este propósito realizamos un recorrido fundado en distintos enfoques sobre los conceptos de grupo étnico, identidad étnica y etnicidad. Remarcando, por un lado, el carácter procesual y dinámico de estos fenómenos concebidos como resultado de una compleja interacción de relaciones interétnicas, y por otro, señalando como condición necesaria de la comprensión de estos fenómenos sociales, la contrastación de estas aproximaciones teóricas con el campo empírico, con el fin de resignar enunciados o patrones de universalidad.

‣ La familia, las relaciones afectivas y la identidad étnica entre indígenas migrantes urbanos en San Luis Potosí

Chávez González,Mónica Lizbeth
Fonte: El Colegio de Michoacán Publicador: El Colegio de Michoacán
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2013 Português
Relevância na Pesquisa
37.16893%
El objetivo de este artículo es debatir en torno al papel que desempeña la familia y las relaciones afectivas en la construcción de la pertenencia étnica en el caso de indígenas que han migrado a la ciudad. Básicamente se abordan los dilemas de reproducción étnica de tének y nahuas fuera de sus lugares de origen para explicar el peso que adquieren las dimensiones subjetivas en la conformación de la identidad étnica.