Página 1 dos resultados de 34243 itens digitais encontrados em 0.010 segundos
Resultados filtrados por Publicador: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra

‣ A avaliação dos estilos de aprendizagem dos enfermeiros nos contextos de trabalho: um trilho para a construção de um instrumento

Aleixo, Ana Carolina Lobo dos Reis
Fonte: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra Publicador: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/06/2014 Português
Relevância na Pesquisa
36.606282%
Os contextos clínicos devem ser considerados, não só como geradores de cuidados, mas como espaços formativos de eleição, essenciais para o desenvolvimento profissional dos enfermeiros (Eraut, 2007; Marsick, Watkins, Callahan & Volpe, 2009; Menoita, 2011). Uma forma de melhorar a sua aprendizagem nestes contextos é torná-los conscientes dos seus estilos de aprendizagem. Contudo, não existem instrumentos válidos disponíveis que permitam avaliar os mesmos nos contextos de trabalho (Berings, 2006). De forma a contribuir para a construção futura de um instrumento e partindo da definição de estilos de aprendizagem nos contextos de trabalho de Berings, procurou-se identificar quais as atividades de aprendizagem dos enfermeiros nos contextos de trabalho nos domínios da enfermagem definidos por Benner (2001). Foi desenvolvido um estudo multi-caso em 4 (quatro) serviços do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra. A colheita de dados envolveu um Questionário de Caracterização Sociodemográfica e Profissional; Entrevistas Informais; e 4 (quatro) Grupos Focais, com um total de 19 (dezanove) participantes. Foram identificadas 18 (dezoito) atividades de aprendizagem, que se podem agrupar em três categorias, à semelhança de Walden & Bryan (2011). Aprendizagens através de processos colaborativos...