Página 1 dos resultados de 1376 itens digitais encontrados em 0.154 segundos

‣ Angola e a complementaridade do mar : o mar enquanto fator geoestratégico de segurança, defesa e de afirmação

Ginga, Damião Fernandes Capitão
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
77.640054%
Este trabalho tem como principal objetivo, abordar temáticas em torno da importância que o espaço marítimo tem para Angola, numa perspetiva de Segurança, Defesa e de Afirmação do Estado através do mar, no contexto regional e internacional, tendo em conta a vertente securitária, económica e científica de investigação do espaço marítimo, peças estruturais de um triângulo composto por três vértices: Economia do Mar, Segurança e Defesa, e o estudo do Mar enquanto Ciência. O atual crescimento da economia nacional tem suscitado a questão de considerar efetivamente Angola como uma potência emergente na região marítima que lhe é contígua e no continente Africano, fazendo com que os aspetos de defesa, segurança e de afirmação como Estado se encontrem no centro das premissas de desenvolvimento. Esta tese procura efetuar uma análise interpretativa quanto ao valor acrescentado que o Mar oferece, não apenas no âmbito da economia nacional, mas sobretudo de natureza político-estratégica, na medida que o País terá de desenvolver e assegurar uma componente de Segurança e Defesa orientada para o mar, favorecendo o cumprimento dos objetivos de Interesse Nacional e de aproveitamento das oportunidades oferecidas pela ampla área marítima adjacente de interesse imediato. Nesta perspetiva...

‣ Fitoplâncton do estuário do Mondego segundo a diretiva-quadro da água

Luís, Cátia Sofia da Conceição
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
77.661035%
O fitoplâncton é composto por organismos unicelulares com capacidade fotossintética que vivem em suspensão na coluna de água e que podem ser solitários ou coloniais, estes organismos são considerados um importante componente dos estuários que são um dos mais produtivos sistemas marinhos do mundo. A presente dissertação considera a implementação da Directiva Quadro da Água (DQA) para as águas costeiras e de transição em Portugal, com referência específica ao fitoplâncton como elemento de qualidade biológica nas águas de transição do estuário do Mondego. Assim, este trabalho teve como objectivos: contribuir para a informação sobre a comunidade fitoplanctónica do Mondego que é bastante limitada; contribuir para a avaliação do fitoplâncton como elemento de qualidade biológica, segundo a DQA nas águas de transição do rio Mondego e avaliar as potenciais fontes de incerteza na variação dos parâmetros físico-químicos e biológicos em condições oligohalinas, mesohalinas e polihalinas. As amostragens foram realizadas em Setembro de 2009, durante a baixa-mar, abrangendo três zonas do estuário do Mondego (oligohalina, mesohalina e polihalina). Determinaramse as concentrações de clorofila a por espectrofotometria e as abundâncias microfitoplanctónicas (organismos superiores a 20 μm). No presente estudo...

‣ Hydrodynamic effects in Ria de Aveiro and Tagus estuary salt marshes; Efeito da hidrodinâmica nos sapais da Ria de Aveiro e estuário do Tejo

Silva, Juliana Marques Valentim da
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
77.78183%
Enquanto áreas de transição, os sistemas costeiros apresentam uma enorme variedade e riqueza, proporcionando importantes atividades económicas e sociais. Atualmente, uma das ameaças a estes sistemas é o aumento do nível médio do mar, uma vez que o seu impacto poderá ter efeitos nos seus padrões hidrodinâmicos e, consequentemente, no seu valor ecológico e biológico. O estuário do Tejo e a Ria de Aveiro constituem dois dos sistemas costeiros mais importantes em Portugal. O estuário do Tejo é um dos maiores estuários da europa e é a zona húmida mais extensa do território português. Por sua vez, a Ria de Aveiro, é a mais extensa laguna do país e a mais dinâmica em termos de processos físicos e biogeoquímicos. Ambos apresentam extensas zonas de sapal, os quais representam um dos mais produtivos ecossistemas da biosfera. Os sapais são importantes áreas de interface entre a terra e o mar, fornecendo um habitat único para um vasto número de espécies, o que os torna num elemento fundamental na estrutura ecológica dos sistemas costeiros. No entanto, a interação de alguns aspetos físicos e biológicos bem como os efeitos do aumento do nível do mar, são ainda difíceis de explicar. Um dos objetivos deste estudo foi...

‣ Evolução do setor adjacente ao quebra-mar destacado da praia da Aguda

Capelo, Elisabete Oliveira
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
77.765947%
Nas últimas décadas foi feito um esforço no sentido de reagir aos impactes sociais e socioeconómicos negativos associados à dificuldade de acesso de barcos de pesca em zonas tradicionalmente piscatórias, através da construção de obras de engenharia costeira. A aposta em estruturas de proteção introduz alterações na morfodinâmica do meio onde são inseridas. O objetivo deste estudo está relacionado com a análise dos impactes geomorfológicos, associados à construção do quebra-mar destacado da Praia da Aguda e medidas de mitigação entretanto adotadas, assim como o estudo da alteração da propagação da ondulação após a construção da obra. Para tal, foi estabelecido um programa de monitorização que se iniciou em 2001 e se estendeu até 2011, contemplando o período anterior e posterior à construção do quebra-mar, abrangendo um troço com cerca de 2 km de extensão. O levantamento de campo foi realizado segundo uma grelha de perfis transversais e longitudinais na praia subaérea, com recurso a DGPS (Differential Global Positioning System), através dos quais foram gerados Modelos Digitais do Terreno (MDTs) representativos do sector em estudo. Com o recurso à ferramenta Surface Analysis do ArcGis 10 foi calculado o volume sedimentar que permitiu obter o balanço de massa a barlamar e a sotamar do quebra-mar. No que diz respeito à análise da agitação marítima foram aplicadas fórmulas de cálculo empíricas a dados do Instituto Hidrográfico (IH). Esta metodologia permitiu quantificar o balanço de massa e verificar que este é positivo no total do período analisado...

‣ Hydrodynamic study of the wave effect in the Aveiro inlet; Estudo hidrodinâmico do efeito da ondulação na embocadura de Aveiro

Vaz, Leandro Alves
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
77.70765%
A hidrodinâmica da Ria de Aveiro tem sido extensamente analisada através de vários estudos observacionais e de modelação numérica, sendo concluído que a maré constitui o principal forçamento hidrodinâmico da laguna. Contudo, a costa adjacente à Ria de Aveiro está a sujeita a um clima de agitação marítima bastante intenso, com um regime de agitação anual médio caracterizado por ondas com altura significativa entre 2 e 2.5 m e períodos entre 9 e 11 s, tipicamente provenientes de WNW-NNW. Assim, é expectável que a hidrodinâmica da embocadura dependa simultaneamente da maré e da acção das ondas. Apesar dos vários estudos hidrodinâmicos realizados anteriormente sobre este sistema, o impacto das ondas na hidrodinâmica da embocadura nunca foi avaliado. Assim sendo, o principal objectivo deste estudo consiste em avaliar a influência do efeito da ondulação na dinâmica da embocadura, quer por análise de dados observados, quer por modelação numérica Na análise numérica foi utlizado o sistema de modelação MORSYS2D, que integra o modelo hidrodinâmico ELCIRC acoplado com o modelo de ondas SWAN. O modelo hidrodinâmico foi calibrado com sucesso, apresentando valores de RMS e Skill que reflectem o bom desempenho do modelo. A metodologia utilizada para atingir os objectivos definidos consiste em forçar os modelos numéricos com os constituintes harmónicos locais de maré e com diferentes cenários de ondas típicas do litoral norte Português: um cenário normal e outro de elevada actividade de ondas (regime de temporal). Foi igualmente definido um cenário de referência que consiste na ausência do forçamento das ondas. Os cenários foram simulados para três tipos distintos de maré: maré viva...

‣ Evolução, hegemonia e desaparecimento dos sirénios dos mares europeus ao longo do Cenozoico: causas endógenas (alterações climáticas globais) ou exógenas (ambiente galáctico)?

Prista, Gonçalo Abreu
Fonte: Universidade de Lisboa Publicador: Universidade de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
77.596436%
Tese de mestrado em Ciências do Mar, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, 2012; Neste trabalho procurou-se compreender a evolução dos sirénios e do clima ao longo do Cenozoico, procurando responder às questões da extinção dos sirénios na Europa e da possível relação entre a variação climática cenozoica e o ambiente galáctico. Os sirénios são uma Ordem de mamíferos marinhos com espécies actuais e extintas. Actualmente ocorrem nas águas subtropicais e tropicais do Atlântico (manatins) e do Indo-Pacífico (dugongo). Entre o Eocénico e o Pliocénico (55,8 Ma a 2,7 Ma) existiram nos mares costeiros europeus e norte africanos. A degradação climática do Cenozoico (últimos 65 Ma) levou à perda de biodiversidade nesta Ordem e ao seu desaparecimento do contexto euro-norte africano. Foi feita uma revisão da evolução climática cenozoica e do registo fóssil de sirénios. Foram compilados 429 registos fósseis do sector costeiro marinho da Europa e do Norte de África, correspondendo a 3 Famílias, 3 Subfamílias, 15 Géneros, 29 Espécies e 1 Subespécie. As fanerogâmicas marinhas, principal alimento destes animais, foram também estudadas tendo em vista a sua actualidade e a sua evolução neste intervalo temporal. O estudo da relação entre o ambiente galáctico e o clima da Terra foi feito através do desenvolvimento de um modelo matemático para estimar a ocorrência de Supernovas na Via Láctea...

‣ O e-Planning como Instrumento na Construção do Cluster do Mar em Portugal - Quantificação, Participação e Envolvimento dos Setores Socioeconómicos Nacionais

Simões, Abel da Silva
Fonte: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa Publicador: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Tese de Doutorado
Publicado em /01/2013 Português
Relevância na Pesquisa
77.65854%
Tese apresentada para cumprimento dos requisitos necessários à obtenção do grau de Doutor em e-Planeamento; O mar e os oceanos contêm riquezas de enorme valor. Assim, com o avanço tecnológico, regista-se um crescente interesse no aproveitamento dos recursos marinhos e energéticos. Os múltiplos usos do mar, por vezes cumulativos ou potencialmente conflituosos, implicam novas estratégias no ordenamento, gestão, exploração e proteção do ambiente marinho e das atividades marítimas. Nesse sentido, o planeamento do espaço marítimo ganhou importância acrescida em todo o mundo. Com a chamada globalização, as vantagens competitivas encontram-se, cada vez mais, em regiões localizadas e em setores específicos, nos quais a informação, o conhecimento e a inovação são fatores de grande importância. Nesse sentido, os clusters, considerados como sistemas dinâmicos e formados por atividades interdependentes que interagem entre si, que competem mas também cooperam a diferentes níveis, em função de um foco ou atividade central, desempenham um papel preponderante no desenvolvimento local, regional e nacional. Portugal é um dos países do mundo com mais espaço marítimo. Contudo, registase uma grande diferença entre as suas potencialidades e a sua real utilização. Nos últimos anos...

‣ Variações do nível médio do mar no Algarve ao longo do Quartenário superior: sector praia da Galé- praia de S. Rafael

Albardeiro, L.
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2004 Português
Relevância na Pesquisa
87.2673%
Dissertação de mest., Estudos Marinhos e Costeiros, Faculdade de Ciências do Mar e do Ambiente, Univ. do Algarve, 2004

‣ Caracterização e genese de podzolicos vermelho-amarelos e cambissolos da porção sul da Serra do Mar - Pr

Curcio, Gustavo Ribas
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
77.44042%
Resumo: Para a caracterização dos solos que ocorrem nos termos médios e inferiores das vertentes da Serra do Mar-Pr (porção sul) foram selecionados 5 pedons com as supostas respectivas geologias. Foram efetuadas análises morfológicas, fisicas, químicas e mineralógicas e através de suas relações, além da caracterização dos solos, procurou-se inferir sobre o grau de evolução dos mesmos. Verifica-se em todos os pedons a presença de horizonte A moderado sobre solos espessos com excesssão ao perfil 5, o qual apresenta-se na classe pouco profundo. A estrutura predominante e a em blocos moderadamente desenvolvida, ocorrendo em caráter subordinado a estrutura granular nos solos 3 e 4. Dos cinco perfis, três foram agrupados como Podzólico Vermelho-Amarelo. Suas características morfológicas, físicas e químicas, sugerem um avançado grau de evolução pedogenética, conclusão esta ratificada pela análise mineralógica da fração argila (cauliniticos), minerais pesados e análise semi-quantitativa da fração areia fina. Verificou-se nestes solos, que interferências sobre grau de intemperismo baseados exclusivamente na relação Fed/Fet bem como no valor Ki, podem conduzir a interpretaçees inadequadas. Os demais solos foram classificados como Cambissolos e encontram-se em estágios de evolução contrastantes. Enquanto o perfil 4 é essencialmente caulinítico...

‣ Caracterização morfologica, fisica, quimica, mineralogica, genese e classificação de solos altimontanos derivados de riolito e migmatito da Serra do mar - PR

Ghani, Nadja Lidia Bertoni, 1962-
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Teses e Dissertações Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
87.43351%
Os solos estudados localizam-se em São José dos Pinhais-PR-Brasil, na Serra do Mar; sobrejacentes à formação Guaratubinha. Foram estudados 4 perfis com os seguintes objetivos: caracterizá-los morfologicamente, fisicamente e quimicamente; estudar os fatores de formação; discutir a classificação e classificá-los; realizar proposta para classificação de material orgânico, de horizonte orgânico e de Solo Orgânico de drenagem livre; estudar a mineralogia das frações argila e areia; estudar as formas de Fe2O3 e Al2O3O; e fazer inferências sobre a gênese. O Perfil 1 situa-se a 930 m; repousa no migmatito. Apresenta as seguintes características: morfológicas: muito profundo, transição difusa, coloração vermelho-amarelado; físicas: 98% de terra fina, textura argilosa, relação silte/argila de 0,52, grau de floculação de 100%; químicas: pobre em nutrientes, médio Fe2O3T, caráter álico e argila Tb; mineralógicas: na fração argila predomina em ordem decrescente: caulinita, goethita com elevada substituição por Al (25 mol %), Vermiculita hidroxi-Al entrecamadas (VHE) e gibbsita; na fiação areia predomina quartzo. A relação Fe2O3D/Fe2O3T é relativamente elevada (> 0,76), evidenciando predomínio de óxidos de Fe cristalinos (goethita). O pedoclima é údico mésico. A sua classificação é Latossolo Variação Una. A soma de todas as suas características indica adiantado desenvolvimento pedogenético. Os Perfis 2...

‣ Morfotectônica e origem das morfoestruturas da Serra do Mar Paranaense

Nascimento, Edenilson Roberto do
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
77.470264%
Resumo: A Serra do Mar (SM) no Estado do Parana apresenta diversas caracteristicas que a diferem das demais areas da Serra do Mar no Sudeste do Brasil. Alem do "degrau" entre o Primeiro Planalto e o litoral paranaense, a SM possui varios conjuntos montanhosos sustentados por corpos graniticos intrudidos durante estagios tardios da colagem do Terreno Paranagua (600-580 Ma), que atingem com frequencia altitudes superiores a 1.400 metros. A articulacao tectonica do Terreno Paranagua com as microplacas Curitiba e Luis Alves, se destaca na paisagem principalmente pelas estruturas de direcao NE-SW. Outra feicao geologica particular da Serra do Mar paranaense e o Arco de Ponta Grossa (APG) com diques que formam vales, cristas alongadas e falhas de direcao NW-SE. As deformacoes das paleosuperficies e areas notadamente pertencentes ao Sistema de Riftes Cenozoicos do Sul e do Sudeste Brasileiro (Graben de Paranagua e a zona sismogenica de Cananeia), muitas delas aproveitando zonas de fraqueza de estruturas pre-cambrianas, completam o quadro geral de grandes eventos de deformacao que abrangeram a SM e toda a porcao emersa da costa paranaense. O condicionamento morfotectonico na evolucao do relevo da Serra do Mar paranaense foi investigado a partir da analise de parametros geomorfometricos...

‣ Fontes e variabilidade da turbidez costeira : o sensor modis como ferramenta

Freitas, Fernanda Henderikx; Noernberg, Mauricio Almeida
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Monografia Graduação Formato: 73f. : il. algumas color., grafs., tabs.; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
77.479463%
Orientador: Mauricio Almeida Noernberg; Monografia (graduação) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Terra, Centro de Estudos do Mar, Curso de Graduação em Oceanografia; Resumo: A radiância emergente normalizada no comprimento de onda de 555 nm (nLw555), um dos produtos das imagens geradas pelo sensor MODIS-Aqua, foi utilizada na representação da turbidez costeira entre o sul do estado de São Paulo e o estado de Santa Catarina. Com o objetivo de identificar os processos causadores da turbidez e entender sua dinâmica na costa, fez-se, além da análise visual, a integração dos níveis de nLw555 retirados de sete transectos localizados nas desembocaduras dos principais rios e estuários da área de estudo com dados de precipitação e ventos adquiridos de estações meteorológicas costeiras. A análise das informações obtidas através dos transectos permitiu caracterizar a complexidade ótica da região estudada e, com a observação das imagens e dados meteorológicos, atribuí-la às variabilidades temporais e espaciais. Dos aspectos observados, destacam-se: altos níveis de nLw555 nos primeiros quilômetros de toda a costa, relacionados a proximidade dos aportes fluviais e às baixas profundidades...

‣ Caracterização batimétrica do mar de Ararapira, na divisa litorânea dos estados do Paraná e São Paulo, Brasil.

Nogueira, Raissa de Araújo
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Monografia Graduação Formato: 62 f. : il. , grafs., maps., tabs.; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
77.87848%
Orientador : Prof. Dr. Eduardo Marone; Monografia (graduação) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Terra, Centro de Estudos do Mar, Curso de Oceanografia; Resumo: A região do mar do Ararapira sofre variações morfodinâmicas significativas na linha de costa interna, tanto por efeito de erosão quanto de deposição de sedimentos. A morfodinâmica do mar pode estar ligada à dinâmica erosional e deposicional governada por fenômenos estuarinos, a dinâmica presente na região costeira adjacente ou, ainda, processos disparados pela abertura do Canal da Draga ou do Varadouro, e que só agora começaram a ser percebidos (ou uma combinação destas e outras causas, como efeitos das mudanças climáticas, uso do solo no interior da bacia de drenagem, etc.). O mar do Ararapira vem sofrendo influencias oceanográficas e está deslocando a sua desembocadura com uma migração em sentido SW. Por ser uma região protegida, separada do oceano, não sofre influencias diretas da morfodinâmica oceânica (como a agitação marítima, marés meteorológicas, etc.), sendo assim um local de águas aparentemente calmas, com variações ocorrendo principalmente nos deltas de marés. A caracterização batimétrica da região do mar do Ararapira tem por objetivo ajudar no início da compreensão da dinâmica local e de sua influencia sobre as áreas ao redor. As campanhas batimétricas foram realizadas de setembro de 2007 sendo a piloto...

‣ Variabilidade de clorofila a nas águas do Complexo Estuarino de Paranaguá e plataforma adjacente : uma avaliação dos algoritmos e correções atmosféricas do sensor MODIS.

Stein, Eduardo Andreus Meglin
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Monografia Graduação Formato: 79 f. : il. , grafs., maps., tabs.; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
87.59849%
Orientador : Prof. Dr. Maurício Almeida Noernberg; Monografia (graduação) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Terra, Centro de Estudos do Mar, Curso de Oceanografia; Resumo: O sensoriamento remoto da cor do mar sobre regiões estuarinas e costeiras por muitas vezes gera informações imprecisas, devido ao aumento de constituintes opticamente ativos na água, e do enriquecimento de aerossóis atmosféricos de origem continental. Assim, para a estimativa da concentração de clorofila, foi necessária a verificação e qualificação dos melhores algoritmos e das correções atmosféricas do sensor MODIS, comparando-os com dados adquiridos in situ. Após esta qualificação, o melhor algoritmo e modelo de correção foi aplicado para um acompanhamento anual da concentração de clorofila do Complexo Estuarino de Paranaguá (CEP) e plataforma adjacente. Foi utilizado o algoritmo global do MODIS - OC3M, que apresenta três variações em sua fórmula, as quais são denominadas de Chlor_a, Chlor_oc2 e Chlor_oc3, e também o algoritmo semi-analítico GSM. Os modelos de correção atmosféricas correspondem ao Padrão do sensor MODIS e a correção de MUMM. A comparação entre os dados ocorreu através da correlação de Pearson...

‣ Análise das variações da linha de costa nas margens do mar do Ararapira como subsídio ao planejamento do uso e ocupação.

Müller, Marcelo Eduardo José
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Monografia Graduação Formato: 61 f. : il. , grafs., maps., tabs.; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
77.458076%
Orientador: Prof. Dr. Rodolfo José Angulo; Co-orientadores: MSc. Clécio José Lopes de Quadros e Dra. Silvia Rösler; Monografia (graduação) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Terra, Centro de Estudos do Mar, Curso de Oceanografia

‣ Recent mean sea level changes around the UK.

Carmo, Felipe Wielewski do
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Monografia Graduação Formato: 15 f. : il. , grafs., maps., tabs.; application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
87.55716%
Orientador : Prof. Dr. Maurício Almeida Noernberg; Monografia (graduação) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências da Terra, Centro de Estudos do Mar, Curso de Oceanografia

‣ Geoprocessamento de dados meteo-oceonográficos (cor do oceano e temperatura da superfície do mar) aplicado ao monitoramento ambiental na costa setentrional do Rio Grande do Norte

Ferreira, Anderson Targino da Silva
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Geodinâmica e Geofísica; Geodinâmica; Geofísica Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Geodinâmica e Geofísica; Geodinâmica; Geofísica
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
87.47346%
Orbital remote sensing has been used as a beneficial tool in improving the knowledge on oceanographic and hydrodynamic aspects in northern portion of the continental shelf of Rio Grande do Norte, offshore Potiguar Basin. Aspects such as geography, temporal and spatial resolution combined with a consistent methodology and provide a substantial economic advantage compared to traditional methods of in situ data collecting. Images of the Moderate Resolution Imaging Spectroradiometer (MODIS) sensor onboard NASA's AQUA satellite were obtained to support systematic data collections related to the campaign of environmental monitoring and characterization of Potiguar Basin, held in May 2004. Images of Total Suspension Matter (TSM) and values of radiance standard were generated for the calculation of concentrations of total suspension matter (TSM), chlorophyll-a and sea surface temperature (SST). These data sets were used for statistical comparisons between measures in situ and satellite estimates looking validate algorithms or develop a comprehensive regional approach empirically. AQUA-MODIS images allowed the simultaneous comparison of two-dimensional water quality (total suspension matter), phytoplankton biomass (chlorophyll-a) variability and physical (temperature). For images of total suspension matter...

‣ Contribuição para a reconstrução do paleonível do mar com base nas associações de foraminíferos de mangais e sapais

Pereira, Laura de Fátima da Cruz
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
77.665605%
Dissertação de mestrado, Biologia Marinha, Faculdade de Ciências e Tecnologia, Universidade do Algarve, 2014; O objetivo do presente trabalho foi contribuir para a reconstrução do nível médio do mar durante o Holocénico, em dois sistemas: estuário do Rio Potengi (Brasil) e Ria Formosa (Portugal). Para cumprir este objetivo, efetuou-se a análise da microfauna fóssil em cinco sondagens no estuário do rio Potengi e cinco sondagens na Ria Formosa, cruzando estes dados com os da análise granulométrica e da datação por radiocarbono. As associações de foraminíferos dominantes no estuário do Potengi foram Ammonia tepida, Elphidium spp. e o grupo dos Miliolídeos e no sistema lagunar da Ria Formosa as espécies estuarinas Ammonia tepida e Haynesina germanica foram codominantes sendo substituídas pelas espécies aglutinadas Jadammina macrescens e Trochammina inflata nas amostras mais recentes. A espécie Haynesina germanica registou maior expressão nas sondagens da Ria Formosa enquanto a espécie exótica Pararotalia cananeiaensis só ocorreu no estuário do Potengi. As formas aglutinadas tiveram pouca expressão no estuário do Potengi, por causa de processos tafonómicos ou devido a caudais de água doce negligenciável. A interpretação paleombiental baseada nas associações de foraminíferos bentónicos e nas datações disponíveis sugerem...

‣ 20 Anos da entrada em vigor da CNUDM: Portugal e os recentes desenvolvimentos no Direito do Mar

Ribeiro, Marta Chantal da Cunha Machado
Fonte: Universidade do Porto Publicador: Universidade do Porto
Tipo: Atas ou Anais
Português
Relevância na Pesquisa
77.578545%
Neste livro publicam-se as Actas da Conferência ‘20 anos da entrada em vigor da CNUDM: Portugal e os recentes desenvolvimentos no Direito do Mar’, que se realizou na Faculdade de Direito da Universidade do Porto, no dia 29 de Outubro de 2014. As novidades registadas nos anos 2013 e 2014 no panorama europeu e internacional relativo ao Direito do Mar, em cúmulo ao fervor legislativo ocorrido em Portugal, com ênfase no regime do ordenamento e gestão do espaço marítimo nacional, estimularam a organização da Conferência pelo Grupo de Direito do Mar do Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental (CIIMAR), da Universidade do Porto, a quem se associou o Instituto Jurídico da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra. O livro digital que agora se publica está dividido em duas partes: a primeira sobre ‘Espaços Marítimos e Recursos Naturais’ e a segunda sobre ‘Ordenamento, Gestão e Fiscalização do Espaço Marítimo’. Na obra participam os seguintes Autores: Ana Raquel Moniz, Fernando José Correia Cardoso, Fernando Gonçalves, Fernando Loureiro Bastos, Francisco Noronha, Helena Calado, José Manoel Silva Carreira, Luísa Valente, Manuel de Almeida Ribeiro, Maria Teresa Dinis, Marta Chantal Ribeiro...

‣ Floristic and struct/ural characterization of an Upper Montane Atlantic Forest in the Capivari mountain range, Campina Grande do Sul, Parana; CARACTERIZAÇÃO FLORÍSTICA E ESTRUTURAL DE UMA FLORESTA OMBRÓFILA DENSA ALTOMONTANA NA SERRA DO CAPIVARI, CAMPINA GRANDE DO SUL, PARANÁ

Vieira, Renann de Silos; Universidade Federal do Paraná; Blum, Christopher Thomas; Universidade Federal do Paraná; Roderjan, Carlos Vellozo; Universidade Federal do Paraná
Fonte: FUPEF DO PARANÁ Publicador: FUPEF DO PARANÁ
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/04/2014 Português
Relevância na Pesquisa
77.55858%
AbstractFound only in the highest portions of the Serra do Mar mountain range, the Upper Montane Atlantic Forest is conditioned to unique environmental situations that result in exclusive physiognomy. This research aimed to characterize floristic and structural composition of this forest type in the Capivari mountain range, Campina Grande do Sul. 20 plots of 50m2 were implemented to analyze all individuals with perimeter at breast height ≥10 cm. It was registered 574 individuals of 24 species and 15 families. The richest family was Myrtaceae (5 species), followed by Melastomataceae and Lauraceae. The forest presented low diversity (H'= 2.58 nats.ind-1) and high density (5,740 ind.ha-1), mainly composed of thin trees and forming an upper stratum of approximately five meters. Ilex microdonta Reissek, registered in all plots, is the most important species in this community, with density of 1,160 ind.ha-1 and dominance of 10.54 m2.ha-1. It was possible to confirm the feature of low species diversity in the Upper Montane forest, composed by families of universal dispersion and high individuals density, but with structure dominated by few species. The low height and the absence of emergent trees endorse a physiognomic-structural standard of this forest that is result of restrictive environmental conditions.Keywords: Montane cloud forest; Serra do Mar mountain range; Atlantic forest; phytosociology.; Encontrada somente no alto das montanhas da Serra do Mar...