Página 1 dos resultados de 307 itens digitais encontrados em 0.002 segundos

‣ Competência informacional - bases históricas e conceituais: construindo significados; Information literacy - historical and conceptual bases: constructing meanings

VITORINO, Elizete Vieira; PIANTOLA, Daniela
Fonte: IBICT Publicador: IBICT
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
68.75476%
Nos últimos anos, assiste-se ao crescente interesse pelos estudos voltados à competência informacional, o qual se reflete, principalmente, no número de publicações sobre o assunto e extrapola os domínios da biblioteconomia e da ciência da informação. O propósito deste artigo é, portanto, oferecer um panorama internacional, histórico e conceitual das pesquisas sobre a competência informacional, procurando mostrar alguns dos diversos desdobramentos que a reflexão sobre o tema tem apresentado nos últimos anos em países onde seu processo de legitimação já se encontra consolidado, de modo a iluminar possíveis campos de pesquisa e de ação para o profissional bibliotecário. Esta pesquisa aponta que, se os estudos iniciais acerca do tema se dedicavam a conceituá-lo, a discutir sua pertinência e a determinar habilidades e conhecimentos que lhe são inerentes, na última década pode-se perceber a proliferação de pesquisas direcionadas a descrever iniciativas ou a propor modelos em áreas que ultrapassam o campo usual, tais como ciências médicas, direito, política e informática, dentre outros. Os primeiros resultados encontrados nesta etapa da pesquisa encaminham para uma perspectiva educacional e filosófica da competência informacional...

‣ A competência informacional na biblioteca escolar

Santos, Patrícia Barbosa de Moura
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
68.809316%
Para auxiliar os usuários no que tange a busca pela informação, as bibliotecas utilizavam a educação de usuário. Porém, hoje esta atividade se encontra insuficiente para auxiliar o usuário. Competências mais abrangentes se tornaram necessárias no atual contexto da Sociedade da Informação e são chamadas Information Literacy, ou competência informacional, que é um processo de capacitação do usuário cidadão. Essas competências requerem o desenvolvimento de habilidades para o usuário buscar, avaliar e utilizar a informação com destreza, autonomia e eficácia. Trata-se de uma atividade importante na atualidade, que está ligada às tecnologias de informação e comunicação, no ambiente digital. O termo competência informacional está ainda em fase de consolidação no Brasil, mas é tema de constante discussão. A definição do termo se refere ao desenvolvimento de habilidades para os usuários se tornarem competentes em informação na Sociedade da Informação e está na essência do aprendizado ao longo da vida. Neste sentido, salienta-se a biblioteca escolar como um ambiente ideal e o bibliotecário como o educador ideal para lançar as bases do desenvolvimento da competência informacional nos usuários educandos...

‣ Competência informacional e geração z: um estudo de caso em duas escolas de Porto Alegre

Fagundes, Marina Miranda
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
68.7757%
O crescimento exponencial de informações disponíveis e a facilidade de acesso à internet requerem o uso de certas habilidades para a informação ser utilizada de maneira ética e qualificada. A competência informacional constitui uma série de aptidões que levam ao aprendizado independente e auto orientado, como o reconhecimento da necessidade da informação, avaliação das fontes, interpretação e uso ético e crítico da informação. A biblioteca escolar figura como uma das primeiras entidades que podem orientar o aluno quanto à competência informacional, através do auxílio à pesquisa escolar. Contudo, os alunos que frequentam as escolas atualmente pertencem a chamada geração Z, a qual já nasceu em um mundo com facilidade de acesso às novas tecnologias e à informação, e estes já não frequentam tanto a biblioteca como as gerações anteriores. A fim de averiguar quais as competências informacionais dos jovens de escolas públicas de Porto Alegre, nativos de uma era digital, que estão deixando o ensino médio para ingressar na universidade e/ou mundo do trabalho, o objetivo deste estudo foi avaliar aspectos específicos da competência informacional dos alunos do segundo semestre do 3º ano do ensino médio da Escola Municipal de Ensino Médio Emílio Meyer e da Escola Técnica Estadual Senador Ernesto Dornelles...

‣ Análise de instrumentos de avaliação da competência informacional voltados para a educação superior

Santos, Camila Araújo dos
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 180 f.
Português
Relevância na Pesquisa
68.80597%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Ciência da Informação - FFC; The information literacy assessment is a burning issue although little explored in Brazil. In the context international, there are some instruments to verify information skills of different groups of people, they are a diagnose to plan and apply activities of information skill formation by librarians and teachers. Among them we highlight Beile Test of Information Literacy for Education – B-TILED of the University of Central Florida, the instrument of the Working Group on Library Instruction of the Subcommittee on Libraries of the Conference of Rectors and Principals of Quebec Universities – CREPUQ, from Canada, the Information Competency Proficiency Exam from the project Bay Area Community Colleges Information Competency Assessment Project, and the instrument from the St. Olaf College, The First Year Information Literacy in the Liberal Arts Assessment (FYILLAA) Project. In this manner, we aim at analyzing these instruments in a general scope. In a more specific context, we aim at identifying the information skills mentioned by each of them; the types of questions they use; the way of analyzing data; reports generated by the system; to comparate the results with literature...

‣ O desenvolvimento da competência informacional nos idosos a partir das necessidades informacionais desses indivíduos

Lucca, Djuli Machado de
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 68 p.
Português
Relevância na Pesquisa
68.90261%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Educação, Curso de Biblioteconomia.; Este trabalho objetiva identificar as necessidades de informação para o desenvolvimento da Competência Informacional dos idosos do Núcleo de Estudos da Terceira Idade – NETI, da Universidade Federal de Santa Catarina. Busca caracterizar, segundo a literatura, a Competência Informacional; descrever, segundo a literatura, o idoso na sociedade contemporânea; e identificar as necessidades informacionais de idosos, de acordo com os seus discursos. Realiza uma reflexão acerca da Competência Informacional segundo a literatura nacional e internacional, bem como sua origem e aplicações. Apresenta a necessidade informacional como parte do processo da Competência Informacional. Descreve o idoso e sua posição na sociedade contemporânea, explana sobre seus direitos, deveres, e as fontes de informação disponíveis para este grupo. Realiza uma pesquisa qualitativa, utilizando um roteiro de entrevista como instrumento para coleta de dados com idosos do Núcleo de Estudos da Terceira Idade – NETI, da Universidade Federal de Santa Catarina. Utiliza a técnica da Análise do Discurso do Sujeito Coletivo para apresentação dos dados. Analisa e discute os resultados sob três pontos: as necessidades de informação desses indivíduos; o uso de fontes de informação para suprir as referidas necessidades; e a utilização da informação para o bem-estar social. Finaliza afirmando que a visão inicial que parte da sociedade tinha com relação ao perfil do idoso era equivocada: acreditava-se que os mesmos possuíam declínio cognitivo acentuado...

‣ A competência informacional e as redes sociais

Bernardo, Jaqueline
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 71 f.
Português
Relevância na Pesquisa
68.87039%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciências da Educação. Curso de Biblioteconomia.; Esta pesquisa trata da Competência Informacional dos dirigentes de bibliotecas de ensino superior que utilizam as redes sociais na relação com os usuários. Tem como objetivo geral analisar o uso das redes sociais pelos dirigentes de bibliotecas de ensino superior quanto às habilidades a compor a Competência Informacional deste profissional. E os objetivos específicos buscam caracterizar o processo de desenvolvimento da Competência Informacional e as redes sociais, segundo a literatura; mapear o uso das redes sociais pelos dirigentes de bibliotecas de ensino superior de Santa Catarina e caracterizar o uso das redes sociais pelos dirigentes das bibliotecas de ensino superior quanto ao desenvolvimento de habilidades para a Competência Informacional. A pesquisa aqui desenvolvida tem abordagem quantitativa com alguns aspectos qualitativos, no que se refere à análise e interpretação dos resultados. É também uma pesquisa descritiva e se caracteriza como pesquisa de levantamento. A população escolhida para a realização dessa pesquisa foi composta pelas bibliotecas de ensino superior do Estado de Santa Catarina credenciadas pelo Ministério da Educação (MEC). Quanto à amostra esta foi composta por 42 bibliotecas...

‣ Competência informacional : aprendizado individual ao longo da vida

Gama, Ana Claudia Soares Cavalcante
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
Português
Relevância na Pesquisa
68.815776%
Tese (doutorado)–Universidade de Brasília, Faculdade de Ciência da Informação, Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação, 2013.; Esta pesquisa foi direcionada à identificação de uma definição válida para competência informacional em publicações sobre o tema, bem como buscou identificar quais são os processos de aprendizagem vivenciados pelos profissionais da informação para o alcance da sua competência informacional. As etapas da pesquisa incluíram a seleção de extratos literários utilizando artigos, pesquisas e livros publicados em diversos países e a avaliação dos profissionais da informação (servidores do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e tecnologia (IBICT)) para a obtenção de um percentual de concordância, identificando a origem da aprendizagem. A metodologia usada para o desenvolvimento desta pesquisa foi a Teoria Fundamentada nos Dados (Grounded Theory). A fundamentação teórica considerou trabalhos publicados sobre o assunto ou a ele relacionados no período compreendido entre 1968 e 2012, em três idiomas (português, espanhol e inglês), que se encontram publicados em vários países, tais como: Estados Unidos, Austrália, Espanha, México, Turquia, Chile, Portugal...

‣ O bibliotecário e a competência informacional : prática profissional e aspectos curriculares

Lins, Greyciane Souza
Fonte: Faculdade de Ciência da Informação (FCI) da Universidade de Brasília (UnB) Publicador: Faculdade de Ciência da Informação (FCI) da Universidade de Brasília (UnB)
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
68.68585%
O artigo apresenta resultados de uma pesquisa sobre habilidades e práticas do bibliotecário consideradas competências informacionais a serem desenvolvidas através da sua formação acadêmica. Por meio da aplicação do método Delphi, especialistas envolvidos no tema competência informacional opinaram sobre o cotidiano do bibliotecário em suas atividades e a relação com a definição de competência informacional. Conclui-se que os conteúdos ensinados devem ser formulados de forma que tópicos relacionados à competência informacional sejam adaptados e enfatizados para a prática discente e futuramente profissional. ___________________________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT; The article presents results of a survey on skills and practices of the librarian considered informational skills to be developed through professional training. Applying the Delphi method, experts involved in the issue opined about information literacy librarian in the daily activities and relationship with the definition of information literacy. We conclude that the content taught must be formulated so that topics related to information literacy are adapted to practice and emphasize student and future professional. ________________________________________________________________________________________________________________ RESUMEN; El documento presenta los resultados de una encuesta sobre los conocimientos y las prácticas de alfabetización en información bibliotecaria considera que se desarrollarán a través de la formación profesional. A través de la aplicación del método Delphi...

‣ Dimensões da Competência Informacional (2)

Vitorino,Elizete Vieira; Piantola,Daniela
Fonte: IBICT Publicador: IBICT
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2011 Português
Relevância na Pesquisa
68.68702%
O objetivo deste artigo é desenvolver reflexões acerca das dimensões da competência informacional, com foco em aspectos educacionais e filosóficos, procurando mostrar alguns desdobramentos que agora se apresentam como uma questão essencial: sob quais dimensões reveste-se a competência informacional que a tornam um tema imprescindível aos fundamentos da ciência da informação?** Investigam-se as dimensões técnica, estética, ética e política a partir do marco teórico de Rios (2006) e com base em pesquisas já iniciadas e publicadas. A dimensão técnica está relacionada às habilidades e aos instrumentos para encontrar, avaliar e utilizar de modo apropriado a informação de que se necessita, enquanto a dimensão estética deriva da subjetividade implícita na recepção e transmissão dos conteúdos informacionais, já que toda ação comporta um conteúdo pessoal, uma maneira específica de expressão, a qual se configura como uma forma estética. Porque a produção, a disseminação e o uso da informação estão intimamente ligados ao envolvimento de indivíduos em uma comunidade, esses processos assumem invariavelmente um caráter ético e político. Sendo ética, a atividade política tem uma função pedagógica...

‣ Competência Informacional: um olhar para a Dimensão Estética

Orelo,Eliane Rodrigues Mota; Vitorino,Elizete Vieira
Fonte: Escola de Ciência da Informação da UFMG Publicador: Escola de Ciência da Informação da UFMG
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 Português
Relevância na Pesquisa
68.72448%
A Competência Informacional é uma temática que vem se destacando nos últimos anos, dada a sua relevância para a sociedade. Ser competente em informação significa desenvolver um conjunto de habilidades para o uso eficiente dos recursos informacionais, o aprendizado ao longo da vida e o pensamento crítico. Para ser desenvolvida em plenitude, a Competência Informacional precisa fundar-se em quatro dimensões: Técnica, Estética, Ética e Política, mantendo-se o equilíbrio entre elas. Dá ênfase à Dimensão Estética da Competência Informacional: tema ainda obscuro no que se refere ao seu estudo e aplicação na Ciência da Informação. Essa dimensão é aquela que se relaciona com a sensibilidade, com a criatividade. Sendo assim, relacionar a Estética à Competência Informacional se reflete na construção de uma sociedade equilibrada, generosa e transformadora, pois as ideias estéticas são, em última análise, ideias de liberdade humana, estando aí inclusas as emoções, por meio da imaginação, o que possibilita às pessoas perceber propriedades, como encanto, equilíbrio, harmonia e ritmo. A Dimensão Estética relaciona-se, deste modo, com a construção do conhecimento pela sensibilidade, pelas percepções de mundo e sua relação com a ética...

‣ A competência informacional no ensino superior tecnológico: um estudo sobre os discentes e docentes do curso de análise e desenvolvimento de sistemas da união educacional de Brasília (UNEB)

Costa, Ronald Emerson Scherolt da
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
68.965786%
Dissertação (mestrado)—Universidade Brasília, Faculdade de Ciência da Informação, 2012.; A Sociedade da Informação é caracterizada pelo uso massivo de tecnologia e pelo aumento vertiginoso da quantidade de informação disponível. Os cursos superiores na área de Tecnologia da Informação (TI) necessitam preparar seus egressos para o uso e domínio das tecnologias e da informação, para que assim possam exercer de maneira adequada suas futuras tarefas profissionais, sociais, culturais e científicas, como cidadão competente em informação e integrado a esta nova Sociedade. A pesquisa de mestrado utilizou como parâmetros os objetivos e resultados esperados para o desenvolvimento de Competência Informacional sintetizados por Dudziak (2003) tomando por base os Padrões de Competência Informacional para o Ensino Superior propostos pela Association of College and Research Libraries (ACRL). Por meio de uma abordagem quali-quantitativa objetivou-se analisar se os discentes e docentes do Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas (TADS) da União Educacional de Brasília (UNEB) têm conhecimento dos fundamentos para a aquisição de competência informacional na sua formação; identificar o nível de competência informacional dos discentes e docentes; conhecer os procedimentos utilizados pelos discentes e docentes na busca e uso da informação; identificar ações no Projeto Pedagógico de Curso (PPC)...

‣ Competência informacional no ensino superior : um estudo de discentes de graduação em Biblioteconomia no estado de Goiás

Santos, Thalita Franco dos
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
68.80597%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciência da Informação, 2011.; A temática da competência informacional tem estado em destaque no contexto da Ciência da Informação. Aspecto relacionado ao desenvolvimento desta competência pelo bibliotecário, fundamental para sua atuação no mercado de trabalho, leva a necessidade de identificar a competência informacional dos discentes em fase de conclusão do curso de graduação em Biblioteconomia da Universidade Federal de Goiás. Entende-se que o aluno do último ano de graduação está muito próximo ao mercado de trabalho, onde deverá colocar em prática as habilidades e competências desenvolvidas no contexto acadêmico. A pesquisa de mestrado utilizou como parâmetros os Padrões de Competência Informacional para o Ensino Superior propostos pela Association of College and Research Libraries (ACRL). Através de uma abordagem quali-quantitativa objetivou-se caracterizar os participantes, analisar a capacidade de reconhecimento das necessidades de informação; identificar as estratégias de acesso à informação; caracterizar a capacidade de avaliação eficiente da informação, identificar o uso da informação e a compreensão desses alunos sobre temas econômicos...

‣ Competência emocional e competência informacional : a aquisição qualificada de competências a partir da narração de histórias

Junqueira, Bruna Dalmaso
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
68.8158%
A narração de histórias é uma prática que surgiu com o aparecimento da linguagem oral, com aplicação para a perpetuação de costumes e culturas. Ainda hoje é muito valorizada em determinadas comunidades e teve sua prática expandida para a área infantil. Da mesma forma, surgiu a literatura dedicada especialmente às crianças, atualmente com o intuito de divertir e estimular a imaginação, além de sua original pretensão de orientar e moralizar seu público. Constatou-se a narração de histórias como ferramenta válida para o estímulo ao desenvolvimento da competência emocional, que consiste na capacidade de alguém ser capaz de compreender e administrar as próprias emoções, além de aceitar e saber lidar com as dos demais. A competência emocional, por sua vez, é descoberta como um facilitador para o desenvolvimento da competência informacional. Ser competente em informação consiste em ser capaz de identificar uma necessidade de informação, localizar soluções para tal, saber avaliá-las e, posteriormente, gerar conhecimento novo com base no que é encontrado. Competência emocional e competência informacional se entrecruzam na formação de cidadãos mais conscientes de si, de suas necessidades e das dos demais. Perante esta compreensão...

‣ La competencia informacional en la enseñanza universitaria

Muñoz-Vázquez, María
Fonte: Universidade Autônoma de Barcelona Publicador: Universidade Autônoma de Barcelona
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
68.7757%
Este trabajo pretende resaltar la importancia del tratamiento de la información en la sociedad actual y la necesidad, por ende, de desarrollar el dominio de la competencia informacional en la ciudadanía, y en concreto en los estudios universitarios. El profesor ha de adaptarse a los nue-vos retos que están surgiendo y apostar por una mejora en el proceso de enseñanza-aprendizaje, incorporando estas destrezas en su formación y en la de su alumnado. Las conti-nuaciones reformas de las últimas décadas ha tenido como objetivo ofrecer a las nuevas gene-raciones de estudiantes una enseñanza que cubra estas expectativas, si bien existen aun mu-chas carencias educativas que podrían ser compensadas por una enseñanza por competen-cias en la que la competencia informacional se revela como básica.; This work tries to highlight the importance of the data processing in the current company and the need, for ende, of developing the domain of the competition informacional in the citizenship, and in I make concrete in the university studies. The teacher has to adapt to the new challenges that are arising and to bet for an improvement in the process of education - learning, incorpora-ting these skills in his formation and in that of his student body. The continuations reforms of last decades it has had as aim offer to the new generations of students an education that covers these expectations...

‣ A relação entre Competência Informacional e Aprendizagem Organizacional: um olhar a partir do framework dos 4 I(s); The relationship between Information Literacy and Organizational Learning: a view from the framework of 4 I(s)

Bem, Roberta Moraes; Coelho, Chistianne Coelho de Souza Reinisch
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 25/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
68.7757%
Introdução: a Competência Informacional, como habilidade de lidar com a informação, no sentido de localizar, adquirir, selecionar e tomar decisões assertivas se apresenta como um elemento importante no contexto da Gestão do Conhecimento e das organizações que aprendem continuamente. A Gestão do Conhecimento está associada ao conhecimento como fator de produção estratégico, onde o sucesso e a competitividade de uma organização estão associados a sua habilidade de adquirir, representar, gerenciar, utilizar e disseminar conhecimento. Todavia, a relação da Competência Informacional com a Gestão do Conhecimento não é muito explorada, especialmente sob o foco da Aprendizagem Organizacional, que este trabalho propõe.Objetivo: verificar a conexão existente entre as referidas disciplinas (Aprendizagem Organizacional e Competência Informacional), sob a ótica da abordagem do framework dos 4 I(s) – que compreende as fases de intuição, interpretação, integração e institucionalização – consideradas no processo de aprendizagem.Metodologia: estudo exploratório que partiu de revisão bibliográfica, seguindo com a análise dos documentos.Resultados: Aspectos da abordagem da Competência Informacional, como o “aprendizado ao longo da vida” (lifelong leanrning) e os “processos cognitivos” são mais representativos quando se relaciona Competência Informacional com Aprendizagem organizacional. Todavia...

‣ A dimensão estética (sensível) da Competência Informacional

Orelo, Eliane Rodrigues Mota; Universidade Federal de Santa Catarina
Fonte: Departamento de Ciência da Informação – UFSC Publicador: Departamento de Ciência da Informação – UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 20/11/2013 Português
Relevância na Pesquisa
68.72448%
A Competência Informacional para ser desenvolvida em plenitude deve estar alicerçada em quatro dimensões: Técnica, Estética, Ética e Política. Esta pesquisa aborda a Dimensão Estética da Competência Informacional do Bibliotecário. Ser competente em informação requer habilidades informacionais: identificar as necessidades de informação, conhecer as fontes de informação, elaborar estratégias de busca, avaliar e utilizar a informação de forma ética e responsável, buscando o bem comum. Envolve ainda uma atitude voltada para a educação ao longo da vida. A Dimensão Estética está ancorada nos conceitos de Estética, resgatados da Filosofia. Diz respeito à sensibilidade, a criatividade, a solidariedade e, direcionado ao fazer do Bibliotecário, implica em resgatar os aspectos humanos, culturais e sociais, pouco explorados em virtude de uma formação predominantemente técnica, desde a década de 1930. É uma pesquisa qualitativa e exploratória, já que reflete os aspectos teóricos e conceituais da Estética para a Competência Informacional, e exploratória, pois esta abordagem é relativamente nova no país. Os resultados demonstram que a Estética pode contribuir significativamente para o Desenvolvimento da Competência Informacional do Bibliotecário...

‣ A dimensão política da competência informacional: um estudo a partir das necessidades informacionais de idosos

Lucca, Djuli Machado de; Universidade Federal de Santa Catarina
Fonte: Departamento de Ciência da Informação – UFSC Publicador: Departamento de Ciência da Informação – UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 06/08/2015 Português
Relevância na Pesquisa
68.90261%
Objetiva compreender a dimensão política da Competência Informacional a partir das necessidades informacionais de idosos da região da Grande Florianópolis, localizada no Estado de Santa Catarina, (Brasil). Para atingir tal objetivo, pretende caracterizar, de acordo com a literatura e nos discursos de idosos, as diferentes percepções da dimensão política da Competência Informacional e descrever, de acordo com a literatura e nos discursos de idosos, as necessidades informacionais desses indivíduos. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, que busca nos discursos dos idosos compreender a percepção dos sujeitos sobre o objeto de pesquisa. Para representar os idosos da Grande Florianópolis, é escolhido o município de São José, e então, são selecionados aleatoriamente os sujeitos participantes, mediante autorização. A técnica utilizada para a coleta de dados é a entrevista semiestruturada, que possibilita aos sujeitos exporem as experiências e percepções sobre o objeto de pesquisa de modo aberto e geral. Os dados coletados também são analisados qualitativamente, a partir da Técnica do Discurso do Sujeito Coletivo, que orienta o tratamento de dados de natureza discursiva, e visa organizar os discursos em um único...

‣ A dimensão técnica da Competência Informacional: estudo com bibliotecários de referência das bibliotecas universitárias da Grande Florianópolis, SC

Oliveira, Alexandre Pedro de; Universidade Federal de Santa Catarina
Fonte: Departamento de Ciência da Informação – UFSC Publicador: Departamento de Ciência da Informação – UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 06/08/2015 Português
Relevância na Pesquisa
69.037007%
Esta pesquisa tem como base as dimensões da Competência Informacional (técnica, estética, ética e política). Correspondem às habilidades do indivíduo para acessar, avaliar e usar a informação com sensibilidade, ética e sabedoria no contexto social. Especificamente, analisa a dimensão técnica da Competência Informacional sob a perspectiva teórica e a partir da visão dos bibliotecários de referência das Universidades da região da Grande Florianópolis. A pesquisa, de natureza qualitativa, bibliográfica e exploratória, envolve abordagens sobre a sociedade, a técnica na Filosofia, conceitos referentes à Competência Informacional na literatura em Ciência da Informação e a dimensão técnica da Competência Informacional do bibliotecário de referência. O campo de pesquisa compreende as bibliotecas universitárias localizadas na região da Grande Florianópolis, com a participação de 11 bibliotecários de referência. Utiliza questionário e entrevista para a coleta de dados. Estabelece categorias, mediante a técnica de análise de conteúdo de Bardin (2010), a fim do tratamento dos dados e interpretação dos resultados. Conclui, teoricamente, que a dimensão técnica da Competência Informacional abrange habilidades sustentadas por decisões no processo de busca...

‣ A competência informacional no ensino superior tecnológico: um estudo sobre os discentes e docentes do curso de análise e desenvolvimento de sistemas da União Educacional de Brasília (UNEB)

Costa, Ronald Emerson Scherolt da; Universidade de Brasília - UnB
Fonte: Revista Ibero-Americana de Ciência da Informação Publicador: Revista Ibero-Americana de Ciência da Informação
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: text/html; application/pdf
Publicado em 28/07/2015 Português
Relevância na Pesquisa
68.97997%
A Sociedade da Informação é caracterizada pelo uso massivo de tecnologia e pelo aumento vertiginoso da quantidade de informação disponível. Os cursos superiores na área de Tecnologia da Informação (TI) necessitam preparar seus egressos para o uso e domínio das tecnologias e da informação, para que assim possam exercer de maneira adequada suas futuras tarefas profissionais, sociais, culturais e científicas, como cidadão competente em informação e integrado a esta nova Sociedade. A pesquisa de mestrado utilizou como parâmetros os objetivos e resultados esperados para o desenvolvimento de Competência Informacional sintetizado por Dudziak (2003) tomando por base os Padrões de Competência Informacional para o Ensino Superior propostos pela Association of College and Research Libraries (ACRL). Por meio de uma abordagem quali-quantitativa objetivou-se analisar se os discentes e docentes do Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas (TADS) da União Educacional de Brasília (UNEB) têm conhecimento dos fundamentos para a aquisição de competência informacional na sua formação; identificar o nível de competência informacional dos discentes e docentes; conhecer os procedimentos utilizados pelos discentes e docentes na busca e uso da informação; identificar ações no Projeto Pedagógico de Curso (PPC)...

‣ Produção nacional sobre Letramento e Competência Informacional Information Literacy and national prodution in bibliography

Almeida, Regina Oliveira de
Fonte: Associação Catarinense de Bibliotecários Publicador: Associação Catarinense de Bibliotecários
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares; Análise estatística. Categorização. Formato: application/pdf
Publicado em 01/05/2014 Português
Relevância na Pesquisa
68.68585%
As fontes de informação eletrônicas disponíveis proliferaram nas universidades e demais instituições de pesquisa, fazendo com que os usuários alarguem as suas possibilidades de uso, mas também possam se tornar confusos dentro de um cenário de aprendizado que exige competências e habilidades específicas para a busca e acesso em fontes consideradas adequadas e confiáveis no ambiente acadêmico. A crescente demanda por pesquisas na web requer que o bibliotecário tenha o perfil de gestor da informação e do conhecimento, capaz de utilizar eficaz e criativamente o conhecimento disponível nos sistemas informatizados. Dessa forma, é imprescindível à comunidade universitária aprender a usar o melhor possível as tecnologias de informação e comunicação (TIC) e as fontes de informação na realização de suas atividades, adquirindo competência informacional. Há diferentes maneiras de se avaliar a produção científica, sendo a publicação de artigos, por parte dos pesquisadores, um resultado de grande visibilidade. Este estudo buscou verificar, considerando a produção científica nacional de publicações em periódicos, qual o estágio de visibilidade do tema, letramento e competência informacional, no Brasil.