Página 1 dos resultados de 594 itens digitais encontrados em 0.062 segundos

‣ [Des] Igualdade de oportunidades nos manuais escolares de Educação Física do 2º Ciclo do Ensino Básico? Análise das ilustracções e das percepções de professores / as estagiários /as

Queirós, Telma Maria Gonçalves
Fonte: Universidade do Porto, Faculdade de Ciências do Desporto e de Educação Física Publicador: Universidade do Porto, Faculdade de Ciências do Desporto e de Educação Física
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
108.7268%
Alguns estudos referem que a maioria das ilustrações dos manuais escolares veiculam estereótipos e preconceitos sócio-culturais, acentuando as desigualdades de oportunidade entre os/as alunos/as. Neste contexto, pensamos que a Educação Física, como disciplina curricular e, especificamente, os manuais escolares, como instrumentos importantíssimos no processo de ensino-aprendizagem, têm um papel determinante na promoção de um ensino mais inclusivo e que se quer inter/multicultural. Assim, são objectivos do nosso trabalho avaliar se as ilustrações dos manuais escolares de Educação Física do 2.º Ciclo do Ensino Básico reflectem a igualdade de oportunidades a todos/as os/as alunos/as sem qualquer distinção do sexo, raça, etnia ou outras marcas de diferença e conhecer se professores/as-estagiários/as do curso de Educação Física da Escola Superior de Educação de Bragança estão conscientes desta questão. A amostra foi constituída por nove manuais, cujas ilustrações foram sujeitas a observação, e por 8 professores/as-estagiários/as (quatro de cada sexo) com os/as quais foram realizadas entrevistas semi-estruturadas. Procedeu-se à análise de conteúdo dos dados referentes aos manuais e às respostas dos indivíduos...

‣ O aluno com deficiência motora e a acessibilidade arquitectónica no Ensino Básico : um estudo de caso : o concelho de Guimarães

Sousa, Gracinda da Cruz Machado de
Fonte: Repositório Científico Lusófona Publicador: Repositório Científico Lusófona
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
88.73324%
RESUMO:Para que o sucesso educativo se verifique, a escola tem de ajustar a sua prática educativa a todos os alunos, incluindo os que apresentam necessidades educativas especiais (NEE). Portugal dispõe de legislação que assegura o direito à educação e à igualdade de oportunidades, consignados na Constituição da República Portuguesa (artigos 71º, 73º e 74º), em consonância com a Declaração Universal dos Direitos do Homem e na Lei de Bases do Sistema Educativo (artigos 2º, 7º, 17º e 18º). O nosso país subscreveu também a Declaração de Salamanca, a qual reuniu, em 1994, o consenso de noventa e dois governos e de vinte e cinco organizações internacionais, reafirmando o direito à educação para todos. A construção da escola inclusiva passa pela responsabilização da escola por todos os alunos, na perspectiva de educação para todos, exigindo a sua concretização novas estratégias e resposta a novos desafios. Há que alterar práticas para atender à diversidade. Assim, as escolas precisam de estar arquitectonicamente adaptadas às necessidades dos alunos que utilizam a cadeira de rodas como forma de mobilidade, respeitando o direito à diferença e possibilitando, em igualdade de oportunidades, o sucesso escolar e educativo. Levar à prática as medidas previstas na lei portuguesa e implementar...

‣ Fronteiras da igualdade no ensino superior: excelência & justiça racial; Equality frontiers in higher education: excellence and racial justice

Moehlecke, Sabrina
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/06/2004 Português
Relevância na Pesquisa
88.5831%
Políticas de igualdade racial como a ação afirmativa, ao exigirem direitos coletivos e a identificação racial dos grupos beneficiados, perturbam não apenas a noção moderna de igualdade e justiça, segundo a qual a distribuição de bens e posições sociais seria baseada no indivíduo e em seus méritos e talentos naturais, mas também a ideologia brasileira da mestiçagem e da democracia racial, constitutiva de nossa identidade e unidade nacionais, onde não haveria espaço para divisões ou diferenciações de raça. Analisa-se, então, como têm sido recebidas as experiências de ação afirmativa implementadas no Brasil, especialmente no ensino superior, local da excelência e meritocracia. Contextualiza-se, inicialmente, o desenvolvimento das preocupações com a igualdade nas oportunidades de acesso à educação superior, para em seguida confrontar, em termos normativos, os argumentos universalistas e particularistas construídos no debate de tais propostas. No intuito de analisá-las com mais detalhes, observa-se seu desenvolvimento nos Estados Unidos, reconstituindo-se seu contexto histórico, as formas assumidas e avaliando-se alguns dos resultados alcançados, através do estudo de caso da Universidade da Califórnia. Nos dois últimos capítulos...

‣ A carreira da mulher no Banco Beta em busca da igualdade de oportunidades

Garcia, Cristine de Oliveira Braga
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
108.48134%
O presente trabalho trata sobre a carreira da mulher no Banco Beta e teve o propósito de verificar o que a empresa está fazendo para se adaptar ao Programa de Equidade de Gêneros de forma efetiva, que mecanismos está utilizando para disseminar esta cultura, combater a discriminação e pôr em prática ações voltadas para a equidade, tendo em vista que, ainda hoje, existe uma grande diferença entre a quantidade de homens e mulheres que ocupam cargos de chefia dentro da empresa. Na revisão de literatura foram apresentados diversos fatores que influenciaram e colaboraram para que a mulher seja considerada inferior ou discriminada pelas sociedades, a importância do movimento feminista, a divisão sexual do trabalho, assim como os avanços obtidos na legislação. Através da pesquisa qualitativa e do método de estudo de caso, foram efetuadas entrevistas com mulheres que ocupam as comissões de 1º e 2º níveis gerencias e analisados dados e informações coletadas junto ao Banco Beta, visando descobrir se as ações implementadas com o programa pró-equidade de gênero obtiveram resultados no sentido de promover o equilíbrio e a igualdade de oportunidades dentro da empresa. Os resultados encontrados indicam que ainda tem muito a ser feito...

‣ The equality of educational opportunity in Chinese higher education; A igualdade de oportunidades educacionais no ensino superior chinês

Yi Wu
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
98.70685%
Desde 1998, o governo chinês tem vindo a introduzir reformas no ensino superior: o número de estudantes tem aumentado, assim como o valor das propinas. O objectivo deste estudo é abordar a diferença de igualdade educacional entre as áreas urbanas e rurais desde 1998 até hoje. Esta tese irá debruçar-se sobre se a reforma do ensino superior acentuará a diferença existente entre as áreas urbanas e rurais, zonas desenvolvidas e subdesenvolvidas na China. Primeiramente, esta tese demonstrará as diferentes oportunidades de acesso no sistema educacional chinês no ensino superior. Alguns documentos estatísticos serão abordados para discutir as diferentes oportunidades no ensino superior entre áreas urbanas e rurais na capital Pequim e em toda a China. Seguidamente, este estudo debruçar-se-á sobre as possíveis causas que determinam a diferença de oportunidades no ensino superior chinês. Irá também fornecer visões pessoais acerca da influência da reforma do ensino superior, incidindo sobre a evolução das desigualdades entre áreas urbanas e rurais. Posteriormente, esta tese conclui que a reforma no ensino superior chinês influencia tanto os estudantes de áreas rurais como de urbanas. Apesar de a reforma ter aspectos positivos...

‣ Educar para a igualdade de género no contexto da educação básica

Marchão, Amélia de Jesus G.
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em 05/06/2013 Português
Relevância na Pesquisa
98.1826%
No âmbito das práticas curriculares e pedagógicas que afirmam a escola para todos, cabe a educação para a igualdade de género, sobretudo porque na formação de uma criança cidadã importa educar para a igualdade de direitos apesar de, em simultâneo, se educar para a aceitação e rentabilização das diferenças entre uns e outros. Nesta comunicação apresentam-se alguns resultados (ainda que em síntese) de estudos de investigação cujos objetivos têm privilegiado o conhecimento sobre as conceções de género na infância; sobre as conceções de género que influenciam as conceções das crianças, nomeadamente as conceções de género das profissionais e as conceções de género das e dos encarregadas(os) de educação e as conceções de género subjacentes e evidentes na escolha dos manuais escolares adotados pelas escolas do 1.º ciclo do ensino básico, e também têm tentado identificar práticas educativas e curriculares que podem contribuir para a igualdade de género.

‣ O jogo simbólico e a construção da identidade de género

Alvanel, Ana Margarida Penha
Fonte: Repositório Comum de Portugal Publicador: Repositório Comum de Portugal
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /01/2015 Português
Relevância na Pesquisa
88.63631%
Ao longo deste Relatório refletimos, no quadro da Educação Pré-escolar, a importância do jogo simbólico no desenvolvimento e na aprendizagem da criança e enquanto meio facilitador da educação para a igualdade de género. No enquadramento teórico discutimos o desenvolvimento da criança através de atividades lúdicas e destacamos o jogo simbólico no jardim de infância e a sua importância na educação da criança em prole da igualdade de oportunidades, sobretudo ao nível da igualdade de género. A metodologia utilizada neste estudo foi a Investigação-ação, entendendo-a como oportunidade para estudar o processo pedagógico no jardim de infância e como oportunidade de formação. Durante o estudo promoveram-se atividades enquadradas na temática da Identidade de Género e pudemos concluir que as crianças incluem nas suas brincadeiras diárias “falas” ou “atitudes” que demonstram a diferença de género, às quais é preciso que a Educadora esteja atenta e intervenha para ajudar a criança a desmontar estereótipos de género. Dos dados que recolhemos junto das crianças, concluímos que o seu quotidiano é marcado por estereótipos sociais, sendo de extrema importância ajudá-las a construir ideias e atitudes consentâneas com a igualdade de oportunidades em geral...

‣ Igualdade de oportunidades: um olhar sobre as barreiras arquitectónicas à acessibilidade

Teixeira, Diana Carolina de Freitas
Fonte: Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas Publicador: Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 21/07/2010 Português
Relevância na Pesquisa
98.04196%
Dissertação de Mestrado em Gestão e Políticas Públicas

‣ Iniciativa Novas Oportunidades = Igualdade de oportunidades?

Silva, Susana Filipa Barros Chaves da
Fonte: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa Publicador: Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
88.49209%
Tese de mestrado em Ciências da Educação; Se se reconhecer a importância do domínio da língua portuguesa para o sucesso nos sistemas de Educação/Formação, percebem-se as dificuldades que alguns estrangeiros enfrentam quando pretendem integrar a Iniciativa Novas Oportunidades. Parece-nos pertinente questionar “de que forma a Iniciativa Novas Oportunidades responde às especificidades linguísticas dos candidatos estrangeiros provenientes dos PALOP? Para responder a isso fizeram-se entrevistas focus group aos candidatos e passaram-se questionários aos formadores. Podemos referir que as dificuldades apresentadas na língua portuguesa (quer na expressão escrita, quer na expressão oral) condicionam todo o desenvolvimento dos processos. Para ultrapassar este problema devem repensar-se estratégias de diagnóstico e de intervenção no ensino-aprendizagem da língua portuguesa

‣ Qualidade docente e eficácia escolar

Paul,Jean-Jacques; Barbosa,Maria Ligia de Oliveira
Fonte: Departamento de Sociologia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo Publicador: Departamento de Sociologia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2008 Português
Relevância na Pesquisa
88.48268%
Este texto visa a explorar uma faceta do funcionamento do sistema escolar que permite associar a implementação de políticas públicas, no caso, a distribuição dos professores pelas escolas e salas de aula, e à avaliação dos impactos dessa distribuição do ponto de vista da busca por maior igualdade de oportunidades. Para discutir essa questão, usaremos os dados de pesquisa realizada no Brasil, na Argentina, no Chile e no México, com informações de 96 escolas e professores, assim como de 2048 alunos de 4ª série que estudavam em escolas situadas em bairros pobres de Belo Horizonte, Buenos Aires, Santiago e Guanajuato. Inicialmente, discutimos alguns dos elementos das políticas educacionais latino-americanas e o lugar dado por elas aos professores, salientando as relações estabelecidas entre eficiência, justiça e eqüidade pelas políticas públicas modernas. A pesquisa econômica e sociológica sobre os docentes tem evidenciado que certas características dos professores podem ter impactos sobre o desempenho de estudantes provenientes de grupos sociais distintos, particularmente sua experiência. Os dados mencionados permitiram verificar que a distribuição dos professores pelas turmas da amostra tenderia a reduzir a igualdade de oportunidades educacionais...

‣ (In)Justiça escolar: estaria em xeque a concepção clássica de democratização da educação?

Valle,Ione Ribeiro
Fonte: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2013 Português
Relevância na Pesquisa
88.30829%
Este trabalho tem como objetivo examinar perspectivas clássicas e contemporâneas a respeito da escola que têm como alvo a igualdade de oportunidades e a meritocracia escolar. Partindo do pressuposto segundo o qual os conceitos de justiça e de justiça escolar gravitam em torno de determinadas concepções, recorremos primeiramente a duas abordagens teóricas. A primeira delas é baseada no pensamento de John Rawls (1921-2002), especificamente no que concerne à noção de justiça como equidade. A segunda abordagem teórica é a de Michael Walzer (1906-1981), autor que defendeu a ideia de uma sociedade complexamente igualitária, na qual a educação figura como uma das esferas da justiça. Em seguida, debruçamo-nos sobre a noção de injustiça, tendo como referência as reflexões de Barrington Moore Júnior (1913-2005), construídas a partir de um estudo rigoroso das condições sociais e históricas nas quais a indignação moral manifesta-se com maior intensidade ao longo dos séculos XIX e XX, e de François Dubet (1946-) que, pautando-se em um estudo qualitativo de grande fôlego, examina os sentimentos de injustiça a partir do embate entre os princípios de igualdade, mérito e autonomia. É no quadro dessas discussões que o desencantamento face às políticas educacionais voltadas à democratização da educação torna-se mais radical e que as injustiças tornam-se mais evidentes...

‣ Gestão da diversidade em um tribunal superior do poder judiciário brasileiro: uma análise da igualdade de oportunidades entre homens e mulheres na ocupação de postos de comando

Ramos, Maria Aparecida de Araújo
Fonte: Superior Tribunal de Justiça do Brasil Publicador: Superior Tribunal de Justiça do Brasil
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Português
Relevância na Pesquisa
108.48768%
Monografia apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA) da Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciência da Informação e Documentação (FACE), da Universidade de Brasília (UnB), como requisito parcial à obtenção do grau de especialista em Gestão Judiciária.; Pesquisa com o objetivo de analisar a percepção dos servidores de um tribunal do Poder Judiciário brasileiro com relação à igualdade de oportunidade entre homens e mulheres na ocupação de postos de comando. Para tanto foram realizadas pesquisas de campo e documental nas dependências do órgão estudado, bem como levantamento de dados nos principais órgãos do Poder Judiciário brasileiro, com relação ao quantitativo de homens e mulheres ocupantes de cargos e funções comissionadas. As médias e desvios padrão dos fatores revelaram que as oportunidades para os homens e as mulheres de ocupar cargos e funções comissionadas são muito próximas, não somente no Tribunal estudado, mas nos principais órgãos do Poder Judiciário brasileiro.; Superior Tribunal de Justiça (STJ).

‣ Estudio fenomenológico de las vivencias de las personas con diversidad funcional en la prueba de acceso a la universidad

García Ferreiro, Paula
Fonte: Universidade da Corunha Publicador: Universidade da Corunha
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Português
Relevância na Pesquisa
88.93977%
Traballo fin de grao (UDC.FCS). Terapia ocupacional. Curso 2013/2014.; [Resumen] El acceso de las personas con diversidad funcional a estudios universitarios se ha incrementado con el paso de los años, pero sigue existiendo un número reducido de personas con diversidad en la universidad. Del análisis de la bibliografía surge la necesidad de establecer una prueba de acceso a la universidad regulada y que permita realizar la prueba en igualdad de oportunidades que el resto de la comunidad. Se han encontrado estudios que evidencian los obstáculos y carencias que las personas con diversidad funcional en la PAU. Ante esta situación, se justifica y se plantea la investigación que permita conocer las vivencias de las personas con diversidad funcional que realizaron las PAU para detectar las necesidades y barreras que surgieron durante la misma. Y de manera específica, conocer las dificultades que se encontraron las personas con diversidad funcional al llevar cabo la PAU para acceder a estudios universitarios, detectar las necesidades que se presentaron durante el desarrollo de la prueba, explorar el conocimiento de la situación actual de las personas con diversidad funcional al realizar la prueba y conocer las perspectivas ante la eliminación de la PAU...

‣ Equidade na Educação Superior no Brasil: Uma Análise Multinomial das Políticas Públicas de Acesso

Rossetto,Cristina B. de Souza; Gonçalves,Flávio de Oliveira
Fonte: Instituto de Estudos Sociais e Políticos (IESP) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) Publicador: Instituto de Estudos Sociais e Políticos (IESP) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2015 Português
Relevância na Pesquisa
98.48595%
O presente artigo avalia, sob a base do conceito de igualdade de oportunidades, a coerência das políticas de cotas ProUni e FIES como geradoras de equidade no acesso ao ensino superior. Essas políticas têm em comum o fato de destinarem-se a parcelas específicas do alunado. Na rede privada, onde estão 75% do alunado, 18% acessam as políticas públicas de incentivo ao ingresso. A rede pública oferece vagas gratuitas e cerca de 10% dos alunos são cotistas. Segundo o critério de igualdade de oportunidades, a política deve compensar os indivíduos por limitações que estão fora do seu controle. Estatísticas descritivas e um modelo logit multinomial, utilizando microdados do Enade de 2008 a 2010, evidenciam que o sistema de acesso não oferece os mesmos benefícios para pessoas com condições de competição semelhantes. Destarte, a incoerência de incentivos da política pública desfavorece principalmente alunos da rede privada. Assim sendo, o artigo apresenta, finalmente, uma discussão de possibilidades de reforma.

‣ Informação e Igualdade de oportunidades. Narrativa de um caso prático.

Fernandes, Judite Canha; CIPA- Centro de Informação, Promoção e Acompanhamento de Políticas de Igualdade
Fonte: Actas do Congresso Nacional de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas Publicador: Actas do Congresso Nacional de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; article Formato: application/pdf
Publicado em 30/03/2007 Português
Relevância na Pesquisa
89.04229%
Propomos nesta comunicação descrever em síntese o processo de concepção, construção, implementação e animação do CIPA - Centro da Informação, Promoção e Acompanhamento de Políticas de Igualdade, que resultou de uma candidatura ao Programa de Iniciativa Comunitária INTERREG III B - Açores, Madeira e Canárias, no âmbito do Projecto "VIOLETA". Nos Açores, o "VIOLETA" foi promovido pelo Instituto de Acção Social e gerido pela Novo-Dia, Associação para Mulheres e Jovens em Risco. Após a conclusão do projecto, tornou-se uma valência da Associação Novo Dia e conta com três técnicas afectas: uma técnica superior BAD (a tempo parcial), uma socióloga e uma animadora sociocultural (a tempo inteiro). O CIPA tem o seu espaço físico em São Miguel, Açores, e o seu catálogo disponível em www.cipavioleta.org. Enquadra-se na definição de “Centro de Documentação Especializado”, embora face ao contexto contemporâneo da Sociedade da Informação, seja melhor definido com um Centro de Informação com uma valência de biblioteca tradicional e digital (mista). Disponibiliza informação nas seguintes áreas temáticas: Antropologia; Ciência; Conflito social/Violência; Direito; Família; Gestão; Estatística/demografia; Filosofia; Língua/Literatura; Media; Política; Política da União Europeia; Saúde; Sexualidade; Sociologia; Teologia/Religião e Trabalho O CIPA trabalha com informação...

‣ Desigualdade de oportunidades no Brasil : uma decomposição quantílica contrafactual; Inequality of opportunities in Brazil : quantile estimates of counterfactual distribution

Figueiredo, Erik Alencar de; Silva, Cleiton Roberto da Fonseca
Fonte: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) Publicador: Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)
Tipo: Pesquisa e Planejamento Econômico (PPE) - Artigos
Português
Relevância na Pesquisa
98.3673%
O objetivo deste estudo é mensurar a desigualdade de oportunidades brasileira. Para tanto, utilizam-se a abordagem teórica desenvolvida por Bourguignon, Ferreira e Menéndez (2007) e uma estratégia empírica baseada na conjugação do método de geração de contrafactuais de Chernozhukov, Fernández-Val e Melly (2009) com as inferências quantílicas sob má especificação propostas por Angrist, Chernozhukov e Fernández-Val (2006). Os resultados indicam que variáveis como educação e ocupação dos pais, raça e região de nascimento produzem efeitos expressivos (diretos e indiretos) sobre a renda dos indivíduos. Em resumo, a proporção da desigualdade de oportunidades na desigualdade total brasileira pode variar entre 29% e 35%.; p. 41-60

‣ House of Representatives: democracy and equal opportunities between women and men?; Camara dos Deputados: democracia e igualdade de oportunidades entre mulheres e homens?

Zauli, Amanda; Torres, Claudio Vaz; Galinkin, Ana Lucia
Fonte: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia Publicador: Universidade de São Paulo. Instituto de Psicologia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
88.89017%
This research analyzed women's opportunities in terms of equality in the occupation of high leadership positions in the Brazilian House of Representatives. The field research was carried out from November 2005 to January 2006 and the survey comprised 1,320 respondents. The Perception Scale of Equal Opportunities Between Women and Men was applied to analyze the attitude of public servants with regard to women's ascension possibilities and limitations within the position structure of the organization. The scale consisted of 34 items, with Likert-style responses, and 6 items on demographic data. Data collection was carried out using the internal computer network of the House of Representatives, through an e-mail sent to the 3,597 effective public servants. Data underwent principal component analysis (PCA), promax rotation, with meritorious results (KMO = 86.0; Bartlett:14894.879), to 4 factors. Differences between men and women were observed with regard to the scores obtained. The opportunities of occupying a high leadership position are smaller for women than men. There are more male managers, and the public servants, especially women who don't occupy chief positions, notice that there're no equal opportunities between employees of both sexes.; Esta pesquisa analisou as oportunidades das mulheres em termos de igualdade na ocupação de cargos de alta chefia na Câmara dos Deputados. A pesquisa de campo foi realizada entre novembro de 2005 e janeiro de 2006 e a amostra abrangeu 1.320 participantes. A Escala de Percepção de Igualdade de Oportunidades entre Mulheres e Homens foi aplicada para analisar a atitude dos servidores quanto a possibilidades e limites de ascensão da mulher na estrutura de cargos da organização. A escala constava de 34 itens...

‣ Qualidade docente e eficácia escolar; The quality of teachers as a factor in school efficiency

Paul, Jean-Jacques; Barbosa, Maria Ligia de Oliveira
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2008 Português
Relevância na Pesquisa
88.48134%
Este texto visa a explorar uma faceta do funcionamento do sistema escolar que permite associar a implementação de políticas públicas, no caso, a distribuição dos professores pelas escolas e salas de aula, e à avaliação dos impactos dessa distribuição do ponto de vista da busca por maior igualdade de oportunidades. Para discutir essa questão, usaremos os dados de pesquisa realizada no Brasil, na Argentina, no Chile e no México, com informações de 96 escolas e professores, assim como de 2048 alunos de 4ª série que estudavam em escolas situadas em bairros pobres de Belo Horizonte, Buenos Aires, Santiago e Guanajuato. Inicialmente, discutimos alguns dos elementos das políticas educacionais latino-americanas e o lugar dado por elas aos professores, salientando as relações estabelecidas entre eficiência, justiça e eqüidade pelas políticas públicas modernas. A pesquisa econômica e sociológica sobre os docentes tem evidenciado que certas características dos professores podem ter impactos sobre o desempenho de estudantes provenientes de grupos sociais distintos, particularmente sua experiência. Os dados mencionados permitiram verificar que a distribuição dos professores pelas turmas da amostra tenderia a reduzir a igualdade de oportunidades educacionais...

‣ A igualdade de oportunidades nas competições eleitorais: reflexões a partir da teoria da justiça como equidade de John Rawls

Oliveira, Marcelo Roseno de
Fonte: TRE/PR e UFPR Publicador: TRE/PR e UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 24/08/2015 Português
Relevância na Pesquisa
108.78935%
Constitui objeto do presente artigo examinar aspectos da teoria da justiça como equidade de John Rawls, garantindo especial enfoque à questão das liberdades políticas e à igualdade equitativa de oportunidades quanto ao acesso aos cargos públicos, observado o contexto de nações democráticas que realizam eleições periódicas para renovar os cargos de governo, buscando identificar as influências e implicações teóricas sobre o conteúdo do que se identifica atualmente como princípio da igualdade de oportunidades nas competições eleitorais

‣ O Programa Pró-Equidade de Gênero: uma experiência de política pública para a promoção da igualdade de oportunidades e tratamento; Gender Pro-Equity Program: a public policy experience towards the promotion of equal opportunities and treatment

Abramo, Laís
Fonte: UnB-BCE Publicador: UnB-BCE
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Avaliado por pares; ; Formato: application/pdf
Publicado em 14/08/2009 Português
Relevância na Pesquisa
88.51779%
Os alcances da primeira edição do Programa Pró-Equidade de Gênero, implementado no contexto do Plano Nacional de Políticas para as Mulheres (PNPM), são apresentados e discutidos como instrumento de promoção da igualdade de gênero em grandes empresas públicas do setor eletro-energético. O programa, coordenado pela Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres da Presidência da República, é uma iniciativa do governo federal, mas está baseada na adesão voluntária das empresas. A análise tem como base, o exame de documentos produzidos pela Secretaria e pelas empresas participantes do Programa e as entrevistas em profundidade com gestoras da SPM e membros dos Comitês de Gênero das empresas participantes. Em alguns casos, os planos de ação das empresas abrangeram suas cadeias de relacionamento, formadas por outras empresas de diferentes tipos e tamanhos; em outros, incluíram a promoção da igualdade racial em articulação com a questão da igualdade de gênero.; This text aims to present and discuss the outcomes of the Gender Pro-Equity Program, a federal initiative developed within the National Plan for Policies on Women, under the coordination of Presidency of Republic’s Special Secretariat for Policies on Women. The Program...