Página 1 dos resultados de 426 itens digitais encontrados em 0.071 segundos

‣ Modelo de classificação de risco de crédito de empresas; A model for the classification of companies credit risk

BRITO, Giovani Antonio Silva; ASSAF NETO, Alexandre
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
89.02493%
O processo de gerenciamento de risco de crédito em instituições financeiras vem passando por uma revisão ao longo dos últimos anos. Nesse contexto, diversas novas técnicas de mensuração de risco de crédito e tomadores têm sido desenvolvidas e implementadas por grandes Bancos. O objetivo desta pesquisa é desenvolver um modelo de classificação de risco para avaliar o risco de crédito de empresas no mercado brasileiro. O modelo foi construído com base em uma amostra de empresas de capital aberto classificadas como solventes ou insolventes no período entre 1994 e 2004. A técnica estatística utilizada no desenvolvimento do modelo foi a regressão logística. As variáveis independentes são índices financeiros calculados a partir das demonstrações contábeis e utilizados para representar a situação econômico-financeira das empresas. A validação do modelo foi efetuada utilizando o método Jackknife e uma Curva ROC. Os resultados do estudo indicam que o modelo de classificação de risco desenvolvido prevê eventos de default com um ano de antecedência com bom nível de acurácia. Os resultados, também, indicam que as demonstrações contábeis contêm informações que possibilitam a classificação das empresas como prováveis solventes ou prováveis insolventes.; The process of credit risk management in financial institutions has been revised in recent years. In this context...

‣ "Modelos de risco de crédito de clientes: Uma aplicação a dados reais" ; Customer Scoring Models: An application to Real Data

Pereira, Gustavo Henrique de Araujo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 23/08/2004 Português
Relevância na Pesquisa
89.02111%
Modelos de customer scoring são utilizados para mensurar o risco de crédito de clientes de instituições financeiras. Neste trabalho, são apresentadas três estratégias que podem ser utilizadas para o desenvolvimento desses modelos. São discutidas as vantagens de cada uma dessas estratégias, bem como os modelos e a teoria estatística associada a elas. Algumas medidas de performance usualmente utilizadas na comparação de modelos de risco de crédito são descritas. Modelos para cada uma das estratégias são ajustados utilizando-se dados reais obtidos de uma instituição financeira. A performance das estratégias para esse conjunto de dados é comparada a partir de medidas usualmente utilizadas na avaliação de modelos de risco de crédito. Uma simulação também é desenvolvida com o propósito de comparar o desempenho das estratégias em condições controladas. ; Customer scoring models are used to measure the credit risk of financial institution´s customers. In this work, we present three strategies that can be used to develop these models. We discuss the advantages of each of the strategies, as well as the models and statistical theory related with them. We fit models for each of these strategies using real data of a financial institution. We compare the strategies´s performance through some measures that are usually used to validate credit risk models. We still develop a simulation to study the strategies under controlled conditions.

‣ A sustentabilidade financeira das cooperativas de crédito rural: um estudo de caso no Estado de São Paulo; Rural credit unions financial sustainability: case study in the São Paulo state

Naves, Carolina de Figueiredo Balieiro
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 15/03/2007 Português
Relevância na Pesquisa
80.575513%
Por causa da presença de informações assimétricas e de problemas como seleção adversa e moral hazard, o meio rural é pouco atrativo para o sistema financeiro vigente. Os mecanismos de seleção e monitoramento de clientes exibem custos altos, e, podem interferir no desempenho econômico de instituições financeiras. As instituições devem ser eficientes, e, trabalhar com baixas taxas de juros, de inadimplência, e de custos de transação, para serem auto-sustentáveis. As cooperativas de crédito rural, que não visam lucros, exercem taxas de juros e tarifas inferiores às cobradas pelo mercado. Foi objetivo dessa pesquisa analisar a sustentabilidade financeira das cooperativas de crédito rural. Por meio da revisão bibliográfica de teorias econômicas, de trabalhos científicos sobre custos de transação e capital social, verificou-se que alguns custos de transação são menores para as cooperativas, se comparadas com outras instituições financeiras, já que são formadas por produtores rurais de certa região, amenizando os riscos de suas transações. Além disso, certas peculiaridades das cooperativas são minimizadoras de dispêndios operacionais. Foi proposto um modelo, adaptado da análise de desempenho econômico de instituições financeiras...

‣ Validação do poder discriminante das classificações de operações de crédito das instituições financeiras brasileiras; Validation of the power of scores of discriminant credit operations of financial institutions Brazilian

Annibal, Clodoaldo Aparecido
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 29/04/2008 Português
Relevância na Pesquisa
100.01297%
Um sistema de classificação de risco de crédito eficiente é fundamental para que uma instituição financeira (IF) possa realizar uma boa gestão de risco de crédito. No Brasil, as operações de crédito de IFs devem ser classificadas em nove níveis de risco que, em ordem crescente, são: "AA", "A", "B", "C", "D", "E", "F", "G" e "H". As provisões para créditos de liquidação duvidosa, um dos maiores itens de despesa das IFs, são constituídas em função destas classificações. Também no Novo Acordo de Capital da Basiléia as classificações de risco de crédito são relevantes na determinação do capital exigido das IFs para absorver perdas inesperadas em seus portfolios de crédito. Esta pesquisa teve como objetivo verificar, no período compreendido entre dezembro de 2005 e dezembro de 2006, o comportamento dos sistemas de classificação das IFs brasileiras no que diz respeito a um dos principais aspectos a serem observados nos procedimentos de validação de sistemas de classificação de risco de crédito, a saber, o poder discriminante do sistema. A literatura sobre validação de sistemas de classificação de crédito define poder discriminante como sendo a habilidade do sistema em diferenciar, ex ante, casos "bons" de casos "ruins". Existem diversos métodos para realizar a medição do poder discriminante. Neste estudo...

‣ Práticas em gestão de sistemas de credit scoring e portfólio de crédito em instituições financeiras brasileiras

Lima, Francisco Adauto Pereira de
Fonte: Fundação Getúlio Vargas Publicador: Fundação Getúlio Vargas
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
90.41852%
Vários estudos foram realizados pela academia brasileira sobre desenvolvimento e aplicabilidade de modelos estatísticos de credit scoring e portfólio de crédito. Porém, faltam estudos relacionados sobre como estes modelos são empregados pelas empresas brasileiras. Esta dissertação apresenta uma pesquisa, até então inédita, sobre como as instituições financeiras brasileiras administram seus sistemas de credit scoring e suas carteiras de crédito. Foram coletados dados, por meio de um questionário, dos principais bancos e financeiras do mercado brasileiro. Para a análise dos resultados, as repostas foram divididas em dois grupos: bancos e financeiras. Os resultados mostraram empregos de métodos diferentes entre os grupos devido a suas características operacionais.

‣ Instrumentos de decisão de credito em instituições financeiras

Muccillo Netto, João
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 328f.| il., grafs
Português
Relevância na Pesquisa
89.29861%
Dissertação (mestrado) - Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia e Administração, Departamento de Administração

‣ Análise da metodologia utilizada pelas empresas de rating para classificar as instituições financeiras bancárias

Hansen, Simone
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 92 f.
Português
Relevância na Pesquisa
100.02748%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Sócio-Econômico. Economia.; O objetivo deste trabalho monográfico é analisar o processo de classificação do risco de crédito das instituições financeiras bancárias especificamente os bancos comerciais pela metodologia utilizadas pelas agências de rating Moody’s e Standard & Poor’s, visando a tomada de decisão de um investimento, indicando a probabilidade de retorno de um investimento, de acordo com a política adotada pelo investidor. Justifica-se por se tratar de temas vistos no decorrer do curso de graduação, e, deste modo, possuir algum tipo de relação, como também pela necessidade de conhecimento para o mercado de trabalho, especificamente o mercado financeiro. Esta correlação é abordada na pesquisa, pois tanto os ofertadores de recursos quanto os intermediários financeiros buscam minimizar a informação assimétrica, onde os ofertadores de recursos, os investidores, buscam informação visando mensurar o risco. Para embasar estes resultados, foram utilizados os conhecimentos econômicos que retrataram a necessidade de classificação da probabilidade do risco de crédito. Além disso, analisou-se os relatórios emitidos pelas agências de rating Moody’s e Standard & Poor’s além de dados do Banco Central e análise do ROA (Retorno sobre o Ativo Total) para um melhor embasamento quanto aos fundamentos dos ratings de crédito. Assim sendo...

‣ Comunicação organizacional e padrões de comportamento informacional de gestores e analistas de risco de crédito em instituições financeiras governamentais

Fauat, Ana Matilde
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
100.6264%
Dissertação (mestrado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciência da Informação e Documentação, Departamento de Ciência da Informação e Documentação, 2007.; A presente pesquisa teve como objetivo identificar a relação entre comportamento informacional de gestores e analistas de risco de crédito e o processo de comunicação organizacional entre eles, em instituições financeiras governamentais brasileiras, nomeadamente CAIXA e Banco do Brasil S/A. Com base nos trabalhos de Tubbs (2003), Wilson (1981) e Kunsch (2003), o modelo conceitual construído para o estudo sugere que variáveis do comportamento informacional de gestores e analistas de risco de crédito devem ser levadas em conta para melhoria do processo de comunicação entre eles. O referencial teórico construído a partir dos modelos dos autores estudados apontou os caminhos a serem seguidos quanto aos procedimentos metodológicos da pesquisa e embasou a discussão dos resultados obtidos. A adoção das abordagens qualitativa e quantitativa, e respectiva triangulação das informações obtidas pelo uso de questionários e entrevistas possibilitaram minimizar algumas das desvantagens específicas de cada um dos instrumentos adotados. Assim...

‣ O crédito concedido às empresas: antes e no decorrer da crise mundial. Análise e gestão do risco de crédito

Conceição, Ana Rita Neves da Silva
Fonte: Instituto Politécnico de Lisboa Publicador: Instituto Politécnico de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /05/2013 Português
Relevância na Pesquisa
80.62042%
O tema do trabalho de investigação é a análise do risco de crédito às empresas antes e durante a actual crise financeira, bem como a sua gestão. A gestão de risco de crédito das instituições financeiras tem-se transformado cada vez mais numa peça chave para toda a actividade bancária, tendo ainda mais significado no mundo actual, em constante mudança e globalização. A concessão de crédito às empresas tornou-se numa tarefa cada vez mais árdua, para as instituições financeiras devido ao risco de crédito. A presente dissertação foi desenvolvida visando os objectivos de efectuar uma avaliação na concessão de crédito a empresas durante a crise, com ênfase na gestão do risco de crédito, bem como na utilização do Acordo de Basileia II. Para atingir os objectivos traçados a metodologia utilizada foi o inquérito por questionário a colaboradores da Caixa Geral de Depósitos (CGD). O questionário foi efectuado, de forma a captar quer os desenvolvimentos passados, como recentes, bem como a evolução esperada. Relativamente à evolução passada, as perguntas respeitam aos anos anteriores à crise, enquanto as perguntas prospectivas se referem aos anos seguintes. O trabalho desenvolvido permitiu-nos concluir que as instituições financeiras mundiais...

‣ Os impactos da resolução n. 2.682 e dos programas de reestruturação do Sistema Financeiro Nacional no nível de provisionamento da carteira de crédito do setor bancário

Fernandes,Dimas Tadeu Madeira; Ponte,Vera Maria Rodrigues; Moura,Heber José de; Luca,Márcia Martins Mendes de; Oliveira,Marcelle Colares
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2008 Português
Relevância na Pesquisa
90.25251%
Após a implantação do Plano Real, o Sistema Financeiro Nacional (SFN) passou a experimentar grandes e significativas transformações. A elevação da taxa de juros e o fim das receitas inflacionárias trouxeram o risco de falência para algumas instituições financeiras. Nesse contexto, o governo lançou uma série de medidas com o objetivo de sanear o SFN, destacando-se a Resolução n. 2.682 do Conselho Monetário Nacional (CMN), que visava aperfeiçoar a regulamentação de provisionamento das carteiras de crédito das instituições financeiras. O presente trabalho procura responder à seguinte questão: qual o impacto da Resolução n. 2.682 e dos Programas de Reestruturação do SFN no nível de Provisão para Créditos de Liquidação Duvidosa (PCLD) das instituições financeiras? Realizou-se pesquisa bibliográfica e documental, analisando-se o comportamento da carteira de crédito dos bancos integrantes do SFN. Após os programas saneadores implementados pelo governo e a regulamentação de provisionamento, editada pelo CMN através da Resolução n. 2.682, verificou-se uma mudança do patamar de provisionamento da carteira de crédito, que passou dos 2,2% verificados em dezembro de 1995 para os 6,8% registrados em dezembro de 2005.

‣ O papel das instituições financeiras no crescimento e sustentabilidade (ciclo de vida) das micro e pequenas empresas: estudo realizado no município de Vitória de Santo Antão – PE. - Recife

Costa, Adriana Sandrely Soares da Silva Pereira; Hidalgo, Álvaro Barrantes (Orientador); Carmona, Charles Ulises de Montreuil (Coorientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
90.29043%
Vários são os fatores que favorecem a longevidade das empresas, dentre eles ganha destaque a forte participação do empreendedor (fundador), cujo comprometimento, capacidade de assumir riscos e de tomar decisões acertadas têm impacto direto no bom andamento do negócio. Não menos importante, entretanto, influenciando diretamente o nível de atividade destes empreendimentos, o crédito também vem se configurando ao longo dos anos como ferramenta incentivada pelo Governo Federal para lhes oferecer melhores condições de sobrevivência. E, como meio de direcionamento dos recursos financeiros para estas empresas o governo se utiliza das instituições financeiras preferencialmente os bancos públicos e de desenvolvimento. Em um estudo survey junto ao município de Vitória de Santo Antão buscamos estudar a relação existente entre as instituições financeiras e o ciclo de vida das MPEs localizadas no referido município como meio de sugerir ferramentas de mitigar o problema das altas taxas de mortalidade e promover o desenvolvimento sustentável de tais organizações. Para tal, adaptamos questionário utilizado pelos autores Lester, Parnell e Carraher (2008), através do qual medimos o grau de concordância acerca de 20 afirmações cujas respostas são formatadas na escala Likert...

‣ Risco de crédito num contexto de crise

Lopes, Armanda Luzia Vieira
Fonte: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto Publicador: Instituto Politécnico do Porto. Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
90.56806%
Dissertação de Mestrado apresentado ao Instituto de Contabilidade e Administração do Porto para a obtenção do grau de Mestre em Contabilidade e Finanças, sob orientação do Mestre Adalmiro Álvaro Malheiro de Castro Andrade Pereira; A globalização do mercado financeiro e a força competitiva da economia exigem das empresas a sua crescente agilidade e flexibilidade de forma a realizarem e a desenvolverem as suas atividades. Isto tem resultado numa crescente atividade das instituições financeiras, pois têm de apresentar respostas para esses desafios, registando, nesse sentido, nos últimos anos um número elevado de operações de concessão de crédito. Estas operações tornam-se ainda mais complexas numa conjuntura de crise económica e financeira, pois aumenta o risco de crédito que lhe está associado pelo incumprimento por parte dos devedores dos capitais investidos e respetivos lucros esperados, e consequentemente leva à subcapitalização. Com este estudo pretende-se explicar a importância da análise e avaliação do risco de crédito pelas instituições financeiras nas suas decisões nos processos de concessão de crédito às empresas. Também, pretende-se saber se as instituições financeiras alteraram as suas metodologias nas avaliações dos processos de crédito em consequência do contexto de crise que...

‣ Inadimplência e operações de crédito: uma análise sobre o comportamento nas maiores instituições financeiras que atuam no Sistema Financeiro Nacional.

SILVA, Frederico Cássio Gonçalves da
Fonte: Centro Universitário de Brasília Publicador: Centro Universitário de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Português
Relevância na Pesquisa
80.583115%
O presente trabalho tem por objetivo analisar o comportamento da inadimplência, no período de 2002 a 2012, em relação à carteira de crédito, das vinte maiores instituições financeiras do Sistema Financeiro Nacional. O trabalho fornecerá uma análise de cada instituição e dos seus índices de default, com a intenção de demonstrar a situação real do volume das operações de crédito e a evolução da inadimplência das Instituições Financeiras ao longo dos últimos dez anos. A relevância do estudo do tema ocorre devido à importância das instituições financeiras para o financiamento da aceleração econômica do país e, ao mesmo tempo, aos impactos negativos que altos níveis de inadimplência podem ocasionar à economia nacional. A Provisão de Credito para Liquidação Duvidosa foi uma medida defensiva do Conselho Monetário Nacional para demonstrar a situação real da carteira de credito da instituição financeira, tem como função auxiliar a tomada de decisão dos usuários da informação. Foi demonstrado que Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal estão com os menores índices de inadimplência junto às maiores carteiras de crédito do Sistema Financeiro Nacional. Os índices mais altos de default foram encontrados no Santander e Itaú-Unibanco...

‣ Provisão para crédito de liquidação duvidosa – PCLD em instituições financeiras: uma análise dos valores contabilizados nas demonstrações financeiras em BR GAAP e IFRS.

ABREU, Regina Rodrigues de
Fonte: Centro Universitário de Brasília Publicador: Centro Universitário de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Português
Relevância na Pesquisa
90.46379%
Houve mudanças significativas no Sistema Financeiro Nacional-SFN para se adaptar as constantes mudanças no mercado financeiro mundial, uma delas a obrigatoriedade da adoção das normas internacionais (IFRS), aceitas em diversos países. Deste ponto de vista, as normas Brasileiras vem sendo revisadas para convergirem com os pronunciamentos emitidos pelo IASB. Foi realizada pesquisa exploratória e descritiva, com análise documental, tratando-se dos critérios para classificação das operações de crédito e regras para constituição de Provisão para Créditos de Liquidação Duvidosa com observância a Resolução CMN n° 2.682/99 para perda esperada e a Norma do IASB IAS 39, perda incorrida, com vistas a perceber as variações entre conversão de provisão de BR GAAP para IFRS nas Instituições Financeiras. A proposta de análise inclui quadros com operações de crédito da PCLD em BR GAAP das Instituições financeiras dos finais de exercício de 2010 a 2012, classificadas pelo ativo total, utilizando como fonte de dados o Relatório dos ’50 maiores Bancos e o Consolidado do Sistema Financeiro Nacional- SFN, elaborado pelo Banco Central e disponível no seu sítio. Observou-se variações relevantes na contabilização da PCLD se considerada metodologia BR GAAP e IFRS...

‣ O sistema brasileiro de instituições financeiras subnacionais para o desenvolvimento: um panorama; Texto para Discussão (TD) 1626: O sistema brasileiro de instituições financeiras subnacionais para o desenvolvimento: um panorama

Araujo, Victor Leonardo de; Pires, Murilo José de Souza; Silva, Márcio Francisco da; Castro, Diego Afonso de
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
Português
Relevância na Pesquisa
100.4045%
O objetivo deste trabalho é oferecer um panorama geral sobre a experiência brasileira recente com o sistema composto por instituições financeiras públicas, que chamaremos de subnacionais, voltadas para o financiamento do desenvolvimento: um banco regional de desenvolvimento, três bancos estaduais de desenvolvimento e 13 agências estaduais de fomento. Pretende-se mostrar que, em geral, este sistema é débil, possuindo fontes de funding pouco diversificadas, dependente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e dos governos estaduais. Assim, as possibilidades de expansão dessas instituições dependem fortemente da dinâmica das respectivas economias estaduais e de suas capacidades arrecadatórias ou de fatores exógenos, tais como o acesso aos recursos do BNDES e dos fundos constitucionais - os quais, por sua vez, dependem da estratégia de atuação do BNDES e dos bancos federais gestores dos fundos constitucionais e dos critérios de escolha dos intermediários financeiros por parte dessas instituições federais. Por outro lado, as operações de crédito oriundas das instituições financeiras públicas subnacionais para financiamento do desenvolvimento (IFDs-SN) parecem ser qualitativamente distintas dos bancos públicos federais brasileiros...

‣ O estado atual das instituições financeiras públicas para o desenvolvimento na América Latina: uma análise exploratória; Texto para Discussão (TD) 1616: O estado atual das instituições financeiras públicas para o desenvolvimento na América Latina: uma análise exploratória

Araujo, Victor Leonardo de; Pires, Murilo José de Souza; Silva, Márcio Francisco da; Castro, Diego Afonso de
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
Português
Relevância na Pesquisa
99.74805%
Este trabalho tem por objetivo refletir sobre as transformações recentes vivenciadas pelas instituições financeiras para o desenvolvimento (IFDs) no continente latino-americano.Para tanto, foram selecionadas IFDs que atuam nas principais economias da América Latina para compor o universo investigado. O foco analítico assentou-se nas IFDs de propriedade pública que tiveram atuação no setor produtivo, excluindo-se do estudo as instituições exclusivamente voltadas para o financiamento imobiliário. Em linhas gerais,constatou-se na investigação que as principais modificações sofridas por muitas IFDs no continente estão relacionadas com suas transformações em instituições de "segundo piso" que tiveram por propósito proporcionar ganhos de escala, reduzindo assim seus custos operacionais. Em relação à estrutura de funding constatou-se uma redução de recursos provenientes dos respectivos governos (tesouros e bancos centrais) e do aumento de recursos oriundos do setor privado (via captação de depósitos ou, em menor proporção, de emissões nos mercados de capitais domésticos) ou de recursos captados no exterior, via agências oficiais - como Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e Corporação Andina de Fomento (CAF)...

‣ Análise de Crédito a Instituições Financeiras : a metodologia CAMELS

Gomes, Ricardo Miguel Morais Pimentel
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
90.478545%
Mestrado em Finanças; As Instituições Financeiras apresentam-se como utilizadoras intensivas de técnicas de análise de crédito a empresas, famílias e outras instituições financeiras. O processo de análise não se pretende que seja o único factor de decisão, mas que seja um exercício de apoio à decisão. A análise de crédito a outras instituições financeiras é feita com recurso à metodologia de referência para o sector financeiro: a metodologia CAMELS (acrónimo de Capital, Assets, Management, Earnings, Liquidity and Sensitivity to Market Risks). O presente trabalho vem ilustrar a relevância da metodologia CAMELS no procedimento de avaliação de crédito, tendo como objectivo final a obtenção de uma classificação interna para um banco.; Financial institutions present themselves as heavy users of credit analysis techniques for companies, families and other financial institutions. The analysis is not intended to be the only factor in the decision, but rather a supporting element in decision. Loans to other financial institutions are subject to a review in accordance to the reference methodology for the financial sector - the CAMELS methodology (acronym for Capital, Assets, Management, Earnings, Liquidity and Sensitivity to Market Risk). The present work illustrates the relevance of the CAMELS methodology as a credit assessment procedure...

‣ Financiamento de pequenas e médias empresas vs grandes empresas : evolução da dívida a instituições financeiras

Oliveira, Mónica Filipa Pérola de Azevedo Tarrinho de
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
109.75376%
Mestrado em Ciências Empresariais; Vários são os autores que defendem que as Pequenas e Médias Empresas (PMEs) recorrem à dívida a instituições financeiras de forma diferente das Grandes Empresas (GEs). O presente trabalho pretende averiguar a evolução da dívida a estas instituições por parte das PMEs e das GEs, tentando justificar as diferenças existentes. Para o efeito, foram utilizadas variáveis que definem os níveis de dívida às instituições financeiras e o nível de activos e de investimento destas empresas, reportando ao período entre 1996 e 2005, sendo posteriormente realizada a devida análise estatística. Os resultados obtidos comprovam as diferenças existentes entre as PMEs e as GEs no recurso à dívida a instituições financeiras, sendo que, as PMEs se endividam para financiarem os seus activos e os seus investimentos, ao passo que nas GEs não se verifica a mesma situação.; Several are the authors that defend that Small and Medium Enterprises (SMEs) appeal to the debt to financial institutions in a different way from Big Enterprises (BEs). The present work pretends to investigate the debt evolution to these institutions by the SMEs and by BEs trying to justify the existent differences. For that...

‣ Os impactos da resolução n. 2.682 e dos programas de reestruturação do Sistema Financeiro Nacional no nível de provisionamento da carteira de crédito do setor bancário; The impacts of resolution n. 2.682 and programs to restructure the National Financial System on the provision level of the banking sector's credit portfolio

Fernandes, Dimas Tadeu Madeira; Ponte, Vera Maria Rodrigues; Moura, Heber José de; Luca, Márcia Martins Mendes de; Oliveira, Marcelle Colares
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2008 Português
Relevância na Pesquisa
90.25251%
Após a implantação do Plano Real, o Sistema Financeiro Nacional (SFN) passou a experimentar grandes e significativas transformações. A elevação da taxa de juros e o fim das receitas inflacionárias trouxeram o risco de falência para algumas instituições financeiras. Nesse contexto, o governo lançou uma série de medidas com o objetivo de sanear o SFN, destacando-se a Resolução n. 2.682 do Conselho Monetário Nacional (CMN), que visava aperfeiçoar a regulamentação de provisionamento das carteiras de crédito das instituições financeiras. O presente trabalho procura responder à seguinte questão: qual o impacto da Resolução n. 2.682 e dos Programas de Reestruturação do SFN no nível de Provisão para Créditos de Liquidação Duvidosa (PCLD) das instituições financeiras? Realizou-se pesquisa bibliográfica e documental, analisando-se o comportamento da carteira de crédito dos bancos integrantes do SFN. Após os programas saneadores implementados pelo governo e a regulamentação de provisionamento, editada pelo CMN através da Resolução n. 2.682, verificou-se uma mudança do patamar de provisionamento da carteira de crédito, que passou dos 2,2% verificados em dezembro de 1995 para os 6,8% registrados em dezembro de 2005.; After the implantation of the Plano Real...

‣ Influência da crise financeira mundial na estrutura econômica das instituições financeiras bancárias brasileiras e seus reflexos no Índice de Basiléia: Uma abordagem comparativa; INFLUENCE OF THE GLOBAL FINANCIAL CRISIS IN ECONOMIC STRUCTURE OF THE BRAZILIAN BANKING FINANCIAL INSTITUTIONS AND THEIR REFLECTIONS IN BASEL INDEX: A COMPARATIVE APPROACH

Almeida, Mário Sérgio de; Amaral, Hudson Fernandes; Francisco, Jose Roberto de Souza; Bertucci, Luiz Alberto
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de RP
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Pesquisa Empírica de Campo; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 31/12/2012 Português
Relevância na Pesquisa
90.51262%
Amid Credit Crisis that hit financial institutions in several countries between 2008 and 2009, this study aims to examine their effects on the largest Brazilian banks, conducting a study to understand what aspects are involved. And yet, do a survey of the BIS ratio of the first quarter of 2006 until the last quarter of 2011 to assess the impact on the content and variation in the Balance Sheet which contributed to the changes in the index. Its main issue: what is the impact of the credit crisis on the results of the balance sheets of financial institutions, and examining how changes in the BIS ratio? Aims to identify the consequences of the worsening global financial crisis in the index of Basel II on Financial Institutions. It was felt a great influence of Credit Risk in the composition of the Risk of Domestic financial institutions. Risk that intensified after the impact of the crisis, indeed justifiable given the difficulty in obtaining external credit.; Em meio a Crise de Crédito que atingiu instituições financeiras de vários países, entre 2008 e 2009, este trabalho pretende analisar seus efeitos para os maiores bancos brasileiros, realizando um estudo para compreender quais aspectos estão envolvidos. E ainda, faz um levantamento do índice de Basiléia do primeiro trimestre de 2006 até o último trimestre de 2009...