Página 1 dos resultados de 244 itens digitais encontrados em 0.011 segundos

‣ Inclusão escolar: um estudo da formação continuada dos professores de educação física na cidade de Araraquara - SP

Bonato, Neusa Aparecida Mendes
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 143 f. : il., gráfs.
Português
Relevância na Pesquisa
79.157803%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Educação Escolar - FCLAR; No ano de 2001 foi criado pelo MEC o Programa Nacional de Educação Física Adaptada, visando assegurar o acesso e permanência de alunos com necessidades educacionais especiais, com efetiva participação nas aulas de Educação Física. A partir daí no ano de 2004, a Diretoria de Ensino da Região de Araraquara, através de sua oficina pedagógica, ofereceu curso de capacitação aos professores de Educação Física sobre a inclusão desses alunos. Portanto, esse estudo objetivou verificar ocorrência de cursos de formação continuada na área de Educação Física com a temática Inclusão Escolar e quantos professores participaram, que níveis de escolaridade atuam, e qual foi o tipo de repercussão em sua prática escolar. Procurou-se também caracterizar essa Diretoria situando-a desde o início de sua implantação, averiguando as ações das políticas públicas de inclusão e formação continuada. Como abordagem metodológica utilizou-se a pesquisa qualitativa com o foco no estudo de caso, tendo como participantes, 57 Professores de Educação Física, 27 escolas estaduais da cidade de Araraquara-SP...

‣ A educação física adaptada no contexto da formação profissional: implicações curriculares para os cursos de educação física

Silva, Cláudio Silvério da
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 133 f. : il., quadros
Português
Relevância na Pesquisa
99.22129%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Pós-graduação em Ciências da Motricidade - IBRC; Este trabalho teve como objetivo averiguar como a disciplina curricular Educação Física Adaptada ou similar tem se apresentado nos cursos de licenciatura e graduação/bacharelado em Educação Física e Esporte nas três Universidades públicas estaduais do estado de São Paulo, e se faz interação com as outras disciplinas do currículo. A pesquisa é de cunho qualitativo e utilizou como técnicas de coleta de dados o levantamento de fonte documental via internet através de consulta ao portal do Ministério da Educação (MEC): no link: http://emec.mec.gov.br/ e a entrevista do tipo semi estruturada. Os documentos coletados foram: grades curriculares e conteúdos programáticos da disciplina. Nas análises dos documentos disponibilizados tanto das Instituições públicas como das privadas constatamos que, quanto à nomenclatura, a disciplina tem se apresentado com nomenclaturas semelhantes em algumas IES privadas, e de forma distinta em IES privadas e públicas dentro da proposta licenciatura e graduação/bacharelado em Educação Física e esporte. Em relação às análises das entrevistas com os professores...

‣ A educação física adaptada: implicações curriculares e formação profissional

Silva, Cláudio Silvério da; Drigo, Alexandre Janotta
Fonte: Cultura Acadêmica Publicador: Cultura Acadêmica
Tipo: Livro
Português
Relevância na Pesquisa
89.20049%
O livro procura levantar como a disciplina Educação Física Adaptada está sendo hoje ministrada nos cursos de licenciatura e de graduação de Educação Física em universidades públicas do estado de São Paulo. O trabalho parte do princípio de que a crescente inserção das pessoas com deficiência nos diversos contextos sociais - inclusive o educacional - está a exigir também dos professores e profissionais dessa área um contato mais elaborado com esse segmento da população. Assim, os autores investigam, à base principalmente de entrevistas, como se estrutura a disciplina nos currículos universitários, no que tange à futura intervenção profissional do formando no universo constituído pelos deficientes físicos. Também averiguam se a Educação Física Adaptada interage com outras disciplinas ou está isolada nos currículos, além dos possíveis efeitos desta inter-relação sobre a formação dos alunos. A pesquisa constata que existe uma nítida preocupação entre os professores da disciplina com a necessidade de preparar os alunos - futuros profissionais - para atuar com público de perfil diversificado. Por isto, os autores sugerem que talvez fosse preciso desenvolver também conteúdos práticos em estágios supervisionados de cursos de formação e pós-graduação...

‣ A ação do professor de ensino superior na educação fisica adaptada : construção mediada pelos aspectos dos contextos historicos, politicos e sociais; The physical education professor performance in the adapted physical education discipline : mediated construction by aspects of the historical political and social contexts

Rita de Fatima da Silva
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/01/2005 Português
Relevância na Pesquisa
79.703765%
A ação do professor do ensino superior é decisiva no direcionamento das disciplinas acadêmicas. Essa ação é construída envolta em elementos que a influenciam. Dessa forma, a preocupação nesse estudo foi com a questão da ação do professor enquanto decisiva para atribuição de identidade à disciplina Educação Física Adaptada, fazendo assim o seu direcionamento, bem como os aspectos que podem contribuir para a construção dessa ação. Para elucidar tal preocupação objetivou-se identificar quem é esse professor do ensino superior na disciplina Educação Física Adaptada em Instituições de Ensino Superior no Estado de Mato Grosso do Sul, sua formação e atuação, bem como sua representação sobre a EFA, correlacionando esses dados com as orientações legais e a literatura da área. A partir dessa concepção compreendeu-se que a pesquisa qualitativa, através de revisão de literatura e de cunho interpretativo e documental seria capaz de alcançar a "objetividade social" que envolve a realidade desse constructo que é a ação do professor com relação à disciplina Educação Física Adapta. Para tanto, foram selecionadas as sete Instituições de Ensino Superior (uma pública e seis particulares) que oferecem o curso de graduação e/ou licenciatura em Educação Física...

‣ Educação fisica adaptada : proposta de ação metodologica para formação universitaria

Sonia Maria Toyoshima Lima
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 24/01/2005 Português
Relevância na Pesquisa
89.0646%
Há alguns anos, o Ensino Superior tem sido alvo de debates e estudos, sobretudo no que se refere ao relacionamento com os alunos, ao desenvolvimento do ensino, à ausência de discussão sobre questões epistemológicas subjacentes à organização do trabalho docente e de proposta de avaliação de aprendizagem mais coerentes com a realidade educacional. Embora reconhecendo que a Universidade e seus professores não sejam únicos interlocutores e referentes básicos na condição de produtores do conhecimento humano, consideramos que os mesmos projetam modelos curriculares e iniciativas pedagógicas. Esse compromisso pressupõe, via de regra, uma prática de ensino que transcende algumas concepções, reelaboração do pensar e do agir. Ao compreender que as experiências não têm uma referência somente nas razões pessoais, destacamos nessa tese, a construção e uma teorização, através da reflexão sobre a ação, de uma metodologia de ação para a formação universitária em Educação Física Adaptada. Embora seja muito particular, estamos empreendendo discutir a formação universitária com qualidade para todos os acadêmicos, bem como completar as diferentes interfaces do ensino pedagógico. Subsidiamos nossa metodologia de ação nas bases teóricas de Donald Shön e Zeichner que revisitaram as concepções em Dewey. Nas apreciações analíticas...

‣ Auto-eficácia docente e motivação para a realização do(a) professor(a) de Educação Física Adaptada; Teacher self-efficacy and need of achievement of Adapted Physical Education teacher

Rubens Venditti Júnior
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 23/07/2010 Português
Relevância na Pesquisa
88.73956%
A auto-eficácia se caracteriza como a convicção nas capacidades individuais de organizar e executar cursos de ação, necessários à realização de determinadas tarefas ou feitos dirigidos a uma meta. Engloba processos auto-perceptivos e avaliativos, que relacionam fatores ambientais, pessoais e comportamentais. Estas correlações podem ser observadas tanto na tríade de determinismo recíproco da Teoria Social Cognitiva (TSC), como na proposta Teoria de Ação de Nitsch, que norteia os estudos em motivação desta obra. Neste trabalho, a auto-eficácia é aplicada na compreensão do controle interno das convicções e percepções que envolvem a prática docente em Educação Física Adaptada (EFA), caracterizada por atender pessoas com necessidades especiais ou em condição de deficiência. O mesmo estudo é a continuação das pesquisas no mestrado, que analisou as crenças de auto-eficácia docente em Educação Física (EF). Nesta pesquisa, aprofundamos os estudos de auto-eficácia docente, selecionando um contexto peculiar de atuação em EF: a EFA. Também buscou-se identificar e investigar as fontes de (in)formação da auto-eficácia docente para este contexto. A problemática se encontra na análise das possíveis contribuições da auto-eficácia e a configuração de suas fontes formadoras na EFA...

‣ A disciplina educação física adaptada nas Universidades do Chile; The discipline adapted physical education in Universities of Chile

Jaime Humberto Pacheco Carrillo
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/01/2014 Português
Relevância na Pesquisa
88.98259%
A inclusão da pessoa com deficiência encontra-se sob o foco de algumas investigações científicas em várias áreas de pesquisa. No campo da Educação Física, esta investigação tem demonstrado que profissionais podem não estar saindo da formação Universitária, com conhecimentos mínimos para oferecer um trabalho específico para estas pessoas. O objetivo do presente estudo foi o de analisar a disciplina de Educação Física Adaptada nos cursos de formação superior em Educação Física, nas Universidades Públicas e Privadas do Chile. Para isso, foi realizada uma análise documental, onde foi verificada a legislação relacionada com as políticas públicas voltadas para pessoas com deficiência. Um questionário foi aplicado com os professores que ministram tal disciplina, para averiguar a formação desses profissionais e como este trabalho está sendo organizado nos cursos de graduação, assim como a opinião deles sobre a inclusão da pessoa com deficiência no contexto educacional. Os principais resultados do estudo confirmam que os profissionais que dirigem a disciplina de EFA, contam com uma importante experiência profissional, mas carecem de estudos de pós-graduação na área, o que dificulta o desenvolvimento acadêmico da EFA. Pode-se observar que o modelo biomédico predomina...

‣ A formação em Educação Física e o trabalho com a pessoa com deficiência : percepção discente; La graduación en Educación Física y la persona con discapacidad : percepción del estudiante

Marina Brasiliano Salerno
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 09/05/2014 Português
Relevância na Pesquisa
79.165537%
As universidades públicas sempre possuíram autonomia para elaborarem seus currículos adequando-os ao contexto em que se inserem, ainda que regidas por resoluções externas. A formação do profissional da educação física foi, ao longo dos anos, tema de diversas discussões que versaram sobre os objetivos a serem traçados, o perfil do profissional, os espaços de atuação do mesmo, entre outros. Discussões acerca da divisão da formação em educação física entre licenciatura e bacharelado ocorreram para adequar às demandas de mercado a formação inicial. Desejada por alguns e criticada por outros, tal separação delineou a configuração dos diferentes cursos de educação física nas diversas regiões do Brasil, já que houve o crescimento exponencial no oferecimento destes. Observando o lado positivo deste desenvolvimento, sabemos que diversas pessoas passam a ter acesso à formação inicial em educação física. Em meio a este crescimento, outros assuntos foram incluídos, em se tratando do currículo de formação nesta área, dentre eles, o atendimento da pessoa com deficiência passou a pertencer aos estudos dos graduandos em educação física, independentemente da formação oferecida pela faculdade ¿ licenciatura ou bacharelado. O que nos propusemos a estudar foi a percepção que estes alunos possuem sobre sua própria formação em educação física para atuar com a população com deficiência. A pesquisa é caracterizada como qualitativa de cunho descritivo...

‣ Um olhar sobre a Educação Física Adaptada nas universidades públicas paulistas: atividades obrigatórias e facultativas

Ferreira,Elizabete; Lopes,Raphael Gregory Bazílio; Ferreira,Raul; Nista-Piccolo,Vilma Lení
Fonte: Universidade Estadual de Maringá Publicador: Universidade Estadual de Maringá
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2013 Português
Relevância na Pesquisa
89.27607%
Este estudo objetiva verificar como o tema "Educação Física Adaptada" é abordado durante a formação profissional em dez cursos de graduação em Educação Física nas Instituições públicas (estaduais e federais) de Ensino Superior do estado de São Paulo. Nessa pesquisa descritiva, foram analisados dados documentais disponíveis nos websites desses cursos, além das entrevistas semiestruturadas realizadas com os docentes responsáveis pelas disciplinas que discutem essa temática. Todos os cursos analisados dedicam parte da carga didática à disciplina de Educação Física Adaptada que, com estágios obrigatórios e atividades complementares, totalizam entre 60 e 250 horas, e contempla, pelo menos, uma modalidade de atividade de caráter facultativo, como projetos de extensão à comunidade e grupos de estudo e pesquisa dedicados à Educação Física Adaptada. Consideramos que todos os cursos se ocupam em aprofundar os conhecimentos na temática, o que pode repercutir positivamente na intervenção dos futuros profissionais junto a esse público.

‣ Representação social dos alunos de educação física da UFPE sobre a disciplina educação física adaptada

Ferreira dos Santos, Onassis; Fernandes de Souza, Edilson (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
Português
Relevância na Pesquisa
99.46053%
Esta pesquisa trata das Representações Sociais dos alunos de Educação Física da UFPE sobre a disciplina Educação Física Adaptada, tendo como referencial a Teoria das Representações Sociais proposta por Serge Moscovici. Entende-se que as representações são produtos construídos a partir da realidade em que o indivíduo se encontra e possuem um elevado valor, por estarem baseadas nas experiências de alguém ou ainda de alguma coisa, além de associadas ao comportamento e ao conhecimento que se tem de si próprio. Foram apresentadas opiniões de autores que discutem sobre a Educação Especial, no sentido de inclusão e exclusão para entendimento desse atual campo da Educação. Utilizou-se o questionário, a associação livre de palavras e a entrevista para coletar os dados. Participaram do trabalho 20 alunos do Curso de Educação Física, sendo 10 alunos que cursaram e 10 alunos que não cursaram a disciplina de Educação Física Adaptada. Para a verificação da associação livre de palavras, que Abric (2001), indica como possibilidade de se encontrar o núcleo central das representações, foi utilizado o teste de probabilidade estatística qui-quadrado, com nível de significância (p<0,05). Após as análises...

‣ Estratégias de Ensino e Recursos Pedagógicos para o Ensino de Alunos com TDAH em Aulas de Educação Física

COSTA,Camila Rodrigues; MOREIRA,Jaqueline Costa Castilho; SEABRA JÚNIOR,Manoel Osmar
Fonte: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE Publicador: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2015 Português
Relevância na Pesquisa
88.43401%
o Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) é um transtorno neurocomportamental, multifatorial, comum na população de crianças em idade escolar, cuja característica principal é um padrão persistente de desatenção e ou hiperatividade/impulsividade, que frequentemente resulta em prejuízos emocionais, sociais e sobretudo, funcionais. Nesta perspectiva, a pesquisa teve como objetivo planejar, aplicar e analisar um programa de intervenção, composto por atividades psicomotoras, lúdicas e jogos de estratégias, a partir da adaptação de recursos pedagógicos e estratégias de ensino utilizadas em aulas de Educação Física com intuito de estimular a memória, atenção e concentração de crianças com TDAH. Participaram do estudo quatro estudantes com diagnóstico, com idades entre seis e dez anos, de ambos os sexos, regularmente matriculados em uma escola de ensino regular. Para a coleta de dados inicialmente foi aplicada a EDM, com a finalidade de identificar a condição motora dos alunos. De posse dos dados obtidos e após uma análise documental, foram selecionados e aplicados três eixos temáticos de atividades: psicomotoras, lúdicas e jogos de estratégia. Os instrumentos utilizados foram: observação participante com registro de diário de campo e filmagem. Para análise dos dados foi utilizada a análise de conteúdo e...

‣ Estudo da disciplina educação fisica adaptada nas instituições de ensino superior do Estado de Goias

Vivianne Oliveira Gonçalves
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/04/2002 Português
Relevância na Pesquisa
89.4712%
O presente estudo tem como objetivo compreender o que os docentes da disciplina Educação Física Adaptada estão apontando e propondo para a formação inicial na área, no Estado de Goiás. Ele se justifica pela preocupação frente às políticas educacionais recentemente implantadas no país, no que se refere ao tipo de formação humana que está sendo veiculada, assim como os conteúdos significativos para a formação, capazes, não só de atender às necessidades do mercado, mas principalmente de atender às necessidades do ser humano. Para atingir o objetivo proposto, realizamos uma pesquisa qualitativa, de caráter exploratório e documental. Foram selecionadas as Instituições de Ensino Superior que oferecem o curso de graduação em Educação Física e que possuam em seu currículo a disciplina Educação Física Adaptada. Para a coleta de dados, utilizamos as ementas e programas de ensino da disciplina, que compõe os currículos de licenciatura dessas instituições e entrevista semi-estruturada com os docentes das mesmas. Esse percurso metodológico possibilitou-nos identificar qual a proposta dos professores para a disciplina Educação Física Adaptada, no sentido de constatar o que está sendo divulgado através de seus currículos e de suas falas...

‣ Inclusão, necessidades especiais e Educação Fisica : considerações sobre a ação pedagogica no ambiente escolar; Inclusion special necessities and physical education : consideration about educative action into the school environment

Luiz Seabra Junior
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/03/2006 Português
Relevância na Pesquisa
78.69093%
Ações envolvendo Inclusão, Necessidades Especiais e Educação Física, têm percorrido, em geral, caminhos paralelos no ambiente escolar. Este caminho, influenciado por questões políticas, por pensamentos e ideologias mais alicerçados em diferenças do que semelhanças têm causado distorções no entendimento destas ações e na construção da ação do professor. Baseado neste contexto, este estudo enfoca a ação educativa do professor como fator influenciador no processo de inclusão de alunos com necessidades educativas especiais, ou não, no contexto da Educação Física escolar. Mediados pelo discurso de ?uma escola para todos? e na perspectiva de uma interface com a Educação Física Adaptada, abordamos a Educação Física escolar, considerando-se parte de seu conteúdo histórico, suas principais propostas pedagógicas, seus princípios básicos, destacando aspectos como corpo e movimento, buscando, entre suas diferenças, possibilidades de entendimento no sentido de contribuir no processo de uma Educação Física Inclusiva. Nossa pesquisa foi realizada em escolas públicas municipais e estaduais da cidade de São José do Rio Preto, São Paulo, fundamentando-se nas observações contidas nos relatórios finais da disciplina de Prática de Ensino e Estágio Supervisionado do curso de Educação Física do Centro Universitário do Norte Paulista. A partir das observações e das análises desenvolvidas...

‣ Educação física adaptada e o processo de inclusão social

Boa, Diogo Fonte
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: Texto
Português
Relevância na Pesquisa
88.95066%
A educação física adaptada é uma área que tem como objeto de estudo a motricidade humana adequando metodologias de ensino que respeita as individualidades de cada deficiente. A inclusão da deficiência na educação física começou por volta dos anos 50, sua finalidade era prevenção de doenças. Com um programa adequado às capacidades e limitações de cada um. A pratica de atividades física e/ou esportiva por NEE pode proporcionar benefícios como testar seus limites e potencialidades e promover a integração social do individuo. A escolha de uma modalidade vai depender de fatores: sócio econômicos, limitações físicas, potencialidades e preferências esportivas. Os esportes para NEE devem seguir o principio de adaptação dos objetivos e vantagens das atividades e dos esportes convencionais. A redefinição dos objetivos se faz necessária para adequar no processo de reabilitação. Assim a educação inclusiva é um compromisso social no qual os alunos com NEE(Necessidades educacionais Especiais) são recebidos em sala de aula do ensino regular, são entrosados com alunos do ensino regular para trocas de experiências e o ensino regular busca subsídios para interação, socialização e desenvolvimento dos alunos com NEE. Os esportes para deficientes servem de agente para inclusão social...

‣ Educação física adaptada e o processo de inclusão social

Boa, Diogo Fonte
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
Português
Relevância na Pesquisa
88.92408%
A educação física adaptada é uma área que tem como objeto de estudo a motricidade humana adequando metodologias de ensino que respeita as individualidades de cada deficiente. A inclusão da deficiência na educação física começou por volta dos anos 50, sua finalidade era prevenção de doenças. Com um programa adequado às capacidades e limitações de cada um. A pratica de atividades física e/ou esportiva por NEE pode proporcionar benefícios como testar seus limites e potencialidades e promover a integração social do individuo. A escolha de uma modalidade vai depender de fatores: sócio econômicos, limitações físicas, potencialidades e preferências esportivas. Os esportes para NEE devem seguir o principio de adaptação dos objetivos e vantagens das atividades e dos esportes convencionais. A redefinição dos objetivos se faz necessária para adequar no processo de reabilitação. Assim a educação inclusiva é um compromisso social no qual os alunos com NEE(Necessidades educacionais Especiais) são recebidos em sala de aula do ensino regular, são entrosados com alunos do ensino regular para trocas de experiências e o ensino regular busca subsídios para interação, socialização e desenvolvimento dos alunos com NEE. Os esportes para deficientes servem de agente para inclusão social...

‣ O processo de inclusão de crianças com deficiência intelectual na educação física adaptada

Lima, Diego Leonardo Silva; Caetano, Marco Aurélio; Araújo, Emerson de
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
Português
Relevância na Pesquisa
99.61534%
Segundo a Organização Mundial de Saúde, 10% da população em países em desenvolvimento, são acometidos de algum tipo de deficiência, sendo que metade desta, são deficiências intelectuais. A inclusão no processo escolar é fundamental que seja debatida e entre as possibilidades de contribuição para o processo está a realidade da Educação Física Adaptada que é relativamente nova em nossa legislação e tem sido alvo de várias discussões, tendo-se em vista que muitos professores de Educação Física, hoje atuantes nas escolas não receberam em sua formação conteúdos e/ou assuntos pertinentes à Educação Física Adaptada ou a Inclusão. A Educação Física possui um papel fundamental no desenvolvimento intelectual e motor dos alunos, pautada na educação inclusiva e diversidade dos alunos, respeitando suas diferenças individuais e suas habilidades. Os benefícios advindos da inclusão na modalidade da Educação Física Adaptada em escolas, repercutem nos aspectos motores, psíquicos, físicos e sociais não somente para o aluno com deficiência, mas também contribui para a construção de uma sociedade cada vez mais pluralista e inclusiva, que sabe respeitar e conviver com as diferenças sejam elas quais forem...

‣ Educação física escolar e a inclusão de pessoas com necessidades especificas

Costa, Lucas Lopes
Fonte: Centro Universitário de Brasília Publicador: Centro Universitário de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Português
Relevância na Pesquisa
78.699824%
Introdução: O presente estudo tem como objetivo desenvolver uma revisão sobre as concepções, opiniões e atitudes de profissionais da educação associadas à inclusão das pessoas com necessidades educacionais especificas nas aulas de Educação Física do sistema regular de ensino. Objetivo: Abordar a importância da educação física inclusiva para o(a) estudante com alguma deficiência. Materiais e Métodos: Foram coletados dados em livros e artigos publicados em periódicos científicos acerca da temática. A análise dos dados incluiu publicações produzidas no período de 1994 a 2013. Revisão da Literatura: Para que a educação inclusiva incida de maneira natural e promissora, rótulos devem ser superados. Apenas colocar o conteúdo da atividade física e o desporto adaptado como partes do conhecimento a ser trabalhado pelos professores de Educação Física, não asseguraria a inclusão e participação do aluno com deficiência nas aulas de Educação Física Escolar. Porem essa ação poderia inspirar uma reflexão acerca da temática pelos alunos e levar os professores a repensar sobre o tempo e o espaço de suas aulas. Considerações Finais: O que se entende por Educação Inclusiva é um compromisso social no qual os alunos com NEE’s são recebidos nas salas de aulas do ensino regular...

‣ Prática Pedagógica em Educação Física Adaptada: Relato de experiência

Ferreira, Elizângela Fernandes; Benfica, Dallila Tamara; Rodrigues, Aurora Corrêa
Fonte: Conexões Publicador: Conexões
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 18/05/2012 Português
Relevância na Pesquisa
89.16856%
A formação de professores de Educação Física requer um ensino de qualidade, que lhe confira competência na realização de suas atividades educacionais no âmbito escolar. Nessa perspectiva, a disciplina de Prática Pedagógica se constitui uma das formas de abordagem para a construção deste espaço. Esta disciplina tem como objetivo subsidiar os discentes na sistematização dos conhecimentos e favorecer a troca de conhecimentos. Assim este estudo consiste em um relato de experiência de discente da disciplina Prática Pedagógica em Educação Física Adaptada do Curso de Graduação em Educação Física da Universidade Federal de Viçosa, no período de março de 2010 a julho 2010. Inicialmente foi realizada a apresentação e discussão do ementário, objetivos e metodologia da disciplina. Em seguida, discutiu-se a organização e apresentação dos seminários, tendo como sugestão de trabalho cada grupo realizar uma revisão sobre um determinado esporte paraolímpico e ao seu final apresentar um plano de aula referente a este esporte. Dos resultados obtidos percebemos que as aulas teórico-expositivas possibilitaram uma permuta de conhecimentos. Assim foi possível perceber que a disciplina prática pedagógica possibilita a construção do agir...

‣ AS COMPETÊNCIAS DO PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA NA EDUCAÇÃO ESPECIAL: UMA APROXIMAÇÃO PRELIMINAR

Antunes, Marcelo Moreira; Damasceno, Lilian Cristiane Costa; Almeida, José Júlio Gavião; Moura, Diego Luz
Fonte: Conexões Publicador: Conexões
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares; Pesquisa de campo; survey; Exploratória Formato: application/pdf
Publicado em 30/12/2014 Português
Relevância na Pesquisa
79.0452%
A atuação do professor de educação física na educação especial é sempre desafiadora, demandando uma constante atualização das suas competências. O objetivo do presente estudo se constitui em identificar as competências necessárias ao professor de educação física para intervir adequadamente na educação especial. Para a realização do estudo foi realizada uma pesquisa de campo, utilizando uma escala Likert construída a partir da perspectiva dos pressupostos de Perrenoud (2000) sobre competência de professores. Foram pesquisados 30 profissionais que atuam na educação especial. Os dados apontam para a valorização de diferentes competências, entretanto, relações interpessoais, gestão e novas tecnologias ainda requerem avanços significativos. A formação continuada também se apresentou muito valorizada, mas ainda necessitam de aproximação com a temática da educação especial e para a construção de competências que se coadunem mais especificamente com essa dimensão da educação.

‣ EDUCAÇÃO FÍSICA ADAPTADA: EXPERIÊNCIAS CONSTRUIDAS NA ÁREA - ADAPTED PHYSICAL EDUCATION: EXPERIENCE IN THE AREA

Gorla, José Irineu
Fonte: Conexões Publicador: Conexões
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 05/11/2007 Português
Relevância na Pesquisa
99.38037%
Este ensaio apresenta experiências práticas sobre a Educação Física para Pessoas Diversamente Hábeis. Desde seu surgimento, vários autores apresentam diferentes definições, utilizando o termo “Educação Física Adaptada” ou “Educação Física Especial”. Mostra também a evolução dos conceitos e como isto tem influenciado na vida dessas pessoas. As experiências apontadas pelo professor José Luiz, certamente contribuíram para os avanços da área continuaram sendo referência para alavancar novos rumos e tendências na área de pesquisa. Palavras-Chave: Educação Física adaptada; Educação Física especial; Deficiência mental. Abstract ADAPTED PHYSICAL EDUCATION: EXPERIENCE IN THE AREA José irineu Gorla This essay presents practical experiences on physical education for diversely skillful people. Since its sprouting some authors have been presenting different definitions of it using the term "adapted physical education" or "special physical education". the evolution of the concepts have also been shown, and this has influenced these people lives. The experiences pointed out by professor Jose Luiz had certainly contributed for the advances of this area and it has been a ongoing reference to create new routes and trends in this research area. Key-Words: Adapted physical education; Special physical education; Mental deficiency.