Página 1 dos resultados de 2 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

‣ En torno a la interculturalidad: reflexiones sobre cultura y comunicaci??n para la did??ctica de la lengua

Trujillo S??ez, Fernando
Fonte: Universidad de Granada Publicador: Universidad de Granada
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
17.173743%
La definici??n conceptual determina nuestra reflexi??n y nuestra acci??n. Por ello, una clara comprensi??n del concepto de ???cultura??? y sus derivados nos ayudar?? a programar e implementar una ense??anza de la lengua desde la perspectiva intercultural. Este art??culo pretende clarificar las definiciones de cultura, multiculturalidad, pluriculturalidad e interculturalidad; a modo de conclusi??n, se proponen dos l??neas generales de actuaci??n en educaci??n ling????stica coherentes con esta definici??n conceptual: la concienciaci??n cultural y la socializaci??n rica.; The definition of concepts determines our reflection and our action. Therefore, a clear understanding of the concept of ???culture??? and its derivations will help us plan and implement our language teaching from an intercultural perspective. This article aims at clarifying the definitions of culture, multiculturalism, pluriculturalism and interculturality; as a conclusion, two general lines of action in language education are proposed coherent with those definitions: culture awareness and rich socialization.

‣ Etnicidade, subclasse e exclusâo social: uma comunidade cigana em Oleiros Vilaverde - Noroeste de Portugal

Silva, Manuel Carlos; Silva, Susana
Fonte: Universidade da Coruña Publicador: Universidade da Coruña
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
17.173743%
[Resumo] : Neste artigo os autores, partindo de resultados de estudos, inquéritos, sondagens e de um pequeno estudo etnográfico realizado em Oleiros, concelho de Vila Verde, uma comunidade do noroeste de Portugal, constatam a persistência de preconceitos e discriminações por parte de portugueses não ciganos para com ciganos portugueses. Tais factos indiciam que Portugal, apesar de ser multicultural e ter registado alguns avanços em termos seculares na relação com a minoria cigana secularmente presente, perseguida, estigmatizada, tem ainda dificuldade em lidar com a diferença, convertendo esta em subalternização e tratamento discriminatório para com esta minoria. Depois de definir e equacionar os conceitos de etnicidade, subclasse e exclusão social, os autores consideram-nos pertinentes e aplicáveis às relações sociais entre maioria não cigana e minoria cigana, não obstante a relativa ambiguidade nomeadamente dos conceitos de subclasse e exclusão social. Perante as formas de exclusão social nas suas formas institucional e social e, eventualmente, a condescendência paternalista ou o multiculturalismo benigno, importa salientar a necessidade de contrapor um multiculuralismo crítico aliado a um combate às diversas formas de discriminação e racismo não só flagrante como subtil.; [Abstract] In this article the authors...