Página 1 dos resultados de 11274 itens digitais encontrados em 0.010 segundos

‣ Estado nutricional e adequação da ingestão de energia e nutrientes em pacientes com insuficiência cardíaca; Nutritional status and adequacy of energy and nutrient intakes among heart failure patients; Estado nutricional y adecuación de la ingesta de energía y nutrientes en pacientes con insuficiencia cardiaca

LOURENÇO, Bárbara Hatzlhoffer; VIEIRA, Lis Proença; MACEDO, Alessandra; NAKASATO, Miyoko; MARUCCI, Maria de Fátima Nunes; BOCCHI, Edimar Alcides
Fonte: Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC Publicador: Sociedade Brasileira de Cardiologia - SBC
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
36.825327%
FUNDAMENTO: Maior conhecimento sobre o estado nutricional e a ingestão de energia e nutrientes é necessário para auxiliar no tratamento de pacientes com insuficiência cardíaca (IC). OBJETIVO: Verificar o estado nutricional e analisar a adequação da ingestão de energia, macro e micronutrientes de pacientes com IC em atendimento ambulatorial. MÉTODOS: Foram coletados dados antropométricos e de ingestão alimentar habitual de 125 pacientes (72% homens, 52,1±9,8 anos, IMC 26,9±4,4 kg/m²). As variáveis antropométricas foram comparadas entre os sexos, e analisou-se a adequação da ingestão de energia e nutrientes perante as recomendações. RESULTADOS: Depleção ou risco de depleção das reservas musculares estava presente em 38,4% dos pacientes (associação com sexo masculino; p < 0,0001). Em 69,6% dos casos, a ingestão média de energia foi menor que as necessidades energéticas (p < 0,0001). Entre os micronutrientes analisados, magnésio, zinco, ferro e tiamina apresentaram prevalências de inadequação importantes, e a maioria dos pacientes teve consumo de cálcio e potássio abaixo da ingestão adequada e consumo de sódio acima. CONCLUSÃO: Pacientes ambulatoriais com IC apresentam depleção de reservas musculares...

‣ Impactos das doses e do parcelamento da fertilização na produtividade, lixiviação e ciclagem de nutrientes em plantações de eucalipto; Impacts of doses and split fertilization on productivity, leaching and nutrient cycling in eucalypt plantation

Silva, Paulo Henrique Müller da
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 14/12/2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.847058%
No Brasil, está ocorrendo a expansão da área florestal plantada com espécies do gênero Eucalyptus, sendo que a elevada produtividade pode ser atribuída às pesquisas e melhorias operacionais introduzidas nas ultimas décadas. Nos experimentos realizados em diferentes regiões do Brasil, tem se observado maior incremento dos eucaliptos com o aumento das doses de fertilizantes. Mas o excesso ou a aplicação inadequada de fertilizantes gera freqüentemente o desperdício dos insumos e a lixiviação dos elementos, que podem contaminar o solo e o lençol freático. Portanto, foi objetivo deste trabalho analisar o efeito de doses, bem como do parcelamento da aplicação de fertilizantes na produtividade e na ciclagem de nutrientes em plantios de eucaliptos, além de avaliar a lixiviação de nitrogênio e potássio no solo, após a fertilização de cobertura parcelada em comparação à aplicação em dose única, três meses após o plantio. O experimento foi implantado no município de Anhembi-SP, sendo constituído por cinco tratamentos com a aplicação de doses crescentes e eqüidistantes de N, P e K com a aplicação da fertilização de cobertura (N e K) em 4 parcelas e por um tratamento com fertilização de cobertura aplicada em dose única...

‣ Fluxo de nutrientes em um fragmento de mata ciliar no estado de Rondônia, Brasil; Nutrient fluxes on a riparian forest fragment in the Rondônia State, Brazil

Leite, Nei Kavaguichi
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 29/11/2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.847058%
Para identificar a importância ecológica das matas ciliares é essencial conhecer a interação entre sua hidrologia e ciclagem de nutrientes. Isto se torna ainda mais crucial diante das crescentes transformações na paisagem causadas pelo homem, que têm promovido forte antropização destas formações florestais. O estudo foi conduzido em uma floresta ribeirinha sazonalmente alagada na região sudoeste da Amazônia entre os anos de 2005 e 2007. Foram medidas as principais vias hidrológicas: chuva, precipitação interna, escoamento pelo tronco, escoamento superficial, solução do solo e água subterrânea, além do rio Urupá. Em todas foram realizadas análises químicas para determinação das concentrações de C, N e macronutrientes (cátions/ânions). A mata ciliar apresenta solos ácidos, bem estruturados, pobres em nutrientes e com um eficiente mecanismo de retenção nas camadas superficiais, associado à distribuição da matéria orgânica, absorção por raízes finas ou retenção pelos complexos de troca do solo. Os estoques de nutrientes no solo estão dentro da faixa de valores observada em outros estudos na Amazônia, apresentando baixa fertilidade. A região estudada apresenta altos índices pluviométricos (em torno de 2125 mm)...

‣ Sustentabilidade da produtividade de madeira de Pinus taeda com base no estoque, na exportação e na ciclagem de nutrientes; Sustainability of wood productivity of Pinus taeda based on inventory, export and nutrient cycling

Sixel, Ricardo Michael de Melo
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 14/09/2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.905386%
Os impactos do manejo intensivo sobre a sustentabilidade da produção florestal dependem da manutenção da fertilidade dos solos. A contribuição dos resíduos florestais e a ciclagem de nutrientes nesse processo são determinantes. Os objetivos desse trabalho foram: (i) quantificar a biomassa e o estoque de nutrientes na parte aérea e no sistema radicular de um povoamento de Pinus taeda aos 16 anos de idade; (ii) caracterizar o potencial de liberação de nutrientes dos minerais primários e secundários, e o estoque de nutrientes de um Cambissolo Húmico; (iii) quantificar a exportação de nutrientes via colheita de madeira e dos componentes florestais; (iv) avaliar potencial da sustentabilidade da produtividade de madeira com base no balanço de nutrientes, sob diferentes cenários de manejo florestal. Avaliouse uma plantação de Pinus taeda na idade de 16 anos em um Cambissolo Húmico Alumínico léptico de textura argilosa, relevo ondulado no meio-sul catarinense. Amostraram-se dez árvores de cinco classes diamétricas em função da distribuição dos diâmetros à altura do peito. Para cada árvore mensurou-se a biomassa de acículas, galhos, casca, madeira e raízes. Além da biomassa vegetal, amostrou-se serapilheira acumulada e solo nas camadas 0-20...

‣ Balanço de nutrientes em uma sub-bacia com concentração de suínos e aves como instrumento de gestão ambiental

Berto, James Luiz
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.924377%
A região Oeste de Santa Catarina é reconhecida nacionalmente pela agricultura familiar. Porém, quando o tema é meio ambiente, é destaque como uma das regiões com maior poluição de suas águas superficiais. E é justamente nas atividades agrícolas onde se localizam as principais fontes desta poluição, com destaque para os dejetos de suínos, a erosão dos solos e o uso de agrotóxicos. A produção concentrada de aves e suínos tem gerado grandes excedentes de dejetos. Principalmente a suinocultura, devido à produção concentrada de grande quantidade de dejetos líquidos (com baixa concentração de matéria seca) de difícil manejo, tem contribuído para a contaminação dos recursos hídricos da região com matéria orgânica, nutrientes e metais pesados. O principal destino dos dejetos é o seu uso como fertilizante agrícola. Porém devido a grande contaminação das águas superficiais, essa prática ou não vem sendo adotada de forma adequada, ou não é suficiente para dar resposta a totalidade da produção de dejetos. O uso dos dejetos como fertilizante implica na integração da produção vegetal e animal. A capacidade de reciclar nutrientes nos sistemas de cultura define a quantidade de dejeto que pode ter esse destino e...

‣ Extração e exportação de nutrientes pelo feijoeiro adubado com nitrogênio, em diferentes tempos de implantação do sistema plantio direto

Perez, Adelson Antonio Guidolin; Soratto, Rogério Peres; Manzatto, Natalia Politti; Souza, Emerson De Freitas Cordova De
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 1276-1287
Português
Relevância na Pesquisa
36.825327%
Common bean grown in no-tillage (NT) systems has increased markedly in Brazil. Thus, to optimize the fertilizer recommendations, it is important to know the nutritional requirements of this crop when grown under new and established NT systems, which can change the nutrient availability and crop response to nitrogen (N) fertilization. The objective was to evaluate the extraction and exportation of nutrients by common bean as function of N fertilization on soil under new and established NT systems. The experiment was carried out in two agricultural years, on a Red Nitosol (Alfisol) in Botucatu, São Paulo State, Brazil. A randomized complete block design was used in a split-plot scheme with four replications. The plots consisted of areas under NT systems after different periods of adoption and the subplots of four forms of N application to common bean (T0: control, without nitrogen; T1: 60 kg ha-1 before sowing; T2: 60 kg ha-1 sidedressed at V4 stage; and T3: 60 kg ha-1 before sowing + 60 kg ha-1 sidedressed). The following properties were evaluated: shoot dry matter, nutrient concentration and accumulation in the shoot, grain yield, and nutrient concentration and exportation in the grains. The NT age did not affect common bean yield...

‣ Biodisponibilização de nutrientes de rochas por microrganismos do solo

Arbieto, Elsa Aurora Mendoza de
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: xiii, 81 f.| il., tabs., mapas
Português
Relevância na Pesquisa
36.825327%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Biológicas. Programa de Pós-Graduação em Bioctecnologia; A agricultura brasileira é altamente dependente de fertilizantes. Eles são utilizados em grande quantidade, sendo que a maior parte é importada e representa uma parcela significativa dos custos de produção. O uso de pó de rochas, contendo os nutrientes necessários às plantas, tem sido sugerido como uma alternativa aos fertilizantes solúveis. No entanto, a baixa disponibilidade dos nutrientes contidos em rochas tem limitado o seu uso. Vários microrganismos do solo apresentam a capacidade de disponibilizarem nutrientes e podem se constituir no mecanismo de solubilização dos nutrientes das rochas. Este trabalho foi conduzido com o objetivo de selecionar rochas e microrganismos disponibilizadores de nutrientes para serem utilizados como inoculantes visando a substituição total ou parcial dos fertilizantes solúveis. Foram utilizadas dez amostras de rochas, sendo sete provenientes do Estado de Santa Catarina (flogopita olivina melilitito, granitos - SB1b, Sb, PC201A e PC201B, calcário Irati e fonolito) e três provenientes do Estado de Goiás (arenito, brecha alcalina e carbonatito). Determinou-se o número e obteve-se isolados de microrganismos solubilizadores de fosfatos presentes no pó das rochas. A capacidade e o potencial dos isolados em solubilizar fosfatos foram avaliados em meio de cultura GEL sólido...

‣ Efeitos de um incêndio florestal na mobilização de nutrientes do solo

Machado, Ana Isabel Oliveira
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
36.865227%
Foi estudada a mobilização após fogo de quatro nutrientes (potássio, cálcio, sódio, magnésio) por escorrência superficial a duas escalas – microparcela e encosta - numa área no concelho de Sever do Vouga que ardeu durante o verão de 2010. Para tal, foram selecionadas três encostas queimadas, com dois usos do solo (Eucalipto e Pinheiro bravo) e dois tipos de geologia (granito e xisto). Para termos de referência foi igualmente estudada uma encosta não queimada próxima da área de estudo, com Eucalipto e rocha mãe de xisto. Foram colectadas e analisadas amostras de escorrência referentes aos primeiros seis meses após incêndio, e amostras de solo a 0-2 cm de profundidade e cinzas. A análise laboratorial envolveu digestão ácida e determinação das concentrações dos nutrientes por espectroscopia atómica. As três encostas queimadas apresentaram conteúdos de nutrientes semelhantes, não só nas camadas de cinzas mas também nas camadas superiores do solo (0-2 cm). Houve ainda diferenças mínimas entre as reservas de nutrientes do solo nos dois eucaliptais queimado e não queimado com geologia de xisto, sugerindo que o impacto direto do incêndio sobre os nutrientes no solo foi limitado. Dos nutrientes analisados...

‣ Efeitos de fogos repetidos nos nutrientes do solo e na sua mobilização

Santos, Liliana Ferreira dos
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
36.865227%
Ao longo das últimas décadas, verificou-se um aumento do número de incêndios em Portugal, amplificando o risco da ocorrência de fogos repetidos, o que poderá ter impactes negativos ao nível da produtividade dos ecossistemas a longo prazo. Os objetivos deste trabalho são estudar os efeitos de fogos repetidos nas concentrações de azoto e de fósforo no solo mineral, durante o primeiro ano após incêndio, e na mobilização de azoto total (NT) e de fósforo total (PT) por escorrência, à escala de microparcela, no segundo ano. Foram selecionadas três zonas de pinhal, em Viseu, com diferente histórico de incêndio, designadas como zona “Degradada” (4 incêndios), zona “Semidegradada” (1 incêndio) e zona “Controlo” (0 incêndios), no período de 1975-2012. Quanto ao azoto e ao fósforo no solo, houve uma diminuição das concentrações de ambos os nutrientes entre as duas campanhas, nas zonas ardidas, sendo mais expressiva no caso do fósforo na zona “Semidegradada”. As zonas ardidas apresentaram maior concentração de nutrientes do que a zona “Controlo”, à exceção da zona “Semidegradada” em relação ao fósforo, um ano após incêndio. A repetição de incêndios mostrou não influenciar negativamente a concentração nutrientes...

‣ Nutrientes na solução do solo em floresta de terra firme na Amazônia Central submetida à extração seletiva de madeira

Ferreira,Sávio J. Filgueiras; Luizão,Flávio J.; Miranda,Sebastião Átila F.; Silva,Maria do Socorro R. da; Vital,Ana Rosa Tundis
Fonte: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Publicador: Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2006 Português
Relevância na Pesquisa
36.825327%
Os solos de terra firme da Amazônia Central, na sua maioria, são ácidos, pobres em nutrientes e a manutenção da floresta sobre esses solos é garantida pela ciclagem de nutrientes, praticamente fechada. A substituição de floresta por pastagens ou outras atividades agrícolas leva à diminuição de nutrientes do compartimento biomassa, podendo comprometer os processos de ciclagem no solo, pois plantas absorvem nutrientes que presentes na solução do solo. Para entender o efeito de retirada de árvores, foi realizado um estudo em uma área de floresta de terra firme na Amazônia Central submetida à extração seletiva de madeira (6-10 árvores, ou 34 m³ ha-1 de madeira) localizada 80 km ao norte de Manaus, foram determinados os teores NO3-, NH4+, K+, Ca2+, Mg2+ e Na+ na solução do solo na camada de 0-30 cm. O experimento constou de três blocos, cada um contendo uma parcela controle e uma que sofreu o corte seletivo de árvores, todos sobre um Latossolo Amarelo álico de textura muito argilosa. As medidas foram realizadas durante 13 meses, em cinco tratamentos em cada bloco: controle (floresta intacta), centro de clareira, borda de clareira, borda da floresta remanescente e floresta remanescente. Os teores de potássio, cálcio...

‣ Erosão hídrica em um Nitossolo Háplico submetido a diferentes sistemas de manejo sob chuva simulada. II - Perdas de nutrientes e carbono orgânico

Bertol,I.; Leite,D.; Guadagnin,J. C.; Ritter,S. R.
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2004 Português
Relevância na Pesquisa
36.825327%
Com a erosão hídrica, há o transporte de nutrientes para fora das lavouras e, com isso, pode ocorrer o empobrecimento dos solos e a contaminação do ambiente fora do local da erosão. Utilizando um simulador de chuvas de braços rotativos, foram aplicadas, no campo, três chuvas simuladas no cultivo do milho e três no de feijão, com intensidade constante de 64 mm h-1 e energia cinética de 0,2083 MJ ha-1 mm-1 , no Planalto Sul Catarinense, entre março de 2001 e abril de 2003, para avaliar as perdas de nutrientes e carbono orgânico (CO) pela erosão hídrica sobre os seguintes tratamentos de manejo do solo, em duas repetições: solo sem cultivo com uma aração + duas gradagens (SSC); cultivos de milho e feijão com uma aração + duas gradagens sobre resíduos dessecados (PCO); cultivos de milho e feijão em semeadura direta sobre resíduos dessecados em solo previamente preparado (SDI); cultivos de milho e feijão em semeadura direta sobre resíduos dessecados em solo nunca preparado (SDD), cultivos de milho e feijão em semeadura direta sobre resíduos queimados em solo nunca preparado (SDQ); e solo sem cultivo com campo nativo melhorado (CNM). Utilizou-se um Nitossolo Háplico alumínico argiloso, com inclinação média do terreno de 0...

‣ Extração e exportação de nutrientes pelo feijoeiro adubado com nitrogênio, em diferentes tempos de implantação do sistema plantio direto

Perez,Adelson Antonio Guidolin; Soratto,Rogério Peres; Manzatto,Natalia Politti; Souza,Emerson de Freitas Cordova de
Fonte: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo Publicador: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/10/2013 Português
Relevância na Pesquisa
36.825327%
O cultivo do feijoeiro em sistema plantio direto (SPD) tem aumentado de forma marcante no país. Neste contexto, para adubações mais racionais, é fundamental conhecer as exigências nutricionais da cultura quando cultivada em SPD recém-implantado ou consolidado, já que o tempo de implantação do sistema pode alterar a disponibilidade de nutrientes e a resposta das culturas à adubação nitrogenada. Objetivou-se avaliar a extração e exportação de nutrientes pelo feijoeiro em razão da adubação nitrogenada, em solo sob SPD recém-implantado ou consolidado. O experimento foi conduzido por dois anos agrícolas, em um Nitossolo Vermelho distrófico, no município de Botucatu, SP. O delineamento experimental foi em blocos ao acaso, em esquema de parcelas subdivididas, com quatro repetições. As parcelas foram formadas por áreas sob SPD com diferentes tempos de adoção, e as subparcelas constituídas por quatro formas de aplicação do nitrogênio (N) na cultura do feijão (T0: controle, sem aplicação de N; T1: 60 kg ha-1 na pré-semeadura; T2: 60 kg ha-1 aplicado em cobertura no estádio V4; e T3: 60 kg ha-1 na pré-semeadura + 60 kg ha-1 em cobertura). Foram avaliados: matéria seca da parte aérea, concentração e acúmulo de nutrientes na parte aérea...

‣ Fatores que influenciam na produtividade dos oceanos: a importância do fluxo de difusão dos nutrientes para a biomassa do fitoplâncton na região oceânica do nordeste brasileiro

de Jesus Flores Montes, Manuel; José de Macêdo, Silvio (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
Português
Relevância na Pesquisa
36.825327%
A biomassa fitoplanctônica é controlada na região oceânica tropical pela disponibilidade de luz e nutrientes inorgânicos dissolvidos, além de outros fatores físicos como a turbulência e sedimentação.As propriedades da água da zona fótica estão sujeitas a um grande número de forças com diferentes intensidades ao contrário das águas mais profundas, que variam regularmente. Na região nordeste do Brasil, a presença de uma termoclina permanente e profunda restringe o aporte de nutrientes das camadas inferiores mais ricas para a camada superior, formando um gradiente de concentração, em sentido oposto àquele da luz. O objetivo do presente trabalho foi caracterizar a região oceânica correspondente à Zona Econômica Exclusiva do Nordeste do Brasil, entre o litoral norte do Estado do Rio Grande do Norte (5ºS) e Salvador-BA (14ºS), a partir das 12 milhas náuticas até as 200 milhas náuticas, observando a dinâmica das concentrações dos nutrientes, determinando as variações temporais e espaciais; qual o impacto que exercem na distribuição dos produtores primários em termos de clorofila a e a indicação sobre o grau trófico da região, tendo também como meta, um estudo sobre a difusão vertical de nutrientes através da nutriclina e qual a influência que exerce na biomassa primária. Foi realizada uma Análise dos Componentes Principais (ACP)...

‣ Ciclagem de biomassa e nutrientes em estádios sucessionais de caatinga

Maia de Moura, Patrícia; Simões Cezar Menezes, Rômulo (Orientador)
Fonte: Universidade Federal de Pernambuco Publicador: Universidade Federal de Pernambuco
Tipo: Outros
Português
Relevância na Pesquisa
36.939412%
Estudos sobre a ciclagem de biomassa e nutrientes são importantes para a melhor compreensão do funcionamento dos ecossistemas e, consequentemente, para o desenvolvimento de estratégias de preservação dos sistemas naturais. Em uma comunidade vegetal o compartimento formado pela serapilheira e pelo solo é o sítio das principais etapas da ciclagem de nutrientes, mas a dinâmica da ciclagem pode variar fortemente entre as espécies ou entre diferentes estádios sucessionais da vegetação. Espécies capazes de conservar e utilizar mais eficientemente os nutrientes mais limitantes no ecossistema podem ter vantagens competitivas sobre as demais. Entretanto, informações sobre esse tema ainda são escassas na literatura sobre a caatinga. Sendo assim, este trabalho teve como objetivos: (1) quantificar, ao longo de um período de dois anos, a produção anual de serapilheira e o fluxo de nutrientes em quatro diferentes estádios sucessionais de caatinga; (2) estudar os mecanismos de retranslocação e eficiência de uso de nutrientes (N, P, e K) das espécies arbóreas dominantes; e (3) caracterizar a decomposição e a liberação de nutrientes das folhas das principais espécies arbóreas em áreas de caatinga no Sertão paraibano. O estudo foi conduzido na Fazenda Tamanduá...

‣ Quantificação e modelagem do conteúdo de nutrientes na biomassa aérea de bracatinga (Mimosa scabrella Bentham)

Teo, Saulo Jorge
Fonte: Universidade Federal do Paraná Publicador: Universidade Federal do Paraná
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.932307%
Esta dissertação teve como objetivo quantificar e modelar os nutrientes da biomassa aérea de bracatinga (Mimosa scabrella Bentham) sob diferentes classes de sítio, de idade e de diâmetro. Os dados para realização deste estudo provieram de 25 árvores amostradas em bracatingais nativos da porção norte da região metropolitana de Curitiba, no estado do Paraná. As árvores foram derrubadas e seccionadas nos compartimentos: folhas, galhos < 4 cm, galhos = 4 cm, madeira e casca. Em seguida, foi tomada uma amostra de cada compartimento da biomassa para determinação do peso seco em laboratório. Posteriormente, foi realizada análise química para determinação das concentrações dos nutrientes N, P, K, Ca, Mg, Fe, Mn, Cu e Zn em cada compartimento da biomassa aérea. Para avaliar os efeitos dos diferentes compartimentos da biomassa, classes de sítio, idade e diâmetro sobre as concentrações e conteúdos de nutrientes, foram utilizados delineamentos estatísticos inteiramente casualizados, sendo que a análise estatística constituiu-se do teste de Bartlett, análise de variância e teste de Tukey. Visando a obtenção de estimativas do conteúdo de nutrientes nos diferentes compartimentos da biomassa da árvore por meio de variáveis dendrométricas...

‣ Efeitos da tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) e do enriquecimento por nutrientes sobre a comunidade planctônica em um lago artificial no semi-árido brasileiro

Menezes, Rosemberg Fernandes de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Bioecologia Aquática; Bioecologia Aquática Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Bioecologia Aquática; Bioecologia Aquática
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.865227%
The major aim of this study was to test the hypothesis that the introduction of the Nile tilapia (Oreochromis niloticus) and the enrichment with nutrients (N and P) interact synergistically to change the structure of plankton communities, increase phytoplankton biomass and decrease water transparency of a semi-arid tropical reservoir. One field experiment was performed during five weeks in twenty enclosures (8m3) to where four treatments were randomly allocated: with tilapia addition (T), with nutrients addition (NP), with tilapia and nutrients addition (T+NP) and a control treatment with no tilapia or nutrients addition (C). A two-way repeated measures ANOVA was done to test for time (t), tilapia (T) and nutrient (NP) effects and their interaction on water transparency, total phosphorus, total nitrogen, phytoplankton and zooplankton. The results show that there was no effect of nutrient addition on these variables but significant fish effects on the biomass of total zooplankton, nauplii, rotifers, cladocerans and calanoid copepods, on the biovolume of Bacillariophyta, Zygnemaphyceae and large algae (GALD ≥ 50 μm) and on Secchi depth. In addition, we found significant interaction effects between tilapia and nutrients on Secchi depth and rotifers. Overall...

‣ Efeitos de peixes zooplanctívoros e onívoros sobre a resposta de comunidades planctônicas à fertilização por nutrientes

Cardoso, Maria Marcolina Lima
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ecologia; Bioecologia Aquática Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Norte; BR; UFRN; Programa de Pós-Graduação em Ecologia; Bioecologia Aquática
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.905386%
The food chain theory predict that presence of omnivory prevent the trophic cascade and could be a strong stabilizing factor over resource and consumer community dynamics, and that the nutrient enrichment destabilize populations dynamics. Most of the freshwater tropical reservoirs are eutrophic, and strategies that seek improve the water quality through the control of phytoplankton biomass and nutrient input, become essential for the improvement and preservation of water quality. The aim of this study was test the zooplanktivory (when larvae) and omnivory (when young and adult) effects of Nile Tilapia over the structure and dynamics of plankton communities, in addition or absence of nutrients enrichment. For this, one field experiment was performed with a factorial design 2x3 resulting in six treatments: control, without fish and nutrient (C); with omnivorous fish (O); with zooplanktivorous fish (Z); without fish and with enrichment of nutrients (NP); with omnivorous fish and nutrients (ONP); and, with zooplanktivorous fish and nutrients (ZNP). The two planktivory types reduced the zooplankton biomass and increased the phytoplankton biomass, but the omnivory of filter-feeding fish attenuated the trophic cascade magnitude. The fertilization by nutrients increases the nutrient concentrations in water and the phytoplankton biomass...

‣ Enriquecimiento invernal de nutrientes inorgánicos en el canal de Ballenas, golfo de California

Torres-Delgado,Eunise Vanessa; Delgadillo-Hinojosa,Francisco; Camacho-Ibar,Víctor Froylán; Huerta-Díaz,Miguel Angel; Segovia-Zavala,José Antonio; Hernández-Ayón,José Martín; Galindo-Bect,Salvador
Fonte: Universidad Autónoma de Baja California, Instituto de Investigaciones Oceanológicas Publicador: Universidad Autónoma de Baja California, Instituto de Investigaciones Oceanológicas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2013 Português
Relevância na Pesquisa
36.825327%
Se realizaron tres cruceros oceanográficos en la región del canal de Ballenas (CB) durante el invierno de 2002, la primavera de 2003 y el verano de 2004, con el objetivo de estudiar el impacto de la mezcla vertical de la columna de agua (Φ ) sobre la concentración superficial de los nutrientes inorgánicos disueltos (NO3, PO4 y Si(OH)4). Las concentraciones promedio de nutrientes integrados en los primeros 100 m del CB mostraron una clara variación estacional, con valores altos en el invierno (18.2 ± 1.1 μM de NO3, 2.36 ± 0.08 μM de PO4 y 35.4 ± 3.2 μM de Si(OH)4), asociados a condiciones de mezcla intensa de la columna de agua (Φ = 0.7-16 J m-3), y valores bajos en el verano (7.1 + 1.0 μM de NO3 1.22 ± 0.06 μM de PO4 y 16.0 ± 2.1 μM de Si(OH)4), asociados a condiciones de estratificación de la columna de agua (Φ = 150-223 J m-3). En contraste, por debajo de los 200 m la variabilidad estacional de la concentración de los tres nutrientes fue muy pequeña. El análisis hidrográfico indicó que el enriquecimiento superficial de nutrientes en invierno se debió a la intensificación de la mezcla de la columna de agua, la cual transportó verticalmente el Agua Subsuperficial Subtropical (ASS...

‣ Remoción de nutrientes con dos especies de mangle (Rhizophora mangle y Laguncularia racemosa) en estanques experimentales de cultivo de camarón (Litopenaeus vannamei)

Moroyoqui-Rojo,L; Flores-Verdugo,FJ; Hernández-Carmona,G; Casas-Valdez,M; Cervantes-Duarte,R; Nava-Sánchez,EH
Fonte: Universidad Autónoma de Baja California, Instituto de Investigaciones Oceanológicas Publicador: Universidad Autónoma de Baja California, Instituto de Investigaciones Oceanológicas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.825327%
Se evaluó la capacidad de remoción de nutrientes de dos especies de mangle (Rhizophora mangle y Laguncularia racemosa) en estanques de cultivo con camarón (Litopenaeus vannamei). Los estanques se sembraron con R. mangle, con L. racemosa y sin plántulas (control). Cada estanque contenía 20 plataformas flotantes con 720 plántulas. El agua se bombeó del estuario hacia los estanques. Se analizó la cantidad de nutrientes (NO3-, NO2-, NH4+ y PO4-3) de los efluentes durante el recambio de agua, cada 10 días. Los resultados mostraron que L. racemosa removió 83.4% del nitrógeno inorgánico disuelto (NID) y 45% de PO4, y R. mangle removió 79% del NID y 40% de PO4. En el estanque control el NID fue 30% y el PO4 fue 23%. La concentración de nutrientes en el agua de entrada fue de 7269 g de N y 3095 g de P. En los estanques con mangle los nutrientes disminuyeron a 1018-1071 g de N y 609-724 g de P. En el estanque control la concentración de nutrientes en el agua de salida alcanzó hasta 5564 g de N y 1583 g de P. Los mangles acumularon nutrientes en sus tejidos, entre 18,014 y 16,711g de N y entre 5976 y 5832 g de P. La volatilización de amonio y la adsorción por los sedimentos de fósforo variaron de 17,298 a 18,570 g de N y de 6249 a 6268 g de P...

‣ Carbono e nutrientes na biomassa aérea arbórea, vegetação sob coberto e solo numa cronossequência de povoamentos de pinhal bravo

Madeira,Manuel; Fabião,António; Páscoa,Fernando; Magalhães,Maria do Carmo; Cameira,Maria Cristina; Ribeiro,Carlos
Fonte: Sociedade de Ciências Agrárias de Portugal Publicador: Sociedade de Ciências Agrárias de Portugal
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2009 Português
Relevância na Pesquisa
36.847058%
Avaliou-se a biomassa e a quantidade de nutrientes da parte aérea de povoamentos de pinhal bravo da Mata Nacional de Leiria, com idades abrangendo o período da respectiva revolução, bem como da vegetação sob coberto. A massa e nutrientes das camadas orgânicas e a quantidade de nutrientes nas camadas minerais do solo, até um metro de profundidade, foram também avaliadas. Observou-se um acréscimo da biomassa da parte aérea e da quantidade de nutrientes ao longo da revolução, com os máximos no final da mesma. Nas camadas minerais do solo, observou-se semelhante acréscimo da quantidade de C orgânico e de nutrientes com o avançar da revolução, sobretudo nas camadas superficiais do solo (0-20 cm). A quantidade de C e nutrientes na vegetação sob coberto e nas camadas orgânicas representou uma fracção muito inferior à acumulada nas componentes anteriores. O C orgânico encontrase distribuído em proporção semelhante pelo solo e biomassa aérea, enquanto o N e o Ca estão sobretudo acumulados no solo. O P apresenta-se em elevada proporção nas camadas orgânicas e nos resíduos de abate; o Mg e o K apresentam situação intermédia. Os resultados sugerem que as perturbações decorrentes da exploração dos povoamentos (abate...