Página 1 dos resultados de 1899 itens digitais encontrados em 0.038 segundos

‣ "Qualidade de vida e satisfação profissional de enfermeiras de Unidades de Terapia Intensiva" ; Quality of life and job satisfaction of intensive care nurses

Lino, Margarete Marques
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 07/04/2004 Português
Relevância na Pesquisa
37.24367%
Este estudo objetivou investigar a qualidade de vida e a satisfação profissional de enfermeiras de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e examinar suas relações. A amostra consistiu de 190 enfermeiras de 19 UTIs. Foi utilizado um questionário auto-aplicável para coletar os dados sociodemográficos, ocupacionais, de saúde, percepções e estados em relação à vida e ao trabalho. A versão genérica do Índice de Qualidade de Vida (IQV) foi utilizada para medir tanto a satisfação quanto a importância de quatro domínios da vida: saúde e funcionamento, psicológico e espiritual, social e econômico, e família. A qualidade de vida total também foi medida. O nível de satisfação profissional em relação a seis componentes do trabalho (autonomia, status profissional, remuneração, interação, requisitos do trabalho e normas organizacionais) foi medido através do Índice de Satisfação Profissional (ISP). Os dados foram analisados através da análise de conteúdo, Coeficiente de Correlação de Pearson, Qui-quadrado, Teste de Fisher, análise da variância, análise de agrupamentos e análise de componentes principais. Os resultados mostraram que as enfermeiras obtiveram escores mais elevados nos domínios família...

‣ Os valores das enfermeiras na intenção do agir ético.; The nurses values in the intention of ethical acting.

Domingues, Tânia Arena Moreira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 02/04/2004 Português
Relevância na Pesquisa
37.19025%
Este estudo teve por finalidade investigar o sistema de valores que sustenta a ação do enfermeiro ao cuidar. Para o desenvolvimento desta proposta, optou-se pela pesquisa qualitativa pautada na Hermenêutica. Os dados foram obtidos por intermédio de entrevistas semi-estruturadas com oito enfermeiras que atuam em unidades de internação do Hospital São Paulo. Pela compreensão e análise dos significados apreendidos nos discursos foi possível identificar duas categorias: O CONHECIMENTO COMO MEIO DE OBTER COMPETENCIA NO AGIR E ASSEGURAR O PODER, que destacou o valor “conhecimento”, como suporte para o cuidar cotidiano, analisando os distintos tipos de conhecimento a que se referem e a função que ele parece exercer na busca dessas enfermeiras por outros valores que também se manifestaram, tais como: competência, segurança e poder. A outra categoria identificada OS VALORES CONSTITUTIVOS DO CUIDAR, aborda os valores apontados por essas enfermeiras como importantes na atividade de cuidar, tais como: valorização do ser humana, o ser humano como um todo, a utilidade de suas ações, o respeito, o atendimento humanizado, atendimento das necessidades do paciente e a empatia. A reflexão a respeito dessas duas categorias e o significado que se manifesta...

‣ Enfermeiras francesas na capital do Brasil (1890-1895); French nurses in the Brazil capital (1890-1895)

Espírito Santo, Tiago Braga do
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/11/2007 Português
Relevância na Pesquisa
37.285476%
O presente estudo aborda o início da profissionalização da enfermagem brasileira através da vinda de enfermeiras francesas, de 1890 a 1895, para o Hospício Nacional de Alienados (HNA), no Rio de Janeiro, capital do recém instalado governo republicano. O contrato, de 1890 que proporcionou a vinda dessas profissionais foi uma das medidas do governo para sanar a crise institucional acarretada pela saída das Irmãs de Caridade desse hospício, onde elas exerciam cuidados de enfermagem. São objetivos do estudo: identificar as possíveis circunstâncias que culminaram em um contrato, firmado entre os governos do Brasil e da França, que promoveu a vinda de enfermeiras francesas para o Hospício Nacional de Alienados, no Rio de Janeiro, em 1891; Descrever o processo de laicização nos hospitais e da profissionalização da enfermagem francesa definindo o perfil das enfermeiras formadas pela Escola de Salpêtrière; analisar a trajetória da vinda dessas profissionais ao Brasil, no contexto histórico do início da Primeira República; levantar as possíveis atividades que enfermeiras francesas teriam desempenhado no Hospício Nacional de Alienados. A fundamentação teórico-metodológica foi feita com base na proposta da História Nova...

‣ Competência profissional: a dimensão do saber-ser ético-profissional nas práticas de saúde das enfermeiras em Unidade Básica de Saúde; Professional Competence: The ethical Professional learn to be dimension on the health practices of nurses from Health Basic Units

Ribeiro, Maria Cecilia
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 24/06/2009 Português
Relevância na Pesquisa
37.285476%
A complexidade da dimensão do saber-ser ético-profissional reside na questão de lidar com elementos como emoção e subjetividade em relação aos conhecimentos e habilidades, para compreender a prática do cuidar, onde o que se valoriza é a objetividade e a racionalidade. Tendo como pressuposto que a competência profissional se expressa nas práticas desenvolvidas no cotidiano, um dos caminhos indicados para observá-la é a própria prática profissional. Assim, o desenvolvimento deste estudo buscou investigar como se expressa o saber-ser ético-profissional das enfermeiras nas práticas profissionais em uma unidade básica de saúde. Além disso, buscou conhecer as situações do cotidiano onde são identificados elementos relacionados a essa dimensão da competência profissional e também verificar a aplicabilidade dos marcadores do saber-ser ético-profissional estabelecidos para os auxiliares de enfermagem nas práticas das enfermeiras. Tratou-se de um estudo qualitativo e exploratório cujo marco teórico-metodológico foi o materialismo histórico e dialético. O método para interpretação dos discursos referenciou-se na análise de conteúdo, tendo a apresentação dos depoimentos seguido a proposta metodológica de Bourdieu. A análise dos dados teve como referencial os marcadores do saber-ser ético profissional dos auxiliares de enfermagem elaborados anteriormente. Compôs a fonte de material empírico o conjunto de quinze entrevistas semi-estruturadas realizadas com enfermeiras das unidades básicas de saúde. Os resultados explicitaram que: os valores emergentes das situações apresentadas pelas enfermeiras são similares aos dos auxiliares de enfermagem; os marcadores do saberser ético-profissional dos auxiliares de enfermagem apresentam potencialidade para representar o saber-ser ético-profissional das enfermeiras da unidade básica de saúde e; do total de oito marcadores...

‣ Percepções de enfermeiras da atenção básica de saúde sobre a abordagem cultural do cuidado na relação com mães

Amaral, Rubia Fernanda Cardoso
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
37.19025%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências da Saúde, Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, Florianópolis, 2013.; Trata-se de um estudo qualitativo, do tipo exploratório e descritivo, que tem por objetivo geral conhecer formas pelas quais enfermeiras, que atuam em Unidades Básicas de Saúde nos distritos de saúde do Município de Florianópolis, percebem e valoram saberes e práticas culturais das mães, e de que modo inserem tais valores e práticas nas ações assistenciais que desenvolvem. O referencial teórico adotado é a Teoria da Universalidade e Diversidade Cultural do Cuidado de Madeleine Leininger e revisão de literatura assistemática. Os participantes do estudo são dez enfermeiras que trabalham na atenção básica de saúde no Município de Florianópolis, em média duas enfermeiras por Distrito de Saúde. A coleta de dados foi realizada utilizando entrevistas semiestruturadas as quais foram gravadas com a permissão dos participantes e transcritas. Para nortear a análise dos dados, adotamos o processo de análise de conteúdo utilizando a técnica de análise temática. As categorias encontradas foram discutidas e interpretadas à luz da literatura e referencial teórico. Para auxiliar na organização e categorização dos dados...

‣ A dimensão processual do raciocínio clínico das enfermeiras numa unidade de cuidados intermédios

Magalhães, Maria Dulce; Lopes, Manuel J.
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Aula
Português
Relevância na Pesquisa
37.119595%
As enfermeiras no decorrer do processo de cuidados tomam múltiplas decisões, com diferentes objectivos, em curto período de tempo porque previnem, minimizam e corrigem situações clínicas instáveis. A problematização da clínica sugere que os modelos tradicionais baseados numa avaliação probabilística de determinado resultado ou da capacidade de processar a informação face a uma enunciada situação não têm poder explicativo do pensamento das enfermeiras. Problema que remete para a necessidade de estudar e compreender a estrutura e o modo com que se desenvolve este processo. Foi desenvolvido um estudo sob o referencial da Grounded Theory. Num primeiro tempo recolhemos e analisámos narrativas escritas das enfermeiras, num segundo optámos por recolher informação em contexto naturalista, e com recurso às técnicas de observação não participante e entrevistas explicativas da ação. Os resultados mostram que o raciocínio clínico que suporta as acções acontece numa estrutura dinâmica. É impulsionada por um processo sincrónico de avaliação diagnóstica e intervenção clínica num movimento em espiral. Este processo ocorre de forma sistemática e contínua durante o processo de cuidados. É alimentado por diferentes formatos tanto de conhecimento quanto de estratégias. O dinamismo da estrutura está sustentado em quatro pilares: o conhecimento do doente...

‣ A educação para a saúde durante a gravidez: ideias, conhecimentos e práticas das enfermeiras

Ponte, Mariana Francisca Almas Prates da
Fonte: Universidade do Algarve Publicador: Universidade do Algarve
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2006 Português
Relevância na Pesquisa
37.24367%
Dissertação de mest., Ciências da Educação (Educação e Formação de Adultos), Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, Univ. do Algarve, 2006; A prática da educação para a saúde, na profissão de enfermagem, pela relação de proximidade que estabelece com a comunidade, pretende ser o meio eficaz para alcançar o bem-estar e a saúde das populações através do processo de capacitação do indivíduo e comunidade, conducente á melhoria da qualidade de vida. Sendo a gravidez considerada período fértil para a aquisição de competências e conhecimentos, que transbordam para além do período de gravidez, considera-se interessante investigar não só as práticas educativas dirigidas a esse grupo populacional, mas também conhecer as ideias e conhecimentos das enfermeiras sobre educação para a saúde. De acordo com as finalidades deste estudo, descritivo e exploratório, utiliza-se a entrevista a enfermeiras e a observação de consultas de enfermagem a grávidas no Centro de Saúde. Os resultados obtidos demonstraram que as enfermeiras adquirem conhecimentos básicos no curso de enfermagem sobre métodos de ensino, estratégias educativas e gravidez, mas sentem necessidade de os actualizar e aprofundar ao longo da actividade profissional. No entanto...

‣ Aspectos cronobiológicos do sono de enfermeiras de um hospital universitário

Xavier,Karine Gracinda da Silva; Vaghetti,Helena Heidtmann
Fonte: Associação Brasileira de Enfermagem Publicador: Associação Brasileira de Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/02/2012 Português
Relevância na Pesquisa
37.285476%
Objetivou-se identificar o cronotipo das enfermeiras da manhã e noite de um hospital universitário, verificar como o trabalho nestes turnos influencia seu sono e correlacionar os cronotipos com influências que o sono produz no trabalho e fora dele. Participaram 15 enfermeiras que responderam ao questionário de Horne & Ostberg e à entrevista semiestruturada entre março e julho de 2010. Os dados dos questionários foram organizados em planilhas e os das entrevistas analisados pela Análise Temática. Os resultados apontam cinco enfermeiras moderadamente matutinas, quatro indiferentes, duas moderadamente vespertinas, três definitivamente vespertinas e uma definitivamente matutina. Mostram que o trabalho em turnos faz com que as entrevistadas desenvolvam hábitos alimentares e de sono, peculiares. Conclui-se que o perfil cronobiológico das enfermeiras não traduz suas subjetividades na relação do sono com turnos de trabalho; enfermeiras da noite apresentam maiores disfunções no ciclo sono-vigília, tais disfunções repercutem igualmente no cotidiano das enfermeiras de ambos os turnos.

‣ Superposição de atribuições e autonomia técnica entre enfermeiras da Estratégia Saúde da Família

Feliciano,Katia Virginia de Oliveira; Kovacs,Maria Helena; Sarinho,Silvia Wanick
Fonte: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.119595%
OBJETIVO: Compreender como enfermeiras da Estratégia Saúde da Família vivem a superposição de atribuições e construção da autonomia técnica. PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS: Pesquisa qualitativa realizada com 22 enfermeiras em Recife, PE, entre agosto de 2005 e novembro de 2006. A partir de avaliação da gerência (acesso geográfico, conflitos na equipe, entre equipe e distrito, entre equipe e comunidade e violência pública na área), em cada um dos seis distritos sanitários foram selecionadas quatro equipes. Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas. Os principais temas no roteiro referiram-se a expectativas e relevância do trabalho, organização e processo de trabalho e sentimentos sobre as práticas. Os resultados foram interpretados sob a perspectiva do burnout. ANÁLISE DOS RESULTADOS: Foi recorrente a opinião das enfermeiras sobre número excessivo de famílias, suporte organizacional insuficiente e pressões advindas de demandas insatisfeitas dos usuários. A sobreposição de assistência e administração provocou sobrecarga, gerando ansiedade, impotência, frustração e sentimento de ser injustiçada na divisão de tarefas na equipe. A dimensão clínica da prática motivou insegurança de natureza técnica e ética...

‣ Metodologia da pesquisa para enfermeiras de um hospital universitário

Dyniewicz,Ana Maria; Rivero de Gutiérrez,Maria Gaby
Fonte: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo Publicador: Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto / Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2005 Português
Relevância na Pesquisa
37.119595%
Este artigo trata de pesquisa descritivo-analítica sobre práticas educativas em metodologia de pesquisa dirigidas a enfermeiras assistenciais de um hospital universitário, visando a aquisição de competências em investigação científica, tendo como base a aprendizagem por descoberta, tutoramento e estratégias do ensino humanista. Participaram do programa 86 enfermeiras, das quais 70 concluíram seus projetos. Desses, 28 resultaram em trabalhos científicos, em sua maioria relatos de experiência, pesquisas descritivas e exploratórias. Segundo as enfermeiras, o programa proporcionou-lhes a aquisição e aplicação de conhecimentos em pesquisa. Apontaram, como principais dificuldades, a falta de domínio da metodologia científica e as limitações nas condições administrativas e de trabalho na instituição. Entre os aspectos facilitadores destacaram a importância da pesquisa para modificação da prática, a divulgação dos resultados e a colaboração para manutenção de um centro de pesquisas. O estudo revelou a necessidade de flexibilização do planejamento das atividades educativas, orientação contínua e respeito às particularidades de cada enfermeira.

‣ Aspectos cronobiológicos do sono de enfermeiras de um hospital universitário

Xavier, Karine Gracinda da Silva; Vaghetti, Helena Heidtmann
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande Publicador: Universidade Federal do Rio Grande
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.285476%
Objetivou-se identificar o cronotipo das enfermeiras da manhã e noite de um hospital universitário, verificar como o trabalho nestes turnos influencia seu sono e correlacionar os cronotipos com influências que o sono produz no trabalho e fora dele. Participaram 15 enfermeiras que responderam ao questionário de Horne & Ostberg e à entrevista semiestruturada entre março e julho de 2010. Os dados dos questionários foram organizados em planilhas e os das entrevistas analisados pela Análise Temática. Os resultados apontam cinco enfermeiras moderadamente matutinas, quatro indiferentes, duas moderadamente vespertinas, três definitivamente vespertinas e uma definitivamente matutina. Mostram que o trabalho em turnos faz com que as entrevistadas desenvolvam hábitos alimentares e de sono, peculiares. Conclui-se que o perfil cronobiológico das enfermeiras não traduz suas subjetividades na relação do sono com turnos de trabalho; enfermeiras da noite apresentam maiores disfunções no ciclo sono-vigília, tais disfunções repercutem igualmente no cotidiano das enfermeiras de ambos os turnos.; This study was aimed at identifying the chronotype of nurses in the morning and evening shifts of a university hospital, how these workshifts influence their sleep and correlate chronotypes with influences of sleep on and off the workplace. Fifteen nurses participated in the study by answering to the questionnaire of Horne&Ostberg and semi-structured interviews between March and July 2010. Data from questionnaires were organized into spreadsheets and the interviews were analyzed by thematic analysis. Nurses worked as follows: five in moderately morning shift...

‣ VIVÊNCIAS DAS ENFERMEIRAS QUE CUIDAM MULHERES COM DIAGNÓSTICO DE CANCRO DA MAMA EM FASE AVANÇADA

Nôro, Filomena dos Santos Pereira
Fonte: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra Publicador: Escola Superior de Enfermagem de Coimbra
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 16/07/2013 Português
Relevância na Pesquisa
37.319087%
O conhecimento que a enfermeira detém de si própria, enquanto pessoa que cuida de outros numa determinada fase de transição das suas vidas, torna-se crucial para estimular o desenvolvimento da relação empática que visa o processo de cuidar. Assim, é importante que a mesma tenha consciência daquilo que a afecta no cuidar do outro, não só as eventuais implicações profissionais mas também pessoais, que conheça quais as suas dificuldades e limitações e ainda quais os seus pontos fortes, em todo este envolvimento. Neste contexto, o presente trabalho tem como tema ?Vivências das enfermeiras que cuidam mulheres com diagnóstico de cancro da mama em fase avançada?, e teve como objectivo geral conhecer as vivências das enfermeiras que cuidam mulheres com diagnóstico de cancro da mama em fase avançada no primeiro internamento hospitalar. Foram nossos objectivos específicos: identificar os sentimentos e as emoções das enfermeiras que cuidam destas mulheres e ainda identificar as suas reacções e os seus mecanismos de defesa; com vista a conhecer as estratégias e os recursos que utilizam, bem como as necessidades que sentem no cuidar das mulheres; percebendo se as enfermeiras identificam factores que facilitam ou dificultam a relação que estabelecem no cuidar; compreendendo se as mesmas consideram que as suas vivências (pessoais e profissionais) interferem no cuidar das mulheres...

‣ Satisfação profissional entre enfermeiras de UTI: adaptação transcultural do Index of Work Satisfaction (IWS); Work satisfaction among critical care nurses: cross-cultural adaptation of the Index of Work Satisfaction

Lino, Margarete Marques
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/08/1999 Português
Relevância na Pesquisa
37.24367%
Satisfação profissional é um fenômeno complexo e multivariado, vivenciado pelos indivíduos como um estado comportamental derivado de fontes internas e externas. Considerando o ambiente das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) como fontes geradoras de estímulos externos - positivos e negativos, é essencial uma investigação sistemática para examinar o nível de satisfação das enfermeiras de terapia intensiva em relação ao seu contexto de trabalho. Para atender a essa proposta, o objetivo desse estudo foi adaptar o Index of Work Satisfaction (IWS) - Índice de Satisfação Profissional (ISP) para a cultura das enfermeiras brasileiras de terapia intensiva e identificar seu nível de satisfação profissional. O ISP compreende uma escala de 44 ítens que mede o nível atual de satisfação profissional e comparações pareadas que medem a importância relativa de seis componentes de satisfação profissional: autonomia, interação, status profissional, requisitos do trabalho, normas organizacionais e remuneração. A estrutura metodológica que orientou o estudo baseou-se nas diretrizes de adaptação e validação transcultural de medidas, como propostas pela literatura. A abordagem metodológica compreendeu um comjunto de etapas padronizadas para atingir equivalência idiomática...

‣ Estresse ocupacional e o mundo do trabalho atual : repercussões na vida cotidiana das enfermeiras; Occupational stress and the current world of the work : repercussions in the nurses' daily life; Estrés ocupacional y el mundo del trabajo actual : repercusiones en la vida cotidiana de las enfermeras

Fernandes, Sandra Michelle Bessa de Andrade; Medeiros, Soraya Maria de; Ribeiro, Laiane Medeiros
Fonte: Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Goiás Publicador: Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Goiás
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
37.119595%
Trata-se de um estudo interpretativo, com abordagem qualitativa, que teve como objetivo analisar as repercussões do estresse ocupacional na vida cotidiana das enfermeiras de uma instituição hospitalar pública, no contexto do mundo do trabalho atual. O marco teórico conceitual foi referente ao mundo do trabalho atual, ao processo de trabalho em saúde e à cotidianidade, a partir dos estudos de Antunes, Mendes Gonçalves e Heller. Utilizou-se como técnica de coleta de informações a história oral temática. O campo de pesquisa foi uma instituição hospitalar pública sediada na cidade de Natal, Estado do Rio Grande do Norte. O período correspondeu ao ano de 2005. A análise das informações foi realizada com base em elementos do método dialético. Os achados apontam que em relação ao fenômeno do estresse ocupacional, as enfermeiras reconheceram a sua existência e a relação do mesmo com o trabalho realizado, definindo-o, principalmente, como a sensação de estar no limite, na iminência do descontrole e como cansaço físico e mental. Conclui-se que o estresse ocupacional decorrente de um processo de trabalho hospitalar, marcado por condições precárias de trabalho e pelo aumento da jornada de trabalho, tem fortes repercussões no cotidiano profissional e pessoal das enfermeiras entrevistadas. _______________________________________________________________________________ ABSTRACT; It is an interpretative study...

‣ Prazer-sofrimento no trabalho - estudo exploratório com enfermeiras que atuam no centro obstétrico de um hospital público do Distrito Federal

Silva, Leonardo Tavares da
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
Português
Relevância na Pesquisa
37.119595%
Este estudo consiste na análise das vivências de prazer e sofrimento de enfermeiras que atuam em um Centro Obstétrico de um hospital da rede pública do Distrito Federal, com a finalidade de desvendar os mecanismos de defesas utilizados por estes como meio de manter a saúde psíquica. O referencial teórico tem como base a Psicodinâmica do Trabalho, que estuda o prazer e o sofrimento e as estratégias de mediação do sofrimento. Destaca-se ainda a história do trabalho e pesquisas sobre o trabalho de enfermeiras. O presente estudo foi realizado em um Centro Obstétrico da rede publica hospitalar do Distrito Federal. Participaram do estudo três enfermeiras voluntárias que atuam no Centro Obstétrico. O método aplicado à pesquisa foi o qualitativo e o instrumento utilizado para coleta de dados foi a entrevista semiestruturada coletiva. Os dados foram analisados por meio da análise dos núcleos de sentido (ANS) e organizados em três núcleos: o primeiro diz respeito à organização do trabalho; o segundo refere-se aos sentimentos relacionados ao trabalho; e o terceiro trata da mediação do sofrimento. Mediante as análises dos núcleos, identificou-se o impacto da organização do trabalho nas vivências de prazer e sofrimento e constatou-se a presença de desvio de funções...

‣ A luta das primeiras enfermeiras formadas em Alagoas por melhores posições no campo da saúde (1977-1979); The symbolic struggle of the nurses from Alagoas by best positions in the health field (1977-1979)

Macedo, Amanda Cavalcante de
Fonte: Universidade Federal de Alagoas; Brasil; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; UFAL Publicador: Universidade Federal de Alagoas; Brasil; Programa de Pós-Graduação em Enfermagem; UFAL
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
37.40619%
This paper studied the symbolic struggles undertaken by the first nurses in Alagoas, both pioneers in the search for better positions in the healthcare field. Objectives: To describe the landscape of Alagoas subfield of nursing at the time of insertion of the pioneers; analyze the struggle of these nurses to be inserted in the health field in Alagoas, and discuss the effects of the struggles in the repositioning of Alagoas nursing in health through professional nurses capital. The social and temporal crop was the state of Alagoas, in the period 1977-1979, taking as starting point the graduation of the first class of nurses formed by single undergraduate existing time Alagoas and how the final milestone year recognition that course. Under the methodological approach, we carried out research historical-social, being the primary sources consist of written and oral documents, which are obtained through the method of oral history, whereas secondary sources were composed of existing literature on that topic. The findings were classified, contextualized and analyzed in the light of the theory of the social world of the sociologist Pierre Bourdieu, drawing on the concepts of field, habitus, capital, symbolic power and symbolic struggle. Twelve nurses were interviewed and data analysis has shown that: the health field to the entrance of the nurses in the study had as attendants...

‣ Evaluation of oxidative stress parameters and metabolic activities of nurses working day and night shifts; Evaluación de parámetros de estrés oxidativo y actividades metabólicas de enfermeras trabajando en turnos diurnos y nocturnos; Avaliação de parâmetros de estresse oxidativo e as atividades metabólicas das enfermeiras trabalhando em turnos diurnos e noturnos

Ulas, Turgay; Buyukhatipoglu, Hakan; Kirhan, Idris; Dal, Mehmet Sinan; Ulas, Sevilay; Demir, Mehmet Emin; Eren, Mehmet Ali; Ucar, Mehmet; Hazar, Abdussamet; Kurkcuoglu, İbrahim Can; Aksoy, Nurten
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/04/2013 Português
Relevância na Pesquisa
37.346694%
The aim of this study was to evaluate the oxidative stress and metabolic activities of nurses working day and night shifts. Intensive care unit (ICU) (n=70) and ordinary service (OS) nurses (n=70) were enrolled in the study. Just before and the end of the shifts, blood samples were obtained to measure the participants' oxidative stress parameters. Metabolic activities were analyzed using the SenseWear Armband. Oxidative stress parameters were increased at the end of the shifts for all OS and ICU nurses compared to the beginning of the shifts. Compared to the OS nurses, the ICU nurses' TAS, TOS, and OSI levels were not significantly different at the end of the day and night shifts. The metabolic activities of the OS and ICU nurses were found to be similar. As a result, the OS and ICU nurses' oxidative stress parameters and metabolic activities were not different, and all of the nurses experienced similar effects from both the day and night shifts.; Se objetivó evaluar estrés oxidativo y actividades metabólicas de enfermeras en turnos diurnos y nocturnos. Participaron enfermeras de Unidad de Terapia Intensiva (UTI, n=70) y del servicio común (SC, n=70). Se obtuvieron muestras sanguíneas al inicio y al final de los turnos para medir parámetros de estrés oxidativo. Las actividades metabólicas también fueron analizadas utilizando brazaletes SenseWear. Los parámetros de estrés oxidativo aumentaron hacia el final de los turnos de todas las enfermeras SC y UTI...

‣ Sono, estresse e comportamentos compensatórios por enfermeiras e parteiras australianas; Sueño, estrés y comportamientos compensatorios por enfermeras y parteras australianas; Sleep, stress and compensatory behaviors in Australian nurses and midwives

Dorrian, Jillian; Paterson, Jessica; Dawson, Drew; Pincombe, Jan; Grech, Carol; Rogers, Ann E
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/10/2011 Português
Relevância na Pesquisa
37.19025%
OBJETIVO: Descrever sono, estresse e comportamentos compensatórios em enfermeiras e parteiras. MÉTODOS: O estudo incluiu 41 enfermeiras 21 parteiras em hospitais australianos de 2005 a 2009. A participação foi voluntária. Os participantes registraram diariamente as horas de trabalho, sono, stress e níveis de exaustão, cafeína e uso de ajuda para dormir durante um mês (1.736 dias, 1.002 turnos). RESULTADOS: Os participantes relataram de moderados a elevados níveis de stress e de exaustão em 20%-40% dos dias de trabalho; experimentaram distúrbios do sono em mais de 50% dos dias de trabalho; relataram esforço para permanecer acordado em 27% dos dias de trabalho; e sofreram sonolência extrema ou acidente perto de casa em 9% dos dias de trabalho. Idade, duração do sono percebida e jornadas foram preditores significativos da ingestão de cafeína. Aproximadamente 60% dos participantes relataram utilizar a ajuda para dormir: cerca de 20% relataram uso de medicação prescrita e 44% das enfermeiras e 9% das parteiras consumiam álcool como auxílio para dormir pelo menos uma vez durante o estudo. Estresse e dias de trabalho foram preditores significativos do uso de sedativos. Em geral, 22% relataram ser indiferente, ou ligeiramente insatisfeito com seu trabalho. CONCLUSÕES: Problemas no sono...

‣ Superposição de atribuições e autonomia técnica entre enfermeiras da Estratégia Saúde da Família; Superposición de atribuciones y autonomía técnica entre enfermeras de la Estrategia Salud de la Familia; Overlapping of duties and technical autonomy among nurses of the Family Health Strategy

Feliciano, Katia Virginia de Oliveira; Kovacs, Maria Helena; Sarinho, Silvia Wanick
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 01/06/2010 Português
Relevância na Pesquisa
37.119595%
OBJETIVO: Compreender como enfermeiras da Estratégia Saúde da Família vivem a superposição de atribuições e construção da autonomia técnica. PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS: Pesquisa qualitativa realizada com 22 enfermeiras em Recife, PE, entre agosto de 2005 e novembro de 2006. A partir de avaliação da gerência (acesso geográfico, conflitos na equipe, entre equipe e distrito, entre equipe e comunidade e violência pública na área), em cada um dos seis distritos sanitários foram selecionadas quatro equipes. Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas. Os principais temas no roteiro referiram-se a expectativas e relevância do trabalho, organização e processo de trabalho e sentimentos sobre as práticas. Os resultados foram interpretados sob a perspectiva do burnout. ANÁLISE DOS RESULTADOS: Foi recorrente a opinião das enfermeiras sobre número excessivo de famílias, suporte organizacional insuficiente e pressões advindas de demandas insatisfeitas dos usuários. A sobreposição de assistência e administração provocou sobrecarga, gerando ansiedade, impotência, frustração e sentimento de ser injustiçada na divisão de tarefas na equipe. A dimensão clínica da prática motivou insegurança de natureza técnica e ética...

‣ Metodologia da pesquisa para enfermeiras de um hospital universitário; Metodología de investigación para enfermeras de un hospital universitario; Research methodology for nurses at a university hospital

Dyniewicz, Ana Maria; Rivero de Gutiérrez, Maria Gaby
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2005 Português
Relevância na Pesquisa
37.119595%
Este artigo trata de pesquisa descritivo-analítica sobre práticas educativas em metodologia de pesquisa dirigidas a enfermeiras assistenciais de um hospital universitário, visando a aquisição de competências em investigação científica, tendo como base a aprendizagem por descoberta, tutoramento e estratégias do ensino humanista. Participaram do programa 86 enfermeiras, das quais 70 concluíram seus projetos. Desses, 28 resultaram em trabalhos científicos, em sua maioria relatos de experiência, pesquisas descritivas e exploratórias. Segundo as enfermeiras, o programa proporcionou-lhes a aquisição e aplicação de conhecimentos em pesquisa. Apontaram, como principais dificuldades, a falta de domínio da metodologia científica e as limitações nas condições administrativas e de trabalho na instituição. Entre os aspectos facilitadores destacaram a importância da pesquisa para modificação da prática, a divulgação dos resultados e a colaboração para manutenção de um centro de pesquisas. O estudo revelou a necessidade de flexibilização do planejamento das atividades educativas, orientação contínua e respeito às particularidades de cada enfermeira.; Este artículo trata de una investigación descriptivo-analítica sobre prácticas educativas en metodología de investigación para enfermeras clínicas de un hospital universitario...