Página 15 dos resultados de 398547 itens digitais encontrados em 0.209 segundos

‣ Depressão e câncer; Depression and cancer

BOTTINO, Sara Mota Borges; FRÁGUAS, Renério; GATTAZ, Wagner Farid
Fonte: Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
35.878318%
A depressão é o transtorno psiquiátrico mais comum em pacientes com câncer, com prevalências variando de 22% a 29%. Essa variabilidade está associada a sítios do tumor, estágio clínico, dor, funcionamento físico limitado, além da existência de suporte social. A depressão associa-se a um pior prognóstico e aumento da mortalidade pelo câncer. Síndromes depressivas podem ser uma consequência das terapias antineoplásicas, como ocorre em 21% a 58% dos pacientes recebendo interferon-alfa. Sentimentos de tristeza e desespero podem inibir a procura de cuidado pelos pacientes, dificultando o reconhecimento da depressão. O tratamento com antidepressivos é efetivo e melhora a adesão aos tratamentos do câncer, reduzindo efeitos adversos como náusea, dor e fadiga. Em pacientes com câncer, tratamento prévio com antidepressivos pode minimizar sintomas depressivos induzidos por interferon-alfa. O tratamento com antidepressivos parece ser uma estratégia efetiva para prevenir o desenvolvimento da depressão induzida por interferon-alfa. Intervenções psicossociais, como técnicas de relaxamento, terapia individual e em grupo, também podem ser utilizadas na redução dos sintomas depressivos e de estresse em pacientes com câncer.; Depression is the most common psychiatric disorder in patients with cancer...

‣ "Câncer de boca: avaliação do conhecimento dos cirurgiões dentistas quanto aos fatores de risco e procedimentos de diagnóstico" ; "Oral cancer: assessment of the dentist´s knowledge as for risk factors and diagnosis procedures"

Morais, Teresa Márcia Nascimento de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 14/11/2003 Português
Relevância na Pesquisa
35.878318%
RESUMO O objetivo deste estudo foi avaliar o conhecimento de cirurgiões dentistas inscritos em cursos de estética quanto aos fatores predisponentes e de diagnóstico do câncer bucal, a partir de um questionário previamente testado. O desenvolvimento de materiais e técnicas odontológicas e o anseio cada vez maior do ser humano em busca da beleza têm levado um número crescente de pacientes aos consultórios odontológicos. Julgamos este momento oportuno para informar a população e diagnosticar precocemente o câncer de boca. Com relação às características gerais dos 465 participantes, houve predominância de uma população jovem, com idade inferior a 39 anos, maior participação feminina e quase 1/3 formados de 10 a 20 anos. As características clínicas da ocorrência desta neoplasia não estão claras para os entrevistados, uma vez que somente metade indicou o carcinoma espinocelular como o tipo mais comum, e aproximadamente metade tem conhecimento das características do linfonodo em metástase cervical. Cerca de 20% desconhece a região da boca e a faixa etária de maior ocorrência deste tumor, e também o seu aspecto inicial. Entretanto, 75,7% reconhecem a leucoplasia como a condição mais comumente associada ao câncer bucal. Com relação aos fatores de risco...

‣ Experiências de pais no cuidado ao filho com câncer: um olhar na perspectiva de gênero; Parent´s experiences on caring the child with cancer under the gender experience.

Moreira, Denis da Silva
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 26/11/2007 Português
Relevância na Pesquisa
35.878318%
Crianças e adolescentes com câncer podem alterar a dinâmica e a estrutura familiar, exigindo adaptações, tanto por parte da criança e do adolescente, quanto dos seus familiares. Observamos que papéis historicamente determinados às mães, como por exemplo, o cuidado dos filhos, está sendo absorvido também pelos pais e este movimento de participação mais efetiva dos pais tem sido denominado de "nova paternidade". Considerando o âmbito do cuidado, o presente estudo objetiva compreender como os pais cuidam de seus filhos com câncer, a partir da perspectiva de gênero. Trata-se de uma investigação com abordagem metodológica qualitativa, sustentado pelo método etnográfico e o referencial de gênero. Os participantes do estudo foram nove pais e nove mães de crianças ou adolescentes com mais de seis meses de tratamento de câncer em um hospital escola do interior do Estado de São Paulo. Os dados foram coletados por meio de entrevista, complementada com observação e consulta em prontuários. A análise foi realizada segundo os pressupostos da abordagem geral indutiva. Ao procedermos a análise, identificamos códigos que possibilitaram a construção de três categorias: a experiência do itinerário diagnóstico e terapêutico; a construção de uma nova paternidade e estratégias de enfrentamento. O estudo possibilitou apreender que a experiência de cuidado do filho repercutiu de forma marcante no cotidiano e na vida pessoal dos pais e mães. A compreensão da natureza de cronicidade do câncer infantil promoveu uma reorganização dos papéis sociais e a implementação de estratégias de enfrentamento a fim de responder às demandas advindas da terapêutica. Conviver com o filho com câncer não se restringe apenas aos momentos de crise...

‣ Caracterização da dor em mulheres com câncer de mama pós-tratamento; Characterization of pain in women with breast cancer after treatment.

Ferreira, Vânia Tie Koga
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 03/07/2009 Português
Relevância na Pesquisa
35.878318%
A dor após o tratamento por câncer de mama é comum, pode ter várias causas, este sintoma caracteriza-se por redução funcional e emocional importante. Objetivo: Descrever a dor em mulheres com câncer de mama, identificar fatores de melhora e piora da dor, avaliar a interferência da dor na vida das mulheres, caracterizar e localizar a dor de mulheres submetidas ao tratamento por câncer de mama. Métodos: A amostra constituiu de 30 mulheres submetidas ao tratamento por câncer de mama, freqüentando um núcleo de reabilitação durante o período de fevereiro a agosto de 2008, e que responderam a um formulário acerca da doença, do tratamento e da dor. Foi aplicado o Inventário Breve de Dor (IBD) e o Questionário de McGill Br-MPQ e uma imagem para identificar o local o da dor. Resultados: A maioria das mulheres tinha idade superior a 50 anos, era casada, raça branca, católica, e do lar/dona de casa. Em relação ao tipo de cirurgia e a lateralidade observase uma distribuição equitativa entre mastectomia total e quadrantectomia, e lado direito e esquerdo, respectivamente. A maioria das mulheres realizou esvaziamento axilar, além de radioterapia e quimioterapia. A dor teve início após a cirurgia da mama em 46,7% das mulheres...

‣ Análise da expressão de RNAs não-codificadores intrônicos em câncer de rim; Expression analyses of intronic non-coding RNAs in renal cancer

Fachel, Ângela Aguirres
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 04/09/2009 Português
Relevância na Pesquisa
35.878318%
O carcinoma de célula renal (RCC) subtipo célula clara é o câncer mais letal e prevalente do sistema urinário. O diagnóstico deste tipo de câncer frequentemente é tardio em conseqüência da falta de sintomas perceptíveis aos pacientes. Um dos objetivos deste trabalho é a identificação de novos marcadores moleculares para diagnóstico precoce, o que ajudaria a diminuir a mortalidade em função de complicações resultantes do avanço da doença. Outro objetivo é a identificação de um conjunto de marcadores moleculares de prognóstico, de modo à prever com acurácia a evolução clínica da doença e, por conseqüência, o tempo de sobrevida do paciente. As modificações transcricionais associadas à carcinogênese e à progressão do câncer de rim ainda não foram completamente elucidadas. Além dos oncogenes e genes supressores de tumor, RNAs não-codificadores (ncRNAs) recentemente foram apontados como importantes reguladores da expressão gênica em humanos, e podem ter um papel importante na transformação maligna do câncer de rim. Para analisar a expressão gênica de ncRNAs e de genes codificadores para proteína foram utilizados dois microarranjos desenvolvidos por nosso grupo, enriquecidos em sondas para ncRNAs. Uma das plataformas possui 4 mil sondas de cDNA...

‣ (Re)descobrindo a vida apesar do câncer; (Re)discovering life despite cancer

Rzeznik, Cristiane; Dall'Agnol, Clarice Maria
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Numa perspectiva de abordagem qualitativa, através de um Estudo de Caso com dois sujeitos, as autoras mobilizaram-se em conhecer o significado que as pessoas atribuem ao fato de terem vivenciado o câncer, buscando compreender as repercussões decorrentes desta experiência em suas vidas. Procedeu-se a uma análise de enunciação das informações obtidas por meio de entrevistas semi-estruturadas, sendo pontuados quatro temas emergentes: a percepção do câncer, a experiência da doença como um aprendizado, nossas vidas antes, durante e depois do câncer, e o significado do câncer em nossas vidas.; In a qualitative approach, using Case Study with two subjects, the authors took a look at the meaning attributed by them to the fact that they had had cancer, seeking to understand the repercussions resulting from this experience in their lives. The information obtained through semi-structured interviews was analyzed and four emerging themes were found: the perception of cancer, the experience of the disease as a learning process, our lives before, during and after cancer, and the significance of cancer in our lives.; Las autoras se mobilizam para conocer lo significado que las personas atribuyen al hecho de tenerem vivido con cáncer...

‣ Ideación suicida y algunos factores biopsicosociales asociados con estas en pacientes adultos con leucemia, linfomas, cáncer gástrico o cáncer colorrectal Informe de investigación

Nieto Ladino, María Paola; Novoa Castellanos, Andrés Mauricio; Vergara Arregocés, Silvia María
Fonte: Escuela de Medicina y Ciencias de la Salud Publicador: Escuela de Medicina y Ciencias de la Salud
Tipo: info:eu-repo/semantics/bachelorThesis; info:eu-repo/semantics/acceptedVersion Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
El cáncer es una de las enfermedades con mayor impacto en la población mundial, debido a que genera alteraciones en las áreas de ajuste de los individuos, su núcleo familiar y social circundante. El presente estudio tiene como objetivo establecer la prevalencia de ideación suicida en pacientes con cáncer de tejidos blandos (leucemias y linfomas) y cáncer gástrico (colorectal). Fue un estudio exploratorio descriptivo, de la línea de investigación en Psicooncología y Cuidado Paliativo a la cual pertenece el proyecto: “Conducta suicida (ideación suicida, intención suicida y suicidio frustrado) y factores biopsicosociales asociadas a esta en pacientes con cáncer”. La población que participó en este estudio fueron pacientes adultos del Centro de Investigaciones oncológicas de la clínica San Diego CIOSAD. De esta investigación se puede concluir que la prevalencia de ideación suicida en pacientes con estos tipos de cáncer es de 4.9% (N=10). Los factores asociados a la ideación suicida fueron: número de hijos, dolor y ansiedad en la última semana y estrato socioeconómico; Cancer is one of the diseases with major impact in the world population, given that it generates alterations in the patient environment. The present study has the aim to establish the prevalence of suicide ideation in patients with Leukemia...

‣ Pre-Diagnostic Leukocyte Genomic DNA Methylation and the Risk of Colorectal Cancer in Women

Nan, Hongmei; Giovannucci, Edward L.; Wu, Kana; Selhub, Jacob; Paul, Ligi; Rosner, Bernard Alfred; Fuchs, Charles Stewart; Cho, Eunyoung
Fonte: Public Library of Science Publicador: Public Library of Science
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Background: Abnormal one-carbon metabolism may lead to general genomic (global) hypomethylation, which may predispose an individual to the development of colorectal neoplasia. Methods: We evaluated the association between pre-diagnostic leukocyte genomic DNA methylation level and the risk of colorectal cancer in a nested case-control study of 358 colorectal cancer cases and 661 matched controls within the all-female cohort of the Nurses’ Health Study (NHS). Among control subjects, we further examined major plasma components in the one-carbon metabolism pathway in relation to genomic DNA methylation level. Liquid chromatography/tandem mass spectrometry was used to examine leukocyte genomic DNA methylation level. We calculated odds ratios (ORs) and 95% confidence intervals (95% CIs) using logistic regression. Results: Overall genomic DNA methylation level was not associated with the risk of colorectal cancer (p for trend, 0.45). Compared with women in the lowest quintile of methylation, the multivariate OR of colorectal cancer risk was 1.32 (95% CI, 0.82–2.13) for those in the highest quintile. We did not find significant associations between major plasma components of one-carbon metabolism or risk factors for colorectal cancer and genomic DNA methylation level (all p for trend >0.05). Also...

‣ Corporeidade do ser adolescente com câncer na perspectiva da sexualidade

Dalegrave, Debora
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Trata-se de estudo da linha de pesquisa Fundamentos e Práticas de Enfermagem em Saúde da Mulher, Criança, Adolescente e Família, vinculado ao Grupo de Estudos do Cuidado à Saúde nas Etapas da Vida (CEVIDA) do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Escola de Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). O objetivo foi conhecer as percepções do ser adolescente com câncer sobre a corporeidade na perspectiva da sexualidade. Visando mostrar a união de dois conceitos, amplamente desmistificados em prol de uma finalidade, que é conhecer a visão dos adolescentes sobre seu corpo e a sua sexualidade. A metodologia norteadora da pesquisa foi pautada em um estudo qualitativo, com abordagem fenomenológica, a qual permitiu abranger a realidade visível e compreender os fenômenos e processos que estão atualizados no cotidiano do adolescente com câncer. A pesquisa teve como loco o Hospital de Clinicas de Porto Alegre, na Unidade de Internação Oncológica Pediátrica. Contando com a participação de seis adolescentes, com idade de 14 a 18 anos, a coleta das informações ocorreu por meio do Método Criativo Sensível, a partir das dinâmicas: Espelho Mental, Texto Coletivo, Adolescer e Chuva de Palavras...

‣ Prevalência de papilomavirus humano em câncer de ovário: uma revisão sistemática

Silva, Geraldo Doneda da
Fonte: Universidade do Extremo Sul Catarinense Publicador: Universidade do Extremo Sul Catarinense
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Dissertação de Mestrado apresentado ao Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde da Universidade do Extremo Sul Catarinense - UNESC para a obtenção do titulo de Mestre em Ciências da Saúde.; Objetivo: Foi realizada uma revisão sistemática e uma metanálise para estimar a prevalência do Papilomavírus humano (HPV) em câncer de ovário. Métodos: Foi feita uma pesquisa abrangente da Biblioteca Cochrane, MEDLINE, CANCERLIT, LILACS, Grey literatura e EMBASE para artigos publicados a partir de janeiro de 1990 a março de 2012. Os seguintes termos (Medical Subject Headings (MeSH)) foram pesquisados: "tumor de ovário" ou "câncer de ovário" e "HPV" ou "papilomavirus humano". Foram incluídos estudos caso-controle e transversais, prospectivos ou retrospectivos, que avaliassem a presença de HPV no câncer de ovário e fornecessem uma descrição clara dos métodos laboratoriais utilizados: hibridização In situ (ISH), Southern blot (SBH) ou reação em cadeia da polimerase (PCR). A análise estatística foi realizada usando RevMan 5.0. Resultados: No total, vinte e quatro estudos primários foram incluídos nesta metaanálise. Estudos de onze países em três continentes continham dados sobre o HPV e câncer de ovário...

‣ Estudo genético e epigenético no prognóstico do câncer cervical por meio da verificação de HPV de baixo e alto risco e da metilação e não metilação dos genes RARβ, TIMP3, CDH1 E MGMT; Study genetic and epigenetic on prognosis of cervical cancer by means of verification of HPV of low and high risk and methylation and unmethylation genes RARβ, TIMP3, CDH1 E MGMT

D'Alessandro, Aline Almeida Barbaresco
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Medicina Tropical e Saúde Publica (IPTSP); Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública - IPTSP (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Medicina Tropical e Saúde Publica (IPTSP); Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública - IPTSP (RG)
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
The human papillomavirus (HPV) is a major etiologic factor in the development of cervical cancer, DNA virus primarily infects the epithelium and may induce benign and malignant lesions of the mucous membranes and skin. Carcinogenesis is a multistep process that involves both changes genetic and epigenetic. The two changes epigenetic most studied are DNA methylation and histone acetylation. DNA methylation may be related development to cancer, and their presence or absence can affect the prognosis. The objective of this study was to evaluate the prognosis of patients with cervical cancer in stages I and II through the verification of HPV high and low risk, and the presence and absence of genes methylated and unmethylated RARβ, TIMP3, CDH1 and MGMT. We analyzed 129 records and samples of paraffin embedded biopsies of patients with cervical cancer in stages I and II. Detection of HPV - DNA was performed by PCR for HPV DNA of low and high oncogenic risk and MSP-PCR to detect the genes methylated or not, RARβ, TIMP3, CDH1 and MGMT. The calculation of survival used the Kaplan-Meier method and the log-hank test to compare means of survival between the prognostic factors for cervical cancer. The overall survival at 60 months of patients with the presence of RARβ...

‣ Investigation of urinary volatile organic metabolites as potential cancer biomarkers by solid-phase microextraction in combination with gas chromatography-mass spectrometry

Silva, C. L.; Câmara, J. S.
Fonte: Cancer Research UK Publicador: Cancer Research UK
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em /11/2011 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
BACKGROUND: Non-invasive diagnostic strategies aimed at identifying biomarkers of cancer are of great interest for early cancer detection. Urine is potentially a rich source of volatile organic metabolites (VOMs) that can be used as potential cancer biomarkers. Our aim was to develop a generally reliable, rapid, sensitive, and robust analytical method for screening large numbers of urine samples, resulting in a broad spectrum of native VOMs, as a tool to evaluate the potential of these metabolites in the early diagnosis of cancer. METHODS: To investigate urinary volatile metabolites as potential cancer biomarkers, urine samples from 33 cancer patients (oncological group: 14 leukaemia, 12 colorectal and 7 lymphoma) and 21 healthy (control group, cancer-free) individuals were qualitatively and quantitatively analysed. Dynamic solid-phase microextraction in headspace mode (dHS-SPME) using a carboxenpolydimethylsiloxane (CAR/PDMS) sorbent in combination with GC-qMS-based metabolomics was applied to isolate and identify the volatile metabolites. This method provides a potential non-invasive method for early cancer diagnosis as a first approach. To fulfil this objective, three important dHS-SPME experimental parameters that influence extraction efficiency (fibre coating...

‣ Epidemiología del cáncer cutáneo en la región sanitaria Girona

Vilar Coromina, Neus
Fonte: [Barcelona] : Universitat Autònoma de Barcelona, Publicador: [Barcelona] : Universitat Autònoma de Barcelona,
Tipo: Tesis i dissertacions electròniques; info:eu-repo/semantics/doctoralThesis; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: application/pdf
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
El cáncer de piel constituye el tumor maligno más frecuente en la raza blanca. Se ha descrito un aumento de su incidencia a nivel mundial. Si bien las causas de dicho incremento no son del todo conocidas parece que los cambios en los hábitos de exposición solar y la mejor atención sanitaria han contribuido a la creciente incidencia. Los objetivos de este trabajo fueron proporcionar un análisis epidemiológico de los principales tumores de la piel siguiendo la clasificación de la OMS: carcinoma escamoso y carcinoma basocelular (tumores queratinocíticos), melanoma (tumores melanocíticos), linfoma cutáneo (tumores hematolinfoides). Finalmente se englobaron los tumores neurales, los anexiales y los de tejidos blandos en un único grupo por su baja frecuencia, denominado "tumores cutáneos raros". En este grupo se estudió el carcinoma de células de Merkel. Se realizó la recogida, análisis e interpretación de los datos de cáncer de piel del Registro Poblacional de Cáncer de Girona desde 1994-95 a 2006-07. Entre 1994 y 2007 se detectó un aumento importante de la incidencia del cáncer cutáneo no melanoma. El incremento fue más importante para el carcinoma escamoso que para el carcinoma basocelular, para los mayores de 64 años y para las mujeres. En los últimos 20 años la incidencia del melanoma aumentó a un ritmo más rápido que el de cualquier otra neoplasia en Cataluña. Se situó en el catorceavo y octavo cáncer más frecuente en los hombres y las mujeres...

‣ Influencia de los lípidos de la dieta en la iniciación del cáncer de mama experimental: Ontogenia de las enzimas de detoxificación de xenobióticos. Metabolism ode carcinógeno y daño en el ADN

Manzanares Serrano, Miguel Angel
Fonte: [Barcelona] : Universitat Autònoma de Barcelona, Publicador: [Barcelona] : Universitat Autònoma de Barcelona,
Tipo: Tesis i dissertacions electròniques; info:eu-repo/semantics/doctoralThesis; info:eu-repo/semantics/publishedVersion
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
El cáncer de mama es el más frecuente en las mujeres de todo el mundo. Además de los factores genéticos, epigenéticos y hormonales, existen evidencias epidemiológicas y experimentales de que los factores nutricionales y ambientales tienen un papel en la etiología y el desarrollo de esta enfermedad. Los lípidos de la dieta se han relacionado directamente con el cáncer, fundamentalmente, el de mama. El grupo de investigación ha contribuido al mejor conocimiento de los efectos y de los mecanismos de acción de las dietas hiperlipídicas de aceite de maíz, rico en ácidos grasos poliinsaturados, PUFA n-6, y el aceite de oliva virgen extra, rico en ácidos grasos monoinsaturados, MUFA n-9, y diversos compuestos bioactivos, en el cáncer de mama experimental, obteniendo un efecto estimulador y potencialmente protector, respectivamente. Estas dietas actuaron fundamentalmente sobre la etapa de la promoción de la carcinogénesis. El objetivo de este trabajo ha sido investigar si estos lípidos podían intervenir, además, sobre la iniciación mediante la modulación de la metabolización y/o detoxificación de los agentes iniciadores carcinogénicos, tanto a nivel hepático como de la propia glándula mamaria. Los resultados proceden de dos series experimentales diferentes...

‣ Câncer de pulmão não pequenas células metastático: heterogeneidade do tratamento na prática clínica de rotina no Brasil; Metastatic non-small cell lung cancer in Brazil: treatment heterogeneity in routine clinical practice

Naime, Fauzia F.; Younes, Riad Naim; Kersten, Bruno G.; Anelli, Agnaldo; Beato, Carlos Augusto M.; Andrade, Rogério M.; Carrara, Marcella P.; Gross, Jefferson Luiz
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2007 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
INTRODUÇÃO: O câncer de pulmão é uma das principais causas de morte relacionadas ao câncer. Aproximadamente três quartos destes tumores são carcinoma não pequenas células. Ao diagnóstico, a maioria dos pacientes se apresenta com doença avançada localmente ou metastática. A quimioterapia é o tratamento de escolha para pacientes com câncer de pulmão em estadiamento avançado. A maioria dos estudos publicados com quimioterapia é realizada em centros acadêmicos sob controle rígido de protocolos de pesquisa. OBJETIVO: O objetivo deste estudo é avaliar os resultados do tratamento rotineiro de pacientes com carcinoma de pulmão não pequenas células metastático, fora de protocolos de pesquisa clínica em três centros oncológicos brasileiros. MÉTODO: Trata-se de um estudo retrospectivo de pacientes com câncer de pulmão não pequenas células metastático, admitidos para tratamento em três diferentes centros oncológicos no Brasil. Foram avaliados 564 pacientes neste estudo provenientes do sistema de saúde público e privado. RESULTADOS: Dentre os 564 pacientes deste estudo, 335 (59,4%) receberam quimioterapia. Considerando todos os pacientes, foram identificados 47 esquemas diferentes de quimioterapia. O tempo médio de seguimento foi de oito meses e a sobrevida global mediana de todos os pacientes submetidos à quimioterapia foi de 9...

‣ Metabolic Exogenous Contrast Agents for use in Breast Cancer Detection and Therapy Monitoring

Millon, Stacy Renee Chiles
Fonte: Universidade Duke Publicador: Universidade Duke
Tipo: Dissertação
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%

Functional imaging gives clinicians the ability to monitor breast cancer progression and response to therapy. Modern techniques such as Positron Emission Tomography (PET) has allowed for clinicians to visualize the metabolic need of breast cancer and track it longitudinally. However, these techniques are expensive, technologically complex and not easily implemented in rural areas. To add to the difficulty, breast cancer is a highly heterogeneous disease. The heterogeneity means that a single therapy is not always applicable to all patients and every patient requires an individual treatment plan. Being able to first diagnose breast cancer, and then monitor its response to therapy in a cost-effective manner is imperative to improve the survival of patients with this disease.

Optical techniques such as fluorescence are ideal for these applications since they can be fast and implemented with portable technology. These techniques use differences in light interaction with tissue to allow for abnormality detection. This dissertation tests the hypothesis that the fluorescent molecularly specific agents, protoporphyrin IX (PpIX) and 2-NBDG, which utilize metabolic alterations caused by cancer, can be used for ubiquitous breast cancer differentiation and therapy monitoring. Confocal microscopy is used to demonstrate the applicability of both agents in vitro to breast cancer cells regardless of phenotype.

First...

‣ Targeting Histone Deacetylases in Advanced Prostate Cancer

Brunner, Abigail Maria
Fonte: Universidade Duke Publicador: Universidade Duke
Tipo: Dissertação
Publicado em //2015 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%

The androgen receptor (AR) signaling axis is a well-established therapeutic target in prostate cancer, due to its central role in tumor maintenance and progression. Although patients respond initially to androgen deprivation therapies and AR antagonists, they invariably progress to a castration-resistant state. Consequently, there is an unmet need for agents that target the AR signaling axis in a unique manner.

Histone deacetylase (HDAC) inhibitors repress AR signaling and prostate cancer growth in cellular and xenograft models. However, HDAC inhibitors also induce epithelial to mesenchymal (EMT) and neuroendocrine differentiation, both of which are associated with prostate cancer progression and aggressiveness. Given that 18 different HDAC isoforms have been identified in humans, and non-selective or Class I (HDAC1, 2, 3, and 8) HDAC inhibitors have been used in most of these studies, the relative contribution of individual HDAC isoforms to AR transcriptional activity and prostate cancer pathophysiology remains to be elucidated. The overarching goals of this study were to (1) determine the role of individual Class I HDACs in AR transcriptional activity and prostate cancer growth, (2) identify selective HDAC inhibitors that have reduced adverse profiles to the treatment of prostate cancer...

‣ Social support and families of children with cancer: an integrative review; Apoyo social y familias de niños con cáncer: revisión integradora; Apoio social e famílias de crianças com câncer: revisão integrativa

Pedro, Iara Cristina da Silva; Galvão, Cristina Maria; Rocha, Semiramis Melani Melo; Nascimento, Lucila Castanheira
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/06/2008 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
This study aimed to search available evidences in literature about social support to families of children with cancer. An integrative review was elaborated and the articles were searched in PUBMED, WEB of SCIENCE, CINAHL, PsycINFO and LILACS, using the key words: social support, cancer, child and family, between 1996 and 2006. Fifteen articles were selected and the analysis of these publications allowed for the identification of three themes: social support and the trajectory of cancer, social support to healthy siblings and social support to fathers and mothers of children with cancer. Data indicated a lack of consensus among researchers about the use of the term social support and that there is a need for greater methodological rigor in the conduction of these studies. Acknowledging the clients' support needs is important to plan nursing care and guide research development, whose results can be used in practice.; La finalidad de este estudio fue buscar las evidencias que se encontraban disponibles sobre el apoyo social a familias de niños con cáncer. Se realizó una revisión integradora y los artículos fueron buscados en las bases de datos PUBMED, WEB of SCIENCE, CINAHL, PsycINFO y LILACS, con las palabras clave: social support...

‣ MORTALIDAD POR CÁNCER DE MAMA EN MUJERES CON EDAD INFERIOR A 40 AÑOS; MORTALITY FROM BREAST CANCER AMONG WOMEN BELOW 40 YEARS OLD; MORTALIDADE POR CÂNCER DE MAMA EM MULHERES COM IDADE INFERIOR A 40 ANOS

Sebastião, Crislayne Keretch; Técnica em Radiologia Médica, Hospital Erasto Gaertner; Larocca, Liliana Müller; Professora adjunta do departamento de enfermagem UFPR; Souza, Rosa Helena Silva; Coordenadora do Registro Hospitalar de Câncer, Hospital de
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 28/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Es una investigación documental descriptiva cuyo objetivo fue reconocer el perfil epidemiológico de los óbitos ocurridos entre mujeres con menos de 40 años, diagnosticadas con cáncer de mama. Los datos fueron obtenidos en el Servicio de Registro Hospitalar de Cáncer del Hospital de Clínicas de la Universidad Federal de Paraná-Brasil, comprendiendo informaciones registradas entre enero de 2003 y diciembre de 2011. Fueron identificadas 638 notificaciones de cáncer de mama, de las cuales 68 fueron de mujeres con menos de 40 años y de esas 21 fueron a óbito. Se verificó que la sobrevida fue, en media, de 40 meses y 76,2% presentaron estadio clínico avanzado (III o IV). Se resalta que rastrear el cáncer de mama en mujeres de alto riesgo posibilita detectar el tumor más precozmente, reducir la incidencia en el número de óbitos y mejorar los indicadores de salud.; This is a descriptive documental study aiming to investigate the epidemiological profile of the deaths which occurred among women aged below 40 years old, diagnosed with breast cancer. Data collection was undertaken in the Hospital Records (Cancer) Service of the Teaching Hospital of the Federal University of Paraná, Brazil, including information recorded between January 2003 and December 2011. A total of 638 notifications of breast cancer were identified...

‣ Incidencia y mortalidad por cáncer en Navarra, 1998-2002: Evolución en los últimos 30 años

Ardanaz,E.; Moreno-Iribas,C.; Pérez de Rada,M.E.; Ezponda,C.; Floristán,Y.; Navaridas,N.; Martínez-Peñuela,J. M.; Puras,A.; Santamaría,M.; Ezpeleta,I.; Valerdi,J. J.; Pardo,F. J.; Monzón,F.J.; Lizarraga,J.; Ortigosa,C.; Resano,J.; Barricarte,A.
Fonte: Anales del Sistema Sanitario de Navarra Publicador: Anales del Sistema Sanitario de Navarra
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; journal article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 01/08/2007 Português
Relevância na Pesquisa
35.882402%
Entre 1998-2002 se registraron 16.952 nuevos casos de cáncer en Navarra. En los hombres, los cánceres más frecuentemente diagnosticados fueron, por este orden próstata, pulmón, colon y recto, vejiga y estómago, que sumaron el 63,2% de todos los casos de cáncer. En mujeres las localizaciones de mama, colon y recto, cuerpo de útero, estómago y ovario sumaron el 57,6 % del total de los casos. En el mismo periodo, 1998-2002, fallecieron por cáncer 4.127 hombres y 2.470 mujeres. El 60 % de todas las muertes producidas por tumores malignos en hombres se debieron a las localizaciones de pulmón, próstata, colón y recto, estómago y vejiga. En las mujeres las localizaciones de colon y recto, mama, estómago, páncreas y pulmón, sumaron el 49% de las defunciones por cáncer. En los hombres de Navarra han aumentado las tasas de incidencia del cáncer de próstata, riñón y linfoma no Hodgkin. Cánceres evitables, como los relacionados con el hábito de fumar (pulmón, cavidad oral y faringe o páncreas), continúan en ascenso, y representan mayor riesgo global de morir por cáncer en el último periodo estudiado que en las décadas de los años 1970 y 1980. A partir de 1995 y hasta la actualidad, la mortalidad por cáncer pasó de ocupar el segundo lugar a ser la primera causa de muerte entre los hombres de Navarra. El riesgo global de muerte por cáncer en hombres se ha igualado al primer periodo estudiado 1975-77. Entre las mujeres el riesgo global de muerte por cáncer descendió un 25% entre 1975 y 2002...