Página 1 dos resultados de 392 itens digitais encontrados em 0.005 segundos

‣ Percursos de plantas e saberes como estratégia de educação ambiental

Ribeiro, Lucia; Carvalho, Ana Maria
Fonte: SPECO Publicador: SPECO
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Português
Relevância na Pesquisa
47.58537%
Durante o primeiro semestre de 2012 na aldeia de Maçãs, freguesia de Parâmio, Bragança, Trás-os-Montes, realizou-se um inventário etnobotânico recorrendo a metodologias etnográficas (inquirição e observação-participante) que permitiu identificar um conjunto de espécies silvestres outrora frequentemente usadas para fins medicinais e alimentares pela população local, bem como registar os saberes tradicionais associados ao reconhecimento dos habitats, das diferentes fases fenológicas e características morfológicas, dos locais preferenciais de colheita sustentada e dos modos de fazer e usar. A partir da informação registada estabeleceram-se diferentes percursos (itinerários) tendo em conta o habitat e a distribuição das espécies mais citadas pelos informantes e organizaram-se várias ações de educação ambiental para promover o conhecimento da flora local e despertar interesse pela sua gestão e conservação. Um dos percursos interpretativos, destinado a públicos urbanos de várias faixas etárias, envolveu cerca de trinta participantes e contou com a colaboração dos informantes locais. À medida que os participantes seguiam o percurso marcado, os informantes e monitores ensinavam a encontrar as diferentes espécies da flora local...

‣ A geografia nas escolas das comunidades ribeirinhas de Parintins: entre o currículo, o cotidiano e os saberes tradicionais; Geography in schools of riverside communities in the city of Parintins: between the curriculum, daily life and traditional knowledge

Souza, José Camilo Ramos de
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 04/07/2013 Português
Relevância na Pesquisa
48.19996%
O estudo da Geografia nas escolas das comunidades ribeirinhas amazônicas permite leitura da complexidade do ambiente de várzea, terra firme e das relações socioeducativas, socioculturais e socioambientais, no sentido de perceber o mundo vivido por cada sujeito aprendente a partir da relação currículo-cotidiano-saberes tradicionais ou historicamente construídos, com a finalidade de exponenciar o mundo local, regional, nacional e global para que todos possam compreendê-lo e se posicionar como cidadãos e leitores críticos da realidade sistêmica que os envolve. Esta tese procura, através de seu objetivo geral, compreender a articulação entre o currículo, o cotidiano e os saberes tradicionais preexistentes na história de vida dos estudantes que frequentam as escolas ribeirinhas do município de Parintins, evidenciando os tipos de efeitos que geram nos seus matizes e nas suas representações sociais, culturais e históricas do lugar. Para adentrar no universo ribeirinho do município de Parintins foi necessário ter um olhar multirreferencial, alicerçado na fenomenologia; a navegação pelos trajetos da pesquisa permitiu desvendar parte das comunidades ribeirinhas de Parintins, quando se procura conhecer cada lugar para perceber a geografia existente e assim poder justificar...

‣ Tradição e sustentabilidade : um estudo dos saberes tradicionais do cerrado na Chapada dos Veadeiros, Vila São Jorge - GO

Saraiva, Regina Coelly Fernandes
Fonte: Universidade de Brasília Publicador: Universidade de Brasília
Tipo: Tese
Português
Relevância na Pesquisa
48.30119%
Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Centro de Desenvolvimento Sustentável, 2006.; Saberes tradicionais do cerrado são parte do legado cultural dos moradores da Vila São Jorge, Chapada dos Veadeiros – GO, herdados a partir da interação de homens e mulheres com uma inigualável biodiversidade natural. A criação do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, em 1961, somada ao processo modernizador voltado para aquela região, casou mudanças no modo de vida daquela comunidade tradicional, formada por garimpeiros, lavradores, sitiantes e fazendeiros que tiveram seus saberes silenciados, frente à chegada de novos valores. Com a intenção de desvelar esses silêncios, trago neste estudo vozes e experiências desses homens e mulheres, a partir de um enfoque teórico-metodológico que trabalha com memórias e narrativas. Busquei esse referencial porque acredito que o passado lembrado tem um caráter ilimitado, uma profusão de sentidos, que ao serem trazidos para o presente, tornam possível (re)escrever histórias e contemplar visões omitidas. Narrativas dos moradores da Vila São Jorge traduzem histórias, tensões, saberes, conflitos, sonhos, alegrias, desejos, que estão presentes ao longo desse estudo. Essas narrativas foram analisadas também de modo a identificar como...

‣ A conservação da biodiversidade entre os saberes da tradição e a ciência

Silva,Ana Tereza Reis da
Fonte: Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo Publicador: Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2015 Português
Relevância na Pesquisa
58.002324%
Este artigo analisa em que medida a proteção ambiental pode servir a valores como o bem-estar humano e a justiça socioambiental, tendo em conta a hegemonia de pressupostos vinculados à preservação romântica da natureza intocada ou à conservação da biodiversidade para responder ao modelo vigente de produção. Para tanto, analisamos primeiramente as ideias que inspiraram a proteção ambiental no Brasil e a predominância de uma visão que considera as populações tradicionais como entraves à proteção da biodiversidade; a seguir, analisamos as contradições que o conceito de "desenvolvimento sustentável" evoca, uma vez que expressa afinidade com o desenvolvimento econômico extensivo, pautado pelo avanço tecnocientífico; e, finalmente, a partir dos aportes teóricos do modelo da interação entre a ciência e os valores (M-CV), referenciaremos a hipótese de uma cooperação possível entre os saberes tradicionais e a ciência para comunicar uma conservação da biodiversidade inspirada por valores para além do mercado.

‣ Saberes tradicionais em uma unidade de conservação localizada em ambiente periurbano de várzea: etnobiologia da andirobeira (Carapa guianensis Aublet)

Santos,Mariane Nardi; Cunha,Helenilza Ferreira Albuquerque; Lira-Guedes,Ana Cláudia; Gomes,Suellen Cristina Pantoja; Guedes,Marcelino Carneiro
Fonte: MCTI/Museu Paraense Emílio Goeldi Publicador: MCTI/Museu Paraense Emílio Goeldi
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/04/2014 Português
Relevância na Pesquisa
47.810864%
As interações entre povos e comunidades tradicionais que convivem com a floresta e com populações urbanizadas ameaçam a manutenção dos saberes tradicionais associados ao uso dos recursos naturais. A partir desse pressuposto, o artigo identifica o conhecimento ecológico local (CEL) sobre as andirobeiras (Carapa guianensis Aublet), o uso dos produtos provenientes da espécie, o conhecimento sobre a extração do óleo de andiroba e a manutenção desse hábito na Área de Proteção Ambiental (APA) da Fazendinha, Amapá. Os dados foram obtidos por meio de entrevistas semiestruturadas com 84 moradores e três grupos focais. Os resultados mostram que, aproximadamente, 76% dos moradores possuem CEL sobre a espécie e indicam como seus principais produtos o óleo das sementes e a madeira, enquanto 64% conhecem o processo de extração do óleo e 30% mantêm o hábito da extração. Os mais jovens conhecem o óleo, porém a maioria não vivenciou integralmente o processo de extração. Constatou-se que o CEL sobre as andirobeiras e a extração do óleo tende a se perder através das gerações, como consequência da urbanização da área e do uso limitado desse recurso florestal, principalmente devido à falta de informação dos moradores da APA sobre seu direito de uso do recurso.

‣ TERRITORIALIZAÇÃO DO CAPITAL: Biotecnologia, Biodiversidade e seus impactos no Cerrado; TERRITORIALISATION DU CAPITAL: Biotechnologie, Biodiversite et ses impacts sur le Cerrado; CAPITAL TERRITORIALIZATION: Biotechnology, Biodiversity and their impacts on the Cerrado

CALAÇA, Manoel
Fonte: Universidade Federal de Goiás Publicador: Universidade Federal de Goiás
Tipo: Artigo publicado em periódico científico
Português
Relevância na Pesquisa
47.627036%
v. 1, n. 9, p.06-23, 2010; A expansão do capitalismo no campo no cerrado está intimamente associada à adoção da biotecnologia. Esse processo implicou em profundas transformações na biodiversidade e dos saberes tradicionais produzidos e transmitidos pelas populações aqui existentes, de geração em geração. Como resultado verifica-se a substituição, espacialmente diferenciada, da biodiversidade pela agrobiodiversidade, com alterações mais profundas nos territórios dominados pelo agronegócio. Esse processo implica em perda de autonomia dos produtores rurais e maior dependência destes em relação às empresas multinacionais que detêm o domínio das tecnologias das sementes e insumos a elas associadas. Os avanços da agricultura em grande escala nas lavouras comerciais do agronegócio e da agricultura de subsistência praticada pelo campesinato constituem agrobiodiversidades que simplificam os ecossistemas e implicam em perda dos conhecimentos populares. _______________________________________________________________________________________________________________________ RÉSUMÉ _______________________________________________________________________________________________________________________ L’expansion du capitalisme dans le domaine du cerrado est intimement associée à l’arrivé de la biotechnologie. Ce processus a impliqué en des profondes transformations non seulemente des savoirs traditionnels produits et transmis de génération en génération par les populations qui habitaient notre savane...

‣ Consolidação ou fragmentação do território: Os usos do conceito ‘Saberes Tradicionais’ entre os Karajá de Aruanã-GO; Consolidation ou fragmentation du territoire: Les usages du concept de “savoirs traditionnels” chez les Karajá d’Aruanã-GO; Consolidation or fragmentation of the territory: The uses of the “traditional knowledge” concept among the Karajá of Aruanã-GO

Filoche, Geoffroy; Lima, Sélvia Carneiro de
Fonte: Ivanilton José de Oliveira Publicador: Ivanilton José de Oliveira
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
47.818496%
v.7, n.1, p.59-80, jan./abr. 2013.; O século XX marcou mudanças significativas no campo jurídico na relação entre Estado Nacional brasileiro e povos indígenas. Durante a Cúpula da Terra de 1992, o Saber Tradicional tornou-se um ativo, tanto econômico, como cultural, então, um conhecimento pode ser utilizado por pesquisadores ou empresários fora do contexto de produção do saber. Em função disso foi criado um sistema normativo de acesso aos conhecimentos tradicionais, que regula as relações entre os indígenas e os atores que são interessados pelos saberes locais. Porém, o que esta em jogo nem sempre é o que esta definido nas leis. Neste artigo abordar-se-á o potencial político do conceito de Saber Tradicional entre os índios Karajá de Aruanã (Goiás), e as implicações do seu uso em termos de relações territoriais. O saber tradicional pode ser invocado tanto para afirmar uma unidade social quanto para apoiar divisões comunitárias. Neste sentido, a proteção e a utilização concreta do patrimônio imaterial dos Karajá parecem ser secundarizadas em relação com os rearranjos políticos e as disputas pelo poder. _______________________________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT _______________________________________________________________________________________________________________________ Le vingtième siècle a été le théâtre de changements significatifs dans le champ juridique des relations entre l’Etat brésilien et les peuples autochtones. Lors du Sommet de la Terre de 1992...

‣ Territorialização do capital: biotecnologia, biodiversidade e seus impactos no Cerrado; Territorialisation du capital: biotechnologie, biodiversite et ses impacts sur le cerrado; Capital territorialization: biotechnology, biodiversity and their impacts on the cerrado

Calaça, Manoel
Fonte: Ivanilton José de Oliveira Publicador: Ivanilton José de Oliveira
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
47.627036%
v.4,n.1,p.06-23,fev. 2010.; A expansão do capitalismo no campo no cerrado está intimamente associada à adoção da biotecnologia. Esse processo implicou em profundas transformações na biodiversidade e dos saberes tradicionais produzidos e transmitidos pelas populações aqui existentes, de geração em geração. Como resultado verifica-se a substituição, espacialmente diferenciada, da biodiversidade pela agrobiodiversidade, com alterações mais profundas nos territórios dominados pelo agronegócio. Esse processo implica em perda de autonomia dos produtores rurais e maior dependência destes em relação às empresas multinacionais que detêm o domínio das tecnologias das sementes e insumos a elas associadas. Os avanços da agricultura em grande escala nas lavouras comerciais do agronegócio e da agricultura de subsistência praticada pelo campesinato constituem agrobiodiversidades que simplificam os ecossistemas e implicam em perda dos conhecimentos populares. _______________________________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT _______________________________________________________________________________________________________________________ L‟expansion du capitalisme dans le domaine du cerrado est intimement associée à l‟arrivé de la biotechnologie. Ce processus a impliqué en des profondes transformations non seulemente des savoirs traditionnels produits et transmis de génération en génération par les populations qui habitaient notre savane...

‣ Territorialização do capital: biotecnologia, biodiversidade e seus impactos no cerrado; Territorialisation du capital: biotechnologie, biodiversite et ses impacts sur le cerrado; Capital territorialization: biotechnology, biodiversity and their impacts on the cerrado

Calaça, Manoel
Fonte: Ivanilton José de Oliveira Publicador: Ivanilton José de Oliveira
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
48.002324%
v.4,n.1,p.06-23,jan./fev. 2010.; A expansão do capitalismo no campo no cerrado está intimamente associada à adoção da biotecnologia. Esse processo implicou em profundas transformações na biodiversidade e dos saberes tradicionais produzidos e transmitidos pelas populações aqui existentes, de geração em geração. Como resultado verifica-se a substituição, espacialmente diferenciada, da biodiversidade pela agrobiodiversidade, com alterações mais profundas nos territórios dominados pelo agronegócio. Esse processo implica em perda de autonomia dos produtores rurais e maior dependência destes em relação às empresas multinacionais que detêm o domínio das tecnologias das sementes e insumos a elas associadas. Os avanços da agricultura em grande escala nas lavouras comerciais do agronegócio e da agricultura de subsistência praticada pelo campesinato constituem agrobiodiversidades que simplificam os ecossistemas e implicam em perda dos conhecimentos populares. _______________________________________________________________________________________________________________________ ABSTRACT _______________________________________________________________________________________________________________________ L‟expansion du capitalisme dans le domaine du cerrado est intimement associée à l‟arrivé de la biotechnologie. Ce processus a impliqué en des profondes transformations non seulemente des savoirs traditionnels produits et transmis de génération en génération par les populations qui habitaient notre savane...

‣ Cerrado e escola: os saberes tradicionais como alternativa metodológica à educação ambiental formal

Oliveira, Mirna Gertrudes Ribeiro
Fonte: Universidade Federal de Uberlândia Publicador: Universidade Federal de Uberlândia
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
68.002324%
Surgida como conseqüência da Revolução Científica iniciada nos séculos XVI e XVII, a modernidade caracteriza um momento da história do planeta Terra em que nós, seres humanos, passamos a nos vermos separados da natureza, prioritariamente racionais, quase desprovidos de subjetividade. Assim, caminhando como seres errantes, ofuscados pela luz do cartesianismo, passamos a espoliar vorazmente os recursos naturais que, ao nosso lado, deveriam possibilitar condições de sobrevivência às gerações vindouras. Paradoxalmente, na tentativa de alcançar níveis elevados de bemestar material, distanciamo-nos de nossa essência, e acabamos por construir uma sociedade ambiental e socialmente injusta, violenta, egoísta e extremamente consumista. Para isso, um conjunto de valores constituintes de uma visão de mundo mais sustentável e acolhedora, teve que dar lugar a outros valores fundamentais à implantação do modelo de sociedade vigente. A década de 1960 ficou caracterizada como o marco inaugural de movimentos sociais muito diferenciados, a exemplo do movimento ambientalista. Nesse contexto, irrompeu a necessidade de se adotar uma conduta educacional que pudesse garantir a permanência das ações propostas pelo referido movimento. Na década de 1970...

‣ Transcendendo Fronteiras Entre Saberes: etnografia e interculturalidade entre os estudantes indígenas na Universidade Federal do Rio Grande (FURG); Transcending Boundaries Between Knowledge: Ethnography and interculturalism among indigenous students at the Federal University of Rio Grande (FURG).

Cadaval, Roberta de Souza
Fonte: Universidade Federal de Pelotas; Instituto de Ciências Humanas.; Programa de Pós-Graduação em Antropologia.; UFPel; Brasil Publicador: Universidade Federal de Pelotas; Instituto de Ciências Humanas.; Programa de Pós-Graduação em Antropologia.; UFPel; Brasil
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
58.016133%
This dissertation aims to understand the relation between traditional and scientific knowledge, from the entrance of indigenous students at the Federal University of Rio Grande (FURG), especially in the area of Health and Environment. For this, we present the cosmology of Kaingang, as well as the current context in which the Kujà/healers from this people live. Furthermore, we show the trajectory of three indigenous students through the notion of etnobiography. They go through graduation processes in both courses (medical and nursing) as well as a Graduate Diploma in Environmental Education from this University. This work aims to understand the way knowledges are constituted in many indigenous lands as well as in institutional spaces, and contributing so that the passage of transmitting knowledge from speaking to writing surpasses the interculturalism.; Esta dissertação de mestrado tem como objetivo compreender a relação entre saberes tradicionais e científicos, a partir do ingresso de estudantes indígenas na Universidade Federal do Rio Grande (FURG), em especial, na área da Saúde e do Meio Ambiente. Para isso, apresentamos a cosmologia dos Kaingang, bem como, o contexto atual em que vivem os kujà/curandores desse povo. Além disso...

‣ A comunidade Camponesa do Salgado no contexto da territorialização do capital em Quirinópolis – GO; The peasant Community Salgado in the context of the territorial capital in Quirinópolis - GO.

Santos, Hellen Cristina dos
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Geografia (IESA); Instituto de Estudos Socioambientais - IESA (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Geografia (IESA); Instituto de Estudos Socioambientais - IESA (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
48.120146%
This research analyzes the Community of Salt municipality Quirinópolis-GO, in the context of territorial disputes resulting from the process of Territorialization Capital. The result emphasized territorial dynamics, the use of biotechnological knowledge in the production of milk and its interference with the traditional knowledge of farmers Salgado, Agrobiodiversity and knowledge in the subjects who work in it, and finally she points out elements that indicate the power of resistance community in the face of actions taken by hegemonic actors involved in the Capital on Territorialization Quirinópolis. The incorporation of knowledge on biotech production constitutes an alternative to the permanence of the peasant on his estate, giving new meaning to their traditional knowledge. This research fits into the context of an effort by the Center for Studies and Research in Agricultural Geography and Territorial Dynamics - NEPAT in draft a territorial approach Cerrado, which seeks to understand the integration of different actors in territorial disputes. Understanding the cerrado, as territory, in all its facets requires analysis of the complexity of the actions taken by the actors and territorial decades. The qualitative research is conducted by the bias of the case study. To obtain the data were used secondary sources and field surveys in five visits to the community; resulted from these elements that provided an understanding of the actions of the different actors involved directly or indirectly in the community...

‣ Nas marés da vida: histórias e Saberes das mulheres marisqueiras

Dantas, Vanda Maria Campos Salmerson
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais; Desenvolvimento Regional; Cultura e Representações
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
47.46755%
The harsh reality of women in the municipality of Indiaroba enlarges to much more from everyday household . Every day, they need courage and determination to adentrarem in mangrove cross functional seafood, which sold, ensure their survival. The life of catadoras seafood, fishing in mangrove and have your family's work, is the object of this study, through which search will be highlighted the history of women who perform a subsistence activity in your daily life. Will reflect on their work in the environment into which are entered, the vision that have labour, environment, family, sexuality, and their social relations. The research p Espírito Santo, in which these women, forgetting seafood calls, play activities diversified in its role of being a woman, reason personal awareness, generating an academic curiosity to know their life stories. Through ethnographic method, which spans observations, interviews, workshops and testimonials, we have tried to learn more about the daily life of forgetting seafood. This gives visibility to the human condition in one of its expressions which can help you understand and appreciate the cultural diversity of knowledge and knowledge constructed this activity pecheurfalco; A dura realidade das mulheres no Município de Indiaroba se alarga para muito mais dos afazeres domésticos cotidianos. Todos os dias...

‣ Os Saberes tradicionais e o modo de vida camponês como elementos para a compreensão de uma nova forma de organização camponesa : o exemplo de Nova Padua/RS

Nicoloso, Tiago Oliveira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
48.002324%
O presente trabalho busca analisar a importância dos saberes tradicionais e do modo de vida camponês como elementos para a compreensão de uma nova forma de organização camponesa a partir do exemplo de Nova Pádua/RS. Para tanto, é fundamental buscar no processo de colonização italiana no Rio Grande do Sul e, conseqüentemente, na história de formação de Nova Pádua, os fatores que permitem compreender os vínculos culturais com a Itália manifestos ainda hoje de forma tão intensa. Da mesma forma, a abordagem da questão camponesa permite a compreensão das relações entre a família, o trabalho e a terra no sentido de identificar um tipo particular de campesinato fortemente ligado às tradições. Como conseqüência desse processo a questão produtiva e a articulação econômica, como estratégias de desenvolvimento socioeconômico, se mostram fortemente relacionadas à manutenção e à reprodução da identidade baseada em valores e estruturas locais. No entanto, para melhor visualizar a dimensão dos efeitos gerados por esse processo histórico e produtivo a questão regional possibilita indicar e analisar os elementos de ordem simbólica que permitiram a consolidação de uma condição regional que representa e que referenda espacialmente o resultado da valorização dos saberes tradicionais e do modo de vida camponês No caso de Nova Pádua...

‣ Saberes tradicionais dos povos amazônicos no contexto do processo de transição agroecológica.

SOUSA, S. G. A. de; ARAÚJO, M. I. de; WANDELLI, E. V.
Fonte: In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL DOS PAÍSES E COMUNIDADES DE LÍNGUA PORTUGUESA, 3., 2015, Torreia, Murtosa, Portugal. Livro de resumos: comunicações orais. Murtosa: Associação Portuguesa de Educação Ambiental, 2015. p. 548-550. Publicador: In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL DOS PAÍSES E COMUNIDADES DE LÍNGUA PORTUGUESA, 3., 2015, Torreia, Murtosa, Portugal. Livro de resumos: comunicações orais. Murtosa: Associação Portuguesa de Educação Ambiental, 2015. p. 548-550.
Tipo: Resumo em anais de congresso (ALICE)
Português
Relevância na Pesquisa
47.627036%
No presente trabalho objetiva-se abordar os princípios que norteiam os saberes tradicionais dos povos amazônicos, para serem utilizados no processo de transição agroecológica, contexto da educação ambiental.; 2015

‣ O Saber é Estranho e Amargo - Sociologia e mitologia do conhecimento entre os Yaminawa

Sáez, Oscar Calavia; Naveira, Miguel Carid; Gil, Laura Pérez
Fonte: UFPR Publicador: UFPR
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 29/03/2005 Português
Relevância na Pesquisa
47.627036%
O artigo, baseado em pesquisa de campo entre vários grupos indígenas de língua Pano –Yaminawa e Yawanawaocupa- se das idéias locais a respeito do conhecimento, do seu valor, da sua distribuição e transmissão, a partir, sobretudo, do comentário de alguns mitos. Para além de um saber cotidiano e não marcado que é transmitido informalmente pelos mesmos canais que criam o dia a dia da aldeia (especialmente a troca de alimentos) existe um outro saber marcado –cuja máxima expressão é o xamanismo, baseado na ingestão de substâncias amargasque pelo contrário é objeto de apropriação e riqueza não necessariamente compartilhada, e que só é obtido por meios difíceis e negociados. A diferença entre esses dois tipos de saber esclarece algumas características da estrutura destas sociedades, e também levanta questões importantes a respeito da gestão dos saberes tradicionais no âmbito global. Knowledge is strange and bitter. Sociology and mythology of Yaminawa knowledge Abstract This article, based on fieldwork among various indigenous groups speakers of Panoan language – Yaminawa and Yawanawa – focuses on local ideas regarding knowledge, its value, distribution and transmission, its perspective standing mainly from the commentary of some myths. Beyond an everyday knowledge which is unmarked and informally transmitted by the same channels that make up the village’s daily life (specially the exchange of food)...

‣ Reorganização de saberes tradicionais em Los sorias, de Alberto Laiseca

Ravetti, Graciela; Universidade Federal de Minas Gerais
Fonte: Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais Publicador: Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 21/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
47.818496%
Resumo: Neste estudo, propõe-se uma consideração sobre a reformulação de saberes tradicionais em termos não metafísicos na obra do escritor argentino Alberto Laiseca, Los sorias (1998), construída a partir da convergência dos temas das religiões, da magia e da astrologia, lado a lado com outros saberes em face de (des)hierarquização. Palavras chave: Literatura hispano-americana; literatura argenti­na; romance contemporâneo; ficção científica. Abstract: In this study, we propose a consideration on the reformulation of traditional knowledge in no metaphysical terms in the work of Argentine writer Alberto Laiseca, Los sorias (1998), constructed from the convergence of the themes of religion, magic and astrology alongside with other knowledge in the face of de-hierarchization. Keywords: Argentine literature; contemporary romance, science fiction, Spanish American literature.

‣ Brejo dos Crioulos: saberes tradicionais e afirmação do território

Ferreira, Simone Raquel Batista
Fonte: Revista Geografias Publicador: Revista Geografias
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares Formato: application/pdf
Publicado em 01/07/2006 Português
Relevância na Pesquisa
58.016133%
Este artigo tem como objetivo apresentar a comunidade negra e camponesa de Brejo dos Crioulos em seu ambiente e saberes. Situada na “Mata da Jaíba”, no sertão Norte de Minas Gerais, espaço ritmado pelas cheias e vazantes, esta comunidade construiu saberes diversos a partir dos usos que fazia do meio. Passou a vivenciar um processo de expropriação trazido pela “Divisão de 1930” e continuado na década de 1940, com a chegada de fazendeiros de gado e projetos governamentais de desenvolvimento. No momento atual, Brejo dos Crioulos é reconhecida como “comunidade remanescente de quilombos” e adquire o direito ao território. Produzir a visibilidade de seus saberes constitui mais um elemento na afirmação deste direito.

‣ PRESERVAÇÃO DOS SABERES TRADICIONAIS DO ALFAIATE / Preservation of traditional knowledge of the tailor

Juliana Barbosa; UFMG e UNA
Fonte: Trabalho & Educação Publicador: Trabalho & Educação
Formato: application/pdf
Publicado em 02/11/2015 Português
Relevância na Pesquisa
68.257607%
A Alfaiataria é um segmento do vestir que está para o universo masculino assim como a Alta Costura está para o universo feminino. Seu modelo de aprendizagem se perpetuou através dos séculos até os nossos dias por meio da relação mestre/aprendiz. Porém, por implicações trabalhistas e mudanças no ensino profissional, o aprendiz já não está mais presente nas oficinas de alfaiates, o que faz com que hoje nos deparemos com a última geração de alfaiates formada de maneira tradicional. A falta de aprendizes, os avanços da área têxtil e de produção do prêt-à-porter forçaram os alfaiates a procurar alternativas para manterem-se competitivos no mercado. Técnicas foram retiradas ou substituídas comprometendo significativamente o trabalho final do artesão. Técnicas como as de corte e acabamento são a essência da alfaiataria, e o que a distingue da roupa feita em escala industrial. Há, portanto, uma necessidade de preservar estas técnicas com o intuito de garantir a salvaguarda de um ofício secular e que ainda encontra espaço no mundo contemporâneo. A partir deste problema, o objetivo desta pesquisa é o de analisar os saberes tradicionais utilizados pelos alfaiates de forma a garantir a sua salvaguarda na perspectiva de contribuir com ações inovadoras de formação profissional e com o desenvolvimento local. A Ergologia está na base do referencial teórico...

‣ Sítio Arqueológico Tenda Pai Joaquim de Aruanda: Inserção na paisagem cultural e relações com os saberes tradicionais quilombolas do espinhaço meridional

Costa, Júlio Jader
Fonte: Revista Arqueologia Pública Publicador: Revista Arqueologia Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Artigo Avaliado pelos Pares; Formato: application/pdf; application/pdf
Publicado em 23/10/2015 Português
Relevância na Pesquisa
47.445347%
O sítio arqueológico localiza-se há mais de mil metros de altitude, no município de Conceição do Mato Dentro, em área circunscrita pelo distrito de Ouro Fino. Trata-se de um sítio ritual de Umbanda que permaneceu ativo entre meados e o fim do século XX, quando encerrou suas atividades devido ao falecimento de seu chefe de trabalhos: o curandeiro e médium de Umbanda Abel Matias de Souza. Sua posição espacial, encravada em encosta íngreme e de difícil acesso, contrasta com as teses antropológicas centradas na visibilidade urbana da Umbanda e com a suspensão de proibições/maior permissividade do culto no período em que esteve ativa. Tais questões conduzem ao objetivo geral da pesquisa: estudo sobre os processos de inserção da Tenda Pai Joaquim de Aruanda na Paisagem Cultural e suas relações com os conhecimentos tradicionais de quilombolas e do campesinato negro rural em terras altas do espinhaço meridional.