Página 1 dos resultados de 18479 itens digitais encontrados em 0.285 segundos

‣ Exclusão à Excelência: Caminhos Organizacionais para a Qualidade da Educação

Patrício, Manuel; Sebastião, Luís; Justo, Manuel; Bonito, Jorge
Fonte: Associação da Educação Pluridimensional e da Escola Cultural Publicador: Associação da Educação Pluridimensional e da Escola Cultural
Tipo: Livro
Português
Relevância na Pesquisa
87.2817%
Desde a sua fundação, em março de 1990, a Associação da Educação Pluridimensional e da Escola Cultural (AEPEC) tem conseguido realizar de dois em dois anos o seu congresso científico-pedagógico. Esse compromisso tem sido mais difícil de cumprir nos últimos anos, sobretudo a partir de meados da última década, por motivos diretamente relacionados com o seu enfraquecimento institucional e o desinvestimento geral - político, económico e social - na Educação. Com efeito, as dificuldades que já estiveram na origem da sua fundação, e consequente extinção do “Projecto Escola Cultural” - precisamente em 1990 -, têm vindo implacavelmente a acentuar-se, vindo a atividade da Associação a acusar cada vez mais fortemente os seus efeitos. Em todo o caso, temos conseguido sempre, no concernente aos congressos, superar essas dificuldades. Todavia, se é verdade que temos realizado os congressos - ainda que por vezes com menos fulgor e vitalidade do que era nosso timbre e continua a ser a nossa vontade -, é certo que nem sempre temos sido capazes de editar e publicar os trabalhos científicos consequentes. Algo aconteceu de novo com o XI Congresso. Até agora, a equipa realizadora tem sido constituída por elementos dos órgãos sociais e por sócios da AEPEC escolhidos pela direção...

‣ Relatório final do mestrado : mestrado de educação visual e tecnológica no ensino básico com enfoque investigativo na instrumentalidade da disciplina de educação visual e tecnológica no desenvolvimento global de crianças com necessidades educativas especiais

Pereira, Elsa Marina da Silva; Ribeiro, Esperança do Rosário, orient.; Figueiredo, Ana Sofia, co-orient.
Fonte: Instituto Politécnico de Viseu. Escola Superior de Educação de Viseu Publicador: Instituto Politécnico de Viseu. Escola Superior de Educação de Viseu
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /05/2013 Português
Relevância na Pesquisa
77.23227%
A inclusão de alunos com Necessidades Educativas Especiais na escola atual constitui um processo que assenta em princípios democráticos, de justiça social e igualdade de oportunidades ao propiciar o direito à educação de todos os alunos, com ou sem deficiência, numa nova perspetiva de conceito e prática da Escola Inclusiva. O presente trabalho visa recolher, analisar, compreender, e objetivar quais as perceções e atitudes dos professores de Educação Visual e Tecnológica e dos professores de Educação Especial face à Instrumentalidade da disciplina de Educação Visual e Tecnológica no desenvolvimento global de crianças com Necessidades Educativas Especiais. A estratégia de investigação seguiu a observação qualitativa, utilizando o inquérito por questionário com respostas abertas. Envolvemos um número de inquéritos possíveis para o desenvolvimento da investigação, para a obtenção de respostas objetivas e credíveis, no que diz respeito à experiência e formação adquiridas no desenvolvimento destas crianças e dificuldades vivenciadas face à inclusão dos alunos com Necessidades Educativas Especiais Os resultados, advindos do presente trabalho de investigação, levam-nos a concluir que a maioria dos docentes inquiridos revela...

‣ Prática educativa em educação pré-escolar e no 1º ciclo do ensino básico : o jogo de justiça cognitiva

Lopes, Sara
Fonte: Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti Publicador: Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
67.820674%
Relatório de Estágio apresentado à Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti para obtenção de grau Mestre em Educação Pré-Escolar e Ensino 1º ciclo do Ensino Básico; O presente relatório, realizado no âmbito do Mestrado em Educação Pré-Escolar e no 1º Ciclo do Ensino, tem como objetivo demonstrar experiências vivenciadas no decorrer dos estágios efetuados na valência de Educação Pré-Escolar e no 1º Ciclo do Ensino Básico. A observação, a planificação, o agir, a reflexão e a avaliação constituíram-se como etapas essenciais do desenvolvimento da prática profissional implicadas nos estágios desenvolvidos. Neste processo articulam-se diversos conceitos, teorias e estratégias interligadas à educação, à criança, à ação e a intencionalidade educativa, aliada ao desenvolvimento pessoal e profissional do docente no jardim-de-infância e no 1º ciclo do ensino básico. O presente relatório é de natureza qualitativa pois surge da necessidade de interpretar e compreender as ações nos contextos naturais articulada à educação. Intimamente associado aos métodos qualitativos surge o papel do professor-investigador, na medida em que o professor deve ser autocrítico e reflexivo acerca dos assuntos análogos à Educação. Em suma...

‣ O profissional reflexivo como fator de excelência no Ensino Pré-Escolar e ensino do 1.ºCiclo do Ensino Básico

Sá, Ana Isabel
Fonte: Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti Publicador: Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
67.875205%
Relatório de Estágio apresentado à Escola Superior de Educação de Paula Frassinetti para a obtenção do grau de Mestre em Educação Pré-Escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico; No âmbito do Mestrado em Educação Pré-escolar e Ensino do 1º Ciclo do Ensino Básico, foi realizado o presente relatório de estágio, no qual se efetua uma descrição do percurso de aprendizagem enquanto estagiária do mestrado de Educação Pré-escolar e do 1ºCiclo do Ensino Básico. Estas duas valências apresentam-se como etapas basilares e fundamentais no processo de educação ao longo da vida, daí que a sua articulação seja indispensável. Assim, a ligação entre ciclos é uma temática que adquiriu, nos nossos dias, um lugar de destaque no sistema educativo devido à necessidade de implementar espaços colaborativos e de intercâmbio entre os diversos níveis de ensino, para que as transições entre os mesmos se tornem processos mais consonantes e promovam a sequencialidade do processo de ensino - aprendizagem. Desse modo trazem, continuamente, novos desafios aos profissionais de educação, atendendo ao desenvolvimento integral e harmonioso da criança. Assim sendo, o presente trabalho reflete o culminar das experiências de estágio nos contextos de Pré-Escolar e 1º Ciclo do Ensino Básico e nele se encontram evidentes as especificidades...

‣ Fotografia em educação visual e tecnológica: estratégias de ensino aprendizagem

Joaquim, Fátima Andreia Pereira
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
67.822935%
Dissertação de mest., Ensino de Educação Visual e Tecnológica no Ensino Básico, Escola Superior de Educação e Comunicação, Univ. do Algarve, 2012; Este Relatório trata de uma reflexão crítica sobre o trabalho que desenvolvi no âmbito da unidade curricular, Prática de Ensino Supervisionada, do Mestrado em Ensino de Educação Visual e Tecnológica no Ensino Básico. Com recurso à fotografia como conteúdo a ser desenvolvido, tinha como objetivo desenvolver e consolidar novas competências técnicas, aplicadas à fotografia analógica, fotogramas e à manipulação e criação de imagens fotográficas digitais, com recurso ao programa de edição e tratamento digital de imagem Adobe Photoshop, inserido na disciplina de Educação Visual e Tecnológica do 6º ano de escolaridade. Optei por apresentar um trabalho, onde os alunos teriam de utilizar a sua própria imagem, sendo uma maneira de os motivar, através das manipulações exercidas sobre o seu retrato. Comprovei que de facto, o uso do retrato de cada aluno no desenvolvimento do trabalho foi motivador para eles. Estabelecendo novas estratégias de ensino aprendizagem com recurso à fotografia. A fotografia, enquanto espaço que proporciona a experimentação do real...

‣ Prática de ensino supervisionada : educação visual e tecnológica no ensino básico

Braz, Fátima Maria Vilela Medeiros Costa Rego
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
67.845312%
Este relatório foi realizado no âmbito da disciplina de Estágio Pedagógico inserida no 2º ano do Mestrado da Educação Visual e Tecnológica no Ensino Básico a decorrer na Universidade da Beira Interior. Tem como principal finalidade a apresentação de todo o material pedagógico utilizado no ano letivo 2011/2012, durante a prática de ensino supervisionada, na Escola Básica do 2º e 3º ciclo do Tortosendo, orientada em contexto escolar pela Professora Cristina Paulo Rato. O relatório é composto por quatro capítulos principais, sendo o Capítulo I. Caraterização da Escola e Comunidade Educativa, Capítulo II. A Educação Visual e Tecnológica no Ensino Básico, Capítulo III. Prática Pedagógica Supervisionada e por último o Capítulo IV. Análise Reflexiva do Trabalho Desenvolvido. Constam ainda deste relatório a introdução, a conclusão, a bibliografia, os anexos e os apêndices. Na elaboração e construção deste relatório foi tido em consideração todo o trabalho realizado na escola, a pesquisa, a partilha de ideias e conhecimentos, a experiência pessoal e a reflexão sobre as atividades desenvolvidas no estágio pedagógico. Durante a prática pedagógica foram criteriosamente selecionadas as estratégias e métodos de ensino mais adequados ao contexto escolar...

‣ Qual o futuro da relação entre educação infantil e ensino obrigatório?

Moss,Peter
Fonte: Fundação Carlos Chagas Publicador: Fundação Carlos Chagas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2011 Português
Relevância na Pesquisa
77.674746%
A relação entre educação infantil e ensino obrigatório tem sido foco crescente de pesquisas e políticas, pois a frequência a ambas as etapas da educação cresce globalmente. O discurso da aprendizagem ao longo da vida enfatiza que a aprendizagem começa ao nascer, e o investimento nos primeiros anos de vida é cada vez mais considerado primordial, devido ao retorno positivo posterior na educação da criança. Após debater a conjuntura cultural e estrutural que contextualiza essa relação, este artigo considera quatro possibilidades de relação da pré-escola com a escolaridade primária: preparação para a escola; distanciamento; preparação da escola para receber a criança; e o vislumbre de uma possível convergência. Para encerrar, discute algumas questões críticas e argumenta que a relação entre a educação infantil e o ensino obrigatório não deveria se limitar aos primeiros anos escolares, pois uma solução plena requereria considerar o ensino secundário

‣ As crianças de 0 a 6 anos nas políticas educacionais no Brasil: educação infantil e/é fundamental

Kramer,Sonia
Fonte: Centro de Estudos Educação e Sociedade - Cedes Publicador: Centro de Estudos Educação e Sociedade - Cedes
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2006 Português
Relevância na Pesquisa
77.4312%
Este artigo discute a educação infantil no contexto das políticas educacionais no Brasil. Inicialmente, situa a educação infantil no cenário político nacional e apresenta desafios deste campo. Focaliza, em seguida, a formação de profissionais de educação infantil, um dos maiores desafios das políticas educacionais, e trata da importância das mudanças curriculares do curso de pedagogia. No terceiro item, analisa educação infantil e ensino fundamental (agora com nove anos) como instâncias indissociáveis do processo de democratização da educação brasileira e destaca a relevância desta articulação no que se refere às crianças e ao trabalho pedagógico nas creches, pré-escolas e escolas.

‣ A revista brasileira de educação física e desportos e a experiência cotidiana de professores da rede municipal de ensino de Curitiba: entre adesão e a resistência

Oliveira,Marcus Aurelio Taborda de
Fonte: Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná Publicador: Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2001 Português
Relevância na Pesquisa
77.519346%
Este trabalho pretende debater, do ponto de vista da pesquisa em história da educação, as relações entre o aparato legalinstitucional para a Educação Física brasileira de 1968 a 1984 e a apropriação dos professores escolares daquele aparato. Partindo da hipótese de que essas duas dimensões estavam imbricadas, infirma a tese corrente na historiografia de que os professores teriam sido conformados de forma unilateral pelas políticas oficiais, consonantes com uma perspectiva de de-pendência cultural dos países capitalistas desenvolvidos, mais especificamente, dos Estados Unidos. Como fonte privilegia a Revista Brasileira de Educação Física e Desportos, publicada pela Divisão de Educação Física do MEC, os Programas de Educação Física da Prefeitura Municipal de Curitiba, de 1972 a 1983, e os depoimentos de professores atuantes na Rede Municipal de Ensino de Curitiba naqueles anos. Conclui que as ideias correntes de transplante cultural desconsidera a experiência singular capa/ de reapropriar os mais diversos códigos, ao manifestar uma tensão entre a tradição e a renovação da Educação Física escolar brasileira e entre a história de vida e a história profissional dos professores. Apoiada na análise sobre o campo da história das disciplinas escolares e tendo como referência o pensamento de Edward Palmer Thompson...

‣ Educação da infância: estar junto sem ser igual. Conflitos e alternativas da relação da educação infantil com o ensino fundamental!

Souza,Gizele de
Fonte: Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná Publicador: Setor de Educação da Universidade Federal do Paraná
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2008 Português
Relevância na Pesquisa
67.84848%
O texto que ora se apresenta propõe discutir a especificidade da educação infantil na relação com o ensino fundamental, etapas constitutivas da educação básica segundo a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional n. 9394/96 em vigor. O propósito recai na problematização da intricada relação entre educação infantil e ensino fundamental, a partir do olhar de pesquisadora da educação infantil e no intuito de demarcar as particularidades dessa área de pertencimento e identificar um fio condutor, um elo de articulação no trabalho com o ensino fundamental que preserve as peculiaridades, trajetórias e identidade de cada etapa educativa (educação infantil e ensino fundamental). A bibliografia especializada na educação infantil é utilizada como fonte, bem como compõem a base empírica, dados estatísticos fruto de uma pesquisa, em andamento, coordenada pela Universidade Federal do Paraná, com dados de violações de direitos da criança e do adolescente registrados por Conselhos Tutelares de 36 municípios que incluem Curitiba e Região Metropolitana, Vale do Ribeira e Litoral do Paraná. Um dos elos entre a educação infantil e o ensino fundamental defendido no texto é a constituição de um projeto de formação humana...

‣ Lições de coisas e ensino das ciências na França no fim do século 19: contribuição a uma história da cultura

Kahn,Pierre
Fonte: Associação Sul-Rio-Grandense de Pesquisadores em História da Educação Publicador: Associação Sul-Rio-Grandense de Pesquisadores em História da Educação
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
67.81743%
Além das grandes reformas realizadas na organização institucional da escola primária, gratuidade, obrigação, laicidade, os republicanos franceses do final do século 19 quiseram operar uma profunda transformação dos conteúdos de ensino e das normas pedagógicas. As ciências experimentais foram imensamente beneficiadas com isso e se tornaram, em 1882, uma disciplina regular da escola primária com os seus programas e a sua carga horária. A lição de coisas, procedimento pedagógico pelo qual os reformadores se entusiasmaram desde 1860, ficará estreita e naturalmente associada a esse ensino. Ela é, inicialmente, de fato, uma lição de observação: onde os alunos encontrarão melhores oportunidades para observar do que nas aulas de história natural ou de física elementar? Assim, ligados entre si, o ensino das ciências e a lição de coisas têm dois aspectos, um prosaico, outro encantador. Contexto prosaico: o ensino das ciências, destinado a alunos que, na sua maioria, não conhecerão outra escola a não ser a primária, deve permanecer prático e usual. A lição de coisas convém especialmente a esse ensino porque ela trata primordialmente das realidades concretas e familiares. Contexto encantador: o ensino das ciências é um instrumento poderoso de educação intelectual...

‣ A educação infantil e o ensino fundamental de nove anos nas vozes de crianças e na organização do trabalho pedagógico de duas instituições de Curitiba - PR

Chulek, Viviane
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
67.83023%
Resumo: A ampliação do Ensino Fundamental para nove anos de duração e a consequente inclusão de crianças de seis anos - no caso do Paraná, antes mesmo dessa idade - na segunda etapa da Educação Básica suscitou o debate sobre as especificidades da infância na Educação Infantil e no Ensino Fundamental. Inseridos neste contexto de debate, desenvolvemos uma pesquisa qualitativa, de abordagem documental e utilizando recursos de abordagem etnográfica, na perspectiva de descrever os pontos de vista, apropriações, percepções e práticas de crianças que frequentam duas instituições da Rede Pública Municipal da cidade Curitiba-PR, uma de Educação Infantil e outra de Educação Infantil e Ensino Fundamental, cotejando esses pontos de vista com a análise dos documentos que regem a Educação Infantil e o novo Ensino Fundamental. No que diz respeito à delimitação dos campos e dos sujeitos participantes da investigação, focalizamos: 1) crianças que frequentam a última etapa (pré-escola) da Educação Infantil de um CMEI localizado em bairro urbano da cidade de Curitiba; 2) crianças que frequentam a última etapa da Educação Infantil e crianças que frequentam o primeiro ano do Ensino Fundamental em uma Escola Municipal. Os dados...

‣ A educação alimentar e nutricional nos anos iniciais do Ensino Fundamental da rede pública municipal de Rio Verde-GO; Food and nutritional education in municipal primary schools of Rio Verde GO

CABRAL, Hellen Cristina de Oliveira
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Educação; Ciências Humanas Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Educação; Ciências Humanas
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
77.128955%
This study was carried out within the research line Culture and Educational Processes, and its object of study was the food and nutritional education of children in municipal primary schools. Its aims were to verify the children s nutritional status and to evaluate their eating habits; to verify the presence of themes such as eating and nutrition in the school curriculum; to analyze the National Curricular Parameters as far as eating and nutrition are concerned, and establish criteria to evaluate textbooks and analyze food and nutritional education supplementary material available for teachers and used in the school. The research was carried out in three schools from Rio Verde-GO, with children from farms, from the outskirts of town and downtown. The eating and nutritional conditions of children between 6 and 10 years old were investigated, as well as eating habits, type of food consumed, acceptance of school food, etc. The choice for these aspects took into account the Brazilian reality presented in several studies, which revealed a tendency to obesity in children of this age, regardless of social class. We also studied how teachers have dealt with the eating and nutrition theme with their students, the available material for this work besides the textbook and its appropriateness and connection to what the National Curricular Parameters establish. The results showed that...

‣ As estratégias e metodologias de ensino em Educação Física no Ensino Secundário e suas condicionantes

Dias, Maria Manuela Perdigão
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
67.89512%
Dissertação de Mestrado em Ensino de Educação Física, nos Ensinos Básico e Secundário; Este trabalho retrata reflexivamente a minha experiência profissional como professora do ensino secundário na Escola Secundária de Penafiel, nos anos letivos de 2010/2011 e 2011/2012, descrevendo e fundamentando as opções de metodologias e de estratégias de ensino da educação física que utilizei com os meus alunos do 11.º M, N e O e fazendo a análise dos resultados obtidos pelos alunos nas avaliações de finais de período, durante o ano letivo de 2010/2011. Esses resultados, que aqui compartilho são apenas uma referência para o sucesso em educação física e uma motivação para melhorar o meu longo processo de ensino/aprendizagem. Pretendo abordar o meu relatório numa perspetiva pedagógica. A presente exposição de toda a informação dos registos de avaliação, permitiu comprovar que as metodologias e estratégias de ensino da educação física que utilizei com os meus alunos do 11.º M, N e O, foram determinantes para a existência de uma evolução dos resultados em avaliações finais de ano letivo, e que os conteúdos e competências foram alcançados para todas as unidades de ensino projetadas, de acordo com a organização curricular e dos meios disponíveis da minha escola. Numa primeira parte...

‣ A experiência de um curso de literatura universal no ensino médio

Püschel, Raul de Souza; Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP); Corvacho, Suely; Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP); Souto, Carla Cristina Fernandes; Instituto Federal de Educa
Fonte: Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Santarém Publicador: Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Santarém
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Publicado em 07/04/2012 Português
Relevância na Pesquisa
77.44443%
O artigo discute a concepção do curso “Literatura Universal dos Últimos Trezentos Anos”, ministrado entre 2005 e 2009 para alunos do ensino médio do então CEFET-SP, atual Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP). Serviram como concepções metodológicas, inicialmente, certos postulados teóricos de Satre e Merleau-Ponty, que foram articulados à experiência prática e à fundamentação teórica dos autores deste artigo, bem como às ideias e concepções de ensaísticas de diversas matrizes, em alguns pontos até aparentemente antagônicas, mas que produziram práticas dialógicas inesperadamente novas, fundadoras e relevantes, como as dos diálogos que se estabeleceram entre as obras de Mikhail Bakhtin, Eric Auerbach, Roland Barthes, Ezra Pound, Haroldo de Campos, Antônio Cândido, Ricardo Piglia e Ítalo Calvino. O curso, em razão de sua abertura, possibilitou na prática a ampliação de repertório e de bagagem cultural, a incorporação estilística e de procedimentos redacionais criativos de alunos com produção textual e/ou analítica promissora, a produção de intertextualidades e a discussão do cânone sob várias perspectivas.

‣ Prática de ensino supervisionada em educação pré-escolar e ensino do 1.º ciclo do ensino básico

Topa, Paula Margarida Esteves Pereira
Fonte: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior de Educação Publicador: Instituto Politécnico de Bragança, Escola Superior de Educação
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
77.728135%
O relatório que aqui se apresenta foi realizado no âmbito da Unidade Curricular de Prática de Ensino Supervisionada, integrada no curso de Mestrado em Educação Pré- Escolar e Ensino do 1.º Ciclo do Ensino Básico. A prática foi desenvolvida com um grupo de crianças de três, quatro e cinco anos de idade em educação Pré-Escolar e com um grupo de crianças de sete e oito anos no que respeita ao 1.º Ciclo do Ensino Básico. Neste relatório, para além de se fazer a contextualização das instituições e caraterizar o grupo das crianças, apresentam-se as experiências de aprendizagem que pensamos que poderão dar uma visão alargada da intervenção em cada um dos contextos. As atividades propostas sustentaram-se, sobretudo, numa abordagem interdisciplinar e integrada das diferentes áreas de conteúdo ou disciplinares, conforme os contextos. Tentamos, sempre, dar voz às crianças, por considerarmos que estas, se forem convidadas a participar, para além de poderem assumir um papel ativo no decorrer das aprendizagens, podem construir saberes cognitivos, pessoais e sociais. Os registos fotográficos e os discursos das crianças que apresentamos contextualizam e valorizam toda a nossa ação pedagógica. The report presented here was conducted within the Course of Supervised Teaching Practice...

‣ Música : da casa à escola de educação infantil e ensino fundamental; Music : from home to school child education and elementary school

Egle Maria Luz Braga Zamarian de Siqueira
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 20/08/2000 Português
Relevância na Pesquisa
77.47872%
A Música, como modalidade de conhecimento ou como forma de expressão, tem caracterizado uma presença marcante na história do desenvolvimento cultural do Brasil. Considerando as inúmeras possibilidades da Música no processo de ensino, esta dissertação busca refletir sobre sua aplicação em Escolas de Educação Infantil e Ensino Fundamental, partindo de uma concepção construtivista, utilizando conceitos de antropologia cultural e sob a ótica da arte-educação, e descreve experimentos realizados em salas de aula entre os anos de 1992 e 1999. Sob o enfoque qualitativo, utiliza-se a canção como principal material de apoio, escolhida pelo fato de constituir o grande manancial da cultura musical brasileira e trazer em seu bojo importantes elementos referentes à sua linguagem: apreciação contextualização histórica da letra, de compositores e de autores, observação da instrumentação, arranjo e outros. Nestes elementos encontramos rica fonte de conhecimentos musicais, essenciais para a formação básica cultural da criança no processo constituitivo de um público fruidor no contexto musical, a fim de resgatar uma platéia ouvinte. A prática de trabalhar música, partindo da canção, com alunos na faixa etária compreendida de três a dez anos...

‣ Prática de ensino supervisionada : educação visual e tecnológica no ensino básico

Braz, Fátima Maria Vilela Medeiros Costa Rego
Fonte: Universidade da Beira Interior Publicador: Universidade da Beira Interior
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
67.845312%
Este relatório foi realizado no âmbito da disciplina de Estágio Pedagógico inserida no 2º ano do Mestrado da Educação Visual e Tecnológica no Ensino Básico a decorrer na Universidade da Beira Interior. Tem como principal finalidade a apresentação de todo o material pedagógico utilizado no ano letivo 2011/2012, durante a prática de ensino supervisionada, na Escola Básica do 2º e 3º ciclo do Tortosendo, orientada em contexto escolar pela Professora Cristina Paulo Rato. O relatório é composto por quatro capítulos principais, sendo o Capítulo I. Caraterização da Escola e Comunidade Educativa, Capítulo II. A Educação Visual e Tecnológica no Ensino Básico, Capítulo III. Prática Pedagógica Supervisionada e por último o Capítulo IV. Análise Reflexiva do Trabalho Desenvolvido. Constam ainda deste relatório a introdução, a conclusão, a bibliografia, os anexos e os apêndices. Na elaboração e construção deste relatório foi tido em consideração todo o trabalho realizado na escola, a pesquisa, a partilha de ideias e conhecimentos, a experiência pessoal e a reflexão sobre as atividades desenvolvidas no estágio pedagógico. Durante a prática pedagógica foram criteriosamente selecionadas as estratégias e métodos de ensino mais adequados ao contexto escolar...

‣ Antártica: ensino fundamental e ensino médio

Brasil. Ministério da Educação; Brasil. Secretaria de Educação Básica
Fonte: Ministério da Educação (MEC) Publicador: Ministério da Educação (MEC)
Tipo: Livro
Português
Relevância na Pesquisa
77.477114%
167 p. Documento técnico.; A coleção tem o objetivo de apoiar o trabalho do professor em sala de aula, oferecendo-lhe material científico-pedagógico que permite aprofundar os conteúdos das áreas de conhecimento e disciplinas da educação básica e ainda sugerir novas formas de abordá-los em sala de aula. A questão ambiental é a grande preocupação de nosso século. Os efeitos da ação humana sobre o planeta tornam-se, a cada dia, mais evidentes e de reversão mais improvável.

‣ ÉTICA E EDUCAÇÃO PARA O PENSAR A PARTIR DE LITERATURA INFANTIL

Muraro, Darcísio N.; Instituto de Filosofia e Educação para o Pensar – IFEP
Fonte: Revista Sul-Americana de Filosofia e Educação Publicador: Revista Sul-Americana de Filosofia e Educação
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Avaliado por Pares Formato: application/pdf
Publicado em 28/09/2011 Português
Relevância na Pesquisa
77.4973%
Este artigo tem por objetivo relatar a experiência com o Projeto de educação filosófica denominado Ética e Educação para o Pensar a partir da Literatura Infantil, abordando a história da sua criação, algumas referências teóricas e metodológicas, a estrutura do projeto e o desenvolvimento através de parceria entre o Instituto Sadia, Fundação Sidónio Muralha, Instituto de Filosofia e Educação para o Pensar e seis secretarias de educação. O foco do projeto é a educação ética através da comunidade de investigação, enfatizando a abordagem dialógica dos valores, procurando trabalhar na direção da autonomia moral e cognitiva das crianças. O projeto foi desenvolvido com professores e alunos da Educação Infantil e Ensino Fundamental I. No final do artigo são apresentadas algumas produções dos alunos desenvolvidas como parte do projeto e depoimentos dos professores sobre o mesmo.