Página 1 dos resultados de 854 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

‣ Comparison of total phenolic content and antiradical capacity of powders and "chocolates" from cocoa and cupuassu; Comparação entre o conteúdo de fenólicos totais e a capacidade antiradical de produtos de chocolate derivados de cacau e de cupuaçu

GENOVESE, Maria Inés; LANNES, Suzana Caetano da Silva
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.5038%
Polyphenolic compounds seem to be related to the health benefits produced by the cocoa due to their antioxidant properties. Cupuassu powder, prepared from Theobroma grandiflorum seeds, is a very promising cocoa powder substitute. In order to assess the potential health benefits of the cupuassu powder, a comparison was performed between cocoa, chocolate, and cupuassu powders in relation to the content of total phenolic compounds, flavonoids and DPPH scavenging capacity of methanolic extracts. Cupuassu "chocolates" (milk, dark, and white) were also analyzed. Mineral, lipid, protein, and moisture determinations were made in cocoa and cupuassu powders and in cupuassu "chocolates". Results showed that the phenolic contents of cocoa and chocolate powders are more than three times higher than those of cupuassu powder; however, flavonoid contents were significantly lower. The DPPH scavenging capacity varied hugely among the different samples, from 0.5 (white cupuassu "chocolate") to 120 (cocoa powder) μg of Trolox equivalent per 100 g (FW), and presented a significant correlation (r = 0.977) with the total phenolic contents but not with the flavonoid contents (r = -0.035).; Os compostos polifenólicos têm sido implicados nos efeitos benéficos à saúde promovidos pelo cacau devido às suas propriedades antioxidantes. Cupuaçu em pó...

‣ Propriedades físicas de substitutos do cacau; Physical properties of cocoa substitutes

MEDEIROS, Magda Leite; LANNES, Suzana Caetano da Silva
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.666082%
O cacau em pó é obtido a partir da pasta de cacau, preparada com sementes que passaram pelos processos de fermentação, secagem, torrefação, moagem e prensa (para separação da manteiga de cacau). Nos últimos anos, houve aumento na oferta de gorduras substitutas à manteiga de cacau, diminuindo a dependência da indústria alimentícia em relação a esta, mas aumentando a demanda por cacau em pó. Nos países líderes de produção, o preço do cacau é afetado pelo clima, pragas e fatores políticos. Substitutos de cacau são substâncias que podem entrar na formulação de produtos que utilizam cacau em pó para substituí-lo parcial ou totalmente, com a finalidade de reduzir o preço do produto final, garantir a qualidade dos produtos dependentes de cacau na entressafra ou mesmo na possível ausência do cacau em pó no mercado. Os substitutos avaliados foram: farinha tostada de alfarroba, cupuaçu em pó, composto da semente de cacau e aromas. O objetivo neste trabalho foi avaliar fisicamente o cacau e seus substitutos por meio das análises de compactação, densidade, ângulo de repouso, isoterma de adsorção de umidade, tamanho de partícula, molhabilidade e umidade crítica relativa. Concluiu-se que os produtos analisados apresentaram diferentes propriedades físicas daquelas do cacau...

‣ Avaliação química de substitutos de cacau e estudo sensorial de achocolatados formulados; Chemical evaluation of cocoa substitutes and study of formulated chocolate drink powder

MEDEIROS, Magda Leite; LANNES, Suzana Caetano da Silva
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.65205%
O cacau em pó é obtido a partir da pasta de cacau preparada com sementes que passaram pelos processos de fermentação, secagem, torrefação, moagem e prensa (para separação da manteiga de cacau), podendo ser utilizado em formulações de achocolatados que além de cacau em pó são produzidos com: açúcar, aroma e outros ingredientes constantes da formulação. Nos países líderes de produção, o preço do cacau é afetado pelo clima, pragas e fatores políticos. Substitutos de cacau são substâncias que podem entrar na formulação de produtos que utilizam cacau em pó para substituí-lo parcial ou totalmente, com a finalidade de diminuição do preço do produto final, garantia de qualidade dos produtos dependentes de cacau na entressafra ou mesmo na possível ausência do cacau em pó no mercado. Os substitutos escolhidos para avaliação foram: farinha tostada de alfarroba, cupuaçu em pó, composto da semente de cacau e aromas. Os objetivos foram: avaliar quimicamente (composição centesimal e teor de metilxantinas) os substitutos de cacau e sensorialmente, sob a forma de achocolatados. Concluiu-se que os produtos analisados apresentam diferentes propriedades químicas daquelas do cacau, sendo que os aromas foram preferidos nos testes sensoriais.; Cocoa powder is obtained from cocoa paste. It is prepared with fermented...

‣ Landscape and farm scale management to enhance biodiversity conservation in the cocoa producing region of southern Bahia, Brazil

CASSANO, Camila R.; SCHROTH, Goetz; FARIA, Deborah; DELABIE, Jacques H. C.; BEDE, Lucio
Fonte: SPRINGER Publicador: SPRINGER
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.5038%
In southern Bahia, Brazil, large land areas are used for the production of cocoa (Theobroma cacao), which is predominantly grown under the shade of native trees in an agroforestry system locally known as cabruca. As a dominant forest-like landscape element of the cocoa region, the cabrucas play an important role in the conservation of the region`s biodiversity. The purpose of this review is to provide the scientific basis for an action plan to reconcile cocoa production and biodiversity conservation in southern Bahia. The available research collectively highlights the diversity of responses of different species and biological groups to both the habitat quality of the cabrucas themselves and to the general characteristics of the landscape, such as the relative extent and spatial configuration of different vegetation types within the landscape mosaic. We identify factors that influence directly or indirectly the occurrence of native species in the cabrucas and the wider landscape of the cocoa region and develop recommendations for their conservation management. We show that the current scientific knowledge already provides a good basis for a biodiversity friendly management of the cocoa region of southern Bahia, although more work is needed to refine some management recommendations...

‣ Perfil protéico de sementes de acessos de cacaueiro no desenvolvimento do sabor de chocolate; Proteic profile from different accessions of cocoa seeds on the chocolate flavor development

Possignolo, Aline Aparecida
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 11/06/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.54062%
O típico sabor de chocolate é único, obtido somente de sementes fermentadas, secas e torradas de cacau, não podendo ser sintetizado artificialmente. O desenvolvimento desse sabor é influenciado pela constituição genética das sementes, processamento pós-colheita e manufatura. Proteínas dos cotilédones são potencialmente precursores do sabor e aroma de chocolate. O presente trabalho teve como objetivo analisar diferenças qualitativas e quantitativas nas proteínas de sementes de três genótipos de Theobroma cacao após a colheita e durante a fermentação, de forma a correlacionar estes resultados com diferenças na qualidade (sabor e aroma) obtidas por análise sensorial. Um dos desafios foi o isolamento de proteínas das sementes, evitando o alto teor de polifenóis e polissacarídeos que interferem na separação das proteínas e na análise do proteoma. A metodologia de extração composta por filtração em Miracloth, solubilização e precipitação em ácido ticloroacético (TCA) apresentou géis de maior resolução e repetibilidade, tendo sido escolhida como metodologia de extração protéica para estudo das alterações no proteoma das sementes de cacau durante a fermentação. Foi necessária também a utilização de kit comercial de purificação de proteínas e utilização de método de coloração com nitrato de prata para garantir géis com resolução dos spots e repetibilidade satisfatórias. Os spots foram isolados e após digestão tríptica...

‣ Atividade antioxidante e teor de resveratrol em cacau, chocolates, achocolatados em pó e bebidas lácteas achocolatadas; Antioxidant activity and resveratrol level in cocoa, chocolates, chocolate powders and chocolate milk beverages

Salvador, Izabela
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 10/08/2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.596152%
O estilbeno resveratrol é um composto fenólico potencialmente benéfico à saúde, principalmente devido a sua atividade cardioprotetora. Apesar de abundante em uvas e vinhos tintos, o resveratrol encontra-se ausente na maioria das frutas e vegetais que compõe a dieta humana. Recentemente, este estilbeno foi detectado em cacau e chocolates da Europa e Estados Unidos, configurando-os como sua segunda maior fonte comestível. A escassez de estudos acerca da ocorrência de resveratrol em alimentos consumidos pela população brasileira torna evidente a importância da investigação por fontes que o contenham. Este estudo teve como objetivos avaliar o conteúdo de compostos fenólicos totais, a atividade antioxidante de extratos aquosos e alcoólicos de cacau e derivados produzidos no Brasil, além do teor de resveratrol. Foram analisados 14 produtos que incluíram nibs de cacau, chocolates 70% e 56% de cacau, chocolates meio amargos, ao leite, brancos, achocolatados em pó e bebidas lácteas achocolatadas, de marcas populares do mercado brasileiro. Os compostos fenólicos totais foram quantificados pelo método Folin-Ciocalteu e a atividade antioxidante foi avaliada pelos métodos DPPH, ABTS, FRAP e auto-oxidação do sistema 'beta'-caroteno/ácido linoleico. A identificação do resveratrol nas amostras foi confirmada pela técnica de cromatografia gasosa acoplada a espectrometria de massas (CG-EM) e a quantificação foi feita pela técnica de cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE). Os extratos aquosos apresentaram teores mais elevados de compostos fenólicos totais (mg AG.g-1)...

‣ Estudo do efeito da adição de gorduras alternativas na cristalização da manteiga de cacau; Influence of the addition of alternative fats on cocoa butter crystallization

Leda Battestin Quast
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 15/04/2008 Português
Relevância na Pesquisa
37.570864%
A influência da incorporação de gorduras alternativas low e zero trans na cristalização da manteiga de cacau foi avaliada através da caracterização física de misturas binárias de manteiga de cacau com gordura de cupuaçu, gordura CBR low trans e gordura CBS, nas proporções de 5, 10, 15, 20, 25 e 30 %. O processo de pré-cristalização (temperagem) foi realizado em um reator encamisado de escala piloto dotado de um agitador e com capacidade para 700 mL. As amostras foram caracterizadas através da curva de sólidos, tensão de ruptura (snap test), calorimetria diferencial de varredura e difração de raios-X. A melhor condição de pré-cristalização da manteiga de cacau pura (taxa de resfriamento de 1,8 ºC/min, cristalização à 24 ºC por um tempo de 8 minutos) também foi utilizada nos ensaios com as misturas, com exceção das amostras com 20, 25 e 30 % de CBR e CBS que foram pré-cristalizadas a 23 ºC por 10 minutos. A manteiga de cacau apresentou um perfil de fusão de gordura na boca, DS(25ºC-35ºC), de 59,2 %, que sofreu apenas pequenas alterações com a adição de até 20 % de cupuaçu e até 30 % de CBR. A curva do conteúdo de sólidos sugere a formação de um eutético entre a manteiga de cacau e a gordura CBS. A tensão de ruptura para a manteiga de cacau foi de 2...

‣ Microbiota do cacau : fungos e micotoxinas do cacau ao chocolate; Cocoa mycobiota : fungi and mycotoxins from cocoa until chocolate

Marina Venturini Copetti
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 06/07/2009 Português
Relevância na Pesquisa
37.65205%
O Brasil se encontra entre os maiores produtores mundiais de cacau. Parte da sua produção é destinada à exportação, principalmente após passar por algum processamento industrial, e o restante se destina ao consumo interno. A qualidade obtida ao final do processamento do cacau depende de uma ampla variedade de fatores, dentre os quais os microrganismos desempenham um papel fundamental. A presença de fungos é observada em várias fases do processamento, o que além do aspecto deteriorativo representa um perigo toxicológico devido a possibilidade de síntese de micotoxinas. Na presente tese são apresentados os resultados sobre a presença de fungos, ocratoxina A e aflatoxinas em um total de 494 amostras de cacau analisadas em diferentes fases do processamento. A maior quantidade e diversidade de fungos foi encontrada em amostras coletadas durante o processamento na fazenda, especialmente durante a secagem e estocagem das amêndoas. Foram isolados 1132 espécies potencialmente toxigênicas do gênero Aspergillus: A. flavus, A. parasiticus, A. niger, A. carbonarius e grupo dos A. ochraceus. Com relação à presença de micotoxinas, as amostras da secagem e estocagem foram as que apresentaram maiores níveis de ocratoxina A e aflatoxinas na fazenda...

‣ Caracterização bioquímica da polifenoloxidase e da peroxidase de ameixa rubimel, polpa de cacau e estudo do efeito de agentes anti-escurecimento; Biochemical characterization of polyphenoloxidase and peroxidase of plum rubimel, cocoa pulp and study of the effect of agents anti-browning

Janai Cristiane Santos Nascimento Paz
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 16/07/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.63604%
A reação de escurecimento enzimático ocorre em muitas frutas e vegetais quando certos compostos fenólicos são oxidados em reações catalisadas por enzimas como polifenoloxidase (PFO) (EC 1.14.18.1) ou peroxidases (POD) (EC 1.11.1.7). A ampliação das alternativas de conservação de frutas como a ameixa nacional Rubimel, cuja produção nacional tem aumentado nos últimos anos e da polpa de cacau, uma fruta de sabor exótico e muito agradável, muito consumida no Estado da Bahia, é necessária, pois possibilita a busca por mercado consumidor dos produtos derivados dessas frutas em regiões mais distantes, preservando a qualidade da fruta in natura. Este trabalho teve como objetivo caracterizar as enzimas polifenoloxidase e peroxidase presentes nas polpas de ameixa Rubimel e de cacau e estudar o efeito de alguns agentes antioxidantes na preservação da cor natural dessas polpas. O suco de ameixa Rubimel escureceu rapidamente após a extração. O extrato enzimático bruto obtido pela centrifugação da polpa de ameixa Rubimel apresentou atividade de polifenoloxidase (448U/g de polpa) e peroxidase (705U/g de polpa). Em estudo univariável (ensaio preliminar ao estudo do efeito combinado) a PFO do extrato bruto de ameixa Rubimel apresentou atividade ótima na faixa de temperatura de 30 a 35°C e pH 6...

‣ Enterobactérias na cadeia produtiva do cacau ao chocolate; Enterobacteriaceae in the cocoa and chocolate production

Ivone Francisca da Silva
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.596152%
Os microrganismos são extremamente importantes no processamento do cacau, sob dois aspectos. O primeiro é o aspecto tecnológico, porque desempenham um papel fundamental no desenvolvimento do sabor do chocolate. O segundo é o aspecto de saúde pública, porque podem transmitir doenças de origem alimentar. O chocolate já foi incriminado em vários surtos de salmonelose e, em alguns deles, a contaminação por Salmonella originou-se dos ingredientes de cacau. O objetivo do presente estudo foi verificar a ocorrência de enterobactérias, incluindo Salmonella em cada etapa do processamento do cacau até a obtenção do chocolate além de determinar características fisico-químicas como pH e atividade de água. Foram analisadas 364 amostras, obtidas de produtores e processadores de cacau da Bahia e comerciantes de chocolate do Estado de São Paulo, sendo 119 amostras de cacau durante o pré-processamento nas fazendas produtoras; 150 amostras de derivados processados de cacau e 65 amostras comerciais de chocolate. As polpas de cacau apresentaram resultados microbiológicos e físico-químicos de acordo com a legislação vigente. As sementes que chegam do campo, antes de entrarem na fermentação, não apresentaram contaminação por E. coli...

‣ Efeito da adição de monoésteres de sorbitana e de estearina da manteiga de cacau como modificadores de cristalização na produção de chocolate; Effect of sorbitan monoesters and cocoa butter stearin additions as crystallization modifiers in the chocolate production

Monise Helen Masuchi
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 11/04/2014 Português
Relevância na Pesquisa
37.54062%
O comportamento de cristalização da manteiga de cacau (MC) é um importante parâmetro estrutural no desenvolvimento de chocolates com significativa resistência à formação do fat bloom ¿ um defeito comum em chocolates, caracterizado pela superfície com aparência esbranquiçada e perda de brilho devido à recristalização lipídica local. Com o objetivo de controlar e estabilizar a formação cristalina da MC em chocolates, neste trabalho avaliou-se a influência da adição de monoésteres de sorbitana (monolaurato, monopalmitato, monoestearato e monooleato) e de estearina da manteiga de cacau (obtida por fracionamento da MC com solvente) no comportamento de cristalização e consistência, assim como na microestrutura e no polimorfismo da MC. Monoésteres de sorbitana em três diferentes concentrações (0,5; 1,0 e 1,5% m/m) foram adicionados em MC e seus possíveis efeitos como modificadores de cristalização foram avaliados. O monoestearato de sorbitana (SMS) apresentou-se como o estruturante mais efetivo entre todos os emulsificantes testados, cuja atuação foi atribuída a sua solubilidade em meio orgânico e capacidade de auto-montagem. A adição de 0,5% de SMS em MC promoveu aumento relevante na temperatura de início de cristalização da MC (de 19...

‣ Comparison of total phenolic content and antiradical capacity of powders and "chocolates" from cocoa and cupuassu

Genovese,Maria Inés; Lannes,Suzana Caetano da Silva
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2009 Português
Relevância na Pesquisa
37.5038%
Polyphenolic compounds seem to be related to the health benefits produced by the cocoa due to their antioxidant properties. Cupuassu powder, prepared from Theobroma grandiflorum seeds, is a very promising cocoa powder substitute. In order to assess the potential health benefits of the cupuassu powder, a comparison was performed between cocoa, chocolate, and cupuassu powders in relation to the content of total phenolic compounds, flavonoids and DPPH scavenging capacity of methanolic extracts. Cupuassu "chocolates" (milk, dark, and white) were also analyzed. Mineral, lipid, protein, and moisture determinations were made in cocoa and cupuassu powders and in cupuassu "chocolates". Results showed that the phenolic contents of cocoa and chocolate powders are more than three times higher than those of cupuassu powder; however, flavonoid contents were significantly lower. The DPPH scavenging capacity varied hugely among the different samples, from 0.5 (white cupuassu "chocolate") to 120 (cocoa powder) μg of Trolox equivalent per 100 g (FW), and presented a significant correlation (r = 0.977) with the total phenolic contents but not with the flavonoid contents (r = -0.035).

‣ Export Commodity Production and Broad-Based Rural Development: Coffee and Cocoa in the Dominican Republic

Siegel, Paul B.; Alwang, Jeff
Fonte: World Bank, Washington, D.C. Publicador: World Bank, Washington, D.C.
Português
Relevância na Pesquisa
37.570864%
An estimated 80,000-100,000 Dominican farmers produce coffee and cocoa, nearly 40 percent of all agricultural producers. The sectors also provide employment for tens of thousands of field laborers and persons employed in linked economic activities. The majority of coffee and cocoa producers are small-scale and most are located in environmentally sensitive watersheds. Recent trends in international commodity markets have challenged the survival of both sectors. Production is characterized by low yields and uneven quality, while periodic hurricanes have contributed to a lackluster and unstable record of output and exports. Despite these conditions, most experts acknowledge the fact that appropriate agro-ecological conditions exist in Dominican Republic for production of high-quality coffee and cocoa. To be competitive and sustainable, some changes must take place in the coffee and cocoa sectors. The objective of this study is to provide an overview of the coffee and cocoa sectors, to identify major problems...

‣ Adults and children gathered in the yard near buildings on a cocoa plantation in Trinidad; The Bryant Slides Collection; The Bryant Slides Collection, Trinidad

Unknown ( Photographer )
Fonte: Universidade da Flórida Publicador: Universidade da Flórida
Tipo: still image Formato: 35 mm
Português
Relevância na Pesquisa
37.54062%
The slides were taken on collecting trips sponsored by the William L. Bryant Foundation, where books, music and art indigenous to the regions were gathered. The are organized by geographical location.; In Trinidad and Tobago, cocoa production is monitored by the Cocoa and Coffee Industry Board, which was established in 1961. Cocoa, used to make chocolate, is a traditional export crop in the country. Buildings like those pictured would be used for processing, drying, sorting, and storing cocoa beans. In this image, several children and adults can be found in the yard near buildings on the cocoa plantation. The buildings are made with wood and have zinc paneled roofs, some of the steps are made of concrete. The level flat area between the buildings on the far right would be used to dry cocoa beans. The beans would be spread out evenly on this area, then raked and turned so that beans were exposed to the sun for adequate drying. Slide labeled Cocoa Plantation Trinidad.

‣ Effects of exercise and cocoa flavanol supplementation on cardiometabolic function.

Davison, Kade
Fonte: Universidade de Adelaide Publicador: Universidade de Adelaide
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.63604%
The link between excess adipose tissue and an increased risk of developing various pathologies, including cardiovascular (CV) diseases and type 2 diabetes, is now well accepted. There is increasing evidence supporting impaired arterial function (AF) as a causal link in this process. It can therefore be postulated that interventions aimed at improving AF may attenuate or prevent this progression from overweight/obesity to CV and metabolic disease. Exercise has been shown to improve AF in various pathologies. A limitation in the evidence for exercise or increased fitness in an obese population is the differentiation of effects of obesity and fitness or exercise on CV function and risk. To investigate this, a cross sectional study was done to compare cardiorespiratory fitness (CRF; predicted VO₂max) and markers of AF (brachial flow mediated dilatation (FMD), arterial compliance (AC) and blood pressure (BP)) in sedentary obese (N=27) and sedentary lean (N=26) volunteers. The obese group had more whole body fat and abdominal fat (43.5 ± 1.2% vs. 27.2 ± 1.6%; p<0.001 and 48.6 ± 0.9% vs. 28.9 ± 1.8%; p<0.001 respectively) and lower FMD (3.2 ± 0.4% vs. 5.7 ± 0.7%; p<0.01) than the lean subjects but there was no difference in AC. FMD correlated with whole body fat (R = 0.28; p<0.05) and abdominal fat (R = 0.34; p<0.05) but not with CRF. By comparison AC in large arteries was positively associated with CRF (R = 0.5; p<0.01) but not with fatness. These results suggest a differential influence of fitness and fatness on AF. Flavanols from cocoa have been shown to positively influence AF in a variety of CV risk groups...

‣ Ghana : Cocoa Supply Chain Risk Assessment

World Bank
Fonte: Washington, DC Publicador: Washington, DC
Tipo: Economic & Sector Work :: Commodities Study; Economic & Sector Work
Português
Relevância na Pesquisa
37.596152%
Cocoa is by far Ghana's most important crop. It dominates the agricultural sector and is a major source of income for approximately 800,000 farmers and many others engaged in trade, transportation, and processing of cocoa. Cocoa holds a unique position in Ghana's economy. It has long played a crucial role in Ghana's economic development and remains an important source of rural employment. It also remains the country's most important agricultural export crop. Among development priorities, the Government of Ghana (GoG) is committed to securing the future profitability and sustainability of the cocoa supply chain. To this end, following decades of declining output and stagnation, GoG has made sizable investments in restructuring the industry, improving productivity, and reducing marketing inefficiencies. It has set ambitious targets to raise output while maintaining its industry-leading quality standards. These initiatives have paid dividends in recent years, with significant gains in national output in the most recent decade along with surging export revenues.

‣ Solomon Islands Cocoa Value Chain Analysis

Vadnjal, Dan; Pelomo, Moses
Fonte: World Bank, Washington, DC Publicador: World Bank, Washington, DC
Tipo: Economic & Sector Work :: Commodities Study
Português
Relevância na Pesquisa
37.596152%
The report comprises five sections: section two describes Solomon Islands Government's (SIG) national and sector policies and strategies, the state of infrastructure and transport, relevant institution and regulatory frameworks, and activities of development partners involved in the cocoa industry; section three provides an overview of global and domestic trends in prices, production and productivity of cocoa beans; section four provides an overview of the cocoa value chain and a snapshot of costs, revenues and gross margins accruing to smallholders, processors, traders and exporters at each stage of the value chain; section five provides an overview of key challenges and opportunities in development of the Solomon Islands cocoa value chain; and section six concludes the main findings of the value chain analysis and makes recommendations for future interventions in the cocoa industry.

‣ Cote d’Ivoire : Competitiveness, Cocoa, and the Real Exchange Rate

Bogetic, Zeljko; Espina, Carlos; Noer, John
Fonte: World Bank, Washington, DC Publicador: World Bank, Washington, DC
Tipo: Publications & Research :: Policy Research Working Paper; Publications & Research
Português
Relevância na Pesquisa
37.5038%
This paper explores competitiveness of Cote d'Ivoire's economy over a long period of 1960-2003 and its link with cocoa prices. The main conclusions are as follows. First, using four measures of real effective exchange rate (REER) for the 1960-2002 period, we track the evolution of REER and conclude, inter alia, that until 2003, REER remained well below its 1994 level. Second, we find that based on our measure of the multilateral REER with dynamic weights, which covers most recorded trade, France no longer dominates Cote d'Ivoire's trade. Instead, Cote d'Ivoire has diversified its set of trading partners. Unfortunately, it has also specialized in one export product, raw cocoa. This paper aims to contribute to the question to what extent do cocoa prices affect Cote d'Ivoire's competitiveness in world trade? Third, the answer to this question is that cocoa prices are an important determinant of Cote d'Ivoire's competitiveness. Similar to the case of a classic "Dutch Disease," increases in the real world price of a "natural resource" (i.e....

‣ A New Process To Develop a Cocoa Powder with Higher Flavonoid Monomer Content and Enhanced Bioavailability in Healthy Humans

Tomás Barberán, Francisco; Cienfuegos-Jovellanos, Elena; Marín Fernández, Alicia; Muguerza, Begoña; Gil-Izquierdo, Ángel; Cerdá, Begoña; Zafrilla, Pilar; Morillas, Juana; Mulero, Juana; Ibarra, Alvin; Pasamar, María A.; Ramón Vidal, Daniel; Esp
Fonte: American Chemical Society Publicador: American Chemical Society
Tipo: Artículo Formato: 259768 bytes; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
37.570864%
10 pages, 9 figures, 4 tables.; Cocoa is a food rich in polyphenols, mainly the flavonoid procyanidins and flavan-3-ols. The improvement of the cardiovascular function in humans upon cocoa consumption has been specifically linked to the presence of flavan-3-ol derived metabolites in plasma, especially epicatechin glucuronide. In this context, a flavonoid-enriched cocoa-derived product could potentially exert stronger health benefits. The aim of the present study was to obtain a cocoa powder with a higher flavonoid content (mainly enriched in monomer compounds) and assess its flavonoid bioavailability in humans. For this purpose, an unfermented, nonroasted, and blanch-treated cocoa powder (A) was obtained. The powder contained four times more procyanidins than a conventional (B) cocoa powder. Powder A contained eight times more epicatechin and procyanidin B2 than powder B. Cocoa milk drinks were prepared with powder A (MDA) and B (MDB). The bioavailability of flavonoids in both drinks was assessed in a crossover intervention with healthy volunteers. The content of epicatechin glucuronide, the main metabolite detected in plasma, was five-fold higher upon consumption of MDA as compared with MDB. The urinary excretion of metabolites, mainly methyl epicatechin sulfate...

‣ Evaluating opportunities for enhancing Mondelēz’ sourcing strategies to ensure sustainability of its cocoa supply

NG, Janet; Healy, Carol
Fonte: Universidade Duke Publicador: Universidade Duke
Tipo: Masters' project
Publicado em 25/04/2014 Português
Relevância na Pesquisa
37.63604%
Chocolate is a multibillion dollar industry with nearly 50 million people along cocoa’s global value chain dependent on the crop for their livelihood. Low productivity, urbanization, climate change, rise of the middle class leading to growing global chocolate demand, and consumer demand for increased transparency have put pressures on the cocoa value chain. By 2020, annual global cocoa demand is projected to exceed supply by nearly 1 million tonnes. Cocoa producers are faced with low incomes, low productivity and poor agricultural practices, leading to a vicious poverty cycle. In many origins, farmers are looking elsewhere for alternative livelihoods. Such factors pose risks to the stability of the cocoa value chain. In light of these pressures, chocolate manufacturers are exploring alternative sourcing strategies. The emergence of industry mechanisms such as third-party certifications, direct trade and dedicated supply chains have ushered in a new wave of business models that hold promise for more sustainable sourcing. As one of the largest chocolate manufacturers in the world, Mondelēz International, Inc. (Mondelēz) has committed USD $400 million over 10 years in a cocoa sustainability program called Cocoa Life. In the past...