Página 1 dos resultados de 1535 itens digitais encontrados em 0.037 segundos

‣ Coassimetria, cocurtose e as taxas de retorno das ações: uma análise com dados em painel; Coskewness, cokurtosis and stock rates of return: a panel data analysis; Coassimetria, cocurtose y rendimientos de las acciones: com análisis com datos de panel

Castro Junior, Francisco Henrique Figueiredo de; Yoshinaga, Claudia Emiko
Fonte: Universidade Presbiteriana Mackenzie Publicador: Universidade Presbiteriana Mackenzie
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
88.13476%
Modelos de apreçamento de ativos têm sido um tema sob constante investigação em finanças. Desde o capital asset pricing model (CAPM) proposto por Sharpe (1964), tais modelos relacionam, geralmente de maneira linear, a taxa de retorno esperada de um ativo ou carteira de ativos com fatores de risco sistêmico. Esta pesquisa apresenta um teste de um modelo de apreçamento, com dados brasileiros, introduzindo em sua formulação fatores de risco baseados em comomentos estatísticos. O modelo proposto é uma extensão do CAPM original acrescido da coassimetria e da cocurtose entre as taxas de retorno das ações das empresas que compõem a amostra e as taxas de retorno da carteira de mercado. Os efeitos de outras variáveis, como o valor de mercado sobre valor contábil, a alavancagem financeira e um índice de negociabilidade em bolsa, serviram de variáveis de controle. A amostra foi composta de 179 empresas brasileiras não financeiras negociadas na BM&FBovespa e com dados disponíveis entre os anos de 2003 a 2007. A metodologia consistiu em calcular os momentos sistêmicos anuais a partir de taxas de retornos semanais e em seguida testá-los em um modelo de apreçamento, a fim de verificar se há um prêmio pelo risco associado a cada uma dessas medidas de risco. Foi empregada a técnica de análise de dados em painel...

‣ A demanda por energia elétrica residencial no Brasil: 1999 - 2006: uma estimativa das elasticidades-preço e renda por meio de painel; The residential electric power demand in Brazil from 1999 to 2006: an estimation of price and income elasticities using panel data

Gomes, Ludmila de Sá Fonseca e
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/03/2010 Português
Relevância na Pesquisa
88.33216%
O objetivo deste trabalho é estimar as elasticidades-preço e renda da demanda residencial por energia elétrica no Brasil utilizando dados em painel. A heterogeneidade da economia brasileira faz com que existam diversos padrões de consumo residencial de energia elétrica e diferentes estruturas tarifárias entre as distribuidoras. Nesse sentido, este trabalho utiliza um banco de dados em painel formado por 63 distribuidoras de energia elétrica no Brasil, para o período 1999-2006. Isso permite controlar possíveis efeitos individuais não observáveis existentes entre as distribuidoras. Três métodos de estimação em painel foram aplicados: o Pooled OLS, o de Efeitos Fixos e o de Efeitos Aleatórios. Além disso, também foi testado se no período de racionamento de energia elétrica ocorrido no Brasil em 2001/2002, ocorreu alguma alteração na sensibilidade dos consumidores com relação a variações nas tarifas de energia elétrica e na renda dos consumidores no período. Os resultados mostraram que a utilização de dados em painel produz estimativas de elasticidades preço e renda de acordo com a teoria econômica. Além disso, os resultados ficaram próximos aos da literatura nacional. Os resultados também mostraram que no período do racionamento aumentou a sensibilidade dos consumidores com relação a alterações nas tarifas de energia elétrica.; The objective of this thesis is to estimate the price and income elasticities of residential electric power demand in Brazil using panel data. The heterogeneity of the Brazilian economy leads to the existence of different patterns of residential electric power consumption and different tariffs structures among the electric power utilities companies. In this regard...

‣ Evidências para export-led-growth com uso de dados de painel

Costa, Dorlan Gerardo Silva da
Fonte: Florianópolis Publicador: Florianópolis
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 66 f.
Português
Relevância na Pesquisa
87.75624%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro Sócio-Econômico. Economia.; Este trabalho procura contribuir para literatura empírica da export-led-growth investigando como variáveis externas afetam o crescimento econômico de longo prazo. Para tanto, foram realizados testes econométricos para 38 países, classificados entre membros do G20, países Latino americanos e Asiáticos. Foram empregados testes com dados de painel através dos Modelos de Efeitos Fixos, Modelo de Efeitos Aleatórios e Modelos de Coeficientes Constantes para estimação dos coeficientes de elasticidades; também foram realizadas estimações com dados de cortes transversais pelo método de estimação Generalized Least Squares. A análise empírica dos resultados se fez em perspectiva com os trabalhos de Thirlwall (1979) e Thirlwall e Hussain (1982), os quais são resenhados nesta monografia. Coloca-se neste trabalho em perspectiva as diferentes formas pelas quais cada grupo de países é afetado pelas variáveis do setor externo. Conclui-se neste trabalho que as variáveis externas se comportam de forma prevista pela export-led-growth.

‣ Exportações portuguesas de serviços: caracterização, evolução e estudo empírico

Tomaz, Natacha Alexandra Santos de Oliveira
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
97.64699%
Mestrado em Economia Monetária e Financeira/ Classificação JEL: F14 L8 N7; Os serviços são, intrinsecamente, menos transaccionáveis do que os bens pelo que quando se fala na importância das exportações para a economia portuguesa dá-se habitualmente maior relevo aos bens em detrimento dos serviços. No entanto, o peso do sector de serviços nas exportações tem vindo a aumentar consideravelmente e a relevância das exportações de serviços para o crescimento da economia portuguesa é cada vez mais significativa. Em geral, os serviços são intangíveis o que significa que a sua produção e consumo ocorrem simultaneamente, originando um contacto entre o produtor e o consumidor, pelo que é frequente que um dos dois se desloque para que a exportação se realize. O presente estudo tem dois objectivos, sendo o primeiro a caracterização do sector exportador de serviços português por tipos de serviços e por mercados de destino e o segundo identificar factores que possam ter contribuído para o crescimento das exportações portuguesas de serviços que se tem vindo a registar nos últimos anos. O estudo empírico é realizado com base num modelo econométrico de dados de painel. De uma forma geral...

‣ Determinantes do endividamento autárquico: evidência empírica para os Municípios Portugueses utilizando modelo de dados de painel

Fernandes, Catarina Garcia
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
97.8627%
Utilizando uma base de dados de painel, constituída por uma amostra1 de 278 municípios para um período compreendido entre 1997 e 2007, o presente estudo tem como principal objectivo analisar quais os principais determinantes do endividamento municipal. Como variáveis explicativas do endividamento municipal foram utilizadas algumas despesas e receitas municipais, nomeadamente: despesas com pessoal, Investimentos, transferências correntes e de capital para as freguesias, impostos directos e indirectos e Fundo de Equilíbrio financeiro corrente e de capital. No que diz respeito às relações entre os determinantes analisados e o endividamento autárquico, as evidências empíricas permitem-nos concluir que os municípios com maiores valores de despesas municipais recorrem com mais frequência ao endividamento. Por outro lado e contrariamente ao que seria de esperar, os municípios com maiores receitas recorrem igualmente ao crédito e endividam-se. Esta situação pode ser explicada pelo facto das receitas municipais serem insuficientes para fazer face a todas as despesas orçamentadas pelo município. De um modo geral, quanto maiores forem as receitas do município, menor será o recurso ao endividamento para fazer face às despesas municipais.

‣ Abertura comercial e inflação: uma análise para dados em painel

Machado,João Batista de Britto; Sachsida,Adolfo; Mendonça,Mário Jorge Cardoso de
Fonte: Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE Publicador: Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2005 Português
Relevância na Pesquisa
88.23856%
Este estudo tem como objetivo tentar verificar a existência de uma relação robusta entre inflação e abertura comercial por meio do emprego da metodologia de dados em painel. Romer (1993), usando dados de cross-section para uma amostra ampla de países, concluiu que existe uma forte relação negativa entre essas duas variáveis. Diferentemente, Terra (1997, 1998), usando a mesma base de dados, mostra que isto somente ocorre para países cujo endividamento externo tem influência sobre a condução da política monetária, ou seja, países altamente endividados. Os resultados encontrados no presente trabalho, a partir da aplicação da metodologia para dados em painel, se aproximam daqueles obtidos por Terra (1997, 1998) e mostram que a correlação negativa entre inflação e abertura comercial desaparece quando se leva em consideração o efeito individual de cada país, sendo que ela somente persiste para países com médio e elevado grau de endividamento externo.

‣ Causalidade entre renda e saúde: uma análise através da abordagem de dados em painel com os estados do Brasil

Santos,Anderson Moreira Aristides dos; Jacinto,Paulo de Andrade; Tejada,César Augusto Oviedo
Fonte: Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE Publicador: Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas - FIPE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
88.02636%
Este trabalho tem o objetivo de analisar a relação de causalidade entre renda e saúde, buscando controlar as potenciais diferenças dessa relação ao longo do território brasileiro. Para tanto, três testes de causalidade de Granger para dados em painel, propostos respectivamente por Holtz-Eakin et al. (1988), Granger e Huang (1997) e Hurlin (2005, 2007), são aplicados para uma base de dados com os estados brasileiros, no períodocompreendido entre 1981-2007. Os principais resultados mostram que as conclusões podem ser enganosas quando são baseadas em testes com uma estrutura homogênea nos parâmetros. E assim, o teste proposto por Hurlin (2005, 2007), que controla os diferentes tipos de heterogeneidade, aponta que, no Brasil, as evidências são mais claras para causalidade no sentido da saúde para a renda.

‣ setor de telecomunicações e o crescimento econômico brasileiro: um estudo com dados de painel (2000 2005)

Michel de Moraes, Rodrigo; Matos Magalhaes, André (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
Português
Relevância na Pesquisa
108.09149%
Diferentemente da infra-estrutura tradicional (tais como estradas, energia, distribuição de água e afins), que foi fundamental na era industrial, a infra-estrutura em telecomunicações possui características econômicas excepcionais para a promoção do crescimento de países como o Brasil, principalmente num contexto de uma economia baseada em informação e conhecimento, como vêm sendo denominadas as economias pós-industriais. Neste sentido, o objetivo deste trabalho foi testar a hipótese de haver uma relação positiva entre os investimentos em infra-estrutura de telecomunicações e crescimento econômico brasileiro. Para tanto, o trabalho se baseia numa amostra de dados dos 27 estados brasileiros, subdivididos em 05 regiões durante o período de 2000 - 2005. Busca, deste modo, retratar a realidade atual do mercado de serviços em telecomunicações, utilizando-se fundamentalmente de estatísticas secundárias gerais do Brasil do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística- IBGE, do Instituo de Pesquisa Econômica Aplicada-IPEA e da Agência Nacional de Telecomunicações-ANATEL. Foi estimado um modelo de efeito fixo com dados em painel que testa as relações entre o crescimento da economia em desenvolvimento (Brasil) através das seguintes variaríeis: crescimento da população...

‣ Crescimento econômico, inflação e regimes cambiais: análise de painel

Cardoso, Carlos de Almeida
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
87.88134%
A análise empírica desenvolvida nesta tese tem por base a estimação de modelos de dados em painel para o crescimento econômico e a inflação, para um conjunto de 82 economias, utilizando-se da abordagem System GMM. Os resultados das estimações dos modelos de crescimento para o período de 1970 a 2009 fornecem um resultado fundamental para o presente trabalho. Em que pese grande parte da literatura empírica sugerir que não há uma relação significativa entre o regime cambial adotado e o crescimento das economias, e conforme se apurou com os resultados empíricos da própria tese para o período de 1990 a 2009, os resultados dos modelos estimados para as quatro últimas décadas, por outro lado, evidenciam que os países que adotaram regimes cambiais intermediários estiveram associados a um maior crescimento econômico quando comparado aos países que adotaram regimes de câmbio fixo/rígido. Além disso, os resultados do período de 1970 a 2009 sugerem que impactos negativos para o crescimento estiveram associados a episódios de reversão brusca dos fluxos de capitais. Os modelos de crescimento estimados para os dois períodos distintos (1970 a 2009 e 1990 a 2009), de maneira geral, evidenciam a importância do crescimento defasado sobre o crescimento econômico corrente e indicam que as variáveis de crise bancária e crise de dívida não se mostraram estatisticamente significativas. Por sua vez...

‣ Bayesian analysis of autoregressive panel data model: application in genetic evaluation of beef cattle; Análise Bayesiana do modelo auto-regressivo para dados em painel: aplicação na avaliação genética de bovinos de corte

SILVA, Fabyano Fonseca e; SÁFADI, Thelma; MUNIZ, Joel Augusto; ROSA, Guilherme Jordão Magalhães; AQUINO, Luiz Henrique de; MOURÃO, Gerson Barreto; SILVA, Carlos Henrique Osório
Fonte: São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" Publicador: São Paulo - Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz"
Tipo: Relatório
Português
Relevância na Pesquisa
87.76735%
The animal breeding values forecasting at futures times is a relevant technological innovation in the field of Animal Science, since its enables a previous indication of animals that will be either kept by the producer for breeding purposes or discarded. This study discusses an MCMC Bayesian methodology applied to panel data in a time series context. We consider Bayesian analysis of an autoregressive, AR(p), panel data model of order p, using an exact likelihood function, comparative analysis of prior distributions and predictive distributions of future observations. The methodology was tested by a simulation study using three priors: hierarchical Multivariate Normal-Inverse Gamma (model 1), independent Multivariate Student's t Inverse Gamma (model 2) and Jeffrey's (model 3). Comparisons by Pseudo-Bayes Factor favored model 2. The proposed methodology was applied to longitudinal data relative to Expected Progeny Difference (EPD) of beef cattle sires. The forecast efficiency was around 80%. Regarding the mean width of the EPD interval estimation (95%) in a future time, a great advantage was observed for the proposed Bayesian methodology over usual asymptotic frequentist method.; A previsão dos valores genéticos de animais em tempos futuros constitui importante inovação tecnológica para a área de Zootecnia...

‣ Nível de evidenciação × custo da dívida das empresas brasileiras; Disclosure level × cost of debt of Brazilian companies

LIMA, Gerlando Augusto Sampaio Franco de
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Departamento de Contabilidade e Atuária
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
87.66082%
Este trabalho tem como objetivo investigar a relação entre o nível de disclosure voluntário e o custo de capital de terceiros. Espera-se que o aumento do disclosure pelas empresas resulte na diminuição da assimetria de informação, diminuindo o risco oferecido aos financiadores da empresa, resulte, também, no aumento da visibilidade e negociabilidade de seus papéis, bem como na quantidade de informação divulgada aos seus stakeholders de uma forma geral. Antes de analisar a regressão com dados em painel, foi utilizada a técnica multivariada de Análise de Correspondência (ANACOR) para se fazer uma análise exploratória das variáveis estudadas. Foram pesquisadas 23 companhias abertas no decorrer de 2000 a 2004, para o nível de disclosure (ND), e de 2001 a 2005, para o custo de capital de terceiros (Kd) e as variáveis de controle, obedecendo à seguinte equação: (Kd t) = ƒ(NDt-1, variáveis de controle t-1). Os resultados empíricos demonstraram que, a partir da utilização do efeito pooling, pelo método dos mínimos quadrados generalizados, cujo R² foi de aproximadamente 28,49%, o nível de disclosure voluntário possui relação inversa com o custo de capital de terceiros, ou seja, quanto maior o nível de diclosure...

‣ Comparação de estimadores alternativos para modelos dinâmicos com dados de painel

Cantarinha, Ana Isabel Guerra
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
107.97643%
Esta dissertação tem por objeto de estudo métodos de estimação para modelos dinâmicos com dados de painel. Estes modelos são usualmente estimados pelo método dos momentos generalizados (GMM), sendo o principal objetivo desta dissertação a análise do desempenho de algumas variantes desse método em pequenas amostras, de modo a verificar se as suas propriedades assimptóticas conhecidas são de alguma forma indicadoras das suas propriedades em amostras finitas. Assim, através dum estudo de simulação de Monte Carlo, examinou-se o comportamento desses estimadores em amostras finitas em vários cenários alternativos, que passam: por considerar o caso homoscedástico e heteroscedástico para a componente do termo do erro variante no tempo; por gerar esta componente do erro de acordo com as distribuições Normal, t-Student e Qui-Quadrado; por considerar diferentes valores para a dimensão da amostra tanto em termos seccionais como temporais; por considerar diferentes pesos de cada componente do erro na variância da variável dependente; e por considerar diferentes valores para o parâmetro auto-regressivo. De entre os estimadores GMM, os estimadores SYS revelam um comportamento muito melhor, mostrando-se claramente preferíveis aos DIF para valores de δ` Próximos de um...

‣ Determinantes da maturidade da dívida: evidência empírica de Portugal e Espanha

Palma, António José Rézio da
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /05/2011 Português
Relevância na Pesquisa
87.64531%
Mestrado em Finanças; O propósito deste estudo é investigar empiricamente os determinantes da maturidade da dívida das empresas cotadas e não cotadas de Portugal e Espanha. O modelo apresentado incorpora as variáveis representativas das teorias da maturidade da dívida propostas pela literatura, sendo estas: custos de contratação; alavancagem; imunização; sinalização e informação assimétrica; e minimização dos impostos. Para a análise utilizaram-se dados de painel de 7.724 empresas, 1.451 portuguesas e 6.273 espanholas, referentes ao período de 2002 a 2009. Os resultados obtidos não sugerem a existência de diferenças relevantes ao nível dos determinantes da maturidade da dívida entre as empresas dos dois países ibéricos. Como principais determinantes da maturidade da dívida foram identificadas as oportunidades de crescimento, dimensão, nível de endividamento e qualidade da empresa. No entanto, estendendo o âmbito da análise às empresas cotadas e não cotadas de cada um dos países, diferenças importantes foram evidenciadas. Adicionalmente, os resultados sugerem que, para além das características específicas das empresas, factores específicos de cada país, como tradições de corporate governance e características dos mercados bolsistas...

‣ Taxas de juro implícitas e situação financeira das empresas portuguesas: uma análise empírica

Morais, Filipe Manuel de Almeida
Fonte: Instituto Superior de Economia e Gestão Publicador: Instituto Superior de Economia e Gestão
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /03/2007 Português
Relevância na Pesquisa
97.97971%
Mestrado em Economia Monetária e Financeira; Este trabalho procura investigar a relação existente entre a situação financeira das empresas portuguesas e os seus custos de financiamento, utilizando-se para tal informação detalhada a nível microeconómico relativa a estes agentes económicos. Esta informação foi obtida a partir de um painel de dados composto por mais de 30.000 empresas não financeiras portuguesas, que integram a Central de Balanços do Banco de Portugal. De modo a garantir a obtenção de resultados fiáveis procurou-se aplicar uma metodologia econométrica relativamente recente, o system GMM, que permite explorar de forma dinâmica a informação contida em dados de painel. Os resultados apresentados confirmam a existência, em Portugal, de uma relação inversa entre a situação financeira das empresas e o seu custo de financiamento, avaliado por uma taxa de juro implícita estimada neste trabalho. Isto é consistente com a hipótese subjacente à teoria do acelerador financeiro, que sugere que melhorias na saúde financeira da empresa implicam uma diminuição no seu custo de financiamento.; This work intends to evaluate the relationship between the financial situation of Portuguese firms and their funding costs. In order to achieve such objective...

‣ Determinantes do endividamento autárquico: evidência empírica para os Municípios Portugueses utilizando modelo de dados de painel

Fernandes, Catarina Garcia
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
97.8627%
Utilizando uma base de dados de painel, constituída por uma amostra1 de 278 municípios para um período compreendido entre 1997 e 2007, o presente estudo tem como principal objectivo analisar quais os principais determinantes do endividamento municipal. Como variáveis explicativas do endividamento municipal foram utilizadas algumas despesas e receitas municipais, nomeadamente: despesas com pessoal, Investimentos, transferências correntes e de capital para as freguesias, impostos directos e indirectos e Fundo de Equilíbrio financeiro corrente e de capital. No que diz respeito às relações entre os determinantes analisados e o endividamento autárquico, as evidências empíricas permitem-nos concluir que os municípios com maiores valores de despesas municipais recorrem com mais frequência ao endividamento. Por outro lado e contrariamente ao que seria de esperar, os municípios com maiores receitas recorrem igualmente ao crédito e endividam-se. Esta situação pode ser explicada pelo facto das receitas municipais serem insuficientes para fazer face a todas as despesas orçamentadas pelo município. De um modo geral, quanto maiores forem as receitas do município, menor será o recurso ao endividamento para fazer face às despesas municipais.

‣ Inflation and trade openness revised: an analysis using panel data; Texto para Discussão (TD) 1148: Inflation and trade openness revised: an analysis using panel data; Inflação e abertura comercial revistas: uma análise com dados em painel

Sachsida, Adolfo; Mendonça, Mário Jorge Cardoso de
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Texto para Discussão (TD)
Português
Relevância na Pesquisa
87.96253%
Neste artigo é estimada a relação entre inflação e abertura comercial [e.g., Romer (1993)] usando a metodologia de dados em painel. A vantagem desse método é a possibilidade de testar com maior grau de acuidade a hipótese sugerida por Terra (1998) de que a relação negativa entre abertura e inflação se deve à presença, na amostra, de países severamente endividados durante o período da crise da dívida externa. Os resultados econométricos dão suporte aos achados de Romer (1993), mostrando que a relação negativa entre abertura comercial e inflação não está restrita a um subconjunto de países e nem a um específico período de tempo.; 12 p.

‣ Inflation and trade openness revised : an analysis using panel data; Discussion Paper 162 : Inflation and trade openness revised : an analysis using panel data; Inflação e abertura comercial revistas : uma análise com dados em painel

Sachsida, Adolfo; Mendonça, Mário Jorge Cardoso de
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Discussion Paper
Português
Relevância na Pesquisa
87.96253%
Neste artigo é estimada a relação entre inflação e abertura comercial [e.g., Romer (1993)] usando a metodologia de dados em painel. A vantagem desse método é a possibilidade de testar com maior grau de acuidade a hipótese sugerida por Terra (1998) de que a relação negativa entre abertura e inflação se deve à presença, na amostra, de países severamente endividados durante o período da crise da dívida externa. Os resultados econométricos dão suporte aos achados de Romer (1993), mostrando que a relação negativa entre abertura comercial e inflação não está restrita a um subconjunto de países e nem a um específico período de tempo.; 12 p.

‣ Causalidade entre Renda e Saúde: Uma Análise Através da Abordagem de Dados em Painel com os Estados do Brasil

dos Santos, Anderson Moreira Aristides; Jacinto, Paulo de Andrade; Tejada, Cesar Augusto Oviedo
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 25/06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
88.02976%
Este trabalho tem o objetivo de analisar a relação de causalidade entre renda e saúde, buscando controlar as potenciais diferenças dessa relação ao longo do território brasileiro. Para tanto, três testes de causalidade de Granger para dados em painel, propostos respectivamente por Holtz-Eakin et al. (1988), Granger e Huang (1997) e Hurlin (2005, 2007), são aplicados para uma base de dados com os estados brasileiros, no período compreendido entre 1981-2007. Os principais resultados mostram que as conclusões podem ser enganosas quando são baseadas em testes com uma estrutura homogênea nos parâmetros. E assim, o teste proposto por Hurlin (2005, 2007), que controla os diferentes tipos de heterogeneidade, aponta que, no Brasil, as evidências são mais claras para causalidade no sentido da saúde para a renda.

‣ Abertura comercial e inflação: uma análise para dados em painel

Machado, João Batista de Britto; Sachsida, Adolfo; Mendonça, Mário Jorge Cardoso de
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/09/2005 Português
Relevância na Pesquisa
88.24196%
In this article we estimate the relation between inflation and trade openness [e.g; Romer (1993)] using modern panel data techniques. Our rationale is as follows: the higher the gains, in terms of product, in generating an inflationary "surprise", the greater the incentives will be for the government to effect such a "surprise". Therefore, in the absence of an independent monetary authority - or a credible monetary authority - able to restrain the governmental incentive to generate inflation, trade openness would act as a "brake" for the gains generated by the inflationary "surprise". Consequently, more open countries would have fewer incentives to generate inflation, thus pointing to a negative relation between inflation and trade openness.; Este estudo tem como objetivo tentar verificar a existência de uma relação robusta entre inflação e abertura comercial por meio do emprego da metodologia de dados em painel. Romer (1993), usando dados de cross-section para uma amostra ampla de países, concluiu que existe uma forte relação negativa entre essas duas variáveis. Diferentemente, Terra (1997, 1998), usando a mesma base de dados, mostra que isto somente ocorre para países cujo endividamento externo tem influência sobre a condução da política monetária...

‣ Determinantes da estrutura de capital: uma análise de dados em painel de empresas pertencentes ao ibovespa no período de 1995 a 2007; Factores determinantes de la estructura de capital: un análisis de los datos de panel de empresas pertenecientes al ibovespa en el período de 1995 a 2007; Determinants of capital structure: an analysis of ibovespa enterprises from 1995 to 2007

Ceretta, Paulo Sergio; Vieira, Kelmara Mendes; Fonseca, Juliara Lopes da; Trindade, Larissa de Lima
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2009 Português
Relevância na Pesquisa
87.9928%
A estrutura de capital é objeto de estudo de muitas pesquisas na área de finanças corporativas. Entretanto, definir uma estrutura ótima de capital não é uma tarefa simples. Entre as teorias existentes, as que mais se destacam pelo grau de importância adquirido são a Tradeoff e a Pecking Order. A primeira refere-se à utilização de um nível ótimo de capital de terceiros, enquanto a segunda faz menção à existência de uma hierarquia na escolha entre o uso de recursos próprios e o uso de capital de terceiros. Nesse sentido, este artigo objetiva, mediante uma análise de regressão com dados em painel, verificar os fatores determinantes da estrutura de capital de 45 empresas pertencentes ao Índice da Bolsa de Valores de São Paulo (IBOVESPA) entre os anos de 1995 e 2007. Para isso, foram analisadas 16 variáveis explicativas e suas respectivas defasagens ao longo de 12 anos. Seis variáveis analisadas foram significativas. Os resultados encontrados não corroboraram as teorias, o que indica uma possível incompatibilidade entre os pressupostos destas e o mercado acionário brasileiro. Das dimensões estudadas, apenas a tangibilidade mostrou-se significativa, enquanto os fatores macroeconômicos apresentaram maior relevância do que o esperado.; La estructura de capital ha sido estudiada por muchos proyectos de investigación en el área de finanzas corporativas. Sin embargo...