Página 1 dos resultados de 288 itens digitais encontrados em 0.009 segundos

‣ Panorama atual dos repositórios institucionais das instituições de ensino superior no Brasil; Institutional Repositories at Brazilian Higher Education Institutions: current overview

Murakami, Tiago Rodrigo Marçal; Fausto, Sibele
Fonte: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto - USP; Ribeirão Preto Publicador: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto - USP; Ribeirão Preto
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
69.13048%
O cenário atual de repositórios digitais mundialmente distribuídos estimula estudos diversificados com os quais esse trabalho visa contribuir, objetivando um levantamento dos repositórios de instituições de ensino superior no Brasil, verificando a eficácia de uma ferramenta experimental no tratamento e análise dos dados e usando como fontes os diretórios Registry of Open Access Repositories (ROAR), Directory of Open Access Repositories (OpenDOAR), Diretório Luso-Brasileiro de Periódicos e Repositórios de Acesso Livre e a lista L_repositories. A ferramenta experimental Google Fusion Tables foi aplicada nos dados dos repositórios institucionais pesquisados, categorizando suas principais características: Instituição mantenedora, Natureza da instituição, Local, Região geográfica, Software adotado e sua versão, adoção do padrão Dublin Core e quantidade de trabalhos disponibilizados na data do estudo. Foram identificados 49 repositórios que em agosto de 2013 disponibilizavam 396.881 itens, sendo as instituições federais as com maior povoamento e o repositório LUME o primeiro em volume de itens; a região Sudeste com o maior número de repositórios e volume de itens disponibilizados; o DSpace o software predominante...

‣ Contribuição dos repositórios institucionais à comunicação científica : um estudo na Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Pavão, Caterina Marta Groposo
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
68.84059%
Investiga o uso das teses e dissertações depositadas no Lume - Repositório Digital da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, buscando saber quem usa, quais os documentos mais utilizados, seus respectivos orientadores e programas de pós-graduação.Tem o objetivo de levantar questionamentos e possíveis respostas que evidenciem a importância dos repositórios institucionais para a comunicação da literatura científica em acesso aberto numa instituição de ensino superior. A coleta de dados foi realizada em duas etapas. A primeira delas foi realizada por meio da análise estatística dos downloads ocorridos no perodo de 1º de março a 31 de maio de 2009, o que permitiu obter informações sobre o uso das teses e dissertações, orientando a seleção dos sujeitos para a etapa seguinte. A segunda etapa, qualitativa, foi desenvolvida mediante entrevistas realizadas com os professores que obtiveram o maior índice de downloads por documentos. Os entrevistados se manifestaram sobre os dados coletados, dando sua opinião sobre o seu significado, importância e possíveis usos. Mais amplamente, os resultados obtidos nas duas etapas apontam para a inegável importância dos repositórios institucionais no processo de comunicação da produção científica de uma instituição de ensino superior.; It investigates the use of the thesis and dissertations deposited on Lume Repositrio Digital da Universidade Federal do Rio Grande do Sul...

‣ Repositórios institucionais em universidades : estudo de relatos de casos

Vargas, Graziela Mônaco
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
69.435513%
Os repositórios institucionais estão convergindo como a mais nova forma de comu-nicação científica. A implantação de repositórios em instituições em todo o mundo é uma realidade que vem complementar a comunicação tradicional por meio das revis-tas científicas. Baseados nos princípios do acesso aberto, permitem o acesso livre, irrestrito e perpétuo aos materiais depositados. Para garantir a interoperabilidade e permitir a busca de seus metadados por sistemas de busca, os repositórios, devem estar de acordo com o protocolo OAI-PMH. Repositórios institucionais têm papel fundamental na era da informação, pois possibilitam à universidade visibilidade, sta-tus, imagem, além de valorizá-la perante a comunidade científica. Os repositórios institucionais quando criados e mantidos pela universidade, são implementados por uma equipe designada pela própria instituição, essa equipe deve realizar o planeja-mento, que pode seguir algumas diretrizes reconhecidas. Tais diretrizes são o foco deste trabalho, que pretende analisar relatos de casos de repositórios institucionais nas instituições de ensino superior, observando as dificuldades, desafios, pontos em comum entre os repositórios e o papel dos bibliotecários e biblioteca no gerencia-mento dos repositórios. Para chegar aos resultados foram selecionadas 17 categori-as para observação dos 12 relatos de casos analisados. Por fim...

‣ Repositórios Institucionais de Acesso Aberto das Instituições Federais de Ensino Superior do Sul do Brasil

Vargas, Johnny Cesar
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: 92 f.
Português
Relevância na Pesquisa
69.157803%
TCC (graduação) - Universidade Federal de Santa Catarina. Centro de Ciências da Educação. Curso de Biblioteconomia.; Esse estudo tem como objetivo principal analisar qual a situação dos repositórios digitais das Instituições Federais de Ensino Superior do Sul do Brasil. Os objetivos secundários são: a) identificar as instituições que possuem repositórios institucionais; b) Descrever as características dos repositórios, c) Apontar quais os mecanismos de recuperação dos documentos disponíveis. Para tanto, utiliza-se de uma pesquisa exploratória e descritiva, a partir de uma pesquisa bibliográfica e documental, com abordagem quantitativa. Como resultado, foram encontradas 16 instituições federais de ensino superior nos estados do Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, das quais cinco possuem repositório institucionais de acesso aberto: Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Universidade Federal do Rio Grande, Universidade Federal de Pelotas, Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Universidade Federal de Santa Catarina. Conclui-se que a maioria das Instituições Federais de Ensino Superior do Sul do Brasil não possui um repositório institucional, que o Rio Grande do Sul representa o estado com maior número de repositórios e...

‣ Estudos sobre repositórios institucionais e repositórios de recursos educativos: metodologias, resultados e recomendações

Cardoso, Elisabete P. C.
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 16/12/2009 Português
Relevância na Pesquisa
69.211885%
Dissertação de mestrado em Sistemas de Informação; O potencial dos repositórios digitais online direccionados para o ensino/aprendizagem é vasto, especialmente o daqueles em que os conteúdos são disponibilizados livremente e sem custos de utilização, como meio de promoção da educação e aprendizagem ao longo da vida. No entanto, a sua utilização está muito aquém do esperado e desejado. Colocar um repositório à disposição não faz, necessariamente, com que os autores o utilizem. Aliás, a contribuição de materiais para um repositório, e o re-uso dos materiais desse repositório, é um reconhecido problema na área de repositórios digitais. Poderá o conhecimento existente sobre a utilização de repositórios institucionais ser usado para melhorar a utilização dos repositórios de recursos educativos? Esta é a questão a que nos propomos responder neste trabalho. Seguimos uma abordagem metodológica em que, a partir da análise de estudos sobre RIs e da análise de estudos sobre RREs, estudos esses descritos na literatura científica, investigamos de que modo o conhecimento existente sobre os RI, pode ser usado para melhorar a utilização dos RRE. Em particular, o âmbito da nossa pesquisa centrou-se em repositórios de acesso livre...

‣ Kit de Contacto para apoio à definição de políticas de auto-arquivo em repositórios institucionais

Pereira, Ana Alves; Ribeiro, Elsa; Rehemtula, Salima
Fonte: Segunda Conferência Luso-Brasileira de Acesso Aberto Publicador: Segunda Conferência Luso-Brasileira de Acesso Aberto
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em 24/11/2011 Português
Relevância na Pesquisa
68.84059%
Poster apresentado na segunda Conferência Luso-Brasileira de Acesso Aberto, Rio de Janeiro, Brasil, 24-25 de Novembro 2011; No âmbito dos Repositórios Institucionais (RIs) tem surgido alguma dificuldade em averiguar a política de auto-arquivo de determinadas editoras e revistas científicas. Como forma de contornar esta situação, alguns países têm realizado um esforço para recolher esta informação e incluí-la na base de dados do projeto SHERPA/RoMEO. Como exemplos, destacam-se o Projeto Blimunda em Portugal e o Projeto Dulcinea em Espanha. O Kit de Contacto é um documento de apoio e de sensibilização concebido no contexto do Projeto Blimunda, como resultado da interação com os responsáveis das editoras e revistas científicas portuguesas e da constatação do seu desconhecimento em relação a determinados conceitos como: acesso aberto, repositórios institucionais, auto-arquivo, revisão por pares, entre outros, durante o levantamento das políticas de auto-arquivo em RIs.

‣ Repositórios institucionais como ferramentas de gestão do conhecimento científico no ambiente acadêmico

Leite,Fernando César Lima; Costa,Sely
Fonte: Escola de Ciência da Informação da UFMG Publicador: Escola de Ciência da Informação da UFMG
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/08/2006 Português
Relevância na Pesquisa
68.84059%
Tradicionalmente, as universidades têm sido reconhecidas como espaços de produção e transferência de conhecimento científico. Embora seja possível encontrar na literatura especializada estudos sobre gestão do conhecimento no âmbito de universidades, esses estudos, via de regra, lidam com o conhecimento científico na mesma perspectiva do conhecimento organizacional. Entretanto, a natureza do conhecimento científico é peculiar, bem como o ambiente no qual se dá sua criação, seu compartilhamento e uso. Neste sentido, os repositórios institucionais surgem como alternativa tanto para a agilização do processo de comunicação científica quanto para a gestão do conhecimento científico - GCC. Discute-se, neste trabalho, a adequação e aplicabilidade dos repositórios institucionais como ferramenta de GCC.

‣ Contribuições para o aprimoramento do acesso e visualização da informação em repositórios institucionais

Oliveira, Júccia Nathielle do Nascimento; Siebra, Sandra de Albuquerque (Orientadora)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Dissertação
Português
Relevância na Pesquisa
68.944966%
A ideia do Repositório Institucional (RI) como dispositivo de memória acadêmica surgiu da necessidade de garantir a preservação de publicações, favorecer o intercâmbio de informações e dar visibilidade à produção das instituições, aos seus pesquisadores e aos órgãos de fomento. Porém, a divulgação da produção científica só se efetiva se a informação for disseminada de forma eficaz e adequada para atender ao público em geral, e que propicie fácil acesso, visualização e uso dos diversos documentos. Entretanto, conforme observado, os Repositórios Institucionais apresentam alguns problemas como erros de navegação e usabilidade, poucas atualizações, espaços desorganizados, entre outros. Neste cenário, essa pesquisa objetiva investigar como os pressupostos teóricos e pragmáticos da arquitetura, acessibilidade e usabilidade da informação podem contribuir para aprimorar o acesso e visualização de informações em repositórios institucionais. A metodologia desta pesquisa envolve uma investigação experimental, que faz uso do método de estudos de casos múltiplos, onde cada repositório é analisado separadamente e os resultados finais são comparados. O universo da pesquisa engloba um RI de IFES por capital brasileira. O resultado da avaliação mostrou que todos os RIs possuem problemas de acessibilidade...

‣ Organização da informação em repositórios institucionais: um parâmetro para a descrição da produção científica

Torino, Lígia Patrícia; Cervantes, Brígida Maria Nogueira
Fonte: Campo Mourao Publicador: Campo Mourao
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: 229 KB
Português
Relevância na Pesquisa
69.020347%
Trabalho originado da dissertação de mestrado da primeira autora; This paper analyzes the elements of organizing information in institutional repositories, in order to develop a proposal for organizing information for the Federal Technological University of Paraná (UTFPR) using as a method the case study and the descriptive research, focusing on qualitative analysis. Guided by the general goal of proposing a structure for organizing information in institutional repositories as a parameter for the UTFPR, this study sought to identify in the directories OpenDoar and Roar the registered repositories of High Education Institutions; analyze the existing organizational structures of intellectual production; compare their organizational structures and select the most appropriate ones. In the stage of analysis and presentation of results, the elements necessary to assist the elaboration of a structure for organizing information for the UTFPR are presented, addressing needs ranging from the preparation of information policy, the steps of defining metadata standards and human and semantic interoperability necessary for the institution which aims to deploy an institutional repository. It was concluded that the analyzed repositories comply with the intended objectives and present a framework of systematic organization taking into consideration both the institution it represents and the ease of access to the information deposited in it. According to the results obtained...

‣ Analysis of adhesion in the trends of Science by Brazilian institutional repositories; Analise da adesão às tendências da Ciência pelos repositórios institucionais brasileiros

Shintaku, Milton; Duque, Claudio; Suaiden, Emir José
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 02/10/2015 Português
Relevância na Pesquisa
69.101807%
The institutional repository has become the locus for holding the academic production of universities and research institutes, becoming a valuable tool for the dissemination of scientific information. However, because of the technological dynamism, repositories, as computerized tools, require constant updating. Similarly, to serve the dissemination of scientific information, they should be in line with the trends of science. In this sense, this study aims to survey and analyze the adherence of Brazilian repositories regarding: Open Data; Open archives; Open Access; Open science; Digital curation and e-science. To this end, a quantitative approach was adopted, administering a survey to the managers of Brazilian institutional repositories. The research revealed a still-incipient stage, but promising in relation to adherence to the trends in science, where the largest support is given to Open Access. Thus, this study contributes to the discussion surrounding Brazilian institutional repositories ; Repositórios institucionais tem se tornado o locus para depósito da produção acadêmica das universidades e institutos de pesquisa, tornando-se um instrumento valioso para a disseminação da informação científica. Entretanto, como ferramentas informatizadas...

‣ Os critérios para cadastramento no OpenDOAR e os repositórios institucionais luso-brasileiros; The criteria for enrollment in OpenDOAR and institutional Luso-Brazilian repositories

Melis, Maria Fernanda Mascarenhas
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 20/12/2013 Português
Relevância na Pesquisa
69.020347%
Com o crescimento significativo do número de repositórios em todo o mundo os diretórios internacionais, como, o OpenDOAR, tornam-se importantes mecanismos para potencializar a disseminação e a visibilidade dos conteúdos armazenados. O presente trabalho teve por objetivo analisar o emprego dos critérios adotados pelo diretório OpenDOAR em relação aos repositórios institucionais luso-brasileiros. A coleta de dados ocorreu no período de janeiro a abril de 2013 e se deu por meio de observações no site do OpenDOAR e também por troca de e-mails com a equipe responsável pelo diretório. Cada um dos 91 repositórios institucionais luso-brasileiros que compõem a amostra foi checado manualmente a fim de se descobrir se cumpriam aos critérios estabelecidos para o cadastramento no diretório. Para este estudo não foi questionado se o emprego da tipologia utilizada para classificação dos repositórios estava correta ou se concordava com a literatura especializada da área. A pesquisa detectou que alguns dos critérios são desrespeitados, podendo ser a falta de informações necessárias a sua compreensão um dos motivos. Os diretórios, como o OpenDOAR são responsáveis pela reunião das iniciativas de acesso aberto e se fazem importantes visto que comprovam empiricamente o crescimento do movimento de acesso aberto à informação científica no mundo.; With the worldwide growth in the number of repositories...

‣ The presence of university publishers in the collections of institutional repositories; A presença das editoras universitárias nos acervos dos repositórios institucionais

Rosa, Flávia; Shintaku, Milton; Meirelles, Rodrigo França; Barros, Susane; Hoffmann, Caio Schwarcz
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 20/12/2013 Português
Relevância na Pesquisa
68.944966%
Institutional repositories have played an important role in disseminating scientific output of educational institutions and research expanding the visibility of both the author and the institution. Nowadays, technological advances have enabled both the insertion of university publishers in the use of digital editing processes and the increased visibility, accessibility, usage and impact of books. University publishers have a key role to promote the diffusion of scientific production and are characterized by covering all areas of knowledge, publishing quality texts, peer-reviewed and written by researchers with different institutional affiliations. The present study aims to verify the compliance of publishers to the open access movement to scientific information through the presence of titles published in collections of IR. The objective is also to know the policy of publishers and institutions focused on deposit of books and chapters in these repositories. To do so, it has been selected 31 repositories from  universities and research institutions as the sample, having as criteria the availability in their collections of books and book chapters. The repository of the Federal University of Bahia (Universidade Federal da Bahia) stands out by providing the largest number of books and chapters - 307 items - followed by the Brazilian Agricultural Research Corporation (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) with 120. It is concluded that the participation of the production of university presses is still timid in the collections of IR...

‣ Panorama atual dos Repositórios Institucionais das Instituições de Ensino Superior no Brasil; Institutional Repositories at Brazilian Higher Education Institutions: current overview

Murakami, Tiago Rodrigo Marçal; Fausto, Sibele
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 20/12/2013 Português
Relevância na Pesquisa
69.13048%
O cenário atual de repositórios digitais mundialmente distribuídos estimula estudos diversificados com os quais esse trabalho visa contribuir, objetivando um levantamento dos repositórios de instituições de ensino superior no Brasil, verificando a eficácia de uma ferramenta experimental no tratamento e análise dos dados e usando como fontes os diretórios Registry of Open Access Repositories (ROAR), Directory of Open Access Repositories (OpenDOAR), Diretório Luso-Brasileiro de Periódicos e Repositórios de Acesso Livre e a lista L_repositories. A ferramenta experimental Google Fusion Tables foi aplicada nos dados dos repositórios institucionais pesquisados, categorizando suas principais características: Instituição mantenedora, Natureza da instituição, Local, Região geográfica, Software adotado e sua versão, adoção do padrão Dublin Core e quantidade de trabalhos disponibilizados na data do estudo. Foram identificados 49 repositórios que em agosto de 2013 disponibilizavam 396.881 itens, sendo as instituições federais as com maior povoamento e o repositório LUME o primeiro em volume de itens; a região Sudeste com o maior número de repositórios e volume de itens disponibilizados; o DSpace o software predominante...

‣ Análise das políticas de autoarquivamento nos repositórios institucionais brasileiros e portugueses; Analysis of self-archiving policies in Brazilian and Portuguese institutional repositories

Assis, Tainá Batista de
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 20/12/2013 Português
Relevância na Pesquisa
69.217637%
Institutional repositories are databases that aim to store the scientific output of an institution. In this context, self-archiving is the mechanism of deposit in institutional repositories recommended by the open access movement to scientific information, by following the strategies of Green Road. Self-archiving is held by the author. The adoption of self-archiving by institutions aims to guarantee deposits in institutional repositories, so that the quantity of their documents is maximized. Reasons that may prevent self-archiving: ignorance on the part of the authors about the open access movement, on issues related to copyright, the process of peer review, the impact of the work in open access, among other factors. This research intends to verify the existence of self-archiving policies in Brazilian and Portuguese institutional repositories, as well as the identification of materials to support the author to carry out such activity. For the study there were considered the Brazilian and Portuguese repositories registered in the Directory of Open Access Repositories - OpenDOAR.; Os repositórios institucionais são bases de dados que têm por objetivo armazenar a produção científica de uma instituição. Neste contexto, o autoarquivamento é o mecanismo de depósito em repositórios institucionais recomendado pelo movimento de acesso aberto à informação científica...

‣ Repositórios Institucionais de Acesso Aberto: Análise do Cenário nos Países Ibero-Americanos;

Cocco, Ana Paula
Fonte: Departamento de Ciência da Informação – UFSC Publicador: Departamento de Ciência da Informação – UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 05/12/2012 Português
Relevância na Pesquisa
69.373076%
Os Repositórios Institucionais de acesso aberto surgem como forma de minimizar a falta de visibilidade da produção científica das instituições. O objetivo desta pesquisa consiste em analisar os repositórios institucionais de acesso aberto dos países Ibero-Americanos cadastrados no Registry of Open Access Repositories, por meio da identificação das instituições que mantêm repositórios, da caracterização das coleções e da descrição dos mecanismos de preservação dos documentos. Os procedimentos metodológicos utilizados para a pesquisa são de natureza descritiva, exploratória, documental e quantitativa. Utilizou-se ficha documental como instrumento de coleta de dados e a técnica de estatística descritiva. Dos 180 cadastros no ROAR como repositórios institucionais ou departamentais nos países iberoamericanos, 87 (48,3%) atenderam os critérios de inclusão estabelecidos: a) repositórios com site disponível; b) cadastro único; c) repositório institucional; d) repositórios com o nome ou sigla da instituição na URL; e) repositórios de acesso aberto; e f) repositórios registrados até 2010 inclusive. A maioria (82,7%) dos repositórios institucionais dos países Ibero-Americanos foram desenvolvidos por Universidades. É possível observar que 36...

‣ O papel das bibliotecas universitárias na comunicação científica: um estudo sobre os repositórios institucionais

Marra, Patrícia dos Santos Caldas; Universidade Federal do Rio de Janeiro
Fonte: Departamento de Ciência da Informação – UFSC Publicador: Departamento de Ciência da Informação – UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; Formato: application/pdf
Publicado em 12/12/2012 Português
Relevância na Pesquisa
69.08526%
http://dx.doi.org/10.5007/1518-2924.2012v17nesp2p174 Trata-se de um trabalho de revisão de literatura, seguida de uma pesquisa realizada por meio de questionário estruturado com perguntas abertas e fechadas, com o objetivo deobter informações sobre o panorama de implantação de repositórios institucionais de acesso livre à informação científica pelas universidades do Brasil. A pesquisa foi dividida em três etapas: análise dos sites institucionais das 102 IES identificadas pelo sistema e-MECvisando localização do e-mail para contato das bibliotecas; aplicação de um questionário constituído de doze questões - nessa etapa foram obtidas 52 respostas, sendo que 19 instituições afirmaram possuir RI e 33 instituições afirmaram não possuir RI; na terceira etapa adotou-se como técnica de coleta de dados a observação direta dos sites institucionais das 50 IES que não responderam ao questionário eletrônico, nessa etapa foram identificados 15 repositórios institucionais. O estudo mostra que a disseminação da produção científica da instituição,apontada por todas as 19 instituições que afirmaram possuir RI, como o principal fator para a sua implantação. Entretanto, a principal dificuldade encontrada para a implantação dos RIs...

‣ Repositórios Institucionais de acesso aberto: cenário nos países ibero-americanos

Cocco, Ana Paula; Rodrigues, Rosângela Schwarz
Fonte: UFPB Publicador: UFPB
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 29/07/2014 Português
Relevância na Pesquisa
69.121943%
Os repositórios de acesso aberto surgem como alternativa para aumentar a visibilidade da produção científica das instituições. O objetivo deste artigo consiste em analisar os repositórios institucionais de acesso aberto dos países ibero-americanos cadastrados no Registry of Open Access Repositories, por meio a) da identificação das instituições que mantém repositórios, b) da caracterização das coleções e c) da descrição dos mecanismos de apresentação dos documentos. Os procedimentos metodológicos utilizados são de natureza descritiva, exploratória, documental e quantitativa, utilizando a ficha documental como instrumento de coleta e estatística descritiva para a análise dos dados. Os resultados mostraram que, dos 180 repositórios cadastrados no ROAR como repositórios institucionais ou departamentais dos países ibero-americanos, 48,3% (87) atenderam aos critérios para inclusão no trabalho. Foi possível identificar que 36,8% (32) têm as bibliotecas e centros de documentação e informação como responsáveis pelo gerenciamento, e 83,9% (73) utilizam o software DSpace e registraram mais de 119 tipos de coleções. Na verificação dos mecanismos de apresentação e preservação, constatou-se que 94...

‣ Actions for implementation of institutional repositories in public university in Rio de Janeiro State; Ações para implantação de repositórios institucionais em universidades públicas no Estado do Rio de Janeiro

Chalhub, Tania
Fonte: UFPB Publicador: UFPB
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 25/05/2012 Português
Relevância na Pesquisa
69.158804%
This work presents a descriptive-exploratory research about the development of institutional repositories in public universities in Rio de Janeiro State, Brazil, to allow open access to scientific information. It aimed to identify the current status of these repositories, through semi-structured interviews with professionals that are carrying on the development of the institutional repositories. The results present diversity of strategies on the initiatives to establish their repositories, and also different stages of implementation; Pesquisa descritivo-exploratória sobre ações para implantação de acesso livre à informação científica via repositórios institucionais de universidades públicas no estado do Rio de Janeiro. Teve como objetivo identificar os estágios de implantação dos repositórios institucionais. Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com profisisonais responsáveis pelo desenvolvimento dos repositorios institucionais. As universidades se apresentam distintas entre si quanto às iniciativas para viabilizar a implantação de repositórios. Há heterogeneidade quanto às estratégias utilizadas para a implantação dos repositórios e seus estágios de desenvolvimento.

‣ O papel dos repositórios institucionais e temáticos na estrutura da produção científica

Weitzel, Simone da Rocha
Fonte: Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação e Biblioteconomia Publicador: Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação e Biblioteconomia
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion;
Publicado em 08/07/2007 Português
Relevância na Pesquisa
69.020347%
A proposta deste artigo é contribuir para a compreensão do novo cenário da comunicação científica no século XXI por meio de algumas reflexões sobre o papel dos repositórios institucionais e temáticos neste contexto a partir das noções sobre a estrutura da literatura científica de Subramanyam (1980). O ponto de partida desta abordagem está focado nas características dos produtos (publicações, repositórios e provedores de serviços) e processos (editoração eletrônica e comunicação) e suas correspondências na estrutura na literatura científica. Conclui-se que o ciclo da produção cientifica online é composto pelas fontes primárias (publicações científicas online), secundárias (repositórios temáticos e institucionais) e terciárias (provedores de serviços) e que é urgente a implementação e uso destes três tipos de fontes para promover o desenvolvimento científico na atualidade. Acesso ao texto completo (PDF)

‣ Avaliação do Acesso e Visualização da Informação em Repositórios Institucionais; Avaliação do Acesso e Visualização da Informação em Repositórios Institucionais

Siebra, Sandra de Albuquerque; Oliveira, Júccia Nathielle do Nascimento; Marcelino, Críssia de Santana
Fonte: ANCIB Publicador: ANCIB
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf; application/octet-stream
Publicado em 31/12/2014 Português
Relevância na Pesquisa
69.07734%
The idea of the Institutional Repository as academic memory device arose from the need to ensure the preservation of publications, promote the exchange of information and to give visibility to the production of the institutions, their researchers and funding agencies. In this context, this research aimed to investigate how the theoretical and pragmatic assumptions of Architecture, Accessibility and Usability of information are being used to facilitate access, search and visualization of information in Institutional Repositories. Methodologically this research is descriptive and bibliographical. Besides being an experimental research that makes use of the method of multiple case studies where each repository is analyzed separately and the final results are compared. With respect to data analysis approach, this research is characterized as qualitative and quantitative. To execute the research was taken as sample an institutional repository by each Brazilian capital. The evaluation result showed that some of the universities have problems to maintain the existing repository active, since they occasionally become unavailable. Assets repositories have accessibility, usability and user interaction problems, especially regarding search functionality...