Página 1 dos resultados de 6366 itens digitais encontrados em 0.052 segundos

‣ Effect of the duration of daily aerobic physical training on cardiac autonomic adaptations

SANT`ANA, Janaina E.; PEREIRA, Marilia G. A. G.; SILVA, Valdo J. Dias da; DAMBROS, Camila; COSTA-NETO, Claudio M.; SOUZA, Hugo C. D.
Fonte: ELSEVIER SCIENCE BV Publicador: ELSEVIER SCIENCE BV
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
67.35519%
The present study has investigated in conscious rats the influence of the duration of physical training sessions on cardiac autonomic adaptations by using different approaches; 1) double blockade with methylatropine and propranolol; 2) the baroreflex sensitivity evaluated by alternating bolus injections of phenylephrine and sodium nitroprusside; and 3) the autonomic modulation of HRV in the frequency domain by means of spectral analysis. The animals were divided into four groups: one sedentary group and three training groups submitted to physical exercise (swimming) for 15, 30, and 60 min a day during 10 weeks. All training groups showed similar reduction in intrinsic heart rate (IHR) after double blockade with methylatropine and propranolol. However, only 30-min and 60-min physical training presented an increase in the vagal autonomic component for determination of basal heart rate (HR) in relation to group sedentary. Spectral analysis of HR showed that the 30-min and 60-min physical training presented the reduction in low-frequency oscillations (LF = 0.20-0.75 Hz) and the increase in high-frequency oscillations (HF = 0.75-2.5 Hz) in normalized units. These both groups only showed an increased baroreflex sensitivity to tachycardiac responses in relation to group sedentary...

‣ Influência do treinamento físico na resposta trófica do músculo sóleo e na resistência mecânica das tíbias de ratos ; Physical training of the soleus muscle and mechanical properties of the rat tibia

Oliveira, Dean Azevedo Rodrigues de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 28/04/2006 Português
Relevância na Pesquisa
67.269116%
Frente ao treinamento físico, o organismo está sujeito a alterações anatomofisiológicas em vários sistemas, especialmente o sistema músculo-esquelético. Pretendeu-se, descrever alterações no trofismo muscular do sóleo e das propriedades mecânicas das tíbias de ratos submetidos a treinamento físico em esteira rolante (TFER), bem como analisar estas relações com o tempo de treinamento. Utilizou-se de 40 ratos (20 treinados e 20 controles) da linhagem Wistar, treinados 60 min/dia, 5 dias por semana, durante 3, 6, 9 e 12 semanas, totalizando 8 grupos de 5 ratos cada. Os grupos controles foram submetidos aos mesmos procedimentos experimentais, com exceção da aplicação do treinamento físico. Após o sacrifício, o tecido muscular foi retirado unilateralmente, congelado e, posteriormente foram corados pela técnica de Hematoxilina e Eosina, para análise das áreas das fibras musculares. Para análise das propriedades mecânicas, 80 tíbias (direita e esquerda) foram medidas e pesadas e, posteriormente, realizados os ensaios de flexão em três pontos para obtenção das propriedades de carga máxima e rigidez. Após aplicação do teste ANOVA, quando comparados os grupos treinados (T) e não treinados (NT) encontramos que o TFER altera...

‣ Efeitos do treinamento físico sobre a modulação autonômica da freqüencia cardíaca e a capacidade aeróbia de mulheres pós-menopausa sem o uso e em uso de terapia hormonal.; Effects of physical training on autonomic modulation of heart rate and the aerobic capacity of postmenopausal women using and not using hormone therapy.

Sakabe, Daniel Iwai
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 12/06/2007 Português
Relevância na Pesquisa
67.17075%
O hipoestrogenismo, decorrente da fase pós-menopausa, determina uma série de alterações físicas, psicológicas e metabólicas na mulher, com piora significativa em sua qualidade de vida. No entanto, são os efeitos da deficiência estrogênica a longo prazo que mais preocupam, pois podem levar a comprometimentos importantes, como as doenças cardiovasculares. Desta maneira, a terapia hormonal (TH) e o treinamento físico têm surgido como esquemas terapêuticos úteis para o controle das alterações presentes na pós-menopausa. Objetivos: o presente estudo teve como objetivos avaliar a modulação autonômica da freqüência cardíaca (FC) e a capacidade aeróbia de mulheres pós-menopausa em uso ou não de TH, antes e após um programa de treinamento físico (PTF). Casuística e Métodos: foram estudadas 18 mulheres sedentárias, divididas em 2 grupos, sendo: Grupo controle - 10 mulheres na pós-menopausa (50 a 60 anos) sem TH; Grupo TH - 8 mulheres na pós-menopausa (50 a 60 anos) com TH (valerato de estradiol + levonorgestrel). Ambos os grupos foram avaliados em dois momentos distintos: antes (avaliação) e após (reavaliação) um PTF de 3 meses de duração. Tanto na avaliação, como na reavaliação, as voluntárias foram submetidas a dois protocolos experimentais: protocolo 1 - para avaliação da modulação autonômica da FC...

‣ Efeito do treinamento físico nos marcadores inflamatórios em pacientes com insuficiência cardíaca; Effect of physical training in inflammatory markers in patients with heart failure

Canavesi, Nancy Meyer Vassão
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 18/08/2009 Português
Relevância na Pesquisa
67.264946%
Em pacientes com insuficiência cardíaca crônica podemos observar um aumento da atividade inflamatória, caracterizada por aumento de proteínas de fase ativa, citocinas circulantes e ativação de células do sistema imune. É descrito também que o exercício físico beneficia esses pacientes, porém ainda não está claro se esse benefício ocorre através da modulação do processo inflamatório no sistema cardiovascular. Assim, o objetivo deste estudo foi investigar, em pacientes com insuficiência cardíaca, o efeito do treinamento físico sobre a disfunção ventricular, avaliada pelo quadro clínico e ecocardiograma, e sobre vias de sinalização envolvidas no processo inflamatório cardiovascular, como CD40/CD40L, IL-6, TNF-alfa e PPARs. Foram selecionados dezoito pacientes com diagnóstico de IC, todos classificados com classe funcional II, com idade 57,17±2,9 anos. Os pacientes foram randomizados em dois grupos: grupo controle, que permaneceu sedentário e grupo treino, onde os pacientes foram treinados três vezes por semana, em cicloergômetro, durante 60 minutos por quatro meses. Os marcadores inflamatórios plasmáticos, CD40L, IL-6, TNF-alfa foram dosados por ELISA e a expressão de mRNA de CD40 e PPARs alfa e y em leucócitos circulantes pela técnica de RT-PCR. A função cardíaca foi avaliada pelo ecocardiograma...

‣ Expressão de microRNAs no coração de ratos espontaneamente hipertensos (SHR) submetidos a treinamento físico aeróbio; Expression of microRNAs in the heart of spontaneously hypertensive rats (SHR) submitted to aerobic physical training

Amadeu, Marco Aurélio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 22/11/2011 Português
Relevância na Pesquisa
67.241465%
A hipertrofia cardíaca é um dos principais mecanismos de adaptação do coração frente a uma sobrecarga de trabalho e pode advir de estímulos patológicos como a hipertensão arterial levando a um prejuízo funcional ou por estímulos fisiológicos como o treinamento físico que por outro lado, promove adaptações benéficas no coração. Na última década uma nova classe de moléculas, os miRNAs, vem sendo estudada como reguladores da expressão gênica em diversos tipos celulares, inclusive os cardiomiócitos. Entretanto, estudos sobre a participação de miRNAs nas adaptações induzidas pelo treinamento físico ainda são escassos. O presente trabalho teve como principal objetivo avaliar o efeito do treinamento físico aeróbio no perfil de expressão de miRNAs no coração de ratos espontaneamente hipertensos (SHR) bem como selecionar miRNAs com padrão alterado no SHR e revertido pelo treinamento físico e analisar seu papel funcional através de aplicativos de bioinformática. Os animais foram divididos em três grupos: ratos espontaneamente hipertensos sedentários (SHR-S), SHR treinados (SHR-T) e um grupo normotenso sedentário (WKY-S). O grupo SHR-T desempenhou um protocolo de treinamento de natação de 60 minutos...

‣ Potencial do treinamento físico para a prevenção de distúrbios metabólicos induzidos por dieta hipercalórica; Potential of physical training for the prevention of metabolic disorders induced by hypercaloric diet

Mazzucatto, Flávio
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 06/06/2013 Português
Relevância na Pesquisa
67.17075%
O aumento do consumo de alimentos ricos em gorduras e carboidratos associado à reduzida prática de exercícios físicos pode ter como consequência o desenvolvimento da obesidade e de distúrbios metabólicos, tais como intolerância à glicose, resistência à insulina, diabetes tipo 2 e dislipidemias. O músculo esquelético contribui diretamente para o desenvolvimento e progressão dos distúrbios metabólicos, especialmente em decorrência da disfunção mitocondrial. Uma das ferramentas amplamente utilizada para o tratamento de distúrbios metabólicos é o treinamento físico, pois promove adaptações metabólicas no sentido oposto aos prejuízos metabólicos induzidos por dietas hipercalóricas. O presente estudo teve por objetivo avaliar se o treinamento físico aeróbio seria capaz de prevenir o desenvolvimento de distúrbios metabólicos induzidos por dieta hipercalórica composta por ração de cafeteria mais frutose e sacarose diluídas em água de beber em camundongos, e se essa resposta seria mediada por adaptações no músculo esquelético. Os resultados obtidos revelaram que o treinamento físico aeróbio preveniu os distúrbios metabólicos induzidos por dieta hipercalórica, tais como deposição de gordura, hiperfagia...

‣ Efeitos de um programa de treinamento físico na capacidade física, broncoespasmo induzido pelo exercício e qualidade de vida de crianças com asma persistente moderada e grave; Effects of a physical training program on physical capacity, exercise-induced bronchoconstriction and quality of life of children with moderate and severe persistent asthma

Galvani, Adriana Fanelli
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/08/2004 Português
Relevância na Pesquisa
67.334062%
A maioria das crianças asmáticas apresenta dispnéia ao realizar exercícios, fazendo com que elas evitem a prática esportiva e apresentem uma redução no condicionamento físico. Isto, por sua vez, restringe a sua independência física e emocional, podendo, assim, deteriorar a sua qualidade de vida. Em vista disto, o presente estudo tem por objetivo avaliar: a capacidade física, a broncoconstrição induzida pelo exercício, a qualidade de vida e a ingesta de medicamentos. Foram estudadas 38 crianças, de ambos os sexos, divididas em dois grupos: um composto de crianças com asma moderada/grave corticóide dependentes, submetidas a um programa de educação (grupo controle), e o outro constituído de crianças, de mesmas características, submetidas a um programa de educação e a um outro de treinamento físico (grupo treinado). O programa educacional para crianças e pais ou responsáveis teve duração total de quatro horas, distribuídas em duas sessões de duas horas cada. Antes do período educacional, elas foram clinicadas e medicadas por um pneumologista que adequou o tratamento medicamentoso até estabilizar o quadro clínico dos pacientes. Foram avaliados: a performance aeróbica avaliada pelo teste ergoespirométrico...

‣ Influence of moderate physical training on the GH/IGF-1 axis in diabetic rats

Gomes, R. J.; Caetano, F. H.; Mello, M. A. R.; Luciano, E.
Fonte: Inst Sport Publicador: Inst Sport
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 291-301
Português
Relevância na Pesquisa
67.241465%
The influence of moderate physical training on serum growth hormone (GH), insulin-like growth factor -1 (IGF-1) and binding protein ( IGFBP-3) in experimental diabetic rats was investigated. Male Wistar rats were divided into 4 groups, sedentary control (SC), trained control (TC), sedentary diabetic (SD) and trained diabetic (TD). Experimental diabetes was induced of Alloxan (35mg/b.w.) the training program consisted by swimming 5 days/week, 1 h/day, supporting a load of 2.5% b.w., during 6 weeks. Then, the rats were sacrificed and blood was collected for determinations of serum glucose, insulin, GH, IGF-1 and IGFBP-3. Samples of liver were used to evaluate glycogen, protein and DNA contents. The results were analyzed by ANOVA, and Bonferroni test and the significance level was set at 2.5%. Diabetes decreased serum GH, IGF-1, IGFBP-3 and liver glycogen stores in SD group. Physical training promoted increase in serum IGF-1 in both TC and TD groups (SC=82 +/- 15; TC= 1 03 +/- 13; SD=77 +/- 16; TD= 112 +/- 29 ng/ml) and liver glycogen store in TD group when compared to SD (SC=5.2 +/- 1.2; TC= 6.2 +/- 1; SD=2 +/- 0.5; TD=5 +/- 1.8 mg/100mg). Therefore, physical training contributes to the increase in liver glycogen content and to rise of insulin-like growth factor level in diabetic rats. It was concluded that moderate physical training promotes important adaptations related to GH-IGF-1 axis in diabetic organisms.

‣ Effects of physical training on the immune system in diabetic rats

Crespilho, Daniel Maciel; Curiacos de Almeida Leme, Jose Alexandre; Rostom de Mello, Maria Alice; Luciano, Eliete
Fonte: Medknow Publications Publicador: Medknow Publications
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 33-37
Português
Relevância na Pesquisa
67.17996%
Aims: This study aims to investigate the influence of physical training on the immune system of diabetic rats. Materials and Methods: Adult male Wistar rats were distributed into Sedentary Control (SC), Trained Control (TC), Sedentary Diabetic (SD) and Trained Diabetic (TD) groups were used. Diabetes was induced by alloxan (32 mg/bw-i.v.). Training protocol consisted of swimming, at 32 18C, one hour/day, five days/week, supporting an overload equivalent to 5 of the body weight, during four weeks. At the end of the experiment the rats were sacrificed by decapitation and blood samples were collected for glucose, insulin, albumin, hematocrit determinations, total and differential leukocyte counting. Additionally, liver samples for glycogen analyses were obtained. Results: The results were analyzed by one way at a significance level of 5. Diabetes reduced blood insulin, liver glycogen stores and increased blood glucose and neutrophil count. Physical training restored glycemia, liver glycogen levels, neutrophils and lymphocytes count in diabetic rats. Conclusions: In summary, physical training was able to improve metabolic and immunological aspects in the experimental diabetic rats.

‣ Effects of physical training on serum and pituitary growth hormone contents in diabetic rats

Curiacos de Almeida Leme, Jose Alexandre; de Araujo, Michel Barbosa; de Moura, Leandro Pereira; Gomes, Ricardo Jose; de Moura, Rodrigo Ferreira; Rogatto, Gustavo Puggina; Rostom de Mello, Maria Alice; Luciano, Eliete
Fonte: Springer Publicador: Springer
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 304-308
Português
Relevância na Pesquisa
67.21102%
The present study investigated the effects of moderate physical training on some of the parameters in the GH-IGF axis in experimental diabetic rats. Male Wistar rats were allocated into the following groups: sedentary control, trained control, sedentary diabetic, trained diabetic. Diabetes was induced by alloxan (32 mg/kg, b.w. iv). The physical training protocol consisted of 1 h swimming session/day, 5 days/week for 8 weeks supporting a load corresponding to 90% of maximal lactate steady state. After the experimental period, blood was collected to measure serum glucose, insulin, triglycerides, albumin, insulin-like growth factors-I (IGF-I), and growth hormone (GH). Pituitary gland was removed for GH quantification. Diabetes increased blood glucose and triglycerides and decreased insulin, IGF-I, serum and pituitary GH. Physical training decreased glucose and triglycerides, and also counteracted the reduction of serum IGF-I in diabetic rats. In conclusion, physical training recovered serum IGF-I showing no alteration of serum or pituitary GH levels.

‣ Ultrastructural alterations in colon absorptive cells of alloxan-induced diabetic rats submitted to long-term physical training

Remedio, Rafael N.; Barbosa, Rodrigo A.; Castellar, Alexandre; Gomes, Ricardo J.; Caetano, Flávio Henrique
Fonte: Wiley-Blackwell Publicador: Wiley-Blackwell
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 1305-1312
Português
Relevância na Pesquisa
67.241465%
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES); Absorptive cells have notable importance for proper function of the colon, absorbing water and nutrients. In type I diabetes, hyperglycemia leads to remarkable alterations in cell structure. In absorptive cells, such changes may impair the function of the organ as a whole. Also, the effects of physical training, which plays crucial role in the treatment of diabetes, are not yet known in these cells. For this reason, to analyze the changes in colon epithelial absorptive cells of diabetic rats and the effects of physical training, Wistar rats were divided into four groups: sedentary control (SC), trained control (TC), sedentary diabetic (SD), and trained diabetic (TD). The training protocol consisted of swimming for 60 min a day, 5 days per week, during 8 weeks. Colon samples were collected, processed, and evaluated by histochemical and ultrastructural techniques. Although histochemical analysis did not reveal major differences, significant morphological differences were ultrastructurally observed among groups, especially related to the structure of tight junctions, interdigitations, and microvilli, which became longer in diabetics, and whose length was reduced after physical training...

‣ Moderate physical training increases brain insulin concentrations in experimental diabetic rats

De Almeida Leme, J. A C; Gomes, Ricardo José; De Mello, Maria Alice Rostom; Luciano, Eliete
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 443-446
Português
Relevância na Pesquisa
67.17996%
Insulin is an important modulator of growth and metabolic function in the central nervous system. The aim of this study was to investigate the influence of swimming physical training (at 32̈±1̈C, 1 hr/day, 5 days/week, with an overload equivalent to 5% of the body weight, for 4 weeks) on brain insulin concentrations in alloxan induced type 1 diabetic rats. Training attenuated hyperglycemia but had no effect on insulinemia in diabetic rats. Hematocrit and blood albumin values remained without changes. Brain insulin did not change in diabetic rats. However, physical training increased the concentration in both control and diabetic rats. It is concluded that in the present experimental conditions, diabetes had no influence on brain insulin, however moderate physical training increased the hormone in both control and diabetic animals.

‣ Histochemical and ultrastructural analysis of hepatic glycogen and collagen fibers in alloxan-induced diabetic rats submitted to long-term physical training

Remedio, R. N.; Barbosa, R. A.; Castellar, A.; Gomes, R. J.; Caetano, F. H.
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 207-215
Português
Relevância na Pesquisa
67.26529%
Alterations in liver functions are common among diabetic patients, and many symptoms in the liver have been reported, including changes in glycogen stores and in the amount of collagen fibers. The practice of physical training and its morphological effects in this organ, however, are scarcely studied. In order to observe the morphological effects of alloxan-induced diabetes and the alterations arising from the practice of long-term chronic physical training in the liver, samples were collected and processed, and then analyzed by means of the histochemical techniques Periodic Acid-Schiff and Picrosirius-Hematoxylin, and ultrastructural cytochemical test of Afzelius. Through evaluation of the tissue, it was observed a drastic reduction in hepatic glycogen stores of sedentary diabetics, recovered in trained diabetic rats. Furthermore, it was detected a decrease in the content of perisinusoidal collagen fibers in the diabetic liver, also recovered due to the development of a training protocol. On ultrastructural level, cytochemical analysis confirmed the loss of glycogen and the recovery obtained by training. In conclusion, the practice of a long-term chronic physical training protocol may be considered an important assistant in the treatment of diabetes...

‣ Influencia do treinamento fisico na função eretil de ratos com deficiencia cronica de oxido nitrico; Influence of physical training in the erectile function of chronic NO-defficient rats

Mario Angelo Claudino
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 20/06/2008 Português
Relevância na Pesquisa
67.33639%
A disfunção erétil é definida como a incapacidade de alcançar ou manter ereção peniana adequada para a satisfação sexual, e ocorre em graus variáveis prejudicando a qualidade de vida do homem. A disfunção erétil está associada a fatores de risco como doenças cardiovasculares, hipertensão arterial, diabetes mellitus, hipercolesterolemia, envelhecimento, tabagismo e sedentarismo. O óxido nítrico (NO) é o principal mediador do relaxamento do músculo liso peniano. Evidências clínicas e experimentais indicam que a redução da disponibilidade de NO ou da reatividade ao NO endógeno leva à disfunção endotelial. Trabalhos recentes mostram que parte dos benefícios da atividade física regular no sistema cardiovascular é intensificar a produção de NO e/ou expressão da NOS pelas células endoteliais. Dessa forma, usando o modelo de inibição crônica da síntese de NO em ratos pelo L-NAME, investigamos os efeitos do treinamento físico regular na função erétil de ratos. Na primeira etapa, estudamos a influência do treinamento físico na função erétil de ratos saudáveis normotensos. Na segunda etapa, estudamos a influência do pré-condicionamento físico na função erétil de ratos submetidos a bloqueio crônico de NO. Na terceira etapa...

‣ Efeitos de diferentes protocolos de treinamento físico sobre o controle autonômico e cardiorrespiratório em homens de meia-idade; Effects of different physical training protocols on autonomic and cardiorespiratory controls in middle-aged men

Sabrina Toffoli Leite
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 22/10/2010 Português
Relevância na Pesquisa
67.39802%
As adaptações autonômicas e cardiorrespiratórias decorrentes do treinamento físico aeróbio já se encontram bem sustentadas pela literatura, como por exemplo, a ocorrência da bradicardia de repouso. No entanto, outros protocolos de treinamento, como o treinamento com pesos, ainda são questionados sobre as adaptações obtidas, principalmente com relação à resposta dos sistemas nervoso autônomo e cardiorrespiratório. Ainda, em outro tipo de programa de treinamento, o concorrente (aeróbio e pesos associados) as respostas adaptativas são ainda menos esclarecidas e evidenciam-se os questionamentos quanto à carga ideal de treinamento para a aquisição de adaptações proporcionais aos protocolos de treinamento isolados. Com isso, este trabalho objetivou comparar as adaptações autonômicas cardiovasculares em resposta a diferentes protocolos de treinamento físico em homens entre 40 e 60 anos, com hábitos de vida não ativos. Os voluntários foram subdivididos em 4 grupos, sendo três de treinamento (grupos: aeróbio (GTA), com pesos (GTP) e concorrente (CTC)) e um grupo controle (GC). Antes e após 16 semanas do protocolo experimental, os voluntários foram submetidos à avaliação dos componentes autonômicos cardiovasculares expressos pela variabilidade da frequência cardíaca (no domínio do tempo e da freqüência)...

‣ Moderate intensity physical training accelerates healing of full-thickness wounds in mice

Zogaib,F.G.; Monte-Alto-Costa,A.
Fonte: Associação Brasileira de Divulgação Científica Publicador: Associação Brasileira de Divulgação Científica
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2011 Português
Relevância na Pesquisa
67.326304%
Physical training influences the cells and mediators involved in skin wound healing. The objective of this study was to determine the changes induced by different intensities of physical training in mouse skin wound healing. Ninety male C57BL6 mice (8 weeks old, 20-25 g) were randomized into three physical training groups: moderate (70% VO2max), high (80% VO2max), and strenuous intensity (90% VO2max). Animals trained on a motorized treadmill for 8 weeks (Elesion: physical training until the day of excisional lesion, N = 10) or 10 weeks (Eeuthan: physical training for 2 additional weeks after excisional lesion until euthanasia, N = 10), five times/week, for 45 min. Control groups (CG) trained on the treadmill three times/week only for 5 min (N = 10). In the 8th week, mice were anesthetized, submitted to a dorsal full-thickness excisional wound of 1 cm², and sacrificed 14 days after wounding. Wound areas were measured 4, 7, and 14 days after wounding to evaluate contraction (d4, d7 and d14) and re-epithelialization (d14). Fragments of lesion and adjacent skin were processed and submitted to routine histological staining. Immunohistochemistry against alpha-smooth muscle actin (α-SMA) was performed. Moderate-intensity training (M) until lesion (M/Elesion) led to better wound closure 7 days after wounding compared to controls and M/Eeuthan (P < 0.05)...

‣ The impact of noninvasive ventilation during the physical training in patients with moderate-to-severe chronic obstructive pulmonary disease (COPD)

Toledo,Andreza; Borghi-Silva,Audrey; Sampaio,Luciana Maria Malosá; Ribeiro,Karla Paiva; Baldissera,Vilmar; Costa,Dirceu
Fonte: Faculdade de Medicina / USP Publicador: Faculdade de Medicina / USP
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2007 Português
Relevância na Pesquisa
67.42901%
OBJECTIVE: To evaluate the influence of physical training with or without noninvasive ventilation at 2 levels of pressure in the airways (BiPAP®) in patients with chronic obstructive pulmonary disease. METHODS: Eighteen patients with FEV1 = 34 ± 8% of predicted values, mean age of 68 ± 9 years were randomly distributed into 2 groups, one group performing physical training on a treadmill and the other group performing physical training associated with BiPAP® (physical training+B), for 30 minutes, 3 times a week for 12 weeks. The training velocity was based on a test of cardiopulmonary force performed pre- and postintervention, which registered the values for heart rate, systolic blood pressure, diastolic blood pressure, peripheral oxygen saturation, blood lactate, sensation of dyspnea, respiratory muscle strength, and analysis of gases expired such as oxygen consumption and the production of carbon dioxide. RESULTS: For both groups, there was a significant improvement in dyspnea and peripheral oxygen saturation at identical levels of physical exercise, in distance walked during the physical training, and in respiratory muscle strength (P < 0.05). Only the physical training+B group had a significant improvement in heart rate, systolic blood pressure...

‣ O impacto da ventilação não-invasiva no treinamento físico em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica moderada a grave; The impact of noninvasive ventilation during the physical training in patients with moderate-to-severe chronic obstructive pulmonary disease (COPD)

Toledo, Andreza; Borghi-Silva, Audrey; Sampaio, Luciana Maria Malosá; Ribeiro, Karla Paiva; Baldissera, Vilmar; Costa, Dirceu
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/01/2007 Português
Relevância na Pesquisa
67.42901%
OBJETIVO: Avaliar a influência do treinamento físico, com e sem ventilação não invasiva com dois níveis de pressão nas vias aéreas (BiPAP®), em pacientes com doença pulmonar obstrutiva crônica. MÉTODOS: Dezoito pacientes com VEF1=34±8% do previsto, idade média de 68±9 anos, foram randomicamente distribuídos em dois grupos, um grupo realizando treinamento físico em esteira e outro grupo realizando treinamento físico associado ao BiPAP® (treinamento físico+B), durante 30 minutos, 3 vezes por semana, por 12 semanas. A velocidade do treinamento foi baseada no teste cardiopulmonar realizado pré e pós-intervenção, com registro dos valores de freqüência cardíaca, pressão arterial sistólica, pressão arterial diastólica, saturação periférica de oxigênio, lactato sanguíneo, sensação de dispnéia, força muscular respiratória e análise de gases expirados como consumo de oxigênio, produção de dióxido de carbono. RESULTADOS: Em ambos os grupos houve melhora significativa na dispnéia e saturação periférica de oxigênio no mesmo nível de esforço, na distância percorrida no teste cardiopulmonar e na força muscular respiratória (p; OBJECTIVE: To evaluate the influence of physical training with or without noninvasive ventilation at 2 levels of pressure in the airways (BiPAP®) in patients with chronic obstructive pulmonary disease. METHODS: Eighteen patients with FEV1 = 34 ± 8% of predicted values...

‣ Treinamento físico: considerações práticas e científicas; Physical training: scientific and practical considerations

Roschel, Hamilton; Tricoli, Valmor; Ugrinowitsch, Carlos
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Educação Física e Esporte Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Educação Física e Esporte
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2011 Português
Relevância na Pesquisa
67.342812%
O treinamento físico é uma importante área de atuação profissional da Educação Física e do Esporte. Ela tem por objetivo precípuo, a melhoria do desempenho físico-esportivo através da aplicação de um processo organizado e sistemático composto por exercícios físicos. Nos últimos anos, os progressos tecnológicos e nos métodos de investigação científica nas diferentes subáreas relacionadas ao treinamento físico trouxeram um avanço significativo na obtenção deste objetivo. Neste artigo será discutido, do ponto de vista acadêmico-científico e também da prática profissional, o estado da arte do conhecimento associado à avaliação do treinamento, ao controle da carga de treinamento, aos modelos de organização da carga de treinamento e ao desenvolvimento das capacidades motoras. Esperamos que ao final, o leitor possa ter um bom entendimento destes diferentes componentes, como eles contribuem para a modificação do desempenho motor e como aplicá-los para a elaboração, implementação, avaliação e reformulação de programas de treinamento físico.; Physical training is an important field of work for the Physical Education and Sport professional. Its main goal is to develop the physical capacity and sports performance of an individual by means of an organized and systematic application of physical exercises. In the past years...

‣ Efeito de diferentes freqüências de exercício físico na prevenção da dislipidemia e da obesidade em ratos normo e hipercolesterolêmicos; Effect of physical training frequency on obesity and dyslipidemia prevention in normo and hypercholesterolemic rats

Cheik, Nádia Carla; Guerra, Ricardo Luís Fernandes; Viana, Fabiana Pavan; Rossi, Elizeu Antônio; Carlos, Iracilda Zeponne; Vendramini, Regina; Duarte, Ana Cláudia Garcia De Oliveira; Dâmaso, Ana Raimunda
Fonte: Universidade de São Paulo. Escola de Educação Física e Esporte Publicador: Universidade de São Paulo. Escola de Educação Física e Esporte
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2006 Português
Relevância na Pesquisa
67.146895%
Inúmeros relatos científicos têm demonstrado os benefícios dos exercícios físicos realizados regularmente (três a cinco dias/semana), no entanto, os efeitos do treinamento realizado dois dias/semana tem sido negligenciado. Desta forma, o presente estudo objetivou comparar os ajustes fisiológicos crônicos decorrentes do treinamento físico realizado dois e cinco vezes/semana consecutivamente sobre o metabolismo e o perfil lipídico de ratos normo e hipercolesterolêmicos. Foram utilizados 48 ratos adultos da linhagem Wistar, sendo divididos em seis grupos, a saber; Dieta padrão: Grupo Sedentário (SP), Grupo Treinado cinco vezes/semana (TP5) e Grupo Treinado dois vezes/semana (TP2); Dieta hipercolesterolêmica: Grupo Sedentário (SH), Grupo Treinado cinco vezes/semana (TH5) e Grupo Treinado duas vezes/semana (TH2). Após oito semanas de tratamento os ratos foram sacrificados, o plasma e os tecidos adiposos brancos retroperitoneal (RET) e epididimal (EPI) foram pesados e estocados para posteriores análises bioquímicas e morfométricas. Nos animais alimentados com dieta hipercolesterolêmica, o treinamento físico realizado de duas e cinco vezes/semana promoveu a redução do peso corporal, do peso e do diâmetro dos adipócitos do EPI e RET...